Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Prefeito Municipal de Maricá decreta luto oficial pela morte do ex-governador Eduardo Campos

Texto: Marcelo Ambrosio

O prefeito de Maricá, Washington Quaquá, decretou luto oficial de três dias no município em função da morte do ex-governador e candidato à Presidência da República pelo PSB, Eduardo Campos, em decorrência de um acidente aéreo em Santos (SP) na manhã desta quarta-feira (13/08). "Ele era um homem de bem, parte constitutiva da esquerda brasileira, daqueles que, como nós, lutam por uma sociedade mais justa", afirmou Quaquá. "Eduardo, assim como seu avô, Miguel Arraes, viverão sempre na memória do povo e dos que lutam por uma sociedade mais justa e igualitária. Enviamos nossas condolências", completou o prefeito.

Agosto 13, 2014 Posted by | jornalismo | Deixe um comentário

Mais uma edição do "Pedala Maricá" nas ruas do Centro

Texto: Leandra Costa (edição: Raquel Andrade)

Mais uma edição do "Pedala Maricá" nas ruas do Centro

Nesta quinta-feira (14/08), a Secretaria Municipal de Turismo e Lazer realiza mais uma edição do Pedala Maricá – projeto de incentivo ao ciclismo na cidade. A concentração acontecerá na Praça Conselheiro Macedo Soares, também conhecida como a Praça do Turismo, no Centro, às 19h. Os participantes circularão por diversas ruas da região central da cidade.

O projeto conta com a participação de aproximadamente 50 ciclistas e tem o apoio de equipes da Defesa Civil e das secretarias municipais de Segurança Pública e de Trânsito e Transporte. A atividade é recomendada para pessoas de qualquer idade. Vale ressaltar apenas que os menores de 14 anos devem estar acompanhados de pai, mãe ou responsável. Quem tiver interesse em participar, não precisa se inscrever, basta comparecer na concentração com sua bicicleta e fazer parte do projeto.

O passeio, de aproximadamente uma hora de duração, terá o seguinte itinerário: Avenida Roberto Silveira, seguindo pelas ruas Ary Spíndola, Soares de Sousa, Clímaco Pereira (garagem da Amparo), Domício da Gama, Alferes Gomes, Avenida Prefeito Odemir Francisco da Gama, passando ainda pelas ruas Fernando Enrique Assunção, Milton de Sousa Pacheco, Antônio Vieira Sobrinho (sentido pista de skate), Barão de Inoã e Rua Domício Gama. A dispersão será na Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel.

Segundo a Secretaria Municipal de Turismo, o objetivo do projeto é conscientizar a população sobre o uso da bicicleta como meio de transporte eficiente e ambientalmente correto, além de mostrar os benefícios à saúde.  O ciclismo é uma atividade rítmica, ideal para desenvolvimento dos sistemas de energia aeróbico e anaeróbico.  Em termos de saúde, estimula o sistema cardiovascular dos praticantes, sendo indicado por médicos especialistas para desenvolvimento de resistência de força muscular das pernas e como ótimo exercício para queima de gordura corporal. A média é de 400 calorias perdidas por hora (para uma mulher com 60 quilos).

Agosto 13, 2014 Posted by | esportes, jornalismo, Lazer, Maricá, turismo | | Deixe um comentário

Jazz, Blues e Bossa Nova nesta quarta na rodoviária do Centro de Maricá

Texto: Rafael Zarôr | Fotos: Fernando Silva

O repertório inclui sucessos de Chico Buarque, Tom Jobim, Vinícius de Moraes e solos de jazz e blues no instrumental

Iniciativa da Secretaria de Cultura de Maricá oferece toda semana shows gratuitos de música clássica e instrumental, a partir das 17h

Uma boa opção para quem gosta de música clássica e instrumental é o projeto "Música na Rodoviária", da Secretaria Municipal de Cultura, apresentado todas as quartas-feiras no terminal de ônibus do Centro de Maricá. O show é gratuito e acontece às 17h. Nesta semana, a iniciativa, realizada desde julho, levará ao público um repertório com sucessos de Chico Buarque de Holanda ("Meu Guri" e "O Meu Amor"), da Bossa Nova (músicas de Tom Jobim, Vinícius de Moraes e João Gilberto) além de arranjos no instrumental, em ritmo de jazz e blues.

