Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Claude Savoret abre na Barra de Maricá o Ponto 4 Bar Restaurante e Petiscos

DSCN3212O francês Claude Savoret abriu na Barra de Maricá, o mais novo point do momento, Ponto 4 Bar Restaurante e Petiscos.

Ambiente familiar agradável, e clima de festa marcaram a abertura do Quiosque que fica na Rua 4.

Uma dica que vale a pena conferir!!!

DSCN3203 Claude Savoret ao lado de sua esposa Emanuelle, recepcionou os convidados com muito carinho, e recebeu elogios pelo novo empreendimento.

Cogumelos Band na abertura do Quiosque Ponto 4 Cogumelos Band, deu um show

Contando com a presença de inúmeros amigos, o Ponto 4 (antigo Quiosque da Bel), abriu ao público na sexta feira, dia 30.05, ao som de MPB, e no dia 31, o Rock in Roll da Cogumelos Band embalou a galera, na linda noite de sábado, com direito a fogueira e canja musical de Andreia Santiago e Amanda.

DSCN3103DSCN3185

Fabio Egger e Suzanne Brito no Ponto 4 Fabio Egger e Suzanne Brito, atendimento nota 10.

Contando em sua equipe com Frederico, Suzanne Brito, André, Claude Savoret, Emanuelle Figueiredo, e o gourmet Fabinho Egger na cozinha, o atendimento foi de primeira, e a festa foi até o dia clarear.

Nas fotos de Rosely Pellegrino, vc confere os momentos da noite de sábado no Ponto 4.

Anúncios

Junho 3, 2013 Posted by | culinária, jornalismo, Lazer, Maricá, musica, social, turismo | , , , , , | Deixe um comentário

Cineclube Henfil homenageia os ícones do cinema francês na Casa de Cultura de Maricá

Texto: Leandra Costa (edição: Marcelo Moreira) | Fotos: Divulgação

“Os Incompreendidos" será a atração desta quarta-feira, dia 05 de junho

O Cineclube Henfil – projeto da secretaria municipal de Cultura de Maricá – homenageia em junho um dos mais importantes períodos históricos do cinema francês. Durante todo o mês, sempre às quartas-feiras, serão exibidas gratuitamente, importantes obras da nouvelle vague, ou “nova onda” – um movimento artístico caracterizado pela contestação estética, própria dos anos 60. O Cineclube é realizado às 19 horas, na Casa de Cultura de Maricá – na Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel, no Centro.

Abrindo a programação do mês, no próximo dia 05/06, será exibida a obra “Os Incompreendidos” (“Les quatre cents coups”). Dirigido por François Truffaut, o drama possui 100 minutos de duração e narra a história do jovem parisiense Antoine Doinel, vivido por Jean-Pierre Léaud, um garoto de 14 anos que se rebela contra o autoritarismo na escola e o desprezo de sua mãe e de seu padrasto (Gilberte e Julien Doinel). Rejeitado, Antoine passa a faltar as aulas para frequentar cinemas ou brincar com os amigos, principalmente René. Com o passar do tempo, vivenciará algumas descobertas e cometerá pequenos delitos em busca de atenção, até ser aprisionado em um reformatório, levado pelos próprios pais. Em 1959, a obra foi vencedora do Festival de Cannes na categoria de melhor direção e indicada na categoria de melhor filme. Em 1960, foi indicado ao Oscar (Academy Awards) como melhor roteiro; e em 1961, indicado ao Bafta (British Academy of Film and Television Arts) como melhor filme e também na categoria ator revelação, para Jean-Pierre Léaud.

No dia 12/06, o Cineclube Henfil exibe o filme franco-japonês, de 1959, “Hiroshima mon amour”. Dirigido pelo cineasta Alain Resnais, a história é sobre um relacionamento entre uma atriz francesa casada (Emmanuelle Riva) em viagem a Hiroshima para fazer um filme sobre a paz. Lá ela conhece um arquiteto japonês (Eiji Okada) também casado, por quem se apaixona. Ela relembra o primeiro amor, um soldado alemão. O filme analisa a memória, a psicologia, o comportamento dos personagens, bem como os traumas que os afligem.

No dia 19/06, será a vez da exibição do filme francês de 1987, “Adeus, Meninos” (“Au revoir les enfants”). Dirigido, escrito e produzido por Louis Malle, o drama é baseado em eventos da própria infância do diretor. O filme conta a história de Julien Quentin (Gaspard Manesse), um garoto de 12 anos que frequenta o colégio St. Jean-de-la-Croix, em grandes dificuldades por conta da Segunda Guerra Mundial. Ele ganha um inimigo com a chegada de Jean Bonnett (Raphael Fejto), um introvertido garoto. Mais tarde, Julien descobre que o menino é judeu e os dois se tornam melhores amigos, mas a tragédia chega à escola quando a Gestapo invade o local. Em 1987, o filme ganhou o Leão de Ouro do Festival de Cinema de Veneza. Em 1988, recebeu o César (prêmio anual do cinema francês) em sete categorias, incluindo melhor diretor, melhor filme e melhor roteiro. No mesmo ano, no Oscar, foi indicado nas categorias de melhor filme estrangeiro e melhor roteiro original, e concorreu ao Globo de Ouro de melhor filme em língua estrangeira.

