Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Prefeitura de Maricá divulga Relatório da Audiência Pública sobre alterações do Plano Diretor e da Lei de Uso do Solo

Texto: Procuradoria Municipal de Maricá

Relatório Final da Audiência Pública 01/2013
O presente Relatório é resultado da Audiência Pública, que ocorreu no dia 14 de maio de 2013, na Quadra do Esporte Clube Maricá. A referida audiência visava discutir alterações do Plano Diretor (Lei Complementar nº 145/2006) e na Lei de Uso do Solo (Lei nº 2272/2008), com a criação de áreas de especial interesse urbanístico e econômico.
Participaram da referida audiência o Prefeito Wasghinton Luiz Cardoso Siqueira, bem como os Secretários Municipais relacionados na respectiva Ata da Audiência, o Presidente da Câmara Fabiano Taques Horta e demais Vereadores do Município, a Vereadora de Saquarema Adriana Pereira, os palestrantes arquitetos: Luis Cesar Perucci do Amaral e a Profª Ione Machado da Silveira, Celso Cabral Nunes, e Ana Carla Teixeira Gonçalves, secretária responsável pela lavratura das Atas, com a presença de 594 participantes que assinaram a Lista de Presença.
A Audiência serviu para elucidar as questões sobre as alterações no Plano Diretor e na Lei de Uso do Solo, dando conhecimento e esclarecimentos a população, a permitir a elaboração de instrumentos legislativos que se coadunem com o desenvolvimento econômico, urbano.
Na seqüência dos pronunciamentos, na qualidade de técnicos palestrantes, prestaram os esclarecimentos sobre a necessidade de alteração do Plano Diretor os Professores Ione Machado da Silveira e Luis Cesar Perucci do Amaral, ressaltando que foram autores na confecção do referido Plano em 2006, com base no Estatuto das Cidades, o qual precisa adequar-se ao crescimento da cidade. E que qualquer mudança no Plano reflete na Lei de Uso do solo. Durante as explanações houve a exposição de slides e data show.
O Secretário de Desenvolvimento Urbano, Arquiteto Celso Cabral Nunes descreveu o crescimento demográfico do Município nos últimos quatro anos, superior aos Municípios do Rio de Janeiro e Niterói, mencionando os empreendimentos imobiliários e os industriais, objetivando atender as futuras demandas criadas com a implantação do COMPERJ. Destacou ainda, quando se trata da parte industrial o Plano Diretor não atende a demanda existente. E que a audiência em questão é para alteração do Plano Diretor, bem como a Lei do Uso do Solo, com vistas a suportar a crescente demanda do Município. E que as mudanças iriam chegar ao Município, porém, com a cautela e o devido estudo para cada tema. Concluiu que as áreas mais adequadas para alterações seriam as Macrozonas, de especial interesse. O Secretário fez a demonstração ao público através de slides e mapas que compõem as UP’S, que são elas: UPO5, UPO8, UP12 e UP13.
O Prefeito, em sua explanação, dentre outros enfoques, teceu os esclarecimentos no sentido de que o Plano Diretor deve ser atualizado, visto que na ocasião de sua elaboração não havia a previsão de implantação do Plano Petroquímico. Ademais, com a mudança feita na legislação federal, os gasodutos da Petrobras puderam ser incluídos na rota de Maricá, incrementando, dessa forma, o recebimento dos royalties para o Município. Portanto, deve ser criadas áreas de especial interesse urbanísticas e econômicas voltadas para atividades de logística, industrial e portuária, levando-se em conta a inclusão de Maricá no Pré-sal e no Polo Petroquímico. Destacou a futura implantação da Escola Técnica Federal no bairro de Ubatiba, já licitada pelo Município, para a capacitação de mão-de-obra a ser absorvida pelos futuros empreendimentos, além do SENAI/SENAC. Destacou que em relação às questões ambientais, o saneamento da cidade que era de 0% (zero por cento) e com o trabalho de parceria com os Governos Estadual e Federal conseguiu 33 milhões no PAC II e com a Petrobrás 60 milhões, como compensação pelos emissários. Na segunda parte do PAC II conseguiu mais 150 milhões para aplicação em todo o Município e duplicação da adutora de Inoã e Bananal. Explicou que, o Porto virá para atender as necessidades do Polo Petroquímico, gerando, em conseqüência trabalho e emprego, em torno de 12.000 diretos e indiretos. Finalizou, dizendo que, por esses motivos deve ser alterado o Plano Diretor e sua legislação correspondente, sendo, submetidos à aprovação da Câmara Municipal.
