Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Prefeitura de Maricá divulga lista final dos aprovados em concurso público

Prefeitura de Maricá divulga lista final dos aprovados em concurso público Acaba de ser divulgada a lista final dos aprovados no Concurso Público da Prefeitura de Maricá, com exceção dos cargos de Guarda Municipal e Agentes de Defesa Civil, que realizarão no próximo domingo, dia 04.03, os testes eliminatórios de aptidão física. Respeitando os critérios de desempate, os resultados estão divulgados por ordem decrescente de pontos. Realizado pelo Instituto Nacional de Concurso Público (INCP), o concurso oferece 240 vagas nos níveis Fundamental, Médio e Superior. Para diversos cargos, como os da área do Magistério, a previsão é de convocação e posse imediatas. A lista com a classificação dos aprovados para a Guarda Municipal e a Defesa Civil será publicada no dia 16 de março. A subsecretaria de Recursos Humanos solicita ao candidato que mantenha atualizado o endereço para correspondência, além de ficar atento às convocações e providenciar a documentação necessária para o ato da posse. Defesa Civil Para agentes de Defesa Civil, estão sendo convocados os 30 primeiros classificados. Os testes serão no próximo domingo dia 04.03, às 8h, na Rua Zero, em Barra de Maricá. É necessária a apresentação de atestado médico, emitido com, no máximo, cinco dias de antecedência à data da prova. Os candidatos passarão por testes de natação e corrida rasa na areia da praia (100m). Os candidatos devem chegar ao local com uma hora de antecedência e devem estar vestidos de forma adequada para realização da prova prática. Observando a ordem de classificação dos candidatos aptos, serão convocados 15 Agentes de Defesa Civil. Guarda Municipal Já para Guarda Municipal, estão sendo convocados os 100 primeiros classificados para a avaliação de aptidão física. Os candidatos devem comparecer também no dia 04.03, mas às 14h, na Avenida Clímaco de Figueiredo, bairro de Itapeba – Maricá RJ, (próximo a Escola Cacilda Silva). No momento da avaliação física, devem apresentar o documento de identidade utilizado no ato da inscrição e atestado médico emitido com, no máximo, cinco dias de antecedência à data da prova, comprovando sua aptidão para a realização do esforço físico. O teste de aptidão física consiste em avaliações cardiorrespiratórias por meio de corridas (uma de 2.400 metros e outra de 100 metros). Vale destacar que os candidatos devem chegar com uma hora de antecedência com vestimentas adequadas (calção, camiseta e tênis). Os aprovados nos testes físicos para as vagas da Guarda Municipal passarão ainda por um curso de formação, também eliminatório. Esse curso tem o objetivo de preparar profissionalmente o candidato ao exercício das atividades do cargo público efetivo.

Veja o resultado final: Resultado final http://www.marica.rj.gov.br/downloads/resultado_final_guarda.pdf

Texto: Leandra Costa e Marcelo Moreira 

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação: 28/02/2012

Anúncios

Fevereiro 28, 2012 Posted by | concursos, jornalismo, Maricá | | Deixe um comentário

Planeta Água é tema de março no Espraiado de Portas Abertas em Maricá

Muito verde e natureza

No próximo domingo, 4 de março, o bairro do Espraiado convida para mais uma edição do seu projeto trimestral no qual a cultura e o artesanato local são as grandes atrações. O Espraiado de Portas Abertas, desta vez, traz o tema “Planeta Água – nossos rios e nossa arte” e funcionará das 9h às 18h.

No projeto, que tem o apoio da Prefeitura, constam roteiro gastronômico – barraca de frutas, salgados e doces caseiros, refeições – cultural, com forró, cantorias com João ‘Gonzagão’, contadores de histórias, com o índio puri Dauá, mostra de artesanato em fibras vegetais e tapeçaria – além do “Ponto em Cruz”, o famoso “Ponto Brasileiro”, das tapeceiras do Espraiado. A técnica foi desenvolvida pela argelina Madeleine Colasso e por sua filha Concessa, e hoje é continuada por ex-alunas. Para completar a programação, há um roteiro religioso, já que o bairro tem igrejas e capelas tradicionais, como as de São João, Santo Antônio e São Jorge.

