Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Eleições no Vasco: Jayme Lisboa planeja um CT para cada setor

Candidato da chapa ‘O Vasco pode mais!’ quer construir espaço para as categorias de base em Maricá. Ligação com o clube vem de família

Fonte: GLOBOESPORTE.COM Rio de Janeiro

imprimir

Jayme Lisboa Alves, candidato a presidência do Vasco (Foto: Divulgação)Jayme Lisboa Alves é um dos candidatos ao cargo
máximo no Vasco (Foto: Divulgação)

Os sócios do Vasco vão para as urnas nesta terça-feira para decidir entre as quatro chapas que se inscreveram para o pleito. Uma delas, a "O Vasco pode mais!", tem como candidato a presidente o advogado Jayme Lisboa Alves. Aos 64 anos, Jayme vem de uma linhagem que já ocupou o cargo maior no Vasco. Seu avô, Eurico Rodrigues Lisboa, por exemplo, participou da construção de São Januário. Eurico da Costa Lisboa, seu tio, foi presidente do clube em 1958 e 1959. Agora, ele, que já participou do Conselho Deliberativo e do Conselho Fiscal, espera seguir esta história e ajudar o Gigante da Colina.

– Vou resgatar a história que minha família ajudou a construir. O Vasco é muito maior do que o que vemos hoje em dia – afirmou.

saiba mais

Confira a entrevista com o candidato e algumas de suas ideias:

GLOBOESPORTE.COM: Quais os planos para montar um elenco forte para a próxima temporada, quando o Vasco irá disputar a Libertadores? Faria alguma mudança estrutural no departamento de futebol?

Jayme Lisboa Alves: O Vasco faz uma grande campanha no Campeonato Brasileiro e vem de um título histórico: o da Copa do Brasil. A manutenção desta vitoriosa estrutura é o caminho. Isso só faz fortalecer ainda mais o clube. Mas temos de contratar mais reforços, afinal de contas teremos uma Libertadores pela frente, além do Mundial de Clubes que vamos disputar após mais um título.
Qual é proposta para o Centro de Treinamento?

Desde o início bato nessa tecla. A minha prioridade é um CT para cada setor: a base e o profissional. Investir na base é a maneira mais barata de captar recursos. Temos de formar novos craques. Para a base, o Vasco conseguiu um belo terreno e um belo projeto em Maricá. Vamos tirar isso do papel. Já para os profissionais houve uma conversa para um terreno na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Se isso realmente existe, nós iremos iniciar esta construção. São Januário está castigado há algum tempo e isso não pode continuar assim.

O clube tem enfrentado dificuldades para manter em dia suas obrigações financeiras. Como o senhor avalia a parceria com a Eletrobras? Como captar novos recursos?

Acho que o Vasco precisa buscar empresas privadas para entrar como patrocinadora master. Para ficar com a Eletrobras, temos de colocar os impostos em dia, e a empresa privada não depende disso. Além disso, temos de aumentar os parceiros. Isso faz com que o clube todo, mas principalmente o futebol, tenha uma subida de produção. Em campo, temos de conquistar títulos. Só assim vamos evoluir. As empresas boas querem investir seu dinheiro em coisas boas.

Como avalia a atuação do atual departamento de marketing do Vasco? Quais os seus projetos para esta área?

O departamento de marketing realizou bons trabalhos recentemente. Mas pode melhorar muito ainda. Temos de olhar com mais carinho. É um braço do clube que pode ajudr e muito a captar mais recursos. Foi bem, mas pode ser atuante. Ainda é cedo para falar em ideias concretas, mas pretendo fazer com que esta área evolua ainda mais.

Quais são os planos do senhor para melhorar a área social e patrimonial do clube?

A parte patrimonial tem melhorado, mas precisamos modernizar o complexo de São Januário. A vida social do clube precisa voltar, os sócios precisam aproveitar o que oferecemos. Temos de trazer de volta os eventos sociais do clube. Durante anos realizamos o Baile de Carnaval do Almirante e isso não acontece mais. Meu tio foi presidente em 1958, meu pai foi vice de futebol no mesmo ano e a nossa família ajudou a erguer este clube. Precisamos trazer esta tradição de volta.

Agosto 2, 2011 Posted by | esportes, jornalismo | | Deixe um comentário

Nadadora de Maricá, Mariana Mello tem extenso calendário de competições

Atleta afirma que quer levar a bandeira de Maricá até o lugar mais alto do pódio

Provas começam na Europa, para onde ela embarca nesta terça (2), e terminam em Salvador, em setembro

Os próximos 40 dias serão de intensa atividade para a nadadora maricaense Mariana Mello. Sempre com o apoio da Prefeitura Municipal de Maricá, ela embarca nesta terça-feira (02/8) acompanhada pelo técnico Ricardo Ratto para a região européia dos Bálcãs onde participa, já no domingo (07/8), da primeira das duas etapas finais do Fina Open Water Long Distance Grand Prix, nadando 19 quilômetros no rio Sabac, na Sérvia. Uma semana depois, no dia 14, Mariana vai até a Macedônia, onde vai nadar 30 km em Lake Ohrid, o lago mais profundo da Europa.

