Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Quadrilhas e show de forró animam o C. M. Joana Benedicta Rangel de Maricá

Texto: Valéria Vianna | Fotos: Paulo Polônio e Clarildo Menezes

484125_3492948290012_323767240_n[1]As quadrilhas deram o tom da festa no Joana Benedicta Rangel

382518_3492950850076_854603592_n[1]

A festa junina do Colégio Municipal Joana Benedicta Rangel animou alunos, professores e visitantes na quadra da unidade na última sexta-feira (06.07).

306808_3492948770024_1454086311_n[1]

Além das tradicionais quadrilhas, jogos e barraquinhas de doces e salgados, a brincadeira contou ainda com o show da banda de forró popTatudoemcasa, que fez a galera toda arrastar o pé no chão. O evento, que acontece todo ano na cidade de Maricá, teve início às 17h e foi até às 23h com muita alegria.

8078_3492949850051_1132976316_n[1]Cowboy e Cida, Tatudoemcasa na Festa Junina do Joana Benedicta Rangel

314745_3492949450041_1481053808_n[1] Alunos subiram ao palco para dançar junto com o Tatudoemcasa.

Anúncios

Julho 9, 2012 Posted by | Educação, jornalismo, Maricá, shows e eventos | , , | Deixe um comentário

Em Maricá a Padaria-escola do CRAS do Marine retoma atividades e abre inscrições

Texto: Sérgio Renato (edição: Marcelo Moreira) | Fotos: Fernando Silva

Alunos durante o curso de preparo de massas, uma alternativa para geração de renda dos participantes.

Depois de um período de reestruturação, a padaria-escola do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) do Marine, em São José de Imbassaí, retomou as atividades há cerca de um mês com o curso de panificação e preparo de outras massas.

As aulas são oferecidas em dois turnos (pela manhã, das 9h às 11h e à tarde, das 14h às 16h e os interessados podem preencher o cadastro para inscrições a qualquer momento, na sede do CRAS.

Para quem já participa das aulas, os resultados do aprendizado são medidos pelas histórias contadas. Enquanto uns atestam a qualidade em casa com a família, há os que estão gerando ou aumentando a renda familiar com o que aprendem no curso.

“Eu já vendia pão feito por mim e agora estou aperfeiçoando o jeito de preparar a massa, com técnicas e detalhes que não conhecia, revela a comerciante Maria de Fátima Medeiros Sales, de 55 anos. A exemplo dos outros cerca de 40 alunos do curso, ela também é moradora de São José de Imbassaí.

Unidade do CRAS do Marine retomou aulas há cerca de um mês; inscrições abertas o ano inteiro

Inscrições

Os interessados em se capacitar devem ir ao CRAS do Marine com documentos pessoais (RG e comprovante de residência) e preencher uma ficha de inscrição. O centro fica na Rua Tinharé quadra 2, lote 2. Mais informações pelo telefone (21) 2636-8506.

.

Julho 9, 2012 Posted by | assistencia social, jornalismo, Maricá, projeto social, trabalho e renda | | Deixe um comentário

Telecentro, agora no Terminal de Itaipuaçu, abre inscrições para cursos gratuitos de informática

Texto: Renata Cruz (edição: Marcelo Moreira)

Estão abertas até o dia 27 deste mês as inscrições para o curso gratuito de informática oferecido pela Prefeitura de Maricá no Telecentro Comunitário – projeto realizado em parceria com o governo federal. O espaço, que agora funciona no Terminal de Itaipuaçu, receberá os cursos a partir de agosto para o público com idades acima de oito anos. As aulas serão realizadas uma vez por semana, com duas horas de duração cada.

Os cursos estão divididos em quatro módulos: Noções Básicas (conhecimentos de Windows), Digitação (técnicas para aprimorar a digitação de textos), BrOffice 1 Word (formatação de textos, imagens e tabelas) e BrOffice 2 Excel e Powerpoint (fórmulas simples, formatação de planilhas, criação de slides e edição de imagens).

Segundo uma das monitoras, Suiane de Souza Lopes, o Terminal de Itaipuaçu foi escolhido para abrigar as aulas por ser um local de fácil acesso. Antes as aulas aconteciam no Barroco.

– Dessa forma fica mais fácil para crianças e idosos chegarem e saírem – explica.

Suiane acrescenta que o programa, oferecido em todo o país, já ajudou muitas pessoas a conseguirem um emprego e terem contato, pela primeira vez, com um computador.