A entrada para o Espraiado fica na Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106) a 12 km do Centro de Maricá, no sentido Rio. O projeto é desenvolvido por sitiantes locais, com o apoio da Prefeitura de Maricá e parceria de Delfim Moreira Comunicação Integrada, Comunidade Cultural do Espraiado e Sítio do Riacho. A coordenação é de Regina Sbould. Maiores informações pelo site www.espraiadodeportasabertas.com.br

Texto: Fernando Uchôa
Foto: Clarildo Menezes

Secretaria Municipal de Comunicação: 27/02/2012

Fevereiro 27, 2012 Posted by | jornalismo, Lazer, Maricá, turismo | | Deixe um comentário

Raul e Paulinho são campeões de futvôlei do Projeto Verão Maricá

Raul e Paulinho conquistaram o título do torneio de futvôlei que aconteceu na praia de Ponta Negra

Raul e Paulinho conquistaram o título no futvôlei do Projeto Verão de Maricá neste domingo (26/02). Os banhistas, que foram se refrescar do forte calor na praia de Ponta Negra, acompanham grandes partidas com jogadas espetaculares. No final, Raul e Paulinho venceram Dudu e Guilherme por 18 a 8.

A Secretaria Municipal de Esportes organizou a competição que contou com 14 duplas. Nos dois próximos domingos, dias 4 e 11 de março, a secretaria promove jogos de beach soccer (futebol de praia) nas areias da Barra de Maricá.

As inscrições gratuitas podem ser feitas na própria secretaria (Rua Álvares de Castro, 346, na sede da prefeitura), das 9h às 17h. Mais informações pelos telefones 2634-1446 ou 3731-1756.

O projeto iniciou em janeiro com os jogos de vôlei masculino e feminino. Neidson e Renato ganharam o título entre os homens, enquanto que Arari e Claudia conquistaram o primeiro lugar no feminino.

 

 

Jogadas espetaculares animaram o público nas areias de Ponta Negra

Secretaria Municipal de Esportes promoveu competição com 14 duplas

Atletas disputaram titulo de melhor do futvôlei do Projeto Verão

Texto: Rafael Zarôr
Foto: Clarildo Menezes

Secretaria Municipal de Comunicação: 27/02/2012

Fevereiro 27, 2012 Posted by | esportes, jornalismo, Lazer, Maricá, Verão 2012 | | Deixe um comentário

Março é mês de casamento comunitário em Maricá

A Prefeitura de Maricá promoverá, no dia 16 de março próximo, um casamento comunitário para vinte e cinco casais de baixa renda. Na cerimônia, todos receberão registro em cartório e terão direito a festa com buffet de doces e salgados.

A realização é da Secretaria Municipal de Assistência Social e Participação Popular. A subsecretária de Assistência Social, Nanci Soeiro, dividiu o evento em duas etapas: na primeira, anterior à festa, os casais vão apresentar a documentação necessária e passar pela intermediação da subsecretaria junto à Defensoria Pública, para isenção de taxas e emolumentos.

A segunda etapa é a cerimônia propriamente dita e acontecerá às 19h do dia 16 de março, quando os nubentes, parentes e convidados se reunião na quadra do Colégio Cenecista, no Centro de Maricá. Na oportunidade haverá também a realização de um Culto Ecumênico.

Segundo o secretário municipal de Assistência Social, Jorge Castor, é a primeira vez que um casamento comunitário nessas proporções é realizado em Maricá. “Estamos cumprindo as metas do governo Quaquá de inclusão social e de cidadania, possibilitando acesso aos programas e projetos sociais do município. Um deles é este, que oferece condições para que casais de baixa renda tenham acesso a uma festa de casamento, sem nenhum custo, a não ser os da própria roupa da cerimônia”, disse.

