Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Nota do prefeito de Maricá Washington Quaquá sobre Carnaval de 2014

A Câmara Municipal de Maricá aprovou nesta quarta-feira (27/03), em segunda e última votação, a lei que autoriza a subvenção do município ao Carnaval da Escola de Samba Acadêmicos do Grande Rio. Leia em seguida a nota do prefeito Washington Quaquá sobre a aprovação:

“A lei permitirá que o potencial turístico de Maricá seja visto e avaliado por um público superior a 1 bilhão de espectadores, no Brasil e em quase 200 países para os quais o desfile das escolas de samba do Grupo Especial é transmitido. Ou seja, o investimento é mais que justificado e faz parte de uma estratégia do governo municipal voltada para vender ainda mais a imagem da cidade no Brasil e no exterior, o que já vem atraindo grandes investimentos e gerado empregos no município.

Levantamento feito por especialistas de mídia para a Prefeitura apontam que, para cada real aplicado na escola, o retorno em imagem (pelo tempo de exposição) representa outros 12,6 – de R$ 3 milhões gastos, para R$ 38 milhões em equivalência na mídia.

Para o momento em que a cidade se encontra, chamando a atenção pelo seu enorme potencial para a implantação de projetos geradores de emprego, renda e com sustentabilidade, a exposição contínua, em horário nobre, é um aporte mais do que proveitoso. É através dessa estratégia que o município está recebendo investimentos como o do porto, ou da construção do shopping-center, ou ainda hotéis, resorts, lojas de grandes marcas, indústrias e grifes imobiliárias de grande porte, etc.

A partir desse instrumento legal, a Prefeitura fará um investimento da ordem de R$ 3 milhões no desenvolvimento do enredo, recursos esses que não virão da verba de repasse de royalties ou de qualquer outra pasta prioritária para a administração, como Saúde e Educação – que mereceram no orçamento de 2013 um volume de recursos em média 30% maior. O aporte – que é uma forma legítima de alavancar o interesse de investidores externos para aplicação no município – tem retorno garantido e mais do que comprovado.

Vale dizer que nosso investimento, que tornará a cidade conhecida em todo o mundo, é apenas um grão de areia diante dos que estão sendo realizados no município: no tratamento de esgoto serão aplicados R$ 93 milhões já em início e mais R$ 150 milhões do novo PAC, no tratamento e distribuição de água serão R$ 78 milhões em fase final e mais R$ 200 milhões do novo PAC, na construção do novo hospital municipal serão aplicados outros R$ 20 milhões, há R$ 40 milhões do orçamento para a Saúde este ano, outros R$ 80 milhões para a Educação, R$ 40 milhões para a pavimentação. Enfim, é uma cidade que investe nas diversas áreas, cresce e aparece para o mundo graças à ousadia do seu governo municipal”.

Rafael Zarôr

FSB COMUNICAÇÕES

Anúncios

Março 28, 2013 Posted by | Carnaval, jornalismo | , | Deixe um comentário

Nesta quinta-feira 28.03: “Edição especial no aniversário de um ano do “Sob o Céu, Sob o Sol de Maricá”

Texto: Leandra Costa (edição: Marcelo Ambrosio)

Edição comemorativa de aniversário nesta quinta-feira 28 de maço.

A secretaria municipal de Turismo e Lazer preparou uma edição especial, nesta quinta-feira (28/03) em comemoração ao primeiro aniversário do projeto “Sob o Céu, Sob o Sol de Maricá”, que há um ano oferece gratuitamente shows de artistas locais em diversas praças da cidade.

O evento será realizado a partir das 17h, na praça Orlando de Barros Pimentel , no Centro. O público poderá conferir as apresentações de Ricardo Agura e Roberta Tílio, Edy Baiano, Geanne Mello e Raphael do Cavaco, Jô Borges e Aldo Correa, e Garotos Sem Preconceito com participação do cantor Manhoso.

