Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Prefeitura de Maricá convoca para audiência pública sobre Plano Diretor e uso do solo

Texto: Marcelo Ambrosio | Fotos: Clarildo Menezes

Audiência pública vai colher sugestões da sociedade civil organizada para alterar o Plano Diretor da cidade

As secretarias municipais de Desenvolvimento Urbano e de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Petróleo de Maricá convidam o público em geral, bem como as entidades representativas da sociedade civil e demais interessados, para a audiência pública que será realizada nesta terça-feira (14/05), na quadra do Esporte Clube Maricá, no Centro. A audiência está marcada para começar às 17h30, com a apresentação da finalidade e o esclarecimento das questões e será seguida de um debate.

O objetivo do evento é colher subsídios e sugestões para as alterações necessárias no Plano Diretor da cidade, bem como na Lei de Uso do Solo. Com o forte crescimento econômico registrado no município, a Prefeitura entende que há necessidade de revisão e modernização dos termos legais que regem o aproveitamento do solo e a expansão urbana.

Anúncios

Maio 13, 2013 Posted by | jornalismo, Maricá | | Deixe um comentário

Maricá inaugura em Marinelândia primeira creche do Estado construída pelo PAC2

Texto: Leandra Costa (edição: Marcelo Ambrosio) | Fotos: Fernando Silva

Inaugurada em Marinelândia primeira creche do Estado construída pelo PAC2

A inauguração, nesta segunda-feira (13/05), da creche municipal Marilza da Conceição da Rocha Medina, em Marinelândia, Cordeirinho, foi a realização de um antigo sonho para famílias como a de Flávia dos Santos Pereira, de 28 anos.Mãe das gêmeas Ana Clara e Maria Eduarda Pereira Cerqueira, de dois anos e oito meses, Flávia está desempregada desde a gestação e não tem condições financeiras de arcar com uma babá. “Essa creche é um sonho antigo. Agora posso trabalhar e oferecer melhores condições para elas. Além disso, sei que minhas filhas estarão sendo cuidadas com respeito e atenção”, afirmou a moradora de Cordeirinho. Fruto do programa do governo federal Pró Infância, que viabiliza verbas para a construção de creches públicas, a unidade é a primeira no Estado do Rio a ser concluída utilizando recursos do PAC 2. O espaço beneficia 128 crianças, de dois a cinco anos, sendo 108 em tempo integral e 20 em horário parcial.

A cerimônia foi marcada pela emoção. O Prefeito de Maricá, Washington Quaquá, ressaltou a importância dos investimentos em projetos sociais. “Fazemos um governo para o povo de Maricá, com o objetivo de melhorar a vida das pessoas. E é isso que hoje estamos entregando para essa comunidade, mais dignidade, garantindo a segurança das crianças e a perspectiva de um futuro digno para toda família”, destacou. Segundo Washington Quaquá, estão previstas ainda a construção de um posto de saúde no mesmo local, uma praça em Bambuí e a pavimentação da Rua 90 até o bairro Manuel Ribeiro. Para a primeira dama, Rosangela Zeidan, a nova creche ratifica a importância das parcerias. “Essa obra junto com o Ministério da Educação comprova que Maricá não está isolada do mundo. Ações assim são fundamentais para trazermos mais recursos e investimentos para nossa cidade”, disse.

Representando o ministério, a consultora técnica Maria de Fátima Malheiro, que acompanhou a implantação da creche, parabenizou o município. “Fico feliz de ver uma cidade que abraça a causa da Educação Infantil. Hoje tenho a oportunidade de ver o sorriso das mães e o brilho nos olhos das crianças ao ver seus sonhos começarem a ser realizados. A prefeitura está de parabéns”, afirmou. O vice-prefeito e coordenador-geral de governo, Marcos Ribeiro, também comemorou. “É um grande desafio conseguirmos a implantação de unidades como essa, que exigem o cumprimento de cronogramas por parte do ministério. Fomos vitoriosos e nos comprometemos a trazer outros para nossa cidade”, acrescentou. De acordo com Marcos Ribeiro, outras duas creches de horário integral, em Itaipuaçu e Inoã (Bosque Fundo), estão em construção pelo mesmo programa.