Texto: Fernando Uchôa

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

Fevereiro 27, 2012 Posted by | Ação Social, assistencia social, jornalismo, Maricá, projeto social, religioso | Deixe um comentário

Chandra Bahadur Dangi entra no Guinness como o homem mais baixo do mundo

Nepalês entra no ‘Guinness’ como o homem mais baixo do mundo

Fonte: Terra 26 de fevereiro de 2012 08h44 atualizado às 11h42

Com 54,6 cm de altura, Chandra Bahadur Dangi foi certificado o homem mais baixo mundo pelo  Guinness World Records. Foto: AFP Com 54,6 cm de altura, Chandra Bahadur Dangi foi certificado o homem mais baixo mundo pelo Guinness World Records  Foto: AFP

O nepalês Chandra Bahadur Dangi, 72 anos, entrou neste domingo para o livro dos recordes Guinness World Records como o homem mais baixo do mundo de todos os tempos, com seus 54,6 centímetros do altura. Até agora, o título de homem mais baixo do mundo ainda vivo estava em posse do filipino Junrey Balawing (59,9 centímetros), que tinha recebido o prêmio em junho do ano passado, ao completar 18 anos.

O editor-chefe do livro Guinness, Craig Glenday, confirmou o recorde após medir Dangi três vezes nas últimas 24 horas. O nepalês é também o indivíduo mais baixo já registrado pelo Guinness: antes, a marca estava em mãos do indiano Gül Mohammed, que media 57,5 centímetros, que morreu em 1997.

“Estou feliz de conseguir o título”, disse à imprensa Dangi após ter sido agraciado com os dois certificados do Guinness: um por ser o homem mais baixo vivo e o outro por ser “o homem mais baixo da história”. Dangi também obteve a distinção de ser a pessoa mais longeva à qual se lhe tomaram as medidas para incluí-la no Guinness, de acordo com Glenday.

A idade de Dangi, segundo seu documento de identidade, é de 72 anos, mas o representante do livro Guinness afirmou que é impossível verificá-lo. “É pouco provável que não tenha 72 anos devido a sua densidade óssea, algo provocado pela osteoporose”, disse Glenday.

Diante de qualquer dúvida sobre a decisão do livro, Glenday explicou que o Guinness possui “indicações precisas sobre como se mede alguém”, pautas dadas por médicos especialistas localizados em Londres. Dangi foi medido por dois profissionais de um centro médico de Katmandu, o Ciwec Clinic Travel Medicine Centre, muito estimado entre os estrangeiros que viajam ao Nepal. “Não está claro o tipo de nanismo que Dangi sofre”, ressaltou Glenday.

Fevereiro 27, 2012 Posted by | jornalismo | , | Deixe um comentário

Conselho dos Direitos da Mulher de Maricá convida para Assembléia Geral

O Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Maricá convida as entidades da sociedade civil a participarem da Assembleia Geral no dia 5 de Março de 2012, das 14h às 17h, na Casa Digital. As entidades que quiserem participar do processo de eleição devem observar os seguintes critérios:

a) Estar atuando há, pelo menos, um ano no município;

b) Apresentar original e cópia do estatuto registrado em cartório;

c) Apresentar original e cópia do CNPJ/MF da entidade;

d) Apresentar original e cópia da ata de reunião que elegeu a atual direção da entidade registrada em cartório;

e) Apresentar relatório de atividades desenvolvidas pela entidade.

As inscrições estarão abertas de 27/02/2012 a 02/03/2012, das 9h às 17h, na sede do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Maricá, na Rua Uirapurus, nº 50 – Centro, Maricá/RJ. No ato da inscrição o responsável deverá preencher requerimento fornecido pela Comissão Organizadora, que deverá ser apresentado como comprovante de habilitação no dia da Assembleia Geral. O Conselho Municipal dos Direitos da Mulher foi criado pela Lei Complementar nº 155/2007 e alterado pela Lei Complementar n° 193/2009. É composto, de forma paritária, pelo Poder Executivo Municipal e Sociedade Civil, totalizando 24 conselheiras, distribuídas da seguinte maneira:

Poder Executivo Municipal:

1. Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania, com respectiva suplente;

2. Secretaria Municipal de Assistência Social e Participação Popular, com respectiva suplente;

3. Secretaria Municipal de Saúde, com respectiva suplente;

4. Secretaria Municipal de Educação, com respectiva suplente;

5. Secretaria Municipal de Cultura, com respectiva suplente;

6. Secretaria Municipal de Segurança Pública com Cidadania, com respectiva Suplente.

Sociedade Civil:

Seis conselheiras efetivas e seis conselheiras suplentes. Portanto, existem 12 vagas para a Sociedade Civil em aberto, que serão disputadas na Assembléia Geral. A Casa Digital fica na Praça Orlando de Barros Pimentel, S/Nº.