Além da música, o evento contará com brinquedos para as crianças e a presença do trenzinho turístico (Trem Bão), circulando pelas principais ruas do Centro. Realizado desde março de 2012, o projeto “Sob o Céu, Sob o Sol de Maricá” funciona como um happy hour, movimentando as praças da cidade com música de qualidade.

Março 27, 2013 Posted by | jornalismo, Lazer, Maricá, musica, shows e eventos | 1 Comentário

Fernanda Abreu e Bateria da Grande Rio se apresentam em Maricá no Sábado de Aleluia

Texto: Rafael Zarôr | Fotos: Divulgação

Fernanda Abreu apresenta sucessos da carreira em um show gratuito na Praça Orlando de Barros Pimentel

Evento marca início do projeto "Feijoada da Grande Rio em Maricá", que será realizado uma vez por mês

A cantora Fernanda Abreu faz um show especial em Maricá no Sábado de Aleluia (30/03). A carioca vai levantar o público, a partir das 23h, com sua mistura de samba, disco, rap e funk. O show gratuito é organizado pela secretaria municipal de Turismo e acontece na Praça Orlando de Barros Pimentel, no Centro.

Fernanda Abreu fez parte da primeira formação da Blitz, em 1982, e vai colocar a cidade para ferver com os sucessos “Rio 40 graus”, “Kátia Flávia, a Godiva de Irajá”, “É hoje”, “Garota sangue bom”, “Veneno da Lata”, entre outros rits.

No show de abertura, a bateria da Escola de Samba Acadêmicos do Grande Rio traz o som da Marquês de Sapucaí para Maricá. A partir das 21h, ritmistas e passistas irão apresentar sambas-enredo consagrados da escola de Duque de Caxias e de outras agremiações do Carnaval carioca. Em 2014, a escola da Baixada Fluminense vai contar na “avenida” os 200 anos de história de Maricá.

Samba e feijoada

O evento do dia 30 marca a estreia do projeto “Feijoada da Grande Rio em Maricá”, organizado pela secretaria de Turismo. Uma vez por mês, integrantes da bateria da escola de Duque de Caxias farão uma apresentação na cidade, sempre na Praça Orlando de Barros Pimentel. Durante o dia, rodas de samba serão realizadas por cantores locais na mesma praça, no Centro, esquentando os shows da noite. Além da bateria da Grande Rio, o evento contará com um convidado especial a cada mês.

"A intenção é trazer um grande show todo mês para Maricá, com abertura da bateria da Grande Rio para abrilhantar a noite”, declarou o secretário Amaury Vicente, acrescentando que bares, restaurantes e barracas credenciadas no entorno da praça irão servir a famosa feijoada a partir das 12h.

Samba di Buteco

A programação da Semana Santa inclui ainda mais uma edição do projeto “Samba di Buteco”, da secretaria municipal de Turismo. No domingo de Páscoa (31/03), o cantor Claudinho Guimarães e a banda Feijão com Arroz comandam a roda de samba na Praça Orlando de Barros Pimentel, a partir das 17h.

Projeto "Samba di Buteco" é a atração do domingo de Páscoa

Março 27, 2013 Posted by | jornalismo, Lazer, Maricá, shows e eventos | | Deixe um comentário

Estado e Assistência Social acertam últimos detalhes para "mobilização da cidadania"

Texto: Leandra Costa (edição: Marcelo Ambrosio) | Fotos: Fernando Silva

Representante do Estado cita como prioridade a busca ativa de pessoas sem registro civil.

Ação será realizada no dia 27/04 em Itaipuaçu com emissão gratuita de diversos documentos

O governo do Estado e a prefeitura de Maricá, por meio da secretaria municipal de Assistência Social, definiram, na manhã desta terça-feira (26/03), na Casa Digital, os últimos detalhes para o mutirão da cidadania que será realizado na cidade no dia 27 de abril. O objetivo principal do evento será emitir gratuitamente para a população alguns documentos básicos, como registro civil, carteira de identidade, CPF e certificado de reservista. A ação, que prevê a parceira de órgãos como Caixa Econômica Federal, cartório civil, OAB e Defensoria Pública será realizada na Escola Municipal João Monteiro, em Itaipuaçu, das 9h às 14h.

