Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

MPRJ vai apresentar Projeto Em Nome do Pai em Cabo Frio

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) vai promover na próxima segunda-feira (23/01), em Cabo Frio, um encontro entre diretores de escolas municipais, estaduais e particulares para apresentar o Projeto Em Nome do Pai. Na ocasião, Promotores de Justiça irão discutir as implicações da falta do registro paterno na formação de crianças e adolescentes, a importância das ações articuladas entre as escolas e o MPRJ, e os aspectos didáticos da abordagem em sala de aula. O encontro acontecerá no Teatro Municipal de Cabo Frio, de 8h às 13h.

 

Serviço:

Apresentação do Projeto Em Nome do Pai

Dia: 23/01 (segunda-feira)

Local: Teatro Municipal de Cabo Frio (Rua Aníbal Amador do Vale, s/nº, Algodoal, Praia do Forte, Cabo Frio)

Hora:8h

*O encontro não é aberto para o público em geral.

 

Assessoria de Comunicação Social -MPRJ

Anúncios

Janeiro 19, 2012 Posted by | cultura, Educação, jornalismo, Judiciário, projeto social | Deixe um comentário

Prefeito de Maricá visita família beneficiada pelo Renda Melhor

O prefeito de Maricá Washington Quaquá (dir), e o secretário Municipal de Assistencia Social, Jorge Castor, durante visita a uma das famílias que receberão auxílio financeiro

O prefeito Washington Quaquá esteve nesta terça-feira (17/1) no Bairro da Amizade, onde visitou uma das famílias contempladas pelo programa estadual Renda Melhor, cujo lançamento, inicialmente marcado para esta quarta-feira (18), foi adiado para o dia 30 deste mês. Durante o dia, o secretário de Assistência Social de Maricá, Jorge Castor, foi às casas de outras cinco famílias incluídas no programa, nos bairros do Flamengo, Pedreiras, Caxito e São José de Imbassaí.

Na visita, o prefeito conversou com a dona de casa Rejane da Silva Pereira, grávida do quarto filho, e afirmou que o Renda Melhor será mais uma ajuda para sua família, que já é cadastrada no programa federal Bolsa Família.

“Hoje mesmo tinha pouca coisa em casa para dar aos meus filhos e os vizinhos ajudaram. Espero que esse dinheiro me ajude a comprar tudo de melhor para eles”, disse Rejane.

Washington Quaquá disse à beneficiária que, além do lançamento pelo governo estadual do Renda Melhor, a Prefeitura de Maricá vai instituir também o chamado “Bolsa Alimento”, que vai distribuir cestas básicas para famílias carentes do município.

O desejo de dias melhores é compartilhado pelas outras famílias que receberão o programa estadual, todas também inscritas no Bolsa Família. Uma delas é Janaína Madalena Duarte, moradora das Pedreiras. Ela é mãe de dois filhos e a mais velha, de 14 anos, está grávida do primeiro filho, que também será incluído no cadastro.

“O dinheiro a mais está vindo numa boa hora, em que meu neto está para chegar”, celebrou Janaína.

Outro que espera oferecer melhores condições para os três filhos é o pintor Aldo Del Rossi Júnior, que mora no Flamengo. Separado da mulher, ele assumiu a criação dos dois meninos de 9 e 6 anos e da menina de 4 anos. Por conta disso, tem dificuldade em buscar trabalho.

“Tive que escolher entre trabalhar e cuidar dos meus filhos num lugar mais saudável do que onde eles viviam. Com mais essa renda e o meu trabalho, espero poder ter mais para eles”, ponderou.

Inicialmente marcado para esta terça-feira (18), o lançamento do programa Renda Melhor em Maricá foi adiado para o próximo dia 30, por questões de agenda do governador Sérgio Cabral. O evento ocorrerá às 11horas na quadra do Colégio Cenecista Maricá, na Rua Barão de Inoã.

Programa Renda Melhor, do Governo do Estado, será complementado por distribuição de cestas básicas da Prefeitura

Secretário de Assistência Social também visitou famílias

Texto: Sérgio Renato
Foto: Paulo Polônio

Secretaria Municipal de Comunicação

Janeiro 19, 2012 Posted by | assistencia social, jornalismo, Maricá, projeto social | Deixe um comentário

Visita do governador em Maricá é remarcada para a próxima terça-feira

O Governo do Estado remarcou novamente a data da visita do governador Sérgio Cabral a Maricá para entregar os cartões do Programa Renda Melhor a famílias beneficiadas na cidade. A vinda de Cabral será na próxima terça-feira (24/01), às 11h30, na quadra do Colégio Cenecista Maricá, na Rua Barão de Inoã.

