Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Petrobras assina contratos para armazenamento e combate a incêndio no Comperj

A Petrobras assinou nesta sexta-feira (8/4) contratos para a construção de tanques de armazenamento e instalação do sistema de combate a incêndio do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj).

O consórcio formado pelas empresas Alusa Engenharia LTDA e MPE Montagens e Projetos Especiais S.A. construirá quatro tanques de petróleo e um de água. O sistema de combate a incêndio ficará a cargo da Santa Bárbara Engenharia S.A..

Os acordos preveem a execução de serviços de verificação da consistência do projeto básico até a elaboração do projeto executivo, construção civil, montagem eletromecânica, interligações e comissionamento.

Os contratos contemplam todos os itens necessários para construção e montagem do parque de armazenamento de petróleo e para a implantação da rede de combate a incêndio na área industrial da primeira fase da refinaria do Comperj, cujo início de operações está previsto para o fim de 2013.

 

Gerência de Imprensa/Comunicação Institucional

Anúncios

Abril 8, 2011 Posted by | COMPERJ | | Deixe um comentário

Secretaria de Trabalho recebe currículos para shopping de Inoã a partir do dia 11

De 11 a 15 de abril, a Secretaria Municipal de Trabalho (Setrab) vai receber currículos de pessoas interessadas em trabalhar no Inoã Center, que será inaugurado no final de maio. Os responsáveis pelo shopping fizeram um acordo com a Setrab para que assumisse a seleção dos profissionais a fim de priorizar moradores de Maricá.
“Pessoas de outros municípios não estão impedidas de entregarem seus currículos, mas a idéia mesmo é dar prioridade a quem reside próximo ao shopping até por questões práticas, menor valor de passagem ou para evitar problemas de atrasos por conta do trânsito”, explicou Leonardo Amando, subsecretário de Trabalho.  

Abril 8, 2011 Posted by | jornalismo, oportunidade de emprego | Deixe um comentário

Obras do calçadão de Inoã, em Maricá, a 50 metros do fim

Secretaria de Assuntos Federativos prevê inauguração para este mês

DSCF1233

DSCF1245

Faltam aproximadamente 50 metros para a o fim das obras do calçadão de Inoã. A curta distância corresponde ao espaço entre o local onde ocorriam os trabalhos nesta sexta-feira (08/4) e a esquina da Rua Joaquim Ferreira de Mattos, às margens do quilômetro 14 da rodovia RJ-106.
A obra é mais uma determinação do prefeito Washington Quaquá para revitalizar o centro comercial de Inoã. De acordo com a Secretaria de Assuntos Federativos de Maricá, a fase seguinte será a de colocação de abrigos para vans, táxis e mototáxis. O órgão acredita que a inauguração aconteça até o fim deste mês.
Para os moradores, que esperam ansiosos pela entrega da obra, o novo calçadão é um verdadeiro presente. “Está lindo demais, quem falar mal disso aqui é louco. Vai valorizar até a minha casa aqui perto”, empolga-se o militar aposentado Luiz Carlos Brum, que mora no bairro desde que nasceu, há 48 anos.
Entre os comerciantes a satisfação também é visível. “As calçadas estavam muito ruins e eu já vi muita gente cair e se machucar aqui. Agora, além de estar muito bonito, vamos poder colocar mais meses para os clientes”, afirmou Maria das Graças Sena, que trabalha como atendente numa pizzaria. “Estávamos mesmo precisando disso, está muito bom”, reforça a balconista Márcia da Silva de Oliveira, que atende em uma farmácia ao lado.
O projeto foi concebido em parceria pelas secretarias municipais de Transportes e Assuntos Federativos, com um orçamento total de R$ 677 mil (recursos próprios). As instalações incluem, além dos recuos e abrigos para ônibus, vans, táxis e mototáxis, três bicicletários, piso que facilita o acesso de deficientes visuais e rampas de acessibilidade em toda a extensão do calçadão.
Urbanização – Dando prosseguimento à revitalização do bairro, a secretaria anunciou recentemente a urbanização dos dois lados do quilômetro 15 da rodovia. Serão dois espaços com cerca de 27 metros de largura. A licitação da obra ocorrerá nas próximas semanas.
A extensão é que varia de cada lado: No sentido Niterói da estrada, serão 240 metros de extensão entre a Escola Municipal Aniceto Elias e a rua que dará acesso à Unidade de Pronto Atendimento 24 Horas. O trecho seguinte, entre esta rua e o shopping Polo Mania, terá 260 metros.
No sentido oposto da rodovia, a extensão será contínua com aproximadamente 420 metros, entre a Rua Caio Figueiredo (entrada do bairro) e a Rua Quatro, próximo ao local onde funciona o posto de saúde do bairro. Em ambos os lados haverá vagas para estacionamento, bicicletários, áreas de lazer, quadras de esportes e equipamentos de ginástica, além de iluminação, arborização e pavimentação das vias paralelas à estrada.