A secretária municipal de Assistência Social, Laura Maria Vieira da Costa, destacou a importância deste primeiro mutirão em Itaipuaçu. “Lá é o local de maior incidência de subregistro, inclusive o hereditário, aquele em que toda a família não possui nenhuma documentação. Por isso, é necessário irmos ao encontro dessas pessoas para garantir a elas o direito à cidadania plena”, explicou a secretária.

Segundo Laura, já estão confirmados os seguintes serviços gratuitos: emissão de registro civil, primeira e segunda vias de carteira de identidade, CPF, certificado de reservista e carteira de trabalho, além de cadastro em vagas de emprego por intermédio do Sine (Serviço Nacional de Emprego) e programas sociais como CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais), Bolsa Família, Rio Card especial e sênior, dentre outros. A secretaria de Assistência Social já estabeleceu contato com o Cartório Eleitoral (para a emissão do Título de Eleitor) e da Previdência Social (para emissão do NIS – Número de Inscrição Social), mas ainda não foram confirmadas as presenças desses órgãos.

A representante da secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos e gestora do projeto "Erradicação do Subregisro Civil de Nascimento e Ampliação do Acesso à Documentação Básica no Estado do Rio de Janeiro" Tula Vieira Brasileiro, destacou que é importante oferecer esses serviços, mas que o foco da mobilização deve priorizar a busca ativa pelas famílias sem certidão de nascimento. “Nossa prioridade é diminuir o número de pessoas sem registro civil, por isso é necessário que todos se engajem para diagnosticar quem são essas famílias”.

No encontro, também foi discutida a criação de um órgão municipal, com participação de membros do governo e da sociedade civil, para planejar ações e elaborar novas políticas públicas que facilitem o acesso da população aos documentos básicos. A secretária Laura apresentou um projeto de criação do Comitê Gestor Municipal de Políticas de Erradicação do Subregistro Civil de Nascimento e Ampliação do Acesso à documentação Básica. Em fase final de elaboração, o projeto será encaminhado ao executivo e, em seguida, para a Câmara dos Vereadores. Segundo Tula, apenas o município de Magé já implantou uma comissão como a que Maricá está prestes a criar.

Representantes definem detalhes do mutirão da cidadania em Itaipuaçu.

Secretária de Assistência Social destacou a necessidade de ações que garantam à população o acesso aos documentos básicos.

Março 27, 2013 Posted by | assistencia social, jornalismo, Maricá | Deixe um comentário

Maricá assina Termo de Cooperação Técnica com a CEF

Texto: Fernando Uchôa | Fotos: Fernando Silva

A Prefeitura de Maricá, através da Secretaria Municipal de Assuntos Federativos, assinou nesta terça-feira (26/03), um termo de cooperação técnica com a Caixa Econômica Federal (CEF). O documento dá mais agilidade aos repasses federais que tenham o agente financeiro como gestor. O projeto Representante CEF foi implantado em Niterói em novembro de 2012 e oficializado em nove dos 21 municípios fluminenses com mais de 100 mil habitantes. A representante em Maricá será a executiva Alice Aciolli e o setor funcionará na Secretaria Municipal de Assuntos Federativos. O termo de cooperação técnica inclui um plano de trabalho anual para atender projetos em andamento, tabela de redução de cláusulas suspensivas e ações efetivas para agilização de prazos, entre outros.

Para os executivos da CEF, Maricá foi a cidade que deu retorno em menor tempo aos seus projetos. “A digitalização da atividade administrativa facilitou em muito a parceria, dando uma resposta de qualidade, eficiência e excelência às nossas expectativas”, afirmou a gerente regional da CEF Leste Fluminense, Valéria Mendes.