Texto: Secretaria de Comunicação

(*) Secretaria Municipal de Comunicação

Fevereiro 26, 2012 Posted by | direitos humanos, jornalismo, Maricá | | Deixe um comentário

Neste domingo acontecem os jogos de futvôlei do Projeto Verão de Maricá

 

Projeto Verão encerra dia 11 de março com as finais do beach soccer, nas areias de Barra de Maricá

O Projeto Verão de Maricá invade as areias de Ponta Negra, neste domingo (26/02), para a disputa de mais uma competição. Dezesseis duplas irão se enfrentar pelo título do futvôlei, em partidas que serão realizadas das 9h às 18h.

As inscrições gratuitas podem ser feitas na Secretaria Municipal de Esportes (Rua Álvares de Castro, 346, na sede da prefeitura), até amanhã (25), das 9h às 17h, e no dia do evento, às 8h. Apenas homens poderão participar das competições de futvôlei. Mais informações pelos telefones 2634-1446 ou 3731-1756.

O projeto iniciou em janeiro com os jogos de vôlei masculino e feminino. Neidson e Renato ganharam o título entre os homens, enquanto que Arari e Claudia conquistaram o primeiro lugar no feminino. Nos dois próximos domingos, dias 4 e 11 de março, acontecem às partidas de beach soccer (futebol de praia), em Barra de Maricá.

Texto: Rafael Zarôr
Foto: Secretaria de Comunicação

Fevereiro 26, 2012 Posted by | esportes, jornalismo, Lazer, Maricá | | Deixe um comentário

NOTA PARA A IMPRENSA DE RITA ALVES SOBRE O CARNAVAL

“Atendendo o pedido da amiga mangueirense, escritora e poeta Rita Alves divulgamos a nota abaixo” – Rosely Pellegrino

Ao longo da história da humanidade, aqueles que tiveram a coragem de ousar foram julgados sem piedade.

Em tempos passados, julgados pela Inquisição, atirados a fogueira, sentenciados por fazerem descobertas científicas ou apenas por questionarem a ordem, levantarem dúvidas sobre o formato da Terra, como Galileu Galilei, por se perguntarem sobre a existência de outros planetas…

Outros ainda foram desmoralizados e chamados de loucos, reduzidos a estigmas e estereótipos para que perdessem a credibilidade, como Beethoven, revolucionário em sua época, ou ainda o nosso brasileiríssimo Heitor Villa Lobos, que ousou usar uma folha de zinco numa sinfonia.

E já que falamos em Brasil, que tal os modernistas, que romperam com a estética padrão, propondo a brasilidade, comermos e digerirmos as várias culturas mas fazer desta “Antropofagia” o que é a nossa mais alta cultura, dando valor às expressões populares, retirando as rimas dos versos, a jaula da forma soneto, as harmonias aprisionadas em modelos europeus… a pintura romântica ou retratista que reverenciava mitos, heróis construídos, a alta burguesia e a aristocracia.

Mas foram justamente essas ousadias que moveram a ciência para frente, as conquistas, os avanços.

Não posso, portanto, aceitar que na expressão mais popular do planeta, o CARNAVAL, ainda haja esse ranço ultrapassado do conservadorismo, de homens munidos do poder de julgar – como inquisidores medievais – sentenciando à fogueira (das vaidades) a alta expressão, a coragem em romper padrões, o avanço no sentido de sedimentar a mais nobre expressão do que somos.