O Presidente da Câmara, Fabiano Horta reiterou a necessidade de alterações na legislação, afirmando que quando da apresentação do projeto de lei na Câmara, submeterá a proposta a audiência pública legislativa.
O mediador Lourival Casula, lembrou que a audiência pública é mecanismo pelo qual os cidadãos e as entidades civis podem colaborar com o Governo no exercício de suas finalidades institucionais, participando da defesa dos interesses coletivos. Em seguida, abriu para os representantes inscritos da sociedade civil e cidadãos que tivessem interesse no objeto da audiência, convidando-os a expor suas dúvidas e questionamentos, querendo, fazer proposições e/ou observações a mesa:
Dentre os inúmeros questionamentos formulados destacaram-se: 1º) O Profº Vicente da Matta para o Prefeito: “A Audiência é para cumprir gabarito? Se os empresários devem se adequar as regras do Município ou o Município que tem que se adequar a eles? Se o Município tem capacidade para absorver o crescimento vivido? E tem-se que pensar no desenvolvimento do cidadão e não do empresário”.
2º) A Sra. Ana Cristina Duffrayer (Presidente da Associação de Moradores de Jaconé) para a Profª Ione Machado da Silveira: “ Por que Jaconé vai sair da área de risco ambiental para área de indústria de grande porte? E Serra, a parte lagunar vai ser dizimada?”
3ª) Werter Holzer (Profº da UFF e do Movimento Pró-Restiga), fazendo menção a fala de Celso Cabral em relação ao Plano Diretor, afirma que em uma audiência pública apenas não se pode definir se vai mudar ou não o Plano Diretor e que o mesmo prevê condições especificas para mudança quando necessárias.
4º) Luiz Carlos Lopes (Ambientalista e morador de Maricá/Saquarema): “ que o valor do investimento do Porto cobre o prejuízo do impacto ambiental”.
5º) Ana Paula de Carvalho (Movimento SOS Jaconé): “audiência é diferente de referendo. Haverá mudança do Plano Diretor em detrimento da cidade. O Plano Diretor foi feito para atender as iniciativas privadas e que ao invés de consultar os cidadãos consultam os empresários. Pergunta: Afinal para quem vocês trabalham, para a população ou para os empresários? “
As respostas as dúvidas e as indagações foram dadas pelos membros da mesa e constam das gravações em mídias eletrônicas que fazem parte integrante do respectivo Processo Administrativo.
O mediador, Secretário Lourival Casula, chamou o Profº Vicente da Matta para colocação de sua proposta que se achava em aberto e, logo após colocou em votação a proposta do referido Professor: as alterações do Plano Diretor levem em consideração que a cidade cresça de dentro para fora e não de fora para dentro como quer os empresários ”, colocando, também, a proposta feita pelo Prefeito: “Observando os interesses dos moradores, observando a necessidade de sustentabilidade ambiental, a audiência pública aprova a mudança no Plano Diretor e na lei de zoneamento do uso do solo? ”. Recebeu a proposta do Profº Vicente 14 votos e o restante dos presentes votaram a favor da colocada pelo Prefeito.
Assim, a partir do resultado da Audiência Pública nº 01/2013, o Município pode perceber as peculiaridades das comunidades e de seus cidadãos, seu papel conscientizador e de fornecer transparência e participação ao processo decisório, restando, patente, o desejo de crescimento urbano e econômico do Município, todavia, de forma ordenada.
Comunicando ainda, que todos meios de comunicação terão livre acesso, podendo consultar ou requerer cópias de toda a documentação relacionada ao evento, salvo os casos de sigilo legal, em poder da Procuradoria Geral do Município.
Eis o Relatório,
Maricá, 14 de maio de 2013.
Ana Carla T. Gonçalves- Secretária
Lourival Casula Celso Cabral Nunes Des. Econ., Ind. e Petróleo Urbanismo