Segundo o secretário de Assuntos Federativos, Fabiano Filho, a assinatura do acordo trará enorme ganho em agilidade para Maricá. “É o caso do projeto do novo hospital municipal Ernesto Che Guevara, que será construído com recursos do Ministério da Saúde, repassados pela CEF, e com contrapartida municipal”, afirmou. “Já iniciamos a terraplanagem, e, com a liberação dos recursos federais, além dos royalties, concluiremos a obra rigorosamente dentro do prazo previsto, entregando um hospital público amplo e moderno, com maior capacidade de leitos e serviços, como a população merece”, completou.

Março 27, 2013 Posted by | jornalismo, Maricá | Deixe um comentário

Sine Maricá oferece vagas de emprego

Texto: Leandra Costa (edição: Marcelo Ambrosio) | Fotos: Divulgação

Sine oferece novas vagas de emprego para contratação imediata.

O Serviço Nacional de Emprego (Sine) de Maricá, administrado pela secretaria municipal de Trabalho e Emprego, oferece três vagas de emprego para contratação imediata. São duas para auxiliar de serviços gerais e uma para piscineiro (profissional que cuida de piscinas).

Como pré-requisito, os interessados devem possuir Ensino Fundamental e ter entre 23 a 45 anos. As vagas para o cargo de auxiliar de serviços gerais são uma para o sexo masculino e a outra para o feminino. O salário é de R$ 736,00, além de vale transporte e vale alimentação no valor de R$ 10,00 (com exceção de sábados).

Já a vaga de piscineiro é destinada para o sexo masculino. O trabalho deve ser realizado durante três dias por semana. A remuneração é de R$ 780,00.

Os candidatos devem procurar o Sine de Maricá, localizado no térreo da prefeitura (Rua Álvares de Castro nº 346 – Centro), às 10h30, desta quarta-feira (27/03), com os seguintes documentos: RG, CPF, Carteira de Trabalho e comprovante de residência.

Março 27, 2013 Posted by | jornalismo, Maricá, Oportunidades de Negócios | 1 Comentário

Cineclube Henfil da Casa de Cultura de Maricá mostra para alunos as torturas sofridas na ditadura

Texto: Valéria Vianna

O Cineclube Henfil da Casa de Cultura de Maricá  recebeu, na tarde desta quinta-feira (14.03), alunos do 9º ano do C.E.M. Joana Benedicta Rangel para assistirem ao filme “Quanto durou 21 anos”. A sessão foi precedida pelo microdocumentário “Golpe de 64” com o intuito de trazer o clima político de então à mente dos jovens. Ambos abordam as torturas e a censura impingidas pelos governos militares à esquerda brasileira.

Após o término da película, o professor de História Egídio Carneiro Alves elogiou a iniciativa da secretaria, ressaltando a importância de atividades extraclasse para a turma: “Isto permite a eles uma bagagem do que foi a ditadura que, quando eu chegar a esse ponto da matéria, vai agilizar bastante. Eles adoraram e já estão pedindo para ver mais filmes”, festejou.

Imagem 147 Elisa Barbosa, de 14 anos, comentou a sensação de tomar conhecimento das formas de torturas e a surpresa em saber que os presidentes militares praticavam corrupção. “Pensava que, por serem militares, não eram corruptos. Também me chocou ver um homem no pau-de-arara”, disse.

Imagem 154 João Victor, também 14 anos, ficou fã de Jango e ressaltou “a liberdade de expressão” de que hoje gozamos, mas que foi tirada dos jovens nessa época de maneira covarde.

DSCF5429DSCF5430

Alunos da turma 825 do CEM Joana Benedicta Rangel também assistiram ao filme

DSCF5437DSCF5439

O secretário municipal de Cultura, Sérgio Mesquita, mostrou-se satisfeito com o link produtivo entre o cineclube e a Educação e espera poder proporcionar mais eventos que aproximem cada vez mais as duas secretarias.

Março 26, 2013 Posted by | cultura, Educação, jornalismo, Lazer, Maricá, projeto cultural | | Deixe um comentário

Os Subversivos levam Arte e Cultura para a praça de Maricá

Fonte do texto: Priscila Correa, editado por Rosely Pellegrino, fotos: Clarildo Menezes, Sérgio Mesquita e Rosely Pellegrino

A Prefeitura Municipal de Maricá apresentou neste domingo, dia 24 de março o evento Os Subversivos, que mobilizou a juventude no Anfiteatro da Praça Orlando de Barros Pimentel.

