Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Folia de Reis no primeiro “Sob o Céu e Sob o Sol” do ano

Texto: Leandra Costa (edição: Marcelo Ambrosio) | Fotos: Divulgação

Primeiro "Sob o Céu, Sob o Sol" do ano será na sexta-feira, Dia de Reis.

A secretaria municipal de Turismo, em parceira com a secretaria de Cultura, realiza uma edição especial do Projeto “Sob o Céu, Sob o Sol de Maricá”, com duas apresentações na Praça Conselheiro Macedo Soares, no Centro da cidade, nesta sexta-feira (04/01).

Na primeira apresentação, às 18h, como tradição do projeto que oferece gratuitamente atividades culturais e de lazer para a população, haverá show de voz e violão de Raul Palmeira, com o melhor da MPB. Durante o evento, o "Trem Bão" (trenzinho turístico) oferecerá passeios a preços populares pelas principais ruas do Centro e as crianças poderão se divertir na cama elástica e no tobogã.

Em seguida, às 20h, comemorando a Folia dos Reis – que segundo a tradição cristã marca a visita dos três Reis Magos ao recém-nascido Jesus Cristo, encerrando assim os festejos natalinos – haverá a apresentação do Grupo Boi dos Cajueiros, idealizado pelo artista Nélio Torres, que celebra o Cavalo Marinho da Paraíba. Inspirado nas características do Boi de Reis da Paraíba, do Bumba-Meu-Boi do Maranhão, de Pernambuco, do Rio de Janeiro e do Boi de Mamão de Santa Catarina, o Grupo Boi dos Cajueiros atua desde 2005 apresentando o trabalho musical e teatral do artista, sobre a história do país.

 Segundo Nélio, o grupo fala sobre a importância de se manter viva a nossa tradição. “O Boi é bem atual, pois mesmo nas sociedades urbanas representa a síntese do espectro de nosso ambiente, que ainda não aprendeu a conviver com os animais que nos rodeiam”, destacou o artista. Nascido em João Pessoa, Nélio lançou, ao longo da carreira, seis CD´s apresentando suas composições.

O grupo já se apresentou em diversos locais do país, como o I Encontro das Culturas, na Baía da Traição (PB), em 2007; na Feira de São Cristóvão (no Rio), em 2008; no IV Encontro Mestres do Mundo e III Seminário Nacional de Culturas Populares, em Juazeiro do Norte (CE), e no Seminário Nacional da Cultura dos Bois no Recife (PE), dentre outros.

O subsecretário municipal de Turismo, Élson Ribeiro, considera o evento como uma excelente oportunidade para divulgar esse tipo de manifestação folclórica tão presente em nossa história. “É uma forma de resgatarmos parte de nossa identidade cultural e repassarmos para as crianças e jovens esse tipo de festejo popular”, explicou o subsecretário, acrescentando que em caso de chuva, o evento será cancelado.

Trem Bão oferecerá passeios pelas principais ruas do Centro da

Anúncios

Janeiro 4, 2013 Posted by | cultura, jornalismo, Lazer, Maricá, musica, turismo | , , , | Deixe um comentário

Manutenção da rede elétrica da Ampla leva prefeitura de Maricá a suspender expediente nesta sexta dia 4 de janeiro

Texto: Rafael Zarôr

Ampla vai realizar um serviço de manutenção na rede elétrica das 9h às 15h

Por conta de um serviço de manutenção da Ampla na rede elétrica, a Prefeitura de Maricá informa que não haverá expediente nesta sexta-feira (04/01). A concessionária irá desligar a energia das 9h às 15h, na Rua Álvares de Castro, no Centro, para realizar o serviço.

Neste período, a central da prefeitura, localizada no Paço Municipal e que abastece os rádios transmissores de internet sem fio pelo sistema wireless no Centro, Inoã, Itaipuaçu e São José do Imbassaí, estará desligada.

Janeiro 4, 2013 Posted by | Energia, jornalismo, Maricá | | Deixe um comentário

Blocos de carnaval fazem primeira reunião com a prefeitura de Maricá

Texto: Jorge André | Fotos: Clarildo Menezes

Depois do Réveillon, é hora de começar a planejar outra grande festa: o Carnaval. A secretaria municipal de Turismo e Lazer recebeu, na tarde desta quarta-feira (02/01), na Casa Digital, cerca de 30 representantes de blocos carnavalescos de diversos bairros da cidade para discutir as mudanças na maior festa popular da cidade. A reunião foi liderada pelo secretário municipal de Turismo, Amaury Vicente, e pelo subsecretário, Elson Ribeiro. Marcaram presença também representantes da Casa da 1ª a 3ª Idade e a representando a secretaria de Saúde, através do Programa de DST/Aids, Cláudia Rodrigues.