Cultura só se sedimenta quando temos CORAGEM de absorver tudo o que foi feito e transformamos não em algo NOVO ou outro, mas num processo de crescimento, de avanço no sentido de confirmar a tradição.

Foi isso o que aconteceu nesta terça-feira no Rio de Janeiro, na Sapucaí, durante a apresentação da escola de samba mais tradicional deste país. Cuja inquestionável importância deveria ser no mínimo respeitada e vista com olhos antropológicos e críticos de modo a constituir mais fortemente o nosso imaginário essencial de brasileiros.

Alguém se lembra de ter visto algum ano a Estação Primeira de Mangueira fazer UM carnaval que seja que não trouxesse à baila a nossa própria cultura? Enquanto outras “agremiações” se valem de enredos e temas mercadológicos, enquanto essas mesmas escolas se transferem de suas raízes do morro para espaços turísticos, quadras modernas e distantes de sua origem, a ESCOLA de samba Mangueira resiste. Resiste em seu espaço do morro, celebra nossa história (Enredo de 2009: “A Mangueira traz os Brasis do Brasil Mostrando a Formação do Povo Brasileiro – Darcy Ribeiro” enredo de 2010; “Mangueira é Música DO BRASIL”; enredo de 2011 “O Filho Fiel, sempre Mangueira – Nelson Cavaquinho”), sem sair do espaço geográfico do morro, junto a sua comunidade, berço dos mais nobres compositores de nossa história, como Cartola, Nelson Cavaquinho, Padeirinho, entre outros tantos nomes relevantes da poesia musical.

Então, tal qual Monteiro Lobato, ao recriminar a arte de Anita Malfatti, renega a sua criação, faz uma crítica destrutiva a pintora que, traumatizada deixa de pintar por um longo período, jurados formados – mal formados e mal informados – em cursos relâmpagos, sem a responsabilidade histórico-cultural, sem conhecer o que significa estética do rompimento como reforço de uma estrutura cultural (leiam Antonio Candido), sentenciam com suas canetas medievais a escola mais tradicionalmente ousada deste país a um sétimo lugar, indecorosamente.

A apresentação do Mestre Sala e Porta-bandeira foi primorosa nos quesitos que efetivamente deveriam ser julgados.

O carnavalesco ousou retirar as pompas coloniais das roupas do belo casal, tirou a camisa de Raphael Rodrigues, negro transformado antropofagicamente em índio, nossa essência cultural, colocou frente a frente na figura de Marcela Alves o Bloco Carnavalesco Bafo da Onça – rival histórico do Cacique de Ramos – numa dança harmônica simbólica, metáfora grandiosa do que significa ser brasileiro: conviver com a diversidade, e o júri simplesmente não ver beleza nas vestimentas por puro conservadorismo e falta de visão artística e estética?!

O que é o carnaval, senão a expressão da nossa mais profunda expressão cultural? Ou será que teremos que viver o sensacionalismo também em nossa expressão mais bela? Shows espetaculares, malabarismos e ousadias sem fundamentação antropológica?

A apresentação deste ano da escola foi um marco em nossa história cultural talvez do nível de uma Semana de Arte de 1922, tal qual os modernistas, que foram ousados em mostrar uma nova ordem, dando a cara ao tapa.

Mangueira teve CORAGEM de mostrar-se BRASILEIRA, reverenciar o mais tradicional bloco de carnaval, Cacique de Ramos, de modo a exaltar a comunidade do samba.

Mangueira – com sua histórica parada de bateria de mais de dois minutos – chamou a atenção para o fato de que não existe carnaval sem a comunidade cantando em uníssono o seu hino.

Mangueira chamou a atenção para a importância da BATERIA, justamente pela ausência dela – e sua volta triunfal, pois a percussão é o nosso instrumento ancestral brasileiro, onde trazemos a presença dos tambores indígenas e africanos… a bateria mais perfeita que já existiu no carnaval.

Peço atenção da crítica, dos historiadores, da imprensa como um todo, para esta séria questão.

Enquanto os tropicalistas diziam “Quero ver o Tio Sam de frigideira numa batucada brasileira”, nós vamos tornar a nossa expressão cultural ultra brasileira num espetáculo da Broadway?!