Resultado da parceria entre a Secretaria Municipal de Cultura e a Superintendência de Juventude da Secretaria de Direitos Humanos de Maricá , Os Subversivos integrou o projeto Golpe de 64 -  a História que não foi contada, com objetivo de relembrar e adaptar para o os dias atuais, através da Arte e da Cultura o que foi a ditadura militar no nosso país. 

DSCF2480DSCF2483

A apresentação ficou por conta de André Cabeça e Jotinhaos que anunciaram ao publico as apresentações de Graffiti, Rap, Batalha de Mc`s e muita música.

24657_4722636551450_1699740800_n481935_4722632071338_2108451812_n261371_4722633231367_272198623_n392604_4722632631352_1620011333_n549859_4722634631402_90228249_n

A juventude tomou conta do anfiteatro e aplaudiu rappers convidados do Rio de Janeiro e de São Gonçalo, destacando as presenças de Liink, Show da BF, Mc Revolução, Passo a Frente, entre outros.

DSCF2489DSCF2490DSCF2491DSCF2496DSCF2500

Nas intervenções de graffiti e nas batalhas, estiveram presentes representando as referidas áreas, graffiteiros artistas do  próprio município Igor Paulista, Will e Biel. Na Batalha de MC’S os grandes vencedores foram ATL e Colado.

DSCF2501DSCF2502DSCF2503DSCF2505DSCF2507DSCF2508DSCF2519DSCF2510DSCF2512DSCF2513DSCF2514 O Secretário Muniipal de Cultura de Maricá, Sérgio Mesquita prestigiou o evento e elogiou a qualidade do trabalho realizado pelos jovens.

Fechando com chave de ouro o domingo criativo, dinâmico e cultural para os jovens Maricaenses, todos cantaram e dançaram ao som das bandas Ideias Fluintes e Euphonica, também de Maricá.

Fonte do texto: Priscila Correa  Editado por Rosely Pellegrino

Março 26, 2013 Posted by | arte, cultura, jornalismo, Lazer, Maricá, musica, projeto cultural | Deixe um comentário

Grupo Latex apresenta Nelson Rodrigues com sucesso em Maricá

texto: Izabel Oliveira, fotos: Rosely Pellegrino, Paulo Polônio e Sergio Mesquita

A quadra do Joana Benedicta ficou lotada durante apresentação do espetáculo, escrito por Nelson Rodrigues, em 1973

A quadra do Colégio Joana Benedicta Rangel, no Centro, lotou durante apresentação do espetáculo teatral Anti-Nelson Rodrigues, com o grupo Látex, no último sábado (23/03). Em cena, os atores Perceu Silva, Lisia Garcia, Adalmir Cardoso, Virginia Monteiro e Paulo Garcêz empolgaram a plateia ao dar vida aos personagens típicos de Nelson Rodrigues, como a mãe apaixonada pelo filho, o pai odiado pelo filho, a mocinha que não é tão pura assim. Escrita por Nelson, em 1973, a peça reuniu as duas paixões do dramaturgo: o teatro e o futebol. A direção do espetáculo é de Pablito Torres.

DSCF2318DSCF2304DSCF2331DSCF2325

DSCF2383DSCF2315

A apresentação foi vista por alunos de escolas públicas da cidade, professores, artistas, do Secretário Municipal de Cultura, Sergio Mesquita, o Presidente da Câmara de Vereadores, Fabiano Horta, da Subsecretária da Secretaria de Educação, Andréa Cunha e muitos amigos da arte do teatro.

DSCF2393DSCF2401DSCF2406DSCF2408 O presidente da Câmara Municipal de Maricá, Fabiano Horta, prestigiou a apresentação, e parabenizou o amigo Perceu, que recebeu inúmeros elogios pela qualidade do trabalho apresentado.