Representando o legislativo, o presidente da Câmara, vereador Fabiano Horta, ressaltou a importância da parceria com a prefeitura para a concretização de projetos que contribuam para o desenvolvimento. “É muito gratificante entregar à população uma estrutura pública deste porte”, declarou o vereador. A secretária municipal de Educação, Marta Quinan, considera a creche uma conquista das famílias de Maricá. “Esse espaço vai garantir aos pais segurança no acolhimento e dignidade no tratamento às crianças”, destacou, ressaltando que a inauguração também representa o cumprimento de mais uma etapa do esforço de redução do déficit de creches encontrado pela atual administração. “Antes, não tínhamos nenhuma. Estamos resgatando essa dívida que herdamos”, completou. Ao todo, desde 2009 o município já entregou sete creches, lembrando que a rede municipal atende crianças na faixa etária de creche (dois e três anos) nas demais unidades escolares.

Moradora de Bambuí, Paola do Nascimento Paulo, de 20 anos, já dispensou duas oportunidades de trabalho por não ter com quem deixar a pequena Anna Clara, de três anos. “É uma contribuição muito grande para minha família e poderei ajudar com as despesas de casa”, destacou Paola, acrescentando que o espaço ajudará o crescimento social de sua filha. “O contato com outras crianças vai permitir que ela se desenvolva e terá atividades pedagógicas fundamentais para o crescimento educacional”, frisou.
A unidade
Com a área total construída de 1.118 m², a creche possui oito amplas salas de aula (seis salas de creche e duas de pré-escola), um laboratório de informática, sala de leitura, sala de professores e da diretoria, salas de recursos audiovisuais, almoxarifado, refeitório e banheiros, além de anfiteatro em espaço coberto, em blocos separados por módulos, playground e espaço verde. O custo total da obra foi de R$ 1,8 milhão, com a contrapartida da prefeitura em torno de R$ 530 mil, obedecendo à tabela de custos estabelecidos pela Empresa de Obras Públicas do Estado do Rio de Janeiro (Emop-RJ). À frente da unidade, a diretora, Edilma da Silva Farias considera prazeroso trabalhar com crianças nessa faixa etária. “É um aprendizado constante e muito gratificante contribuir para o crescimento dos alunos”, declarou a diretora, que contará com uma equipe de 20 profissionais.

A unidade homenageia uma antiga professora da Escola de Serviço Social da Universidade Federal Fluminense (UFF), Marilza da Conceição da Rocha Medina, que presidiu o Conselho Municipal de Assistência Social de Niterói e dirigiu o Programa Criança Verde, vinculado à Fundação Municipal de Educação de Niterói. O filho de Marilza, Arthur Medina, lembrou da luta de sua mãe pela Educação Infantil durante mais de 30 anos. “Como militante política e como pessoa, ela sempre buscou oferecer mais dignidade para os menos oferecidos. È uma honra ter o nome dela nesse projeto que transforma a vida das crianças e das famílias”, frisou Arthur. Marilza foi uma das fundadoras do Partido dos Trabalhadores de Niterói e uma das mais importantes lideranças do Movimento das Mulheres no Estado do Rio de Janeiro. Ocupou o cargo de secretária de Assistência Social e, posteriormente, o de Direitos Humanos de Maricá. Faleceu, aos 67 anos, em 16 de agosto de 2012.

Paola do Nascimento é mãe de Anna Clara de três anos

Adriana Moraes e seu filho Samuel, de três anos

Flávia Pereira é mãe das gêmeas Ana Clara e Maria Eduarda, de dois anos e oito meses.

O presidente da Câmara, Fabiano Horta, ressaltou a importância da parceria com a prefeitura para a concretização de projetos

A secretária municipal de Educação, Marta Quinan, considera a creche uma conquista das famílias de Maricá

O vice-prefeito, Marcos Ribeiro, destacou que a prefeitura cumpriu todos cronogramas por parte do ministério

Momento de inauguração da creche em Marinelândia

A primeira dama, Rosangela Zeidan, ratifica a importância da parceria com o governo federal

O Prefeito de Maricá, Washington Quaquá, ressaltou a importância dos investimentos em projetos sociais

Consultora técnica do Ministério da Educação Maria de Fátima Malheiro parabenizou o município

Para a diretora Edilma Farias é gratificante contribuir para o crescimento educacional dos alunos

Comunidade escolar presente na inauguração

Maio 13, 2013 Posted by | Educação, jornalismo, Maricá, Obras do PAC | | Deixe um comentário

Cinegrafista da Secretaria Municipal de Cultura de Maricá ganha prêmio em festival

Texto: Valeria Vianna | Fotos: Divulgação

A Secretaria Municipal de Cultura de Maricá está em clima de comemoração, depois que cinegrafista Lula Araújo recebeu o prêmio de melhor fotografia no Festival de Cinema de Anápolis 2013, em Goiás, pelo seu trabalho no filme “Eu receberia as piores notícias dos seus lindos lábios”, com Camila Pitanga, Gustavo Machado e José Carlos Machado. A película foi premiada também nas categorias melhor atriz, ator coadjuvante e direção, assinada por Beto Brant e Renato Ciasca.

