Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Jovem atleta de Maricá do Tiro com Arco ganha quatro medalhas de ouro no Chile

Na sua categoria, Anie foi primeiro lugar em todas as distâncias

A estudante maricaense Anie Marcelle, de 17 anos, é a grande promessa do Tiro com Arco da cidade para orgulho de sua treinadora Dirma Miranda. Recém-chegada do Chile, onde participou de um ranking mundial, a jovem atleta trouxe na bagagem nada menos que quatro medalhas de ouro.
Dentro da categoria cadete, ganhou o primeiro lugar em todas as distâncias disputadas: 60, 50, 40 e 30 metros, competindo com esportistas do Chile e da Argentina.

“Minha meta é chegar às Olimpíadas e, para isso, venho treinando bastante. Quero um dia ser conhecida como A. Santos”, diz do seu jeito tímido, mas determinado.

Academia – Anie conta agora com uma ajuda adicional para realizar seu sonho: uma academia foi montada na CBTARCO com equipamentos doados pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e começou a funcionar nesta segunda-feira (19.09) sob o monitoramento da professora de Educação Física Viviane de Castro, mantida no local pela Prefeitura de Maricá.

“A academia será de muita valia para os atletas que treinam aqui, porque cada um tem uma necessidade específica a ser trabalhada. Uns precisam melhorar a força, outros, a postura ou apenas emagrecer”, comenta a professora.

A sala de aprimoramento físico estará aberta segundas, quartas e sextas, das 10 às 11h e das 14h às 15h. Devido aos turnos nas escolas, foram criados esses dois horários a fim de não atrapalhar o estudo dos atletas.

Mais apoio – Dirma Miranda, por sua vez, preocupa-se também com o psicológico dos jovens esportistas e aproveita para fazer um apelo aos moradores de Maricá: “Se algum psicólogo puder nos ajudar como voluntário, será muito bem acolhido por nós, assim como um nutricionista também.”

Já Anie aponta os benefícios que o Tiro com Arco acrescentou em sua vida, ao se considerar hoje uma menina mais estudiosa e disciplinada: “Concentração e foco, foi isso o que o esporte me deu”, conclui.

Texto: Valéria Vianna
Foto: Fernando Silva

A academia recém-montada na CBTARCO é uma ajuda adicional para os atletas

Anúncios

Setembro 23, 2011 Posted by | esportes, jornalismo | , | Deixe um comentário

Campeonato Maricaense de Futebol começa no domingo

A equipe do Amparo é a atual campeã do Campeonato Municipal – Foto Clarildo Menezes

O título da competição será disputado por 24 equipes, divididas em seis grupos, com jogos aos domingos

A bola vai rolar no próximo domingo (25/9) durante a abertura do Campeonato Maricaense de Futebol, que tem a participação de 24 equipes neste ano. Essas equipes foram divididas em seis grupos com quatro times cada, que jogarão entre si. O Amparo, atual campeão da competição, encara o Brasil no campo do Ponta Negra, às 15 horas, pelo Grupo F, que também é composta pelas equipes do Bananal e Ponta Negra, que se enfrentam às 13 horas, no mesmo local. A novidade deste ano é que todos os jogos terão a presença de um trio de arbitragem, formado por um juiz e dois bandeirinhas.

Os Jogos serão realizados todos os domingos, às 13 e às 15 horas, nos campos das seguintes agremiações: Onze Unidos, Monte Castelo, Itapeba, Zacarias, Brasil e Ponta Negra. Segundo a secretária de Esportes, Aldair Machado da Silva (Caiu Motorista) o objetivo do campeonato municipal de futebol é realizar umas das maiores competições esportivas da cidade, promovendo a integração entre os moradores, proporcionando a melhoria da qualidade de vida através da prática esportiva.