– O público da terceira idade é um dos que mais procura o Telecentro para perder o medo. Eles chegam aqui sem saber nada, mas aprendem rápido – conta a monitora.

Terminal de itaipuaçu (Maricá/RJ), Foto: Rosely Pellegrino

Inscrições

Para fazer inscrição é preciso apresentar um comprovante de residência, CPF e um documento com foto ou certidão de nascimento na Central de Atendimento ao Cidadão, que funciona dentro do Terminal de Itaipuaçu. Mais informações pelo telefone 2638-4982.

Julho 9, 2012 Posted by | cursos, jornalismo, Maricá, projeto educacional | | Deixe um comentário

Arraiá da Casa da 1ª à 3ª Idade de Maricá, em ritmo de alegria

Texto: Leandra Costa | Fotos: Fernando Silva

O casal de noivos Adelizia e Antônio Salgado, que comandaram a grande quadrilha.

Animação e irreverência foram os ingredientes principais do Arraiá da Casa 1ª à 3ª Idade, realizado na noite da última sexta-feira (06/07). O evento reuniu centenas de alunos, além de professores e funcionários, que transformaram o pátio da unidade num verdadeiro “sertão maricaense”.

Muita música, apresentação de dança cigana e quadrilha, com direito a casamento da roça, foram algumas das atrações que contagiaram o público. Os ‘noivos da terceira idade’, Adelizia Rodrigues Salgado e Antônio Sérgio Salgado, eram pura alegria, embalados pelo forró, xote e baião do cantor Celestino e da professora de Canto do Grupo Musical Alegria de Viver, Simone Figalo – responsáveis pelo repertório da festa.

Participantes e funcionários do projeto se divertiram ao som do forró.

Animação embalou a noite de sexta-feira.

Arraiá teve até apresentação de dança cigana.

Sinhozinho alegre e sinhazinha amadinha foram escolhidos num sorteio.

Nilcenir Pereira de Souza, de 56 anos, conhecida na instituição como Sueli, era uma das mais empolgadas durante o arraiá. Do início ao fim da festa, não arredou o pé da pista de dança. “Me sinto como uma criança. Adoro dançar e aqui é o local ideal porque eu estou rodeada de amigos”.

Um dos momentos mais aguardados da festa foi a escolha do casal do arraiá. Por meio de sorteio, Jorge Carvalho Conceição, de 69 anos, foi eleito o sinhozinho alegre. Já a faixa de sinhazinha amadinha foi entregue para a aluna Maria Helena Fernandes dos Santos, de 55 anos, que há um ano e oito meses participa das aulas de hidroginástica, dança de salão, tai chi chuan e alongamento oferecidas pelo projeto.

O projeto

Os interessados em participar das oficinas da Casa da 1ª à 3ª Idade devem se inscrever na sede principal do projeto, que funciona na Rua Clímaco Pereira, no Centro, de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h. Para fazer a inscrição, é necessário apresentar cópias do CPF e RG, comprovante de residência, atestado médico (original e duas cópias) e duas fotos 3X4.

O projeto também conta também, com uma unidade em Itaipuaçu e com sete núcleos (em Bambuí, Guaratiba, Inoã, Itapeba, Ponta Grossa, Ponta Negra e São José de Imbassaí). Atualmente, a instituição atende, gratuitamente, 3.800 pessoas com aulas de dança, lutas, artesanato, inglês, música, yoga, hidroginástica e natação, entre outras atividades físicas e culturais para integração de diferentes gerações.

Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (21) 3731-0589.

Julho 9, 2012 Posted by | Ação Social, assistencia social, cursos, Dança, esportes, jornalismo, Lazer, Maricá, Oficinas, projeto social, saúde, social | | Deixe um comentário

Governo anuncia as 80 cidades selecionadas para o projeto

Brasília

O Ministério das Comunicações divulgou a lista das 80 cidades que serão beneficiadas com o projeto piloto do Programa Cidades Digitais. Por meio dessa iniciativa, o governo federal pretende melhorar a gestão e os serviços dos municípios, além de oferecer pelo menos um ponto de acesso público à banda larga. No Estado do Rio, foram beneficiadas as cidades de Paulo de Frontin e Maricá.