Ao lado do prefeito Washington Quaquá, o governador iniciará a entrega dos cartões do Renda Melhor para a população de Maricá já atendida pelo Bolsa Família, do Governo Federal. O programa do Governo do Estado é um reforço à política nacional de combate á erradicação da pobreza extrema no Brasil.

Inicialmente agendada para o dia 18, o evento chegou a ser adiado para o dia 30 deste mês, mas agora foi antecipado para o dia 24, em função da agenda do governador. Confira no link abaixo os detalhes do Renda Melhor: http://www.rendamelhor.rj.gov.br/

Texto: Secretaria de Comunicação

Janeiro 19, 2012 Posted by | jornalismo, política | Deixe um comentário

Prefeitura de Maricá viabiliza Pólo Naval de Jaconé

A implantação do complexo portuário dos Terminais Ponta Negra (TPN), anunciado recentemente, irá mudar o papel de Maricá no cenário nacional, com a integração da cidade às atividades do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj). O empreendimento, também conhecido como Porto do Pré-Sal, conta com o apoio da Prefeitura, que está tomando as medidas necessárias para a viabilização do projeto e acompanhando as exigências para a segurança ambiental da iniciativa.

Ciente da importância do porto para a região (a estimativa é que sejam gerados 9 mil empregos diretos e indiretos durante a construção, passando a 12 mil após a conclusão das obras, em 2015), a prefeitura também planeja ações para reforçar a qualificação de mão de obra local para trabalhar no setor.

Por sua posição geográfica, a cidade de Maricá é estratégica para o Comperj e, com a instalação do TPN, passará a contar também com uma atividade econômica independente, capaz de transformar o município tanto quanto o complexo petroquímico fará com a vizinha Itaboraí.

O apoio da prefeitura e o endosso da população de Maricá ao porto começaram com a aprovação, pela Câmara Municipal em dezembro último, de uma alteração no zoneamento urbano do município, inserindo uma área industrial no plano destinado á região da praia de Jaconé.

A partir dessa mudança, a DTA Engenharia –  responsável pelo empreendimento – pode começar a trabalhar efetivamente no desenvolvimento do complexo, a ser instalado em uma área de 5,6 milhões de metros quadrados onde funcionaria um clube de golfe e sem restrições ambientais.

Para o prefeito Washington Quaquá (PT), o empreendimento também vai viabilizar outra vocação de Maricá, a atividade turística. Além da compensação ambiental já incluída no próprio TPN – a destinação de uma área de 3,6 milhões de metros quadrados para a criação de uma reserva de preservação – a cidade receberá a bela região de Ponta Negra transformada em área turística, incluindo a construção de uma marina, de hotéis e de um resort.

“Nossa meta é combinar turismo e desenvolvimento. As duas atividades não são conflitantes, basta ter planejamento e é nisso que a Prefeitura de Maricá está trabalhando”, afirma o prefeito.

Além dessas ações, o município tem um grupo de trabalho unindo várias secretarias para acompanhar o projeto e preparar a cidade para lidar com essa nova realidade – da necessidade de preparar mão de obra qualificada à preparação da infraestrutura local para a movimentação econômica gerada pelas atividades do porto.

Outras iniciativas já em andamento, como a modernização da gestão administrativa com financiamento do BNDES, a cobertura de 100% do município com internet wireless pública e gratuita e o investimento na educação digital integram, indiretamente, o conjunto de ações do Executivo no sentido de assimilar e transformar em benefícios concretos os impactos do TPN. Orçado em R$ 5,4 bilhões, o TPN prevê porto, área de apoio offshore, depósito de minérios e tancagem de granéis líquidos.

 

Estima-se que o Terminal de Ponta Negra receberá 850 mil barris de petróleo por dia, o equivalente a 40% da produção nacional. A prefeitura de Maricá obteve da DTA Engenharia a confirmação de que será implantada ali uma nova tecnologia para evitar vazamentos: trata-se de uma cortina submersa que, ao subir, isola a área do porto, protegendo o mar e as praias da cidade.

 

Rafael Zarôr

Janeiro 19, 2012 Posted by | COMPERJ, jornalismo, Maricá, Petroleo e Gás, pré-sal, setor naval | | Deixe um comentário