Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Prefeitura de Maricá inícia Curso de Capacitação de Projetos Culturais

Prefeitura de Maricá, através da secretaria de Cultura, deu início no dia 22 de julho, ao Curso de Capacitação de Projetos Culturais. O curso visa promover o acesso a um conhecimento aplicado, ao mesmo tempo conciso e consistente, nas áreas de legislação nos setores culturais e de formatação de projetos culturais, voltado para a capacitação dos agentes culturais do município e das localidades.

As aulas serão divididas em três sábados, com duração de seis horas aula. A primeira aula contou com a presença do assessor da Secretária Estadual de Cultura, Emanuel Vieira e do Secretário Municipal de Cultura, Ricardo Cravo Albim.

Ambos enfatizaram a importância do curso para possibilitar a formação de artistas e agentes culturais do municipio, tornando-os capacitados para entrarem no mercado de trabalho na produção e realização de projetos.

Dentre os 40 inscritos estão, produtores de cultura, agentes culturais, artistas de várias vertenes da cultura e gestores públicos das secretárias ligadas a cultura do município.

DSC01422DSC01410DSC01407DSC01409DSC01423

O curso inclue

O objetivo do curso Ministrado pela ABGC – Associação Brasileira de Gestão Cultural, é motivar e contribuir para que projetos possam dinamizar as práticas de produção da cultura local.
No programa, instrumentais para formatação adequada de projetos, procedimentos legais básicos e de captação de recursos nas tarefas cotidianas da produção cultural. 
A atualização de conteúdo oferecida faz parte do convênio entre a Prefeitura de Maricá e a Secretaria Estadual de Cultura através do PADEC (Programa de Apoio ao Desenvolvimento Cultural dos Municípios do Estado do Rio de Janeiro).

Anúncios

Agosto 6, 2011 Posted by | cultura, cursos, projeto cultural | Deixe um comentário

Maricá dá primeiro passo para a Cidade das Olimpíadas

Ao lado do secretário Aldair Machado, prefeito saúda representantes das confederações

Prefeito firma protocolo com representantes de cinco confederações esportivas nacionais para instalação de centros de treinamento

Uma das metas da atual administração de Maricá, o projeto da Cidade das Olimpíadas deu o primeiro passo para se tornar uma realidade nesta sexta-feira (05/8). O prefeito Washington Quaquá recebeu em seu gabinete representantes de cinco confederações esportivas nacionais, que firmaram com a prefeitura um protocolo de intenções para instalação de seus centros de treinamento na cidade. Na ocasião, a equipe de trabalho da Secretaria de Assuntos Federativos apresentou os projetos de espaço físico dos futuros CTs.

De acordo com o prefeito, quase todos os centros deverão ser instalados no bairro de Itapeba, onde já funciona o espaço da Confederação Brasileira de Tiro com Arco (CBTARCO). Ao lado deste, deveram ser abrigados os CTs das confederações de esgrima, tênis de mesa, e atletismo, numa área total de 170 mil metros quadrados. No caso do remo e da canoagem, a intenção e levar os atletas para treinar na lagoa do Boqueirão, no mesmo local onde está instalado o Projeto Navegar.

Falando aos presentes, Washington Quaquá parabenizou o empenho do secretário municipal de Esportes, Aldair Machado, e deu boas vinda a todos os representantes, pedindo a eles que os projetos de cada confederação sejam preparados o quanto antes.

“Estamos bastante entusiasmados com a vinda destes centros de treinamento para nossa cidade, que está aberta para receber os projetos e debater suas possibilidades. Vamos buscar agora levar o que firmamos aqui ao ministro do Esporte, Orlando Silva. Queremos fazer isso ainda este mês”, afirmou o prefeito.

O secretário Aldair Machado acrescentou ainda que, depois de implantados, todos os CTs terão projetos voltados para a comunidade e, principalmente, para as crianças. A instalação dos centros vai transformar num grande complexo esportivo a região dos bairros Itapeba e Parque Nanci, onde deverá começar nos próximos meses a construção do local onde treinaram as divisões de base do Clube de Regatas Vasco da Gama.

Texto: Sérgio Renato
Foto: Paulo Polônio

(*) Secretaria Municipal de Comunicação: 05/08/201

Agosto 6, 2011 Posted by | esportes, jornalismo, Olimpíadas | Deixe um comentário

Caravana do Trabalho vem a Maricá dia 12

A Caravana do Trabalho estará em Maricá no dia 12/08, oferecendo serviços gratuitos à população

O projeto Caravana do Trabalho, nome pelo qual ficou conhecida a equipe técnica itinerante da Secretaria de Estado de Trabalho do Rio de Janeiro (Setrab), estará mais uma vez atendendo ao público em Maricá, no próximo dia 12 de agosto (sexta-feira), das 9h às 16h, na Praça Orlando de Barros Pimentel, no Centro.

Dos serviços oferecidos, constam: retirada de Carteira de Trabalho (1ª via), seguro-desemprego e orientação jurídica sobre outras questões trabalhistas. Uma equipe técnica composta por auxiliares administrativos, farão o cadastro e informarão a população, como das vezes anteriores, sobre direitos do trabalhador.