Élson Ribeiro adiantou que uma das preocupações da prefeitura para o carnaval de 2013 é quanto ao roteiro dos blocos. Foram distribuídas fichas para que os representantes de cada agremiação repassem à secretaria os locais onde serão realizados os desfiles e qual o horário. A partir daí a prefeitura poderá organizar da melhor forma a distribuição dos trios elétricos que disponibilizará aos blocos para animar a folia. Desta forma também outras secretarias, como transporte e segurança, poderão se programar.

O secretário Amaury Vicente anunciou que se reunirá nesta quinta-feira (03/01) com representantes de uma cervejaria para discutir um possível apoio na realização das festividades. “Vamos mostrar a eles quanto do produto deles poderá ser consumido e, a partir disso, pediremos uma contrapartida”, afirmou. O secretário sugeriu ainda que os blocos façam ensaios pré-carnavalescos como forma de angariar fundos para a realização da festa, destacando a dificuldade em conseguir apoio com o comércio local – o Gaviões de Itaipuaçu já divulgou o Itaipuaçu Folia, no dia 2 de fevereiro. Também recomendou a criação de uma associação para representar os blocos.

Em relação aos blocos que vendem abadás e, em troca, o folião consome bebidas à vontade, Amaury Vicente lembrou que é preciso ter prudência por conta da proibição legal de venda de bebidas as menores. E foi enfático também ao lembrar de acidentes ocorridos durante os desfiles: “Os organizadores dos blocos não podem permitir o acesso aos trios de pessoas sem função”.

Cláudia Rodrigues colocou o Programa de DST/Aids à disposição dos blocos – “Os interessados podem ir ao hospital Conde Modesto Leal, a partir de fevereiro, para solicitar preservativos para serem distribuídos durante o desfile”, afirmou. A secretaria de Turismo será informada quando os preservativos estarão liberados e repassará aos representantes das agremiações.

Janeiro 4, 2013 Posted by | Carnaval 2013 em Maricá, jornalismo, Lazer, manifestação popular, Maricá, turismo | Deixe um comentário

Prefeito de Maricá toma posse reafirmando as bandeiras do segundo mandato

Texto: Leandra Costa e Marcelo Moreira (edição: Marcelo Ambrosio) Fotos: Paulo Polônio e Rosely Pellegrino

735176_394184647332988_846939087_n[2]  O Prefeito de Maricá Washington Quaquá acompanhado da primeira dama Rosangela Zeidan (esq.) , vice-prefeito Marcos Ribeiro e sua esposa e Secretária Municipal de Educação Marta Quinan, e vereadores Chiquinho, Robson Dutra, Aldair de Linda, Fabiano Horta, Bubute (com seu filho), Helter Ferreira, Frank Costa, Bidi, Tatai, Filipe Bittencourt e Adelson Pereira, na cerimônia da posse. (foto: Paulo Polonio)

“Vamos reunir 70 mil assinaturas em um abaixo-assinado na cidade para exigir o batalhão da PM, pressionar a Cedae para investir em água e acabar com o monopólio no transporte público”, declarou o prefeito o prefeito de Maricá em seu discurso de posse”

Na noite da posse como prefeito reeleito de Maricá – numa cerimônia que também empossou o vice-prefeito Marcos Ribeiro e os vereadores da cidade na primeira sessão solene da Câmara em 2013 – Washington Quaquá adiantou algumas medidas práticas para impulsionar as três bandeiras que irão nortear o primeiro ano de seu novo mandato, anunciadas publicamente há 15 dias.