 DSCF2409O Secretário Municipal de Cultura de Maricá, Sérgio Mesquita, sua equipe, a Subsecretária de Educação Andrea Cunha, e inúmeros amigos marcaram presença e aplaudiram o espetáculo Anti-Nelson Rodrigues

DSCF2330O ator Perceu Silva, que interpreta o personagem Osvaldinho, agradeceu a presença do público e disse que o grupo Látex é a junção de dois grupos, de Maricá e de Cachoeiras de Macacu. "Somos apaixonados por teatro e atuamos nessas duas cidades. Também agradecemos o apoio das prefeituras de Maricá e de Cachoeiras", falou.

Essa é mais uma conquista do Látex, que pelo segundo ano foi selecionado pela Secretaria Estadual de Cultura para participar do Festival Novas Cenas.

Para quem não viu Anti-Nelson Rodrigues em Maricá, ainda dá tempo. O grupo segue com apresentações no próximo sábado (30/03), em Rio Bonito, no Espaço Cultural Lona na Lua e no dia 07/04, no Teatro Glaucio Gil, em Copacabana.

Março 25, 2013 Posted by | cultura, jornalismo, Lazer, Maricá, Teatro | , | Deixe um comentário

“De Mãos Dadas” e “Cidadão Boilesen” esta semana no Projeto Cultural Golpe de 64

Texto: Leandra Costa (edição: Marcelo Ambrosio) | Fotos: Divulgação

“Cidadão Boilesen" será exibido nesta quinta-feira, às 19h, na Universidade Severino Sombra.

Inserida na programação do projeto cultural “Golpe de 64 – A História que não foi contada”, realizada ao longo do mês de março, a secretaria municipal de Cultura exibe nesta semana os documentários “De Mãos Dadas”, no dia 27/03, e “Cidadão Boilesen”, no dia 28/03, a partir das 19h, na a Universidade Severino Sombra. As duas apresentações serão acompanhadas de debates.

O documentário “De Mãos Dadas” de André Lázaro, retrata o período de luta pela anistia a presos políticos por ocasião das prisões de integrantes do MEP (Movimento pela Emancipação do Proletariado), ocorridas no Rio de Janeiro em 1978, exibindo denúncias de tortura e cenas gravadas na ABI (Associação Brasileira de Imprensa) durante uma grande manifestação. Após a exibição, o doutor em Comunicação e Cultura e professor André Lazaro fará uma explanação sobre movimentos políticos populares. André também acompanhou e filmou muitos dos momentos da campanha "Diretas Já" – mobilização suprapartidária nacional em 1983-1984 pelo fim da eleição presidencial indireta, com base na chamada Emenda Dante de Oliveira.

Já na quinta-feira, dia 28/03, haverá a exibição do documentário “Cidadão Boilesen”, de Chaim Litevsky, que reconstitui a vida e o assassinato do empresário dinamarquês naturalizado brasileiro Henning Albert Boilesen (1916-1971), revelando seu envolvimento com a repressão política através da Operação Bandeirantes (Oban), esquema da qual setores do empresariado de direita financiavam o aparato de segurança do Estado. Para debater o tema, o ex-integrante da Ação Libertadora Nacional (ALN), Carlos Eugênio Clemente, vai abordar sua experiência de 15 anos na luta armada ao lado de Carlos Marighella, expoente político da esquerda e um dos principais organizadores da resistência contra o regime, tendo sido considerado o inimigo "número um” da ditadura militar.

Para o Secretário Municipal de Cultura, Sérgio Mesquita, o projeto tem o intuito de apresentar um dos mais importantes episódios da história brasileira recente e incentivar a reflexão sobre as causas e consequências do golpe de 64. “Nosso objetivo é permitir que a população conheça melhor, questione e forme suas opiniões sobre um tipo de regime de governo vivido no país por décadas e que é responsável diretamente pelo que somos hoje”, destacou o secretário.

Março 25, 2013 Posted by | cultura, jornalismo, Lazer, Maricá | | Deixe um comentário