Para tirar a primeira Carteira de Trabalho é necessário levar uma foto 3 por 4, recente e de fundo branco, e um documento de identidade (RG ou certidão de nascimento). Para a segunda via, o trabalhador deve informar o número da carteira anterior. Durante a Caravana do Trabalho também estarão à disposição informações sobre Balcão de Empregos para pessoas com deficiência, microcrédito produtivo, cooperativismo, ProJovem Urbano, Plano Territorial de Qualificação (Planteq), Plano Setorial de Qualificação (Planseq), Centro de Cadastramento e Orientação Profissional para Estagiários (Cecope), Saúde, Segurança e Ambiente de Trabalho, Ouvidoria, entre outros serviços.

Semtrab/Sine – Outro projeto que vem conquistando cada vez mais espaço na sociedade, é a Gestão Compartilhada do Sistema Nacional de Emprego. Assinada há pouco mais de um mês pelo prefeito de Maricá, Washinton Quaquá, e os superintendentes da Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (Setrab), Lauro Grafanaffi e Manuelito Reis Junior. O convênio ampliou consideravelmente o cadastro de currículos, pessoas empregadas e oferta de emprego pelas empresas, no município. Segundo o secretário municipal de Trabalho e Emprego, Clauder Peres, a gestão compartilhada abriu horizontes de postos de trabalho, não só em Maricá, como em toda a região do entorno.

“Com o programa, aumentou a oferta de emprego e a demanda está sendo gradativamente suprida. Recebemos currículos e fazemos cadastro de maneira virtual. A procura on-line tem aumentado bastante”, enfatizou.

A Secretaria Municipal de Trabalho e Emprego (Semtrab), fica no segundo andar da Prefeitura de Maricá, à Rua Àlvares de Castro, 346, Centro, Maricá. Informações pelo telefone: 26372052 (Ramal 242). A agência do SINE em Maricá, fica à Rua Domiício da Gama, 391, Centro, Maricá. Telefone: 3731-1466.

Texto: Fernando Uchôa
Foto: Fernando Silva

Secretaria Municipal de Comunicação: 05/08/2011

Agosto 6, 2011 Posted by | jornalismo, trabalho e renda | Deixe um comentário

Operação Tapa-Buracos melhora trânsito em Maricá

A operação Tapa-Buracos corrigirá depressões do asfalto em vias principais e secundárias

O bairro Parque Eldorado e outros bairros centrais de Maricá, estão recebendo há uma semana, a chamada Operação Tapa-Buracos, que visa corrigir irregularidades no asfalto das ruas da cidade. A Rua Homero Queiroz da Silva é uma delas.
Desde segunda-feira (01/8), 10 homens se revezam no preparo do asfalto com brita zero, pó de brita e betume quente. Um rolo compressor termina o serviço. A medida tem se mostrado eficaz para cobrir as depressões causadas pelo trânsito e pela chuva, que prejudicam a passagem de carros e motos.

Vias secundárias

Moradores do Parque Eldorado e bairros vizinhos se manifestaram favoráveis à operação. “Embora provocando desvio em alguns trechos, sabemos que o trabalho é para melhoria do município”, disse o aposentado José Santana, 62 anos, morador do bairro. Segundo a coordenação da Secretaria Municipal de Obras, a operação será estendida a outros bairros. O secretário municipal de Transportes, Rony Peterson, afirmou que a medida tem melhorado a circulação do trânsito. "Precisamos ter as vias secundárias tão conservadas quanto as principais, para melhor fluxo e escoamento do tráfego", concluiu.

Texto: Fernando Uchôa
Foto: Fernando Silva

Secretaria Municipal de Comunicação: 05/08/2011

A operação se estenderá a outros bairros além do Centro

Agosto 6, 2011 Posted by | jornalismo, transito | Deixe um comentário

Programa Hiperdia de Maricá já tem 12 mil cadastrado​s

O HiperDia de Maricá conta hoje com 12 mil cadastrados desde que o município aderiu ao programa, em abril de 2002, e passou a registrar pacientes com pressão alta e diabetes mellitus. Coordenado, atualmente, por Silvana Maráu Waldheim, permite acompanhar portadores das duas doenças – ou ambas – através do atendimento nas unidades de saúde municipais.   
“O cadastro é feito nas unidades de saúde, quando então começa o monitoramento da qualidade clínica do paciente de forma contínua, garantindo ainda que ele possa retirar os medicamentos prescritos a cada mês, desde que apresente a receita médica, com validade de três meses”, explica Silvana.
Em médio prazo, o sistema possibilita definir um perfil epidemiológico da população para, a partir dele, desenvolver políticas de saúde pública com foco na melhoria de vida dessas pessoas.
“Aqui, em Maricá, temos 22 unidades de Saúde, todas habilitadas e capacitadas para atender os usuários”, diz.
Nas unidades do município, após realização do cadastro inicial, é feita uma consulta médica preliminar e depois uma avaliação de enfermagem: peso, altura, IMC, pressão arterial, circunferência abdominal, história familiar e da doença, além das medicações em uso.
“O paciente já sai do posto com os medicamentos de uso contínuo”, ressalta a coordenadora.
Para fazer seu acompanhamento, o usuário cadastrado volta a cada três meses ou, mesmo antes, caso ocorra um episódio de urgência.  
O sistema proporciona também capacitação de equipes em relação ao cuidado e fatores de risco para pés diabéticos, além de orientações quanto ao transporte, guarda e uso das insulinas, como ainda orientações nutricionais e monitoramento de pacientes que dependem de insulina.  

Agosto 6, 2011 Posted by | jornalismo, projeto social, saúde | Deixe um comentário