537790_394191790665607_957701822_n[1] Prefeito de Maricá Washington Quaquá e a primeira dama Rosangela Zeidan (foto: Paulo Polônio)

Mesa solene de posse dos eleitos em Maricá para o mandato de 2013.2016

DSCF2306DSCF2318

71623_394188827332570_1863681156_n

DSCF2321 Público presente na posse do Prefeito de Maricá, vice e vereadores

Para uma plateia de duas mil pessoas, reunida na noite de ontem (01/01) no ginásio esportivo Lúcio Feteirado Colégio Cenecista, no Centro, Quaquá anunciou as primeiras ações em torno da instalação de um batalhão da PM na cidade, da ampliação de oferta de água encanada e do fim do monopólio do transporte coletivo no município: “Vamos mobilizar a Câmara e a população e preparar um abaixo-assinado com pelo menos 70 mil assinaturas. É com esse instrumento que iremos sensibilizar o governador Sérgio Cabral, o Ministério Público e as autoridades necessárias para exigir a instalação do Batalhão da PM e as outras coisas”, declarou Quaquá. “Maricá possui a segunda maior taxa de crescimento do estado, com mais de 135 mil habitantes. E temos apenas um efetivo de 30 policiais. Isso é uma irresponsabilidade”, enfatizou.

O prefeito também explicou que os investimentos para levar água a Inoã e Itaipuaçu (obras que já estão em andamento) foram fruto de pressão do seu primeiro governo contra a Cedae, já que pelo contrato denunciado por ele como "criminoso", a empresa tinha 18 anos para cumprir essa meta. “A Cedae precisa acelerar os investimentos previstos no contrato de concessão que a penúltima Câmara aprovou no apagar das luzes de 2008, menos de três meses antes de eu assumir a prefeitura. Se a Cedae não começar a resolver em seis meses o problema da falta de água em Maricá, nós vamos encampar a Cedae”, afirmou, revelando também que já tem entendimentos com grupos nacionais e estrangeiros que podem investir no serviço a partir de uma concessão. "É o mesmo caso do que foi feito em Niterói", lembrou.

Sobre a situação do transporte público, o prefeito declarou: “Sabemos que novas empresas de ônibus têm interesse em vir para cá prestar um serviço de qualidade. A licitação de novas linhas de ônibus intermunicipais não depende do prefeito, mas essa foi uma promessa do governador para mim e vamos cobrá-lo”. Segundo ele, há duas novas linhas saindo da cidade em direção ao Rio, mas a empresa não consegue autorização para operar por pressão da atual concessionária. Washington Quaquá também determinou um rigor total da secretaria de Transportes na fiscalização: "Se a empresa proíbe os motoristas de transportarem estudantes e idosos, vai ser multada. Se o ônibus quebrar na rua, vai ser multada também", afirmou, anunciando um choque de gestão no terminal rodoviário do Centro. "O terminal tem de ser administrado e controlado pela Prefeitura, não pela empresa".

Quaquá toma posse e reafirma bandeiras do segundo mandato.

Parceria com a Câmara e busca por investimentos

Por fim, o prefeito ressaltou a composição da nova Câmara de Vereadores, dizendo que agora terá a seu lado um grupo comprometido com o desenvolvimento da cidade. “O ano de 2013 será especial para Maricá. Será o ano da construção do novo Hospital Municipal Ernesto Che Guevara, do Polo Naval, do Instituto Federal Fluminense, de uma nova unidade do SENAI, dentre outros projetos já em execução, como a entrega das primeiras casas populares do programa federal Minha Casa, Minha Vida”, disse.

Quaquá também destacou como meta para sua próxima gestão a privatização do aeroporto, a implantação do Complexo Turístico da Restinga, a Praia da Terceira Idade e a construção da Orla de Barra de Maricá, Itaipuaçu e da Marina em Ponta Negra. “Queremos o desenvolvimento de nossa cidade, mas com a participação ativa do povo em todas as nossas lutas e com a garantia de que o desenvolvimento seja sustentável”. Para ele, o combate ao poder das elites que dominaram o município por décadas se faz através desse processo. "Poder econômico se combate com poder econômico. Estou trazendo investidores de fora e a presença deles reduz a importância dos coronéis locais definitivamente".

Novo secretariado

O prefeito anunciou os secretários que irão compor sua equipe de trabalho: Kleber Ottero (Chefia de Gabinete); Maria Inez Pucello (Procuradoria); Jorge Castor (Ouvidoria); Max Aguiar (Administração); Alessandro Terra Paes (Ambiente); Paulo Fatigati (Articulação Política); Laura Maria Vieira da Costa(Assistência Social); Fabiano de Mello Filho (Assuntos Federativos); Paulo Maurício Duarte de Carvalho (Conservação); Joab Santana (Controle Interno); Sérgio Mesquita (Cultura); Lourival Casula Filho (Desenvolvimento); Direitos Humanos (Miguel Moraes); Marta de Mello Quinan (Educação); Shirlene de Barros (Energia); Leonardo Souza da Silva (Esportes); Márcio Leite (Executiva); Roberto Ataide Santiago (Fazenda); Conceição Denise Fortes (Idoso); Fernando Rodovalho (Obras); Rubem Pereira (Pesca); Sérgio Luis de Souza (Religiosidade); Janete Valadão (Saúde); Fabricio Soares Bittencourt (Segurança); Rosana Horta (Trabalho); Leandro Costa (Transporte); Amaury Vicente (Turismo); e Urbanismo (Celso Cabral Nunes).