DSCN1907 Carioca de nascença, mas há 40 anos cidadão maricaense da praia da Barra, Lula é diretor de fotografia no projeto de implantação da Escola de Cinema e Televisão de Maricá e faz parte da equipe da secretaria desde fevereiro deste ano, quando aceitou o convite do secretário Sérgio Mesquita para trabalhar no projeto.

DSCN1544Secretário Municipal de Cultura de Maricá Sérgio Mesquita, Katito e Lula Araújo produzindo documentário

“Estamos felizes com o prêmio para um dos integrantes da equipe. Lula merece por seu profissionalismo de mais de 40 anos trabalhando em empresas como Globo, Manchete e outras. Encontramos em seu currículo obras como Pantanal, Xingu e muito mais. Televisão e cinema não são mistérios para ele”, disse o secretário municipal de Cultura, Sérgio Mesquita.

Lula, por sua vez, diz se sentir honrado por receber o prêmio e, igualmente, poder contribuir com a Cultura da cidade: “O pensamos em fazer é melhorar a autoestima da população jovem do município, através de intercâmbios com a UFF e com a Escola de Cinema de Cuba, buscando, assim, uma integração social e aperfeiçoamento técnico numa área que cresce muito no Brasil”, afirma. O cinegrafista já havia recebido o mesmo prêmio com o filme de Brant e Ciasca no Festival de Huelva 2010, na Espanha.

Maio 13, 2013 Posted by | cinema / produção, cultura, jornalismo | , , | Deixe um comentário

Recadastramento do Riocard para estudantes de universidades públicas acaba dia 15

Texto: Marcelo Ambrosio

A secretaria municipal de Assistência Social de Maricá informa que o prazo de recadastramento dos estudantes que possuem o Bilhete Único Universitário e frequentam aulas em universidades públicas será encerrado nesta quarta-feira, 15/05. Segundo a secretaria, cerca de 50% dos alunos já fizeram a atualização dos dados. O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, na secretaria (Rua Domício da Gama, 386, no Centro).

São exigidos os seguintes documentos: cópias da identidade, CPF, comprovante de residência atual e título de eleitor, além da grade curricular do primeiro semestre deste ano no papel timbrado da faculdade e a declaração de frequência do segundo semestre de 2012, com a respectiva matrícula em 2013 (também em papel timbrado da instituição). Mais informações pelo telefone 2637-2617.

Com o programa "Bilhete Único Universitário" de Maricá, duas passagens no intervalo de até duas horas e trinta minutos custam apenas R$ 5,20 – desde que uma delas seja em transporte municipal. Os bilhetes são recarregados mensalmente pela prefeitura com créditos de até R$ 228,80 para cada usuário.

Recadastramento – Documentação necessária:

(original e cópia)

1- CPF, RG, Título Eleitoral;

2- Comprovante de residência: luz, água ou telefone fixo em nome do aluno ou dos pais. Em caso de terceiros, é necessária declaração registrada em cartório. Em caso de aluguel, é preciso o contrato de locação;

3- Declaração de frequência atualizada em papel timbrado da instituição de ensino, constando:

– Dias de aulas semanais;

– Horário das aulas;

– Divisão de períodos ou módulos;

– Data de início e término do curso;

– Número de matrícula;

Maio 13, 2013 Posted by | assistencia social, transporte | | Deixe um comentário

Prefeitura Municipal de Maricá inaugura em Marinelândia a primeira creche no estado construída pelo PAC 2

Texto: Leandra Costa (Marcelo Ambrosio) | Fotos: Fernando Silva

Prefeitura inaugura primeira creche no estado construída pelo PAC 2

No dia de hoje, segunda feira (13/05), às 9h, a Prefeitura Municipal de Maricá vai inaugurar a creche municipal Marilza da Conceição da Rocha Medina, em Marinelândia, Cordeirinho. A unidade é uma das três creches de Educação Infantil de horário integral que estão sendo construídas atualmente pela secretaria de Educação – as outras ficam em Itaipuaçu e Inoã (Bosque Fundo). Implantada com recurso do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), a unidade é a primeira no Estado do Rio a ser concluída utilizando recursos do PAC 2 e vai beneficiar 128 crianças, de dois a cinco anos, sendo 108 atendidas em tempo integral e 20 em horário parcial. Na cerimônia de inauguração, está prevista a presença da consultora técnica do Ministério da Educação, Fátima Malheiros.