Anúncios

Maio 28, 2013 Posted by | jornalismo, Maricá, meio ambiente | , | Deixe um comentário

Prefeitura de Maricá divulga o esquema de trânsito para feriado de Corpus Christi

Texto: Kelly Rodrigues (edição: Marcelo Moreira)

A secretaria municipal de transportes acaba de divulgar o esquema de trânsito para o feriado de Corpus Christi. Segundo o subsecretário de Trânsito e Transportes, Ualquer Carvalho Soares, algumas ruas do centro de Maricá serão fechadas para a segurança dos fiéis que irão participar da confecção e procissão dos tradicionais tapetes de Corpus Christi, além da peregrinação dos símbolos religiosos.

No dia 29 de maio (quinta-feira), dia da confecção dos tapetes (que terão como tema “Ano da Fé, Juventude, Eucaristia e Jornada Mundial da Juventude”), serão fechadas, a partir de 23h30, as ruas Nossa Sr.ª do Amparo, na altura da Câmara Municipal de Maricá, e todas as três transversais da rua Álvares de Castro que tem acesso em direção à Igreja Nossa Sr.ª do Amparo. O trânsito voltará ao normal às 20h do dia seguinte, 30/05.

Já no dia 1º de julho (sábado) ,a partir das 14h, dia da procissão dos ícones pelas ruas da cidade, serão fechadas as ruas Domício da Gama, na altura da Ampla e do Detran, a rua Nossa Sr.ª do Amparo, na altura da Câmara Municiapal de Maricá, a rua Álvares de Castro, na altura da prefeitura, e a rua Barão de Inoã, na altura do Colégio Cenecista. A rua Ribeiro de Almeida também será fechada em frente a rua Carlos Rangel, na altura do banco Santander. A liberação à passagem de veículos será à meia noite do dia 02/06.

Maio 28, 2013 Posted by | Igreja Católica, jornalismo, Lazer, Maricá, religioso | Deixe um comentário

Símbolos da Jornada Mundial da Juventude chegarão sábado a Maricá

Texto: Rafael Zarôr | Fotos: Clarildo Menezes

A prefeitura de Maricá começa nesta semana a preparação para receber os símbolos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ). Na Semana Cheia de Graça, que começou ontem (27/05) e vai até domingo (02/06), acontecerão missas, shows, vigílias e procissões. O ponto alto será no sábado, quando jovens da cidade sairão em peregrinação com a Cruz Peregrina e o Ícone de Nossa Senhora pelas ruas de Itaipuaçu, São José do Imbassaí e Centro.

Pela programação da secretaria municipal de Assuntos Religiosos, os símbolos serão recepcionados em Rio do Ouro, às 9h, no sábado, e ficarão até 11h30 na paróquia Nossa Senhora de Fátima, em Itaipuaçu. De lá, seguem para a paróquia de São José, em São José do Imbassaí. Na parte da tarde, a concentração da carreata será em Ponta Grossa, a partir das 16h, com previsão de chegada ao Centro da cidade às 17h30. O esquema de trânsito com o fechamento de ruas para a passagem dos símbolos ainda está sendo finalizado pela secretaria municipal de Transportes.

Enquanto os jovens estiverem em peregrinação com os símbolos de Ponta Grossa até o Centro, o público presente na Praça Orlando de Barros Pimentel, na região central, poderá aproveitar o show gratuito de Bruno Malaquias – Comunidade Santos Anjos que começa às 16h30. Após a chegada dos ícones, será celebrada uma missa na praça às 18h. Logo em seguida, às 21h30, acontece o show da Banda Dominis.

O subsecretário municipal de Assuntos Religiosos, Maurício Vargas, explica que a Cruz (feita em madeira com 3,80m de altura) pode ser desmontada e transportada em carros até os locais onde acontecerão as peregrinações. “A passagem dos símbolos em Maricá é a preparação espiritual para o grande evento que acontece em julho no Rio”, declarou o subsecretário, acrescentando que são esperados na cidade cerca de dois mil jovens de todo o mundo, durante a Semana Missionária que antecede a JMJ.