Mesa Diretora da Casa Legislativa

Os 11 vereadores eleitos elegeram por unanimidade a Mesa Diretora da Câmara Legislativa para o biênio 2013 a 2014: Fabiano Taques Horta, eleito o presidente da casa; Aldair Nunes Elias (Aldair de Linda) vice-presidente; Filipe Dias Bittencourt, secretário; e Adailton Pereira da Costa Filho (Bubute), 2º secretário.

DSCF2302

Além desses, foram empossados: Adelso Pereira, Ademilton da Silva Diniz (Tatai), Alcebíades Machado Filho (Bidi), Frank Francisco Fonseca da Costa, Helter Viana Ferreira de Almeida, Robson Dutra da Silva, Valdevino Costa da Silva (Chiquinho).

DSCF2331 O presidente eleito da Câmara de Vereadores Fabiano Horta destacou a importância da transparência dos trabalhos realizados pelo legislativo. “Reafirmo o compromisso público de abertura da casa para possibilitar a participação do povo. Temos que falar direto com a população aproximando a Câmara da sociedade maricaense”, destacou o presidente.

Janeiro 4, 2013 Posted by | Eleições 2012, jornalismo, Maricá, política | , , , , , | Deixe um comentário

Cerca de 50 mil pessoas festejaram o ano novo em Maricá

Texto: Rafael Zarôr | Fotos: Fernando Silva e Paulo Polônio

O sambista Claudinho Guimarães comandou a festa de réveillon na praia da Barra de Maricá

  Estimativa da prefeitura é que 100 mil turistas aproveitaram o feriado na cidade – Foto: Paulo Polônio

Uma grande festa com shows gratuitos e a tradicional queima de fogos animou o réveillon em Maricá. Cerca de 50 mil pessoas, segundo a Secretaria Municipal de Turismo, festejaram a virada do ano nos oito palcos (três em Itaipuaçu e os demais espalhados por bairros do município) montados pela prefeitura. A festa da paz também reuniu moradores e muitas famílias de outras cidades, que comemoraram a chegada de 2013 embalados por samba, axé, forró e música sertaneja. A secretaria calcula que o feriado prolongado e a programação levaram em torno de 100 mil turistas à cidade.

Durante a festa de ano novo, nenhum incidente grave foi registrado pelas equipes das secretarias de Saúde e Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros. De acordo com as equipes de plantão do Samu, 36 atendimentos médicos foram realizados na virada do ano, a maioria por uso excessivo de álcool.

Os shows gratuitos foram realizados em Itaipuaçu (Rua 1, Rua 83 e Recanto), Barra de Maricá, Cordeirinho, Ponta Negra, São José do Imbassaí e Santa Paula. A festa este ano contou com bandas da região como Tatudoemcasa, Sakulejo, Carnaval Folia, Me Puxa, Fulia do Pimenta, Conexão Balanço, Samba Pontocom, Garotos 100 Preconceito, Vetter, além dos cantores Claudinho Guimarães e Amarildo Moreno.

No feriado prolongado do réveillon, as equipes da Defesa Civil resgataram no sábado (30/12) o corpo de um pescador que morreu após cair e bater a cabeça nas pedras do arquipélago das Ilhas Maricás, em Itaipuaçu. Segundo o coronel Jorge Braga, subsecretário de Defesa Civil, a vítima se desequilibrou durante uma pescaria e não resistiu aos ferimentos.

Estimativa da prefeitura é que 100 mil turistas aproveitaram o feriado na cidade – Foto: Paulo Polônio

Tradicional queima de fogos foi realizada em seis bairros – Foto: Fernando Silva

O axé da Banda Me Puxa animou o público em Barra de Maricá – Foto: Paulo Polônio

Público vibrou com queima de fogos na cidade – Foto: Fernando Silva

Janeiro 4, 2013 Posted by | jornalismo, Lazer, Maricá, Reveillon 2012/2013, turismo | , | 2 comentários