"Queremos contribuir para que o país tenha gestões públicas cada vez mais transparentes. Essa é uma forma de evitarmos inclusive a [prática de] corrupção. Ao mesmo tempo, ajudará na prestação de serviços públicos como marcação de consultas nas unidades públicas de saúde, acompanhamento escolar das crianças que estudam nas escolas públicas e pagamento do IPTU [Imposto Predial e Territorial Urbano] via internet. Além disso, dará maior publicidade às licitações feitas pelas prefeituras", justificou a secretária de Inclusão Digital do ministério, Lygia Pupatto.

Para chegar às 80 cidades escolhidas, a partir de uma lista de 192 municípios, os critérios foram: municípios de até 50 mil habitantes, localizados preferencialmente nas regiões Norte e Nordeste e distantes até 50 quilômetros das redes centrais de internet (backbones), disposição das prefeituras em oferecer equipes para treinamento nas operações da rede, e cidades com menor índice de desenvolvimento.

– Esses critérios visam a diminuir as diferenças de inclusão digital no país, disse a secretária. Neste primeiro momento a cidade terá instalado um anel de fibra ótica ligando pelo menos quatro pontos destinados aos serviços públicos oferecidos pelo município e o ponto de acesso ao público – acrescentou.

Até julho os editais para contratação das empresas integradoras regionais estará concluído. As empresas vencedoras terão a responsabilidade de entregar pronto o anel de fibra ótica já instalado nas cidades. Terão também de treinar funcionários e dar garantia de três anos para os equipamentos adquiridos. Após três anos, a manutenção ficará a cargo das prefeituras.

A região com mais municípios beneficiados é a Nordeste (36). Na região Norte serão 13 cidades e nas regiões Sudeste e Sul serão 15 em cada. A Região Centro-Oeste foi contemplada com apenas uma localidade beneficiada: a Estrutural, uma das regiões administrativas mais pobres de Brasília.

Número de conexões 3G cresce 270% em 2 anos

Em dois anos de implementação do Programa Nacional de Banda Larga (PNBL), a quantidade de usuários da tecnologia 3G cresceu 270%, passando de 15,2 milhões, em maio de 2010, para 56,3 milhões, em maio deste ano. Os dados foram apresentados pelo secretário-executivo do Ministério das Comunicações, Cezar Alvarez, na semana passada. Ele explicou que o PNBL, ao contrário do que muitos imaginam, não se restringe à oferta de internet a preços populares. O programa engloba também a redução das desigualdades regionais e sociais, geração de emprego e renda e competitividade do Brasil no cenário internacional.

De acordo com os dados, a quantidade de cidades brasileiras que contam com o serviço 3G aumentou 232%, passando de 681 municípios para 2.261, entre 2010 e 2012. A base de assinantes da banda larga fixa atingiu o total de 18,7 milhões, salto de 42% em relação a 2010. Apenas em 2011, 6 milhões de domicílios em todo o Brasil passaram a contar com serviço de internet rápida e a meta do governo é cobrir 70% das casas brasileiras até 2015.

Telebras

De acordo com Alvarez, a reativação da Telebras e a venda de capacidade a pequenos provedores locais de internet como uma das principais medidas dinamizaram o mercado. Até o fim deste ano, a rede de fibras ópticas administradas pela Telebras deverá ter 21 mil quilômetros de extensão, cobrindo mais de 2 mil cidades. Para 2014, a expectativa é que essa rede atinja quase 31 mil quilômetros, propiciando cobertura de internet a 4.283 municípios.

A licitação das faixas de 2,5 GHz, para a tecnologia 4G, e da faixa de 450 MHz, para levar telefonia e internet às áreas isoladas do País, também são medidas previstas no PNBL para promover a massificação do acesso à rede mundial de computadores.

Telecentros

A meta de ampliação do número de telecentros e de pontos de acesso livre à rede é instalar quase 3,5 mil novos espaços ainda neste ano, sendo 810 na zona rural. Hoje, há cerca de 6,6 mil telecentros em todo o País.

O MiniCom também está trabalhando para capacitar jovens moradores do campo para o uso das tecnologias da informação e comunicação. Em parceria com 28 instituições federais de Ensino Superior, presentes em 18 unidades da Federação, o ministério quer capacitar 7,5 mil jovens até o próximo ano. O projeto é realizado com apoio da Secretaria Nacional da Juventude da Presidência da República.

Julho 9, 2012 Posted by | jornalismo, projeto social, Telefonia e Internet | Deixe um comentário