O título da competição será disputado pelas equipes Ipiranga, Onze Unidos, Expressinho e Bairro da Amizade (Grupo A); Monte Castelo, Pontal, Cordeirinho e Taquaral (Grupo B); Nova Geração, E.C. Maricá, Maricaense e Mtecápitos (Grupo C); Bambuí, União Saco das Flores, Figueirense e Rodoviários (Grupo D); Náutico, Dínamo, Araçatiba e Araken F.C. (Grupo E); Ponta Negra, Bananal, Amparo e Brasil, no Grupo F.

Texto: Denilson Santos
Foto: Clarildo Menezes

Setembro 23, 2011 Posted by | esportes, jornalismo | Deixe um comentário

Maricá já conta com cinco postos de saúde reformados

Posto do Recanto foi readequado interna e externamente

Além do Posto de Saúde do Recanto, em Itaipuaçu, que foi totalmente restaurado e já está funcionando, mais quatro unidades serão entregues aos moradores de Maricá dentro de 20 dias: São José de Imbassaí I e II e Guaratiba. O posto de Inoã, por sua vez, que também finalizou as obras, aguarda apenas a chegada dos móveis novos para voltar a funcionar.

“Uma parte desses móveis será encaminhada ao posto do Recanto, que voltou a atender à população com mobiliário antigo até que os novos chegassem”, explica Carlos Alberto Malta Carpi, secretário Municipal de Saúde.

A unidade de Inoã ganhou consultório odontológico, ar condicionado, quintal gramado e varanda na frente e nos fundos.

“Quem vai ao posto do Recanto, hoje, vê que o espaço interno foi readequado internamente. Temos agora três consultórios quando, antes, havia apenas um, e uma sala de vacinação e outra de procedimentos médicos”, comenta o secretário.

Com as mudanças, idosos e pessoas portadoras de deficiência atendidas em Itaipuaçu contam ainda com rampa de acesso e corrimão obrigatório no banheiro.

“Na parte externa, colocamos bancos de espera sob as árvores e trocamos todo o telhado”, frisa Malta Carpi.

Os Postos de Saúde do município estão sendo reformados seguindo um padrão visual que ressalta as cores e símbolos da bandeira de Maricá com fachada colonial.

Texto: Valéria Vianna
Foto: Clarildo Menezes

Usuário sendo atendido na unidade

Setembro 23, 2011 Posted by | jornalismo, saúde | Deixe um comentário

Estudante de 8 anos dá pontapé inicial em projeto de reciclagem de óleo

Letícia joga o óleo no tonel, observada por representantes do Ambiente, da Educação e da empresa parceira do INEA

Ao jorrar dois litros de óleo em um dos 50 toneis que serão distribuídos nas 47 escolas do município, Letícia da Silva, de 8 anos, deu hoje (23.09) o pontapé inicial do projeto que pretende reciclar todo o óleo saturado utilizado nos domicílios da cidade. Ela é aluna da E.M. Carlos Magno e conta que foi a avó Luzia que acumulou, durante dois meses, o conteúdo na garrafa pet.

O projeto é uma parceria entre as secretarias de Ambiente e Urbanismo e de Educação com o Instituto Estadual de Ambiente (INEA) e a empresa Disque-Óleo a fim de conscientizar a população através dos estudantes da rede municipal.

“Queremos diminuir o despejo de óleo nos ralos e lagoas de Maricá e acreditamos que é fundamental começarmos esse trabalho de conscientização nas escolas. Porque a educação ambiental com as crianças faz com que elas levem o que aprenderam para casa, conscientizando os adultos também”, comenta Amaury Vicente, subsecretário de Conservação Ambiental.

Márcio José da Silva, pai de Letícia e representante na Região dos Lagos da empresa Disque-Óleo, ensina um dado assustador: a de que um litro de óleo contamina um milhão de litros de água e corresponde a toda a água usada por uma pessoa para tomar banho até os 14 anos de idade.

“A reciclagem de oleio já é feita há quatro anos com os comerciantes da cidade, mas o ideal é conseguirmos levar essa idéia também às residências”, diz Márcio José, acrescentando que o óleo descartado nos tonéis é reutilizado para fabricar sabão, biocombustível e graxa.