Encerrando a programação do projeto, no dia 26/06, será exibido o filme francês “Acossado” (“À bout de souffle”), de 1959, um dos mais emblemáticos da nouvelle vague, rodado em menos de quatro semanas. Foi o primeiro longa-metragem de Jean-Luc Godard e retrata o amor fatal entre um criminoso fugitivo, Michael Poiccard e Patrícia, uma jovem norte-americana aspirante à jornalista. Em 1960, o longa recebeu o Urso de Prata na categoria de melhor diretor e foi ndicado ao Urso de Ouro; em 1961, venceu na categoria de melhor filme na French Syndicate of Cinema Critics; em 1962, foi indicado na categoria de melhor atriz estrangeira (Jean Seberg) no British Academy of Film and Television Arts (Bafta). Em 1983 foi realizada nos Estados Unidos uma refilmagem da obra, que recebeu o título de A força do amor, e que foi estrelada por Richard Gere.

Cineclube Henfil
Como as vagas são limitadas por sessão (40 lugares), a secretaria distribui senhas 30 minutos antes da exibição do filme. Informações pelo telefone 3731-1432 ou pelo e-mail cineclubehenfilmarica@gmail.com.

Dirigido por François Truffaut, o drama "Os Incompreendidos" possui 100 minutos de duração

O filme francês “Acossado" será exibido no dia 26 de junho

No dia 19/06, será a vez da exibição do filme francês de 1987, “Adeus, Meninos”

Em 1987, o filme "Adeus, Meninos" ganhou o Leão de Ouro do Festival de Cinema de Veneza

O Cineclube Henfil exibe o filme franco-japonês, de 1959, “Hiroshima mon amour" no dia 12/06

Junho 3, 2013 Posted by | cinema / produção, cultura, Lazer, Maricá | , | Deixe um comentário

Prefeitura de Maricá entrega mais 336 cartões de transporte para universitários

Texto: Fernando Uchôa (edição: Marcelo Moreira) | Fotos: Fernando Silva

Programa ultrapassa marca de 1300 beneficiados

A Prefeitura de Maricá, através da secretaria municipal de Assistência Social, entregou na manhã da última sexta-feira (31/05) 336 cartões do programa Bilhete Único Universitário a estudantes que moram em Maricá e estudam em outros municípios. Com a chegada dos novos cartões, o número de beneficiados pelo custeio das despesas com o transporte universitário chegou a 1.336.

O evento contou com a participação da secretária municipal de Assistência Social, Laura Maria Vieira da Costa, da coordenadora municipal do projeto, Verônica Bastos de Assis, do subsecretário Jaderval Sá Rego, e de técnicos que auxiliaram a distribuição dos bilhetes, válidos até o fim do primeiro semestre de 2013.

Salete Sanches de Assis, 51 anos, moradora de Itapeba, é estudante do 1º período de Comunicação Social da Universidade Estácio de Sá, em Niterói, e está entre os novos usuários do programa mantido pela Prefeitura em parceria com a Federação de Transporte de Passageiros do Estado do Rio de Janeiro (Fetranspor). Salete voltou a estudar depois de criar três filhos, todos homens. O mais velho é médico radiologista e foi quem incentivou a mãe. “O Rio Card vai ajudar na despesa das passagens, pois a faculdade é particular e o orçamento em casa é pequeno”, declarou.

O aluno do 3º período do Curso de Dança da UFRJ, Alex Oliveira, 21 anos, também estava feliz ao receber pela primeira vez seu Rio Card Universitário.“Vai ajudar bastante, pois gasto em média R$ 400 mensais com passagens, já que estudo na Ilha do Fundão, no Rio. Gabriela Moretti, 24 anos, moradora de Ponta Negra, foi buscar seu Rio Card Universitário com a pequena Fernanda no colo. “Ela tem só dois anos, mas já está na creche. Tenho de estudar para melhorar nossa qualidade de vida e o cartão vai ajudar nas despesas”, disse.

Cada cartão concedido pela Prefeitura é carregado mensalmente com o valor máximo de R$ 228,80. Para ter direito ao Rio Card, o estudante precisa comprovar que está matriculado com grade curricular de no mínimo três dias de aula por semana. A secretária Laura Maria ressaltou durante o evento de entrega dos cartões que se o estudante já possui um Rio Card Empresa, terá de optar pelo bilhete que for mais conveniente, já que a Fetranspor não aceita duplicidade de cartões em nome de um mesmo usuário. “Caso não haja pedido de cancelamento de um dos cartões, os dois contratos são anulados”, alertou a secretária.