Abril 8, 2011 Posted by | jornalismo, Obras em Maricá | Deixe um comentário

Maricá- carta aberta do prefeito

CORTAR PARA CRESCER
O que nossa Administração em Maricá mais tem feito é cortar o mal pela raiz. E a raiz de todos os males foi a herança maldita deixada pela Administração anterior: uma Prefeitura falida, endividada, e uma cidade abandonada. Quando eu e minha equipe entramos pela primeira vez no gabinete, teve que ser à luz de velas, porque a luz elétrica estava cortada. Praticamente nenhuma rua estava asfaltada ou, quando tinha, o asfalto era de péssima qualidade, buraco por toda parte. Em 90% da cidade não havia água nem esgoto tratado. Escolas, postos de saúde e hospital caíam aos pedaços. Era, enfim, uma cidade em abandono total.
Em 2 anos, as contas foram postas em dia, o funcionalismo passou a ser pago adiantado, a equipe de projetos começou a funcionar a todo vapor, o município recuperou a capacidade de investimento. Isso tudo apesar de os royalties do petróleo não serem aquela imensa fortuna que a central de boatos alardeava. Falavam em 20 milhões de reais por mês, mas, na verdade, a média mensal é de apenas 3,8 milhões.
O que fizemos foi mostrar disposição para um trabalho intenso, inteligente, planejado e sempre buscando parcerias – com o Governo do Estado, com o Governo Federal e com a iniciativa privada –, como nunca houve na história do nosso município.
Iniciamos uma ampla frente de obras nas áreas de abastecimento de água e de asfaltamento de ruas. Inúmeros investimentos privados já estão em andamento, como nunca antes na história. Por exemplo, o Inoã Shopping, a concessionária Fiat no Parque Nanci, o Alphaville de Inoã, o empreendimento da Brascan ou o empreendimento da Fator, em Inoã. Além de outros investimentos na indústria naval em Jaconé/Maricá, imobiliários, comerciais, de serviços e turísticos, e muito mais investimentos, que vão gerar milhares de empregos para o nosso povo nos próximos anos.
Estamos reformando escolas, implantando creches, investindo também nos professores através de formação continuada e também do aumento salarial acima da inflação. Sem falar nas ações sociais, onde melhoramos os serviços dos ônibus universitários, oferecemos cursos profissionalizantes, entre muitas outras.
E queremos fazer mais. Não podemos permitir que a erva daninha do descaso público volte a ganhar terreno em Maricá. Chegou a hora de concentrarmos todos os nossos esforços na realização, já em 2011, de um conjunto de investimentos prioritários. Por isso, a Prefeitura está tomando uma série de medidas de contenção de despesas, que vão desde cortes em cargos de confiança e diminuição de gratificações até o contingenciamento de despesas orçamentárias. Com isso poderemos concentrar recursos na criação de um caixa de investimentos para a execução dessas ações prioritárias:
·       60 milhões de reais para obras de asfaltamento nos 5 distritos do município;
·       5 milhões para aquisição de 15.000 computadores notebooks para os nossos alunos;
·       2 milhões para o programa de apoio nutricional aos inscritos no Bolsa Família;
·    4 milhões de reais para a implantação da Moeda Mumbuca, beneficiando os inscritos no Bolsa Família e o comércio local.
Esses investimentos, somados a todas as parcerias firmadas com o Governo Estadual e Federal, além dos investimentos privados que estamos trazendo para o município neste ano e em 2012, vão criar uma nova realidade de prosperidade, empregos, enfim, de desenvolvimento urbano e econômico que Maricá, em todos os seus distritos, nunca viu em sua história. Está provado que é preciso saber cortar para poder crescer.
Maricá, abril de 2011
Prefeito Washington Quaquá
Prefeitura Municipal de Maricá

Abril 8, 2011 Posted by | jornalismo | Deixe um comentário

ADEMI comemora 40 Anos e dá posse a nova diretoria

Nova diretoria da ADEMI que tem como presidente José Conde Caldas, tomou posse para o biênio 2011-2013  