Fruto do programa do governo federal Pró Infância, que viabiliza verbas para a construção de creches públicas, o custo total da obra foi de R$ 1,8 milhão, com a contrapartida da prefeitura em torno de R$ 530 mil, e engloba não só a parte civil como todos os equipamentos. Os valores obedeceram à tabela de custos estabelecidos pela Empresa de Obras Públicas do Estado do Rio de Janeiro (Emop-RJ). Com a área total construída de 1.118 m², o projeto tem oito amplas salas de aula (seis salas de creche e duas de pré-escola), um laboratório de informática completo, sala de leitura, sala de professores e da diretoria, salas de recursos audiovisuais, almoxarifado, refeitório e banheiros, além de anfiteatro em espaço coberto, em blocos separados por módulos, playground e espaço verde. Ao todo, desde 2009 o município de Maricá já entregou sete creches, lembrando que a rede municipal atende crianças na faixa etária de creche (dois e três anos) nas demais unidades escolares.

Para a secretária municipal de Educação, Marta Quinan, a inauguração da creche é uma conquista da população de Maricá. “Estou muito satisfeita com a unidade que vai garantir aos pais segurança no acolhimento às crianças”, destacou Marta Quinan. A secretaria ressaltou também o cumprimento de mais uma fase do compromisso de redução do déficit de creches encontrado pela atual administração. “Antes, não tínhamos nenhuma creche na cidade. Estamos resgatando essa dívida que herdamos junto à população”, afirmou.

Homenagem
A unidade presta uma homenagem a uma antiga professora da Escola de Serviço Social da Universidade Federal Fluminense (UFF), Marilza da Conceição da Rocha Medina, que presidiu o Conselho Municipal de Assistência Social de Niterói e dirigiu o Programa Criança Verde, vinculado à Fundação Municipal de Educação de Niterói. Marilza foi uma das fundadoras do Partido dos Trabalhadores de Niterói e uma das mais importantes lideranças do Movimento das Mulheres no Estado do Rio de Janeiro. Ocupou o cargo de secretária de Assistência Social e, posteriormente, o de Direitos Humanos de Maricá. Faleceu, aos 67 anos, em 16 de agosto de 2012.

A unidade é uma das três creches que estão sendo construídas pela secretaria de Educação

A unidade vai beneficiar 128 crianças

Maio 13, 2013 Posted by | Educação, Maricá, Obras do PAC | Deixe um comentário

Prefeitura de Maricá homenageia 125 anos de abolição

Texto: Leandra Costa (edição: Marcelo Ambrosio)

Prefeitura Municipal de Maricá homenageia 125 anos de abolição

Em homenagem aos 125 anos da Lei Áurea, que decretou a abolição da escravatura no Brasil, a secretaria municipal de Assuntos Religiosos realiza o evento “13 de Maio é Mais Liberdade!” no próximo domingo (12.05), na futura Praça da Escrava Anastácia, e na segunda-feira (13.05), na Casa de Cultura.

No domingo (12.05), às 17 h, será realizado o 3º abraço simbólico em prol da construção da Praça da Escrava Anastácia, entre as Ruas Soares de Souza e 1º de Abril, próximo ao Cemitério de Maricá. A praça é um espaço para refletir e lembrar de uma mártir da escravidão, que viveu no Brasil no século XVIII, por volta de 1740, considerada heroína pelos afrodescendentes.

Dando prosseguimento às comemorações, na segunda-feira (13.05), às 17h, haverá apresentação de vídeos, palestra com a pesquisadora e professora Nadia Chia, degustação de iguaria popular afro e apresentação do novo projeto da Praça da Escrava Anastácia. Haverá ainda capacitação e distribuição de minutas de leis sobre a regulação das Casas de religiosidade Afro e sobre a criação do Espaço Municipal Eco Afro Religioso. Na ocasião, também haverá um cadastramento das Casas de Matriz Afro existentes em Maricá, que farão parte do Cadastro Municipal de Religiões e Templos Religiosos – já inserido no site da Prefeitura.

De acordo com o secretário municipal de Assuntos Religiosos, Sérgio Luis de Sousa, o evento será um momento de comemorar as matrizes afro-religiosas pela proclamação da libertação dos escravos e sua importante história de conquistas.

Maio 13, 2013 Posted by | cultura, direitos humanos, jornalismo, Maricá, religioso | Deixe um comentário