Com o projeto, cada criança terá a sua garrafa pet que, uma vez cheia do óleo usado em casa, será levado para a escola. Essa mesma garrafa voltará com a criança para ser enchida novamente. Os toneis com capacidade para 60 litros, uma vez cheios, serão levados para o ecoponto na secretaria de Ambiente e Urbanismo e, de lá, encaminhado para a Estação de Tratamento de Caxias, no Rio.

Leia também: Secretaria de Ambiente estuda implantação de novo método de reciclagem de lixo

Texto: Valéria Vianna
Foto: Fernando Silva

Setembro 23, 2011 Posted by | Educação, jornalismo, meio ambiente | Deixe um comentário

Praça do Rotary Clube Maricá é revitalizada

A nova praça do Rotary Clube de Maricá foi inaugurada por representantes da instituição, do poder público e imprensa

Representantes do poder público, da imprensa e do Rotary Clube de Maricá, inauguraram no dia 19 de setembro, a revitalização daquele logradouro, que já faz parte do cartão postal do município.
Em uma operação conjunta, as secretarias municipais de Ambiente e Urbanismo, Agricultura, Iluminação Pública e Executiva de Governo, além do Rotary Club de Maricá, substituíram a base do marco principal, em granito branco, com a placa da entidade renovada e polida, símbolos da instituição (em forma de engrenagem) pintados, além de colocadas pedras e plantas da região, e caminhos cercados de areia branca, representando ambientes naturais de Maricá. O trabalho teve a supervisão da da assessora Lezirée Figueiredo, da Secretaria Executiva de Governo de Maricá.

Setembro 23, 2011 Posted by | jornalismo, Maricá, Urbanização | | Deixe um comentário

Prefeito vistoria canteiros de obras em Maricá

Prefeito de Maricá, Washington Quaquá e o secretário Fabiano Filho, visitam as obras do Caxito

Washington Quaquá conversou com moradores dos bairros e falou sobre novos projetos

O prefeito Washington Quaquá vistoriou nesta sexta-feira (23/9) algumas das obras que estão sendo feitas em pontos diversos de Maricá. Acompanhado do secretário de Assuntos Federativos, Fabiano Filho, e do líder do governo na Câmara Municipal, vereador Fabiano Horta, o chefe do executivo verificou o andamento dos trabalhos e conversou com alguns moradores dos locais sobre as melhorias que estão por vir.

A primeira parada foi no Canal da Cidade, ao lado da Prefeitura e, em seguida, ele passou pelas obras da ponte da Mumbuca e checou o suporte que está sendo montado nas cabeceiras da futura via, que será uma estrutura pré moldada. Nos próximos dias, a rede de abastecimento de água que passa ao lado da ponte deverá ser realocada para permitir o desmonte da estrutura antiga.

“Houve um pequeno atraso em razão de questões burocráticas, mas agora tudo caminha normalmente. Essa estrutura feita para as cabeceira é muito importante para dar suporte à nova ponte. Com certeza, ela estará pronta antes do fim do ano”, avaliou Quaquá.

Na sequência, o prefeito foi até o bairro Parque da Cidade, onde ocorre a continuação das obras de drenagem e pavimentação cuja primeira parte ocorreu em fevereiro, na Avenida Beira Rio. A mesma via terá seu trecho final também urbanizado, até a margem da RJ-106, assim como as ruas das Gralhas e das Gaivotas.

Esta intervenção, bem como a da ponte da Mumbuca, estão incluídas no pacote emergencial gerido pelo governo do Estado, com recursos do Ministério da Integração Nacional. Washington Quaquá conversou com moradores da região, que agradeceram pelas obras. O prefeito disse-lhes que a um novo projeto, que aguarda verba também federal, onde o rio Mumbuca deverá ser canalizado, num trabalho semelhante ao do Canal da Cidade.

