Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Festa da Padroeira de Maricá reuniu milhares de pessoas

Texto: Marcelo Moreira (com Rafael Zarôr, Fernando Uchôa e Sérgio Renato) | Fotos: Fernando Silva, Clarildo Menezes e Rosely Pellegrino

A edição de 2013 da Festa da Padroeira de Maricá reuniu milhares de pessoas na programação religiosa, organizada pela Paróquia de Nossa Senhora do Amparo, e nos shows gratuitos com grandes nomes da música, realizados pela secretaria municipal de Turismo com o apoio das secretarias de Cultura, Trânsito e Segurança, entre outras.

DSCN6279

DSCN6273

971764_511499615601490_590580425_nDSCN6305DSCN6328DSCN6335DSCN6344 1174824_511499815601470_695740407_nCentenas de fiéis prestigiaram na quinta-feira, dia 15/08, o primeiro dia de festividades em celebração à padroeira. As homenagens começaram bem cedo, às 6h, com a tradicional alvorada festiva. Durante todo o dia, missas celebraram a fé dos maricaenses e, no início da noite, uma procissão com a imagem da santa percorreu as principais ruas da cidade, seguida pela celebração de Missa Campal Solene pelo bispo emérito da Arquidiocese de Niterói, Dom Alano Pena.

Monobloco, Bateria da Grande Rio, Alceu Valença e Paralamas do Sucesso

Na sexta (16/08), abrindo a série de grandes shows na Praça Orlando de Barros Pimentel, o grupo carioca Monobloco incendiou o público com sua mistura inconfundível de ritmos. A galera vibrou com trechos do novo álbum da banda, “Arrastão da Alegria”, com regravações de artistas como Tim Maia (na canção “Um dia de domingo”) além dos sucessos que sempre estão no repertorio da banda, como “Taj Mahal”, “País tropical” e “Fio Maravilha”, de Jorge Benjor; sambas de Beth Carvalho, Arlindo Cruz e Zeca Pagodinho; músicas de Carnaval; o rock do Rappa e Titãs; e muito frevo, forró, axé e funk.

Após o Monobloco, a festa ficou por conta da bateria da Grande Rio, comandada pelo mestre Ciça. A escola, que no Carnaval de 2014 vai contar na Marquês de Sapucaí a história de 200 anos do município, trouxe 40 ritmistas, mestre-sala e porta-bandeira, baianas e passistas para o show na cidade.

No sábado (17/08), nem a chuva nem o frio espantaram o público, que cantaram e dançaram ao som do cantor e compositor Alceu Valença. Acompanhado por sua banda, o músico pernambucano abriu o show com “Mandacaru”, de Luiz Gonzaga. Em seguida, vieram “Sabiá”, “Pisa na Fulô” e outras canções em homenagem ao Rei do Baião. Alceu também brindou o público com suas canções mais conhecidas, como “Coração bobo”, “Anunciação”, e “Belle de Jour”, entre outras.

 

E no último domingo (15/08), a festa foi comandada por ninguém menos que os Paralamas do Sucesso, na primeira apresentação do grupo em Maricá. No repertório, além dos hits que tornaram os Paralamas um dos ícones do rock nacional – “Óculos”, “Meu Erro”, “Alagados”, “Uma Brasileira” e “Lourinha Bombril” – a banda surpreendeu o público com músicas menos comuns em seus shows, como “Patrulha Noturna” (emendada com “Cinema Mudo” e “Ska”), “Melô do Marinheiro” e “Me Liga”, além de uma cover de “Como Uma Onda”, de Lulu Santos. O público vibrou com o set de uma hora e meia e exaltou a organização do evento, promovido pela secretaria municipal de Turismo.

Sala Cult e Sob o Céu, sob o Sol de Maricá também fizeram parte da programação


Com parte dos festejos da padroeira de Maricá, o projeto musical “Sob o céu, sob o sol de Maricá” apresentou mais uma edição, no último sábado (17/08) na Praça Orlando de Barros Pimentel, O projeto é mantido pela secretaria de Turismo em parceria com a Secretaria de Cultura do município.
Os músicos Bruno Lerner, Leandro Jr., Ricardo Agura e Roberta Tílio apresentaram ao público sucessos da MPB, em violão e voz. Usuários da Casa do Idoso (ex-Casa da 1ª à 3ª Idade), prestigiaram o evento, além de uma platéia que acompanhou tudo das mesas de bares e restaurantes em frente à tenda armada para os artistas. Dalva Maria do Socorro, 65 anos, declarou que não perde a programação, que normalmente acontece às quintas e sextas feiras. “Participo sempre dos eventos culturais da Prefeitura, que são muito bons. Venho com os amigos da Casa do Idoso, e nos divertimos muito”, completou.

Na última sexta-feira (18/08/13) a Casa de Cultura apresentou mais uma edição do Projeto da Secretaria Municipal de Cultura Sala Cult, com as Mulheres da MPB parte I.

As Mulheres que participaram do projeto da esquerda para a direita  Jô Borges, Kelly Kristiny, Mirene Alves, Maytê Correa Dalva Alves e Janine Siqueira. Na Casa de Cultura de Maricá, as Divas da MPB foram homenageadas na Sala Cult

Dalva Alves homenageando as Mulheres da MPBDSCN6388Jô Borges e os musicos da CulturaMãe e filha no palco, Mirene e Dalva Alves As homenageadas da noite foram as cantoras Maysa, Elis Regina, Cássia Eller, Elizete Cardoso, Dalva de Oliveira, Dircinha e Linda Batista, Carmem Miranda, Nora Ney, Emilinha Borba, Clara Nunes. Músicas que caracterizaram as vozes femininas da música popular brasileira foram cantadas pelas convidadas Maytê Correa, Mirene Alves e Jô Borges. Dalva Alves, organizadora do evento e cantora, também participou da homenagem cantando as divas.
Encerrando o espetáculo ao som das marchinhas de carnaval de Emilinha Borba, os confetes e serpentinas foram a surpresa final da noite.
Na próxima sexta-feira (23/08) o Sala Cult dará continuidade a homenagem as mulheres da MPB. Não perca, às 19h.
Distribuição de senhas às 18:30.

Agosto 22, 2013 - Posted by | Igreja Católica, jornalismo, Maricá, religioso, shows e eventos | , ,

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: