Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

UPA de Inoã começa a ser erguida

Caminhões começaram a descarregar a estrutura da UPA na manhã desta quinta (08/12)

Peças da estrutura chegam a terreno no Bosque Fundo; previsão é que as obras sejam concluídas em 45 dias

A Unidade de Pronto Atendimento 24 horas de Inoã começou a ser erguida nesta quinta-feira (8/12) no terreno da Rua Euclides Muniz de Andrade, no loteamento Bosque Fundo, às margens da RJ – 106. As peças que vão compôr a estrutura (teto, piso e colunas) da unidade de saúde chegaram pela manhã em quatro caminhões. Os técnicos responsáveis informaram que, sem interrupções, a obra deverá estar totalmente concluída em 45 dias.

A UPA que está sendo construída é do tipo três, a de maior capacidade, para regiões com população entre 200 mil e 300 mil habitantes. Serão seis médicos, vinte leitos de observação e capacidade média de 300 a 450 atendimentos por dia. O distrito de Inoã concentra o maior contingente populacional da cidade e é responsável por 34% dos atendimentos do Hospital Municipal Conde Modesto Leal, no Centro. Quando estiver em funcionamento, a UPA irá desafogar os atendimentos de urgência e emergência, atualmente concentrados no hospital. A nova unidade também irá beneficiar moradores dos bairros vizinhos do Calaboca e do Rio do Ouro, em São Gonçalo.

Para garantir a segurança no acesso dos usuários ao local, o prefeito Washington Quaquá solicitou ao presidente do Departamento de Estradas e Rodagens do Estado (DER-RJ), Henrique Ribeiro, a construção de uma passarela na altura do quilômetro 15 da rodovia. De acordo com o prefeito, a implantação da UPA vai garantir uma melhoria excepcional no atendimento hospitalar da cidade.

Texto: Sérgio Renato
Foto: Fernando Silva

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação: 08/12/2011

 

Previsão é que as obras estejam prontas em 45 dias

Unidade 24 horas está sendo erguida às margens da RJ – 106, na altura de Inoã

Dezembro 8, 2011 Posted by | jornalismo, saúde | | Deixe um comentário

Nova ponte da Mumbuca está a caminho

Estrutura antiga será retirada no início da próxima semana para instalação da nova ponte – Foto: Fernando Silva

Prefeitura vai desmontar antiga estrutura na próxima semana

A tão aguardada nova ponte que vai ligar o bairro da Mumbuca ao Centro de Maricá está cada vez mais próxima. O último obstáculo para a instalação da nova estrutura era a tubulação que leva água aos moradores e cujo curso está atrelado à ponte, que foi desligada da rede de abastecimento nesta quinta-feira (08/12).

Para manter o fornecimento ao bairro, técnicos da Cedae prepararam um novo trajeto para os tubos de água, um desvio de 50 metros que passa junto ao leito do rio Mumbuca. De acordo com a equipe, a nova tubulação será colocada junto à nova ponte quando esta estiver concluída, o que está previsto para ocorrer até o fim do mês.

O desmonte das peças que compõem a antiga via está previsto para ocorrer no início da próxima semana. A Secretaria Municipal de Transportes informou que já tem preparado um esquema de acesso à nova ponte, que só será divulgado após a montagem da nova estrutura.

Texto: Sergio Renato
Foto: Fernando Silva

(*) Secretaria Municipal de Comunicação

Dezembro 8, 2011 Posted by | jornalismo, Obras em Maricá, vias públicas | Deixe um comentário

Maricá sedia etapa regional de Conferência dos Direitos da Criança e do Adolescente

Maricá sedia nesta sexta-feira, dia 09/12, a partir das 9h, a Conferência Regional dos Direitos da Criança e do Adolescente, realizada pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Maricá (CMDCA) em parceria com a prefeitura.

A conferência é um fórum de debates para discutir e garantir a defesa dos direitos da criança e do adolescente e a criação de políticas voltadas para este público. Participam do encontro representantes de instituições governamentais e da sociedade civil de todos os municípios do Leste Fluminense.

O presidente do CMDCA de Maricá, Wallace Bretas, explicou a importância da conferência. “Ela permite traçar novos rumos para as políticas a serem adotadas na defesa da criança e do adolescente. Temos que olhar a criança como prioridade absoluta”, destacou o presidente.

Aberta ao público, a conferência acontece no Centro Social Sal da Terra e as inscrições podem ser feitas até o início do evento.

Texto: Leandra Costa

(*) Secretaria Municipal de Comunicação

Dezembro 8, 2011 Posted by | direitos humanos, jornalismo, Maricá | Deixe um comentário