O objetivo desta integração entre os jovens de todo o mundo é possibilitar a troca de experiências, o enriquecimento da fé e intercâmbio cultural. A peregrinação dos ícones começou em setembro de 2011, em São Paulo, passou por todo Brasil e chegou ao estado do Rio no dia 21 de abril. Maricá será a última cidade da Arquidiocese de Niterói e receber a peregrinação dos ícones. Em seguida, os símbolos seguem para a Diocese de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

A Jornada Mundial da Juventude acontece no Rio de 23 a 28 de julho e marca o encontro de jovens de todo o mundo com o Papa Francisco, eleito em março deste ano pela Igreja Católica.

Maio 28, 2013 Posted by | direitos humanos, Igreja Católica, Lazer, Maricá, religioso | , | Deixe um comentário

Maricá lança programa de reflorestamento no aniversário da cidade

Texto: Rafael Zarôr

Em comemoração ao aniversário de 199 anos da cidade, a secretaria municipal de Ambiente lançou no domingo (26/05) o “Maricá Mais Verde”, programa de reflorestamento das matas às margens dos rios da cidade. Alunos de escolas municipais e idosos da Casa da 1ª a 3ª Idade irão plantar mudas doadas por agricultores locais no trecho urbano do rio Mumbuca, da RJ-106 (entrada ao lado do Corpo de Bombeiros) até a ponte da Mumbuca. O evento começa a partir das 10h.

Segundo a secretaria de Ambiente, o programa de reflorestamento se estenderá a toda à área da bacia hidrográfica do Ubatiba, rio que abastece a cidade, e que compreende uma região de 1.017 hectares – equivalente a 148 estádios do Maracanã.

Após o plantio das mudas, a secretária inicia a eleição dos mascotes das Unidades de Conservação da cidade. Um estante montado na Praça Orlando de Barros Pimentel, no Centro, irá apresentar os 21 candidatos da fauna de Maricá. A eleição vai percorrer as escolas municipais e os dois mais votados serão os representantes das Unidades de Conservação.

Programa socioambiental

O secretário Alessandro Terra, destaca que o “Maricá Mais Verde” é um programa socioambiental que irá beneficiar os agricultores familiares da cidade num arranjo produtivo local organizado pelas secretarias municipais de Ambiente e de Pesca, Agricultura, Aquicultura e Pecuária. “Os pequenos produtores serão capacitados pelo Maricá Mais Verde, por meio do projeto horto-escola que está em elaboração, para produzirem árvores nativas sob orientação técnica da secretaria”, declarou Alessandro.

Segundo o secretário, os agricultores familiares estão sendo cadastrados e irão receber um apoio financeiro da prefeitura para construir os hortos em suas propriedades. “Eles somente irão iniciar o pagamento do empréstimo a partir do terceiro lote de produção (a média de colheita é de seis meses). Todos os hortos serão licenciados e registrados nos órgãos ambientais e agrícolas competentes”, destaca Alessandro.

A secretaria de Ambiente também vai montar um banco de áreas verdes com base nas Áreas de Proteção Permanente (APP) do município. Com estes dados, o município poderá oferecer opções de plantio ao estado. “Quando o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) autoriza a construção de um empreendimento, os empresários precisam plantar uma quantidade maior do que a foi retirada para compensar. Só que o estado não tem local disponível para plantar. Vamos oferecer o nosso banco de áreas e o empreendedor vai comprar as mudas do agricultor familiar de Maricá”, explica.

Maio 28, 2013 Posted by | Maricá, meio ambiente | | Deixe um comentário

Prefeitura de Maricá decreta ponto facultativo dia 31 de maio

Texto: Rafael Zarôr

Em razão do feriado de Corpus Christi (30/05), a Prefeitura de Maricá decreta ponto facultativo nas repartições públicas municipais na sexta-feira (31). Com a medida, o expediente será encerrado na quarta-feira (29), às 17h, e retomado na segunda-feira (03/06), às 9h.

Durante esse período funcionarão normalmente os serviços considerados essenciais, como o Hospital Municipal Conde Modesto Leal, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), os plantões 24h da Defesa Civil e da Guarda Municipal e os serviços de coleta de lixo, entre outros.