Única brasileira e a mais jovem dentre todos os atletas desta competição, que corresponde ao campeonato mundial de maratonas aquáticas de longa distancia, Mariana teve um intenso programa de treinamento, com três seções diárias de exercícios em piscina, mar e academia, incluindo aproximadamente 20 km de natação por dia, sob supervisão médica e nutricional. No intervalo entre as provas da Sérvia e Macedonia, a atleta tem agendado um curto período de treinos na Croácia.

Mariana Mello retornará da Europa no dia 19 de agosto e, no mesmo dia, viajará para Brasília onde irá participar de etapa do Campeonato Brasileiro de Maratonas Aquáticas, com 10 quilômetros de nado no lago Paranoá. Já no dia 21, estará em Angra dos Reis para participar, no dia 28, da etapa do campeonato estadual da categoria. A atleta retorna à disputa nacional nos dias 09 e 11 de setembro, quando estará em Salvador participando de mais duas etapas do campeonato brasileiro.

“Estou levando comigo, como sempre, a bandeira de Maricá para mostrar para todos caso consiga subir ao pódio. Tomara que seja no lugar mais alto”, espera Mariana.

Agosto 2, 2011 Posted by | esportes, jornalismo | Deixe um comentário

Maricá vence quadrangular de handebol em Cachoeira de Macacu

Os rapazes do handebol após a vitória

A equipe de handebol de Maricá conquistou mais um título para o município nesse domingo (31.07): o Quadrangular categoria sub-20 de Cachoeira de Macacu, onde disputou, no Distrito de Papucaia, com os times de Três Rios (18 a 16), Colégio Odete Sampaio, de São Gonçalo (13 a 12) e Seropédica (18 a 14).

Comandado pelo subsecretário Municipal de Esportes, Ronaldo Castro, e pelo coordenador de Esportes da pasta, Bernardo Augusto, o grupo de Maricá é composto por Robson e Raphael (goleiros), Amadeu, Lucas, Cadu e Digão (centrais), Marvyn e Leozão (pivôs), Camacho, Thales, Pablo (meias) e Rayan, Joka e Cazuza (pontas).    

A secretaria prepara um Campeonato Intermunicipal na cidade pelas categorias sub-16 e sub-19 nos dias 27 e 28 de agosto, que será disputado na quadra do Colégio Cenecista Maricá.

Agosto 2, 2011 Posted by | esportes, jornalismo | Deixe um comentário

Telecentro de Itaipuaçu oferece 300 vagas para cursos de Informática

O Telecentro Itaipuaçu está oferecendo 300 vagas para cursos básicos de Informática

O Telecentro de Itaipuaçu, está oferecendo novos cursos gratuitos de Informática. Para o mês de agosto, serão 300 vagas disponíveis, a saber: Noções Básicas de Informática (90 vagas), Internet (90 vagas), Digitação (60 vagas), BR Office (60 vagas).
O Telecentro é um núcleo de inclusão digital com serviços oferecidos à população, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. As inscrições para os cursos podem ser feitas dos dias 01 a 5 de agosto, ou enquanto houver vagas. A iniciativa é da Prefeitura de Maricá, através da Secretaria Municipal de Fazenda, que pretende instalar novos  núcleos nos demais distritos da cidade.
O Telecentro Itaipuaçu fica à Avenida Zumbi dos Palmares, nº 12, loja 06, na Praça do Shopping, Barroco, em Itaipuaçu. Informações pelo telefone: 2638-4982.

Texto: Texto: Divulgação / Fernando Uchôa
Foto: Fernando Silva

Agosto 2, 2011 Posted by | cursos, Educação, jornalismo | Deixe um comentário

VIII Conferência de Assistência Social de Maricá será nesta terça

O Conselho de Assistência Social de Maricá e a sociedade civil do município se preparam para realizar sua VIII Conferência Municipal, que acontecerá no dia 2 de agosto, das 8h às 17h, no Centro Paroquial Sal da Terra, Centro. O evento tem a parceria da Prefeitura de Maricá, através da Secretaria Municipal de Assistência Social e Participação Popular.

Com base nas quatro pré-conferências promovidas nos dias 28/06 (Ponta Negra), 30/6 (São José de Imbassaí), 05/7 (CIEP Inoã), e 07/7 (CIEP Centro), o Conselho definiu três subtemas que serviram de base para discussões e um trabalho direcionado com as comunidades. Os subtemas discutidos foram: 1) O que a comunidade espera do Sistema Único de Assistência Social (SUAS)?  2) Quais as necessidades assistenciais da comunidade para amenizar a pobreza? 3) Como promover a participação e o controle social?

O evento vai contar a presença do secretário estadual de Assistência Social, Rodrigo Neves, entre outros convidados. As palestras serão ministradas pela subsecretária estadual de Assistência social, Nelma Azeredo, que falará sobre o Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e pelo diretor do Grupo Pella Vida, Inácio Galdino.

Agosto 2, 2011 Posted by | assistencia social, jornalismo | Deixe um comentário