Foto%20Posse%20ADEMIDSC08902

O presidente empossado José Conde Caldas durante seu discurso

DSC08890DSC08894 

A Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário do Rio de Janeiro tem o prazer de comunicar que na noite do dia 4 de abril, às 20h, tomou posse a nova diretoria presidida por José Conde Caldas, eleita para o biênio 2011-2013. Com a presença do governador em exercício do Rio, Luiz Fernando Pezão e do prefeito Eduardo Paes, a sessão solene aconteceu nos Salões do Hotel Copacabana Palace, e comemorou também os 40 anos da associação com homenagem da ADEMI àqueles que em muito contribuíram para a construção de sua história.
José Conde Caldas assume a presidência pela terceira vez. Na sua última gestão, no biênio 1999-2001, recuperou a ADEMI frente à sua condição de ponta de lança na defesa dos interesses do mercado imobiliário do Rio junto ao Governo Federal e a outras instituições. A entidade voltou a se fazer representar com mais ênfase na Câmara Brasileira da Indústria da Construção, participando ativamente de processos como a criação do Selo Garantia, cujos alicerces se baseiam no princípio da Alienação Fiduciária e na garantia do término de obra.

DSC08922Paulo Fabbriani da Fator Realty, Luiz Ferando Moura vice presidente da ADEMI e diretor da Brooksfield e o empresário Ricardo Vieira da AGC GlassPaulo Fabbriani da Fator Realty, Luiz Ferando Moura vice presidente da ADEMI e diretor da Brooksfield e o empresário Ricardo Vieira da AGC Glass

Luiz Fernando Bueno, Diretor Geral de Operações da Gafisa, e o amigo e empresário Ricardo Vieira da GC GlassLuiz Fernando Bueno, Diretor Geral de Operações da Gafisa e Ricardo Vieira da AGC Glass

DSC08928DSC08927 Alexandre Millen Diretor de Incorporação da Gafisa / Tenda do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Bueno, Diretor Geral de Operações da Gafisa, empresário Ricardo Vieira da AGC Glass, e Carlos André Lopes Borges Diretor de Engenharia e Operações da Gafisa / Tenda do Rio de Janeiro

DSC08893O Deputado Federal Pedro Paulo (PMDB) também participou do evento

Abril 8, 2011 Posted by | Associações, jornalismo, Mercado Imobiliário | , , | Deixe um comentário

Canal de Itaipuaçu em Maricá é reaberto

DSCF1111Reaberto Canal de Itaipuaçu

DSCF1114

O Canal da Costa, em Itaipuaçu, que liga a localidade do Recanto à Restinga de Maricá, com cerca de dez quilômetros de extensão, está sendo dragado  desde segunda-feira, 4 de abril, pelo Instituto Estadual do Ambiente – INEA.
Uma máquina escavadeira com esteiras rolantes está fazendo o trabalho de desobstrução da boca do canal, que está sendo renovado com a entrada da água do oceano oxigenando a água da lagoa que serve de berçário à fauna marinha e lacustre.

DSCF1118 Segundo a vice-presidente da Colônia Z-7 de Pesca e Tesoureira da Associação de Pescadores de Itaipuaçu, Virgínia Santos Costa, “Ano passado houve a limpeza do leito e das margens, mas o próprio mar se encarrega de fechar a passagem.  O canal deveria ser dragado em toda a sua extensão, pelo menos uma vez ao ano, e na abertura, de seis em seis meses, para que pudéssemos ter uma regularidade de pescado. Estamos nos credenciando com a Federação de Pesca do Estado do Rio de Janeiro (Fiperj), para fornecermos pescado para a merenda escolar do município, que ainda vem de Saquarema. Somos dezenas de famílias que vivem da pesca. É tempo de mudarmos essa situação, em prol dos maricaenses”, adiantou.
Abertura
“Os ventos do quadrante sul, principalmente de sueste, crescem o mar e empurram areia da beira da praia, fechando a entrada do canal, que é estreita, dificultando a travessia dos barcos. Às vezes perdemos carga porque não temos como carregar centenas de quilos de pescado nos braços. O ideal seria alargar a entrada do canal e dragá-lo mais vezes. Aí o peixe entra, o camarão reproduz e o pescador sobrevive” afirma Cláudio Isaac Coelho, pescador, mergulhador e vice-presidente da Associação de Pescadores de Itaipuaçu, proprietário da peixaria Toca da Garoupa.
Segundo o secretário municipal de Ambiente e Urbanismo, Celso Cabral "a solicitação do trabalho de dragagem geralmente é do município, e as máquinas e operadores, são do Estado, que tem sido um bom parceiro e atendeu, mais uma vez, à necessidade da comunidade. A Diretoria de Recursos Hídricos e Ambientais do Inea (DIRHAM), é quem está realizando a obra, que certamente melhorará, de imediato, a oxigenação do canal possibilitando maior sobrevivência das espécies locais", comentou.  
Texto: Fernando Uchôa