Atendimento na Fazenda

Também haverá expediente na sexta-feira (31), das 9h às 17h, e no sábado (01/06), das 10h às 14h, nas centrais de atendimento da secretaria de Fazenda, localizadas no Paço Municipal (Rua Álvares de Castro, Centro) e no Terminal Rodoviário José Ferreira da Silva (Rua Professor Cardoso de Menezes, antiga Rua 1, em Itaipuaçu).

Maio 28, 2013 Posted by | Maricá | , | Deixe um comentário

Exposição “Em Quadro e Cena” na Casa de Cultura de Maricá, a partir desta terça-feira

Texto: Leandra Costa

O filme “A Lista de Schindler” retratado em tela

A Casa de Cultura de Maricá abre suas portas nesta terça-feira, dia 28/05, a partir das 9h, para a Exposição "Em Quadro e Cena", do artista plástico maricaense Raphael Grizotte. Ao todo são 14 obras que retratam cenas de filmes. A exposição vai até o dia 11 de julho.

Os filmes retratados nas telas são “O Naufrago”, “Última Estação”, “O Profissional”, “Noite dos Desesperados”, “Conquista da Honra”, “A Lista de Schindler”, “A Outra História” (duas telas do mesmo filme), “Psicose”, “O Sétimo Selo”, “O Homem Que Desafiou o Diabo”, “Val sim Bashir”, “Persépolis” e “Os Incompreendidos”.

Grizotte, de 30 anos, é morador de São José do Imbassaí e desde 2000 é artista plástico profissional. Em seu catálogo, possui um acervo de 100 obras, além de desenhos variados. Sobre o estilo de suas obras, ele prefere não ser rotulado, considerando-se autodidata. “Estou aberto para todos os traços e estilos. Por isso não sigo apenas um estilo ou movimento”, destacou o artista, que já expôs suas telas no Mercado de Artes, em Maricá, no Movimento Arte Jovem Brasil e na UFF, em Niterói.

A visitação está aberta ao publico, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. Nas quartas-feiras o horário se estende até às 21h devido à abertura da Casa para a realização do projeto Cineclube Henfil. A Casa de Cultura está localizada na Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel.

“O Naufrago” na leitura de Raphael Grizotte

A tela "O Profissional"

Tela inspirada no filme "Os Incompreendidos"

“Persépolis” na visão do artista

Maio 28, 2013 Posted by | arte, cultura, Exposições | , | Deixe um comentário

Cineclube Henfil exibe o filme “Xica da Silva” nesta quarta-feira na Casa de Cultura de Maricá

Texto: Leandra Costa (edição: Marcelo Moreira) | Fotos: Divulgação

O filme "Xica da Silva" será exibido nesta quarta-feira, dia 29/05, às 19h, no Cineclube Henfil

Nesta quarta-feira, dia 29/05, o Cineclube Henfil, um projeto da secretaria municipal de Cultura de Maricá, exibe, às 19h, o filme brasileiro “Xica da Silva”, de 1976. Dirigido por Cacá Diegues, o filme é baseado no livro homônimo de João Felício dos Santos e conta com Zezé Motta e Walmor Chagas nos papéis principais. O Cineclube funciona na Casa de Cultura de Maricá – na Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel, no Centro.

Com duração de 117 minutos, o filme conta a história de uma escrava que, após seduzir o milionário João Fernandes, se torna uma dama na sociedade de Diamantina. Ela passou a promover luxuosas festas e banquetes, algumas contando com a exibição de grupos de teatro europeus. Sua ostentação fez com que sua fama chegasse até a corte portuguesa. O longa venceu o Festival de Brasília de 1976 nas categorias “melhor filme”, “melhor diretor” e “melhor atriz”, para Zezé Motta.