Critérios e requisitos

A coordenadora Verônica Assis lembrou que, para ter acesso ao Rio Card Universitário, é necessário que o candidato apresente a documentação exigida – Carteira de Identidade, CPF, comprovante de residência, comprovante de matrícula, plano de estudos e frequência na universidade, entre outros -, para então fazer ou manter o cadastro na Secretaria Municipal de Assistência Social. “Essa documentação deve ser apresentada a cada seis meses”, para mantermos os dados atualizados”, enfatizou.

Junho 3, 2013 Posted by | assistencia social, Educação, jornalismo, Maricá, projeto social, transporte | | Deixe um comentário

Maricaense Mayssa Bastos é Campeã mundial de Jiu-Jitsu nos Estados Unidos

Fonte: Lei Seca Maricá

Mayssa Bastos é Campeã mundial de Jiu-Jitsu


A atleta maricaense foi campeã mundial juvenil nas categorias Faixa azul, peso médio e absoluto pela IBJJF no Estado da Califórnia nos Estados Unidos. Foram duas finais, com duas finalizações, estrangulamento pelas costas e um armlock.

A nossa "Pequena Notável", Mayssa Bastos coloca o Município de Maricá no pódio por duas vezes se consagrando Campeã Mundial Juvenil Faixa Azul, Peso Médio e Absoluto pela IBJJF. O campeonato foi realizado em Long Beach, Califórnia, EUA.

Com combates eletrizantes a atleta conquistou o lugar mais alto do pódio por duas vezes e dedica a primeira medalha de ouro a Deus, a sua família e a equipe de treino do Mestre Julio Cesar Pereira, dos professores Jair Court, Damião Silva, Manoel Augusto da Matta, Daniel Dantas Peres, Leonardo Pacheco, dos Instrutores Wellington Alvez e Monitora Mariane Nunes.

A 2º Medalha de ouro a atleta dedica a Sociedade de Maricá, ao Prefeito Washington Quaquá e a equipe de Secretaria de Esportes do município.

A Equipe J.Court – GFTeam Maricá-RJ fica conhecida e registrada, na Piramide de Long Beach, California, EUA. Foram duas finais, com duas finalizações, estrangulamento pelas costas e um armlock. O professor Jair Court falou das conquistas de Mayssa Bastos "Agradeço aos meus Mestres Walter Nogueira e Julio Cesar e aos amigos que ajudaram ambas la no momento de guerra: Denilson Pimenta, Theodoro Canal, Ana Carolina Vieira, Nadia Melo, Italo Lins muitos outros que sempre estiveram ao nosso lado. Sempre juntos, sempre em frente, simples assim."

A atleta maricaense foi campeã mundial juvenil nas categorias Faixa azul, peso médio e absoluto pela IBJJF no Estado da Califórnia nos Estados Unidos. Foram duas finais, com duas finalizações, estrangulamento pelas costas e um armlock.

A nossa "Pequena Notável", Mayssa Bastos coloca o Município de Maricá no pódio por duas vezes se consagrando Campeã Mundial Juvenil Faixa Azul, Peso Médio e Absoluto pela IBJJF. O campeonato foi realizado em Long Beach, Califórnia, EUA.

Com combates eletrizantes a atleta conquistou o lugar mais alto do pódio por duas vezes e dedica a primeira medalha de ouro a Deus, a sua família e a equipe de treino do Mestre Julio Cesar Pereira, dos professores Jair Court, Damião Silva, Manoel Augusto da Matta, Daniel Dantas Peres, Leonardo Pacheco, dos Instrutores Wellington Alvez e Monitora Mariane Nunes.

A 2º Medalha de ouro a atleta dedica a Sociedade de Maricá, ao Prefeito Washington Quaquá e a equipe de Secretaria de Esportes do município.

A Equipe J.Court – GFTeam Maricá-RJ fica conhecida e registrada, na Piramide de Long Beach, California, EUA. Foram duas finais, com duas finalizações, estrangulamento pelas costas e um armlock. O professor Jair Court falou das conquistas de Mayssa Bastos "Agradeço aos meus Mestres Walter Nogueira e Julio Cesar e aos amigos que ajudaram ambas la no momento de guerra: Denilson Pimenta, Theodoro Canal, Ana Carolina Vieira, Nadia Melo, Italo Lins muitos outros que sempre estiveram ao nosso lado. Sempre juntos, sempre em frente, simples assim."

Junho 3, 2013 Posted by | esportes, jornalismo, Maricá | , | Deixe um comentário