A Banda Amigos da Cultura é formada por Dalva Alves (voz), Ronaldo Valentim (voz e violão), Paulo Ernani (cajon), Gustavo Gibi (saxofone), Hildo Tambora (percussão) e Pedro Szigethy (violoncelo). O projeto tem o objetivo de oferecer música clássica, instrumental, Bossa Nova e MPB aos passageiros que utilizam a rodoviária de Maricá. Já foram apresentados clássicos de Sebastian Bach, Villa-Lobos, Beatles, Chick Corea (pianista considerado um dos maiores nomes do jazz mundial), Tom Jobim, Vinícius de Moraes, Cartola, Luiz Gonzaga, entre outros. A Rodoviária do Povo de Maricá fica na Avenida Roberto Silveira, no Centro.

Agosto 13, 2014 Posted by | cultura, jornalismo, Lazer, Maricá, musica, projeto cultural | | Deixe um comentário

Comunidades pesqueiras de Maricá dão apoio ao projeto Fazenda São Bento da Lagoa

Texto:Tassia Assunção FSB Comunicações, fotos: Rosely Pellegrino

DSCN7205 Pescadores da AMORPEZ (Associação de Moradores e Pescadores de Zacarias) e da Colônia Z-7 declararam publicamente seu apoio ao projeto Fazenda São Bento da Lagoa durante evento realizado no fim de semana em Guaratiba. Na cerimônia de reeleição e inauguração da nova sede, o atual presidente da Colônia Z-7, Yllke Almeida, afirmou que confia no empreendimento: “Eu vejo com bons olhos o projeto para o município de Maricá como um todo. Vejo oportunidades de emprego para a população, atração de turismo e incentivos à prática de projetos de pesca local”. Yllke hoje representa 837 pescadores associados.

DSCN7219Washington da Costa, presidente da AMORPEZ e o diretor-executivo da IDB Brasil, David Galipienzo

Já para Washington da Costa, presidente da AMORPEZ, nascido e criado em Zacarias, o empreendimento trará melhorias para os pescadores de Zacarias: “O projeto irá contribuir para o desenvolvimento de toda região pela inclusão e geração de oportunidades para a nossa comunidade e também para a questão da revitalização da área degradada”.

O evento contou com a presença do diretor-executivo da IDB Brasil, David Galipienzo, que irá desenvolver o  em uma área de 840 hectares, entre o mar e a Lagoa de Maricá. O projeto estabelece que a infraestrutura urbana seja completamente integrada à natureza, com apenas 17% de intervenção do espaço. Ele vai abrigar a segunda maior Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) de restinga do Estado, com 450 hectares, ocupando mais de 50% do empreendimento, com acesso público para todos os visitantes.

O plano contempla também ações de apoio e sustentação para que as atividades pesqueiras da comunidade permaneçam ativas e produtivas. Além disso, prevê o fornecimento equipamentos de apoio para pesca, cursos de qualificação e desenvolvimento de aptidão para o novo mercado de trabalho gerado pelo empreendimento.

De acordo com o projeto, o empreendimento trará melhorias de infraestrutura e lazer para a região, com a construção de hospital, escola, shoppings, centro empresarial, área esportiva e ordenação de vias. Só no período de construção, a expectativa é que as obras gerem até 4 mil empregos diretos e indiretos. Já em plena fase operacional, a Fazenda São Bento da Lagoa prevê a criação de aproximadamente 17 mil empregos diretos.

A IDB Brasil fará a inclusão dos moradores de Zacarias, por meio da cessão definitiva da titularidade de terra aos moradores, com urbanização no mesmo padrão do empreendimento. Além disso, a comunidade também terá áreas de lazer e esportes próprias. A proposta possibilita ainda melhorias para os setores do comércio e do turismo, dois segmentos essenciais para o desenvolvimento socioeconômico de Maricá.

Agosto 13, 2014 Posted by | empreendimento imobiliario, jornalismo | , , | Deixe um comentário

"Maricá + Verde" retoma ações ambientais em escolas públicas

Texto: Leandra Costa (edição: Marcelo Ambrosio) | Fotos: Fernando Silva

"Maricá + Verde" retoma ações ambientais em escolas públicas

Após o período de férias escolares, a Secretaria de Ambiente de Maricá retomou nessa terça-feira (12/08), mais uma ação do programa Maricá + Verde. A ação foi realizada na Escola Municipal Amanda Peña Soares, no Bananal, em Ponta Negra. Lançado em março deste ano pelo prefeito Washington Quaquá e pelo vice-prefeito Marcos Ribeiro, o programa é uma estratégia da Prefeitura para impulsionar a recuperação das Áreas de Preservação Permanente (APP), situadas às margens de córregos e rios. Desde o início, 3000 mudas já foram plantadas na cidade.