Abril 8, 2011 Posted by | jornalismo, meio ambiente | | Deixe um comentário

Alunos de Maricá participam do Programa Mais Educação

Cinco escolas da rede municipal montaram os projetos dentro da sua carência e enviaram para o MEC, que fez a seleção dos que foram aprovados.
As escolas municipais CAIC Elomir Silva, Darci Ribeiro, Amanda Pena de Azevedo Soares, Maurício Antunes e Antônio Lopes da Fontoura, estão participando do Programa Mais Educação, do governo federal, que visa fomentar atividades para melhorar o ambiente escolar e o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). Dessa forma os estudantes poderão participar de atividades como criação de rádio, formação de bandas ou simplesmente a implantação de uma horta na escola.

Para participar do programa, os alunos montaram o projeto dentro da carência de cada escola e enviaram para o Ministério da Educação, que fez a seleção dos que foram aprovados. Durante 10 meses algumas escolas terão o seu horário de funcionamento ampliado. Nesse período, serão realizadas atividades de reforço escolar obrigatório, como aulas matemática e letramento (reforço da língua portuguesa), no contra turno dos alunos.
Segundo o secretário de Educação, Marcos Ribeiro, a entrada dos alunos no programa federal é mais uma conquista da Educação de Maricá. “Toda equipe da Educação está voltada para proporcionar novas oportunidades aos estudantes. Programas como o Mais Educação só vem reforçar o objetivo da nossa gestão que é de oferecer, além do que está no currículo escolar, uma visão de mundo a nossos alunos,”disse.
Na Escola Municipal Maurício Antunes de Carvalho, no Boqueirão, por exemplo, essas atividades estão em pleno funcionamento. Além da recreação e aulas de dança e vôlei, todos os dias, as crianças também participam do coral, montado com a participação de 40 alunos dos turnos da manhã e da tarde.
“Já podemos sentir os efeitos positivos da implantação desse programa na escola. Os alunos já apresentam um comportamento diferente, estão mais calmos e, inclusive, estão mais concentrados e dedicados nas tarefas”, explica a professora Helaine Pinho Barra, responsável pelo coral da escola.
Projetos Variados – Cerca de 550 alunos estão envolvidos nos projetos apresentados pelas escolas, que são muito variados. Algumas escolas optaram por projetos como a montagem de rádio escolar, banda de fanfarra, horta escolar, recreação e lazer, ou pela criação de grupos de xadrez tradicional, grupos de capoeira e de dança, entre outros.
“A nossa intenção é que futuramente essa proposta, com reforço escolar e períodos de aulas estendidos, seja ampliada para toda rede municipal”, explica Carolina Farias, responsável pelo programa Mais Educação em Maricá.

Abril 8, 2011 Posted by | Uncategorized | Deixe um comentário

Mais uma escola é reformada em Maricá

O prefeito Washington Quaquá inaugura as obras de reforma da Escola Municipal Maurício Antunes de Carvalho nesta sexta-feira (08/4), às 16horas.
A obra de reforma da Escola Municipal Maurício Antunes de Carvalho, no Boqueirão, realizada no decorrer deste ano, será inaugurada nesta sexta-feira (08/4), às 16 horas, pelo prefeito de Maricá, Washington Quaquá, e com a presença do secretário de Educação Marcos Ribeiro, entre outras autoridades. A reforma da escola, que tem 320 alunos e funciona em três turnos (manhã, tarde e noite), é uma antiga reivindicação dos moradores da localidade. O prédio, que  possui 16 salas, incluindo biblioteca e sala de informática, vinha sofrendo gradativamente com as ações do tempo.
Toda rede elétrica e hidráulica da escola foram reformadas, os pisos e gradis recuperados, além de receber pintura geral do prédio, muros e janelas, e colocação de novos ventiladores, quadros brancos, bebedouros e cobertura da área de educação infantil. As mudanças já surtiram efeito positivo e deram mais segurança e tranqüilidade para professores, alunos e funcionários de apoio.
“Essa obra não só melhorou a infraestrutura, como também deixou a escola bem mais bonita. Além de novas luminárias e calçamento do pátio e calçada externa, reformamos e ampliamos toda rede de esgotamento sanitário, que era bem precária. Nos próximos dias estaremos divulgando as datas de inauguração de outras escolas que estão sendo reformadas”, explica Marcos Ribeiro.