Do Parque da Cidade, o grupo partiu para o Caxito, onde percorreu algumas ruas e avaliou a realização de possíveis novas obras. Quaquá solicitou a Fabiano Filho que a Secretaria de Assuntos Federativos elabore um projeto para as ruas Orestes Barbosa, Via Local e Ataulfo Alves.

Em seguida, o prefeito caminhou pelo trecho da Estrada do Caxito, onde ocorreu mais uma obra de drenagem e pavimentação em parceria com o governo estadual. No mesmo local, ele visitou também o terreno de aproximadamente 100 mil metros quadrados onde serão erguidas 1.500 moradias, para o programa “Minha Casa, Minha Vida”. No trajeto, ele também falou com moradores e ouviu palavras de satisfação de quem vive ali.

Texto: Sérgio Renato
Foto: Paulo Polônio

Em outro ponto do bairro, o prefeito recebeu o apoio dos moradores

No Parque da Cidade, ele conversou com a vizinhança sobre novos projetos

Ao lado de Fabiano Filho e do vereador Fabiano Horta, Quaquá observa a estrutura das cabeceiras da ponte da Mumbuca

Setembro 23, 2011 Posted by | jornalismo, Obras em Maricá | Deixe um comentário

Maricá será o primeiro município a receber Projeto MPB nas escolas

Presidente do Instituto Cultural Cravo Albin e secretário de Cultura de Maricá, Ricardo Cravo Albin e a subscretária da Cidade Educadora, Andréa Cunha, durante  apresentação do Projeto MPB nas Escolas, para professores e oficineiros. (Foto Fernando Silva)

Projeto realizado em parceria com o Instituto Cultural Cravo Albin vai mostrar aos estudantes como os compositores da MPB influenciaram na formação da nossa identidade cultural

Os professores e oficineiros também conheceram um dos kits que

Cartola, Pixinguinha, Luiz Gonzaga e Chico Buarque são nomes inesquecíveis no cenário da música popular brasileira, que agora também farão parte do cotidiano escolar dos alunos da rede municipal de ensino de Maricá. O município é o primeiro a receber o Projeto MPB nas Escolas, realizado numa parceria entre a Secretaria Municipal de Educação, através da subsecretaria da Cidade Educadora,  com o Instituto Cultural Cravo Albin. A ideia é mostrar aos estudantes como os compositores da música brasileira influenciaram na formação da identidade cultural dos brasileiros.

A novidade foi apresentada pelo secretário de Cultura Ricardo Cravo Albin e a pela subsecretaria da Educação, Andréa Cunha, durante a abertura do curso para professores e oficineiros, que aconteceu do dia (23/09) até o último domingo, das 8 ás 18 horas, na Casa Digital, no Centro.

De acordo com a subsecretária da Cidade Educadora, Andréa Cunha, o programa pretende enriquecer a cultura musical dos alunos e relacionar o que é dito nas letras com conteúdos de disciplinas como história, língua portuguesa e literatura. Os professores e oficineiros irão trabalhar nas escolas no contraturno dos alunos. Para o incremento das aulas, em outubro, a Secretaria Municipal de Educação recebe os 350 kits, composto por seis DVDs, um livreto e seis cartazes, que serão doados pelo Instituto Cultural Cravo Albin e utilizados pelos professores que atuarão no projeto. Nessa primeira fase, cerca de 25 escolas serão beneficiadas.

Para o Secretário de Educação, professor Marcos Ribeiro, essa será uma ótima oportunidade para os alunos conhecerem um pouco mais sobre a história do Brasil através da Música Popular Brasileira. " Nosso objetivo é fazer com que as escolas de Maricá tenham um diferencial, oferecendo cada vez mais atividades extraclasses que possam enriquecer o aprendizado dos alunos," diz o secretário.

Os kits contém toda história cronológica da música popular brasileira. A partir do dia 31 de outubro, os oficineiros começam a trabalhar como multiplicadores em 25 escolas. A Secretaria de Educação pretende ampliar o projeto para toda rede municipal.