Certo estava Oswald de Andrade ao escrever que começamos errado a nossa história:

Fevereiro 26, 2012 Posted by | arte, Carnaval, cultura, jornalismo, literatura | | Deixe um comentário

Domingo acontecem os jogos de futvôlei do Projeto Verão de Maricá

No domingo, dia 26, a Secretaria Municipal de Esportes de Maricá promove o Projeto Verão com jogos de futvôlei, na praia de Ponta Negra

O Projeto Verão de Maricá invade as areias de Ponta Negra, neste domingo (26/02), para a disputa de mais uma competição. Dezesseis duplas irão se enfrentar pelo título do futvôlei, em partidas que serão realizadas das 9h às 18h.

As inscrições gratuitas podem ser feitas na Secretaria Municipal de Esportes (Rua Álvares de Castro, 346, na sede da prefeitura), até amanhã (25), das 9h às 17h, e no dia do evento, às 8h. Apenas homens poderão participar das competições de futvôlei. Mais informações pelos telefones 2634-1446 ou 3731-1756.

O projeto iniciou em janeiro com os jogos de vôlei masculino e feminino. Neidson e Renato ganharam o título entre os homens, enquanto que Arari e Claudia conquistaram o primeiro lugar no feminino. Nos dois próximos domingos, dias 4 e 11 de março, acontecem às partidas de beach soccer (futebol de praia), em Barra de Maricá.

Fonte: Rafael Zarôr

Fevereiro 24, 2012 Posted by | esportes, jornalismo, Lazer, Maricá, Verão 2012 | | Deixe um comentário

Prorrogadas inscrições para Agente Jovem de Cultura

Os interessados em participar do Prêmio Agente Jovem de *CULTURA*: Diálogos e Ações Interculturais podem se inscrever até dia 29 de fevereiro. O prêmio é uma realização do *MINISTÉRIO DA CULTURA* em
parceria com o Ministério da Saúde, por meio da área técnica de Saúde do Adolescente e do Jovem, ligada ao Departamento de Ações Programáticas Estratégicas (Dapes), da Secretaria de Atenção em Saúde (SAS).

A iniciativa vai premiar 500 jovens entre 15 e 29 anos com valor de R$ 9 mil para ações já realizadas e concluídas. As inscrições para a premiação foram abertas no dia 15 de dezembro de 2011.

O prêmio é uma parceria entre o *MINC* – que investirá R$ 2,9 milhões – e os ministérios da Saúde (R$ 1 milhão) e do Desenvolvimento Agrário (R$ 600 mil), além da Secretaria-Geral da Presidência da
República/Secretaria Nacional de Juventude (R$ 500).

Podem concorrer ao prêmio iniciativas existentes e já concluídas nas áreas de comunicação, tecnologia, *PESQUISA*, formação cultural, produção artística, intercâmbio e sustentabilidade. Cada selecionado irá
receber premiação no valor de R$ 9 mil. Os premiados poderão se  inscrever de acordo com a faixa etária: serão 200 bolsas para jovens entre 25 e 29 anos, número igual para aqueles que têm entre 18 e 24 anos
e outras 100 para os jovens de 15 a 17 anos. As inscrições poderão ser feitas pela internet, por meio do SalicWeb, ou pelos Correios. O *MINC* lembra aos interessados que as inscrições online só serão efetivadas
depois que o inscrito clicar no botão “Enviar”.

O edital terá duas fases: habilitação das propostas (análise documental eliminatória) e seleção (eliminatória e classificatória). Os projetos serão avaliados a partir dos seguintes critérios: criatividade, inovação
e boas práticas; impacto social da iniciativa; comprovação da qualidade e efetividade das estratégias de comunicação e de estratégias que promovam o empoderamento para o autocuidado; sustentabilidade
valorização da cidadania e da *DIVERSIDADE CULTURAL* brasileira.

Fevereiro 24, 2012 Posted by | cultura, jornalismo, projeto cultural, projeto social | Deixe um comentário