Abril 8, 2011 Posted by | Educação, jornalismo | Deixe um comentário

Aumento nos postos reflete o preço do etanol adicionado à gasolina

Diante de amplo noticiário relacionado com o mercado de gasolina e etanol, a Petrobras esclarece que a última alteração no preço da gasolina em suas refinarias foi uma redução de 4,5%, em 9/6/2009. Desde aquela data a empresa não aplicou qualquer reajuste no preço da gasolina "A" que vende para as distribuidoras, sem adição de etanol. Os recentes aumentos nos postos de abastecimento se referem ao aumento do preço do etanol anidro, que é adquirido e adicionado à gasolina pelas distribuidoras, no percentual de 25%.

Do preço que o consumidor paga nos postos, a parte da Petrobras (realização) representa cerca de 30%, ou seja, se o consumidor paga três reais pelo litro, a parte da Petrobras é de cerca de um real. Os impostos representam 41% do preço final. A parte das distribuidoras e dos revendedores (postos) é de 12% e o etanol anidro adicionado à gasolina corresponde a 18% do preço final do combustível.

Como pode ser constatado, a Petrobras vem, há 23 meses, mantendo o preço da gasolina em suas refinarias no mesmo valor, mesmo com os aumentos do barril de petróleo no mercado internacional, que já chegou a US$145, no segundo semestre de 2008, e hoje está em torno de US$120.

A Petrobras esclarece, ainda, que não tem qualquer influência em relação à volatilidade do preço do etanol que vem ocorrendo. Visando incentivar o aumento da produção nacional de etanol, a empresa vem ingressando no setor desde 2009, por meio de sua subsidiária Petrobras Biocombustível.

Sobre a gasolina "A", que é vendida por suas refinarias às distribuidoras, a política da Petrobras, ao longo dos últimos anos, tem como premissa não repassar para o consumidor a volatilidade dos preços internacionais do petróleo no curto prazo. A Companhia pratica ajustes quando o valor do produto no mercado internacional estaciona em determinado patamar.

Dessa forma, os preços se mantêm alinhados aos principais concorrentes mundiais no longo prazo e o consumidor brasileiro fica protegido da extrema volatilidade do mercado internacional de derivados, que reflete muitas vezes conflitos geopolíticos, fatores climáticos ou movimentos especulativos, além do balanço de oferta e demanda, com componentes sazonais que variam entre as diversas regiões produtoras.

Sobre notícias relacionadas com eventuais desabastecimentos de combustíveis a Petrobras esclarece que vem atendendo às solicitações das distribuidoras. Além de manter suas refinarias operando a plena carga para atender a demanda nacional de derivados, cujo crescimento foi de 10% em 2010 e ficou em 5% no primeiro trimestre de 2011, a Companhia tem mobilidade para importar gasolina e outros derivados em caso de necessidade ou para manter estoque de segurança, como ocorreu em 2010 e recentemente, com a importação de 1,5 milhão de barris, suficientes para atender a demanda nacional por dois a três dias.

 

Gerência de Imprensa/Comunicação Institucional Petrobrás

Abril 8, 2011 Posted by | jornalismo, Petroleo e Gás | | Deixe um comentário

Obras no bairro de Itapeba em Maricá estão em fase de conclusão

100_6858 
As obras da Rua Clímaco Figueiredo, em Itapeba, entraram na fase final e deverão estar prontas antes do feriadão da Semana Santa. A informação foi dada pelos técnicos da empresa que executa a intervenção, que estimam a conclusão para as próximas duas semanas. A via, que dá acesso à sede da Confederação Brasileira de Tiro com Arco (onde já treinam atletas que estarão nos próximos Jogos Panamericanos), está recebendo de drenagem e pavimentação em parceria com o Departamento de Estradas de Rodagem do Estado (DER-RJ).
100_6859 
A recuperação da rua faz parte do pacote de obras emergenciais para as localidades atingidas pelas chuvas de abril 2010, cujos recursos, na ordem de R$ 10 milhões, captados do Governo Federal através da Secretaria Municipal de Assuntos Federativos, estão sendo aplicados nas obras executadas pelo Governo do Estado, em parceria com a Prefeitura de Maricá.

Abril 8, 2011 Posted by | Uncategorized | Deixe um comentário