O material de apoio foi especialmente desenvolvido pelo Instituto Ricardo Cravo Albin para estimular o processo pedagógico por meio do estudo da música. Além dos kits, os professores também podem usar o site (www.institutocravoalbin.com.br) como suporte on line do projeto.

“Se existem Djs, MCs, Diogo Nogueira, Dudu Nobre, entre outros artistas, é porque no passado teve pessoas que fizeram a história da MPB passar de geração a geração. E esse projeto faz com que o aluno entenda o que é Música Popular Brasileira, que envolve história, cultura e miscigenação brasileira, entre outras coisas. É uma aula de brasilidade que esse projeto incute nas crianças”, garante Ricardo Cravo Albin.

Fonte: Secretária de Comunicação

de Maricá Foto: Fernando Silva

O curso foi ministrado pelo instrutor do Instituto Cultural Ricardo Cravo Albin

 

Professores e Oficineiros que irão trabalhar como multiplicadores nas escolas

Setembro 23, 2011 Posted by | cultura, cursos, Educação, jornalismo, projeto cultural | | 2 comentários

Maricá distribui mais de 13 mil computadores portáteis aos alunos da rede municipal

A iniciativa do prefeito Washington Quaquá vai permitir que os estudantes passem a utilizar essa tecnologia como apoio educacional.

Investir em novas tecnologias para melhorar o desempenho dos alunos do município. Essa é a aposta da Prefeitura de Maricá que começa a distribuir no próximo domingo (25/09) mais de 13 mil notebooks (computadores portáteis) para os alunos da rede municipal de ensino. Os equipamentos, adquiridos pela administração municipal ao custo unitário de R$ 344,18, possui configuração exclusiva, com tela de cristal líquido de 7” (sete polegadas), bateria com autonomia mínima de 3 (três) horas e peso de até 1,5 kg. Possui 1 GB (um gigabyte) de memória RAM e armazenamento de 8 GB (oito gigabytes). Também é equipado para acesso a rede sem fio e conexão à Internet. Tem desenho exclusivo de modo a garantir maior segurança aos estudantes e também maior resistência a impactos e quedas reduzindo assim a possibilidade de danificação do equipamento.

A iniciativa do prefeito Washington Quaquá vai permitir que os estudantes passem a utilizar essa tecnologia como apoio educacional. Os alunos, a partir do 3º período da Educação Infantil, 1º ao 9º ano do ensino fundamental e do 1º ao 3º ano do Ensino Médio, além das turmas de Educação de Jovens e Adultos (EJA), têm direito a receber os computadores portáteis.

Os primeiros 2.300 laptops serão entregues aos alunos das escolas municipais Joaquim Eugênio do Santos (Mumbuca), Carlos Magno de Mattos Legentil (Centro), Antonio Rufino de Souza Filho (Caju), Jacintho Luiz Caetano (Caju), Rynalda Rodrigues da Silva (Centro), Alfredo Nicolau da Silva Junior (Marquês), Brasilina Coutinho (Lagarto), Benvindo Tarques Horta (Ubatiba), Pedro Augusto de Azevedo Costa (Espraiado), João Pedro Machado, no bairro Manoel Ribeiro, no período da manhã e à tarde.

Para ter direito a receber o equipamento, o estudante deve se encontrar regularmente matriculado e frequentando as aulas nas escolas e o responsável deverá assinar um termo se responsabilizando em cuidar do equipamento, cedido em sistema de comodato.

Internet Gratuita – No ano passado, a prefeitura lançou, através da secretaria municipal de Fazenda, o programa Maricá Cidade Inteligente, que instalou equipamentos a fim de permitir o acesso gratuito à Internet banda larga aos moradores do Centro, Inoã e Itaipuaçu. Novos estudos estão em andamento para levar Internet gratuita a toda população de Maricá.

Setembro 23, 2011 Posted by | Educação, jornalismo | Deixe um comentário