Como as vagas são limitadas por sessão (40 lugares), a secretaria distribui senhas 30 minutos antes da exibição do filme. Informações pelo telefone 3731-1432 ou pelo e-mail cineclubehenfilmarica@gmail.com

Maio 28, 2013 Posted by | cinema / produção, cultura, jornalismo, Lazer, Maricá, projeto cultural | , | Deixe um comentário

Zeca pagodinho encerra com empolgação o aniversário de 199 anos de Maricá

Texto: Sérgio Renato

 Terceira apresentação do artista na cidade contou com abertura da escola de samba Grande Rio

O encerramento das comemorações pelos 199 anos de Maricá foi marcado por muito samba na noite deste domingo (26/5), na praça Orlando de Barros Pimentel. Antes do show do cantor Zeca Pagodinho no palco principal, o público estimado em 20 mil pessoas teve um ‘esquenta’ com a escola de samba Acadêmicos do Grande Rio no segundo palco, montado ao lado da Casa de Cultura, onde se apresentaram a velha guarda, bateria, passistas, baianas e o casal de mestre-sala e porta-bandeira.

Pouco antes das 22 horas, a escola encerrou sua apresentação e Zeca Pagodinho subiu ao palco para seu terceiro show em Maricá – os outros foram em 2005 e no ano passado –, onde mostrou o repertório do CD/DVD “Vida que Segue”, que traz um desfile de sucessos do sambista. Da abertura, com o sucesso “Verdade”, até o encerramento da festa, com o hino “Deixa a Vida me Levar”, o cantor esquentou o público com um desfile de clássicos. Fizeram parte do repertório as músicas “Jura”, “Vai Vadiar”, “Num Outdoor”, “Patota de Cosme” e “Ogum”. Antes do bis, ele parabenizou a cidade pelo aniversário e o prefeito pela grande festa e, na volta, trouxe um ‘pot-pourri’ com “Judia de Mim”, “Hei de Guardar Teu Nome”, “Quando eu Contar”, “Vou lhe Deixar no Sereno” e “Bagaço da Laranja”.

O público lotou a praça e vibrou com o repertório do cantor. A atendente Adriana da Costa Pinheiro, que já tinha visto o show anterior na cidade, é fã incondicional do artista. “Onde ele vai aqui na região eu vou atrás. Amo de paixão”, declarou a moradora de Rio do Ouro.

Também seguidor de Zeca, o casal Leila Mariza e Fábio de Freitas mora em Itaipuaçu e elogiou, além do espetáculo, a organização de todo o evento. “Gostei muito da segurança e da forma como o trânsito foi organizado. A prefeitura está de parabéns por essa bela festa” disse Fábio.

Depois do show de Zeca Pagodinho, quem pensou que a festa havia acabado teve uma grande surpresa: a bateria da Grande Rio voltou ao segundo palco para mais samba até o início da madrugada desta segunda-feira (27). A agremiação terá os 200 anos de Maricá como tema do enredo para o seu desfile no Carnaval de 2014.

Dia de serviços e atividades culturais

Uma série de atividades culturais e de cidadania oferecidas pelas secretarias municipais animou o domingo dos maricaenses e turistas.

A secretaria de Ambiente deu início ao projeto Voto Verde, em que os alunos do município, através de uma votação, poderão escolher qual animal da fauna local será o mascote de uma série de ações de conscientização ambiental a serem desenvolvidas posteriormente pela secretaria. Entre os 21 "candidatos", estão a Cobra Coral, o Lagarto Teiú, a Raposinha do Campo e o Canário da Terra, entre outros. O secretário Alessandro Terra explicou a iniciativa. "A votação deve durar de três a quatro meses, pois passaremos por todas as escolas do município para os alunos participarem".

Um dos stands mais concorridos era o da secretaria do Trabalho e Emprego. A população tirou dúvidas sobre temas trabalhistas como FGTS, INSS e Seguro Desemprego, e pode também tirar a Carteira de Trabalho. Muitas pessoas aproveitaram também os serviços de cabeleireiro, manicure e maquiagem. Foi o caso da comerciante Joana Souto, moradora do bairro Flamengo, que aprovou a iniciativa. "Trouxe as crianças para um passeio, e acabei saindo de cabelo cortado, com um novo visual".

No espaço da secretaria de Saúde, as crianças puderam conferir a sua saúde bucal, com consultas e aplicação de flúor, enquanto para os adultos havia aferimento de pressão e teste glicêmico. Na saída, as crianças ganhavam um kit para manter a escovação em dia, com pasta de dentes, escova e fio dental e os profissionais explicavam aos pais sobre a saúde bucal dos filhos. A dona de casa Maria Amélia Costa e sua filha, a estudante Aline Costa, moradoras de Itapeba, saíram contentes do stand. "Eu e o pai da Aline sempre insistimos para que ela escove os dentes direito. Está valendo a pena, pois ela já está com oito anos e até agora não teve nenhuma cárie".

A Casa de Cultura abriu as portas para abrigar uma exposição da Defesa Civil do município, com exibição de filmes sobre o tema na sala do Cineclube Henfil. Estiveram presentes também as secretarias de Assistência Social, Cultura, Agricultura e Pesca, Direitos Humanos, Esporte e Educação, que apresentou trabalhos dos alunos municipais sobre o aniversário da cidade. Quem passou pela
praça também conferiu uma exposição de réplicas de algumas obras do pintor Candido Portinari, como “Retirantes”, de 1944, e “Ipanema”, de 1927.

A tarde começou com o show contagiante da Sinfônica Ambulante, que em sua segunda visita à cidade, dispensou o palco e colocou o pessoal da Praça Orlando de Barros Pimentel pra dançar com uma variedade de ritmos contagiante. Com a bateria da Grande Rio não foi diferente. A escola de samba de Caxias esquentou a plateia para a apresentação principal da noite, do cantor Zeca Pagodinho.

Maio 28, 2013 Posted by | jornalismo, Lazer, Maricá, musica, shows e eventos, social, turismo | , | Deixe um comentário

“Faço um governo para o povo de Maricá”, diz Quaquá em sessão solene do aniversário

Texto: Sérgio Renato | Fotos: Fernando Silva

Foram entregues cerca de 70 títulos de cidadão maricaense durante a sessão solene do aniversário de 199 de Emancipação Política Administrativa de Maricá

Prefeito aponta progressos da administração municipal e afirma que cidade tem muitos motivos para comemorar

  “Faço um governo para o povo de Maricá”, diz Quaquá “Sempre vinha triste para esta cerimônia, mas hoje temos realmente o que comemorar”. Com esta frase o prefeito Washington Quaquá resumiu, na noite deste domingo (26/05), durante a Sessão Solene da Câmara dos Vereadores, seu sentimento com relação ao aniversário de 199 anos de Maricá. A solenidade ocorreu na quadra do Colégio Cenecista Maricá e entregou cerca de 70 títulos de cidadão maricaense. A grande novidade deste ano foi a instalação de um placar eletrônico onde eram mostrados os nomes de quem recebia a honraria.

Entre os homenageados, estavam o senador Lindbergh Farias, os irmãos deputados Leonardo Picciani (federal) e Rafael Picciani (estadual), o intérprete da escola de samba Grande Rio, Ito Melodia, e Marco Antônio Cabral, filho do governador Sérgio Cabral, a quem o prefeito também fez menção em seu discurso. “Neste governo, o Rio deixou de ser um estado isolado do resto do país e dominado por poucos. Isso precisa ser reconhecido por nós e por todos em nossa cidade”, ressaltou Quaquá, frisando que apoiará a pré-candidatura de Lindbergh ao governo estadual em 2014 e apontando os progressos do governo municipal já obtidos e os que estão a caminho.

“Nossas obras foram acusadas de eleitoreiras, mas estão realizando mais agora do que no ano eleitoral. Temos oito creches que não existiam na cidade e vamos ter mais. Todos os bairros terão asfaltamento até o ano que vem e vamos começar em breve a construir a escola técnica federal em Ubatiba e o novo hospital ao lado da rodovia, sem falar que o Porto de Jaconé começa a ser construído também no próximo ano. Fiz e faço um governo para o povo de Maricá e não para os poderosos, que querem que a cidade continue sendo uma fazendinha”, apontou ele.

Alguns dos agraciados também discursaram durante a cerimônia. O senador Lindbergh Farias relembrou o início da trajetória política nos movimentos estudantis ao lado de Quaquá. “Estivemos juntos no movimento ‘Fora Collor’ e, desde ali, vi seu potencial. Sempre soube que ele faria um bom governo em Maricá, que vai entrar com força nesse ritmo de desenvolvimento que se anuncia. Quero voltar daqui a dez anos para ver a evolução que a cidade terá”, afirmou.

 

Presidente da Câmara de Vereadores, Fabiano Horta

Alguns dos agraciados da cerimônia

Maio 28, 2013 Posted by | jornalismo, Legislativo, Maricá, social | , | Deixe um comentário

Shows evangélicos são sucesso de público no aniversário da cidade de Maricá

Texto: Elaine Nunes | Fotos: Fernando Silva e Rodrigo Gonçalves

Para comemorar o Dia Municipal do Evangélico e os 199 anos de emancipação político-administrativa da cidade, a Prefeitura de Maricá realizou nos dias 24 e 25/05 o evento “Maricá para Cristo”.

Segundo a secretaria municipal de Segurança, cerca de 20 mil pessoas, entre moradores e turistas, estiveram na Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel (Centro) para acompanhar os shows de dois artistas consagrados: Davi Sacer e Aline Barros.

O cantor, compositor e multi-instrumentista Davi Amorim de Oliveira, o Davi Sacer, empolgou o público na primeira noite, relembrando seus maiores sucessos, entre eles “Por todo lado”, “Virada”, “Deus do impossível”, “Tua graça me basta”, “Tu és”, “Marca da Promessa” e “Restitui”.

Davi teve paralisia infantil aos seis meses, mas três anos depois começou a andar durante um culto de oração. Apesar do episódio, suas canções não são baseadas nos acontecimentos de sua vida. Segundo o cantor, o ser humano tem a tendência de priorizar suas angústias. “Não quero tristeza associada às minhas canções. Minha inspiração é divina. Algumas canções a gente fez para Deus e para a igreja e depois de algum tempo eu vivi o que estava cantando”, declarou.

Aline Kistenmacker Barros dos Santos, a Aline Barros, fez a festa no sábado. Com 20 anos de carreira, a cantora, apresentadora, escritora, empresária e pastora já ganhou 11 Troféus Talento, 5 Grammys Latinos, 1 Dove Awards, 1 Troféu Promessas e 1 Brazilian International Press Award.

Criada em berço evangélico desde os dois anos de idade, em 2003, Aline teve problemas em suas cordas vocais. Entretanto, conseguiu gravar o álbum “Fruto de Amor” e conquistou o Grammy Latino na categoria Melhor Álbum de Música Cristã. “Foi um momento muito difícil. Mas quando a gente entende o grande amor de Deus, a gente consegue superar. Eu sabia que Deus poderia mudar aquela sentença. E depois a minha voz só melhorou. Ficou até um pouco mais grave, num patamar acima do que eu estava”, revelou.

Entre os sucessos que a cantora apresentou em Maricá estiveram os louvores “Fico Feliz”, “Rendido estou”, “Sonda-me, usa-me”, “Vitória no Deserto”, “Tudo é teu”, “Apaixonado” e “Homenzinho torto”, que teve a participação de bonecos fantasiados, para a alegria da criançada.

Sucesso de público

Entre os moradores e visitantes que prestigiaram os shows estava a enfermeira Elaine Da Silva, moradora da Pechincha (Rio de Janeiro). Ela contou que estava hospedada numa pousada da cidade para comemorar seu aniversário de casamento e que soube do evento pela televisão. “Como sou evangélica há quase 30 anos, eu quis assistir. Esse evento é uma quebra de barreiras, de preconceitos”, disse

Moradora de Ubatiba e evangélica há 13 anos, Priscila Ramalho (28 anos) também aprovou a iniciativa da prefeitura de incluir mais uma vez os talentos da música gospel na programação do aniversário da cidade. “Fiquei muito surpresa quando soube que ia ter esse show hoje, no Dia do Evangélico. A Aline Barros é um sucesso nacional e internacional”, comemorou.

O advogado Raphael Cerqueira Moraes, morador do bairro Boa Vista, fez coro aos elogios. “Esse evento mostra que é possível ter alegria num ambiente cristão. O povo de Deus também se diverte”, ressaltou.

Maio 28, 2013 Posted by | direitos humanos, jornalismo, Lazer, Maricá, musica, shows e eventos | , | Deixe um comentário