Os alunos participaram da oficina de mudas e do plantio de 30 espécies nativas da Mata Atlântica, como ipê amarelo e castanheira. As árvores foram plantadas no pátio da escola e também no entorno da unidade. Também assistiram o vídeo "Papo Verde", que mostra equipes da Prefeitura realizando a limpeza na região do Espraiado e orientando os moradores e turistas para a preservação do local.

A diretora da unidade, Claudia da Silva Peres, destacou a importância de atividades ambientais como forma de enriquecer o trabalho desenvolvido nas salas de aula. "Ações similares a essa já fazem parte do projeto pedagógico da escola porque estamos localizados muito perto de áreas ambientais, como o Espraiado e a Serra do Mato Grosso. É de extrema relevância conscientizá-los da necessidade de preservação ambiental", declarou a diretora. A escola atende 303 alunos da Educação Infantil ao nono ano.

O subsecretário municipal de Biodiversidade, Evandro Sathler, ensinou aos alunos as etapas de plantio correto de mudas. "Queremos reforçar, junto a esse público mais jovem, a importância do plantio de árvores. Apesar de pequena, essa iniciativa tem uma relevância enorme por estimular nos alunos a consciência sobre preservação", declarou Evandro, que estava acompanhado da superintendente de Biodiversidade da secretaria, Paôla Garcia.

Um dos alunos mais participativos foi Marlon Willian Matos de Carlos, de apenas dois anos. Seus olhos estavam atentos a cada passo ensinado e ele comemorou quando chegou sua vez de colocar a mão na terra, "Oba, minha vez, consegui!", festejou. Aluno do sexto ano, Kayke Mazuri, de 11 anos, também adorou participar. "Já tinha plantado antes, mas não conhecia essa técnica da garrafa pet. Agora ficou muito mais fácil. Adoro a natureza e vou fazer o possível para preservá-la", declarou o aluno, que levou sua muda de Ipê amarelo para plantar em casa, referindo-se à utilização de garrafas de plástico descartáveis cortadas – uma técnica simples, barata e eficiente na prevenção aos focos do mosquito da dengue. "Vou acompanhar o crescimento dela todo dia. Quero que fique muito grande e bonita", completou. Os ingredientes indispensáveis para o sucesso do plantio, segundo Evandro, são: água, luz e muito carinho.

Próximas unidades

O Programa "Maricá + Verde" irá visitar no dia 14/08 a Escola Municipal Alfredo Nicolau da S. Junior (bairro Marques); no dia 19/08, será a Escola Municipal Espraiado (bairro Espraiado); 21/08, será a vez da Escola Municipal Reginaldo dos Santos (bairro Ponta Negra); no dia 26/08, a Escola Municipal João Pedro Machado (bairro Manoel Ribeiro); e, no dia 28/08, o CEIM Professora Ondina Coelho (Centro). Em breve, a Secretaria de Ambiente vai informar o calendário de visitação do mês de setembro (a programação completa também pode ser vista no site).

Os alunos participaram da oficina de mudas e do plantio de 30 espécies nativas da Mata Atlântica

As árvores foram plantadas no pátio da escola e também no entorno da unidade

O pequeno Marlon Matos, de dois anos, participando no plantio da muda de castanheira no pátio da escola

Kayke Mazuri, de 11 anos, adorou participar das atividades

Agosto 13, 2014 Posted by | Ecologia, jornalismo, Maricá, meio ambiente | | Deixe um comentário

Lindberg afirma que inversão de valores no estado também se reflete na cultura

DCS_4450Candidato apresentou propostas para a área e disse que vai fazer o casamento da cultura com a educação (foto: Peter Ilicciev)

O candidato ao governo do Rio de Janeiro pela Frente Popular (PT – PV – PSB – PcdoB), Lindberg Farias, abriu, nesta segunda-feira (11), o ciclo de debates “Diálogos possíveis – Cultura e desenvolvimento no Estado do Rio de Janeiro”, promovido pela entidade Circo Crescer e Viver. Durante o encontro, que contou também com a participação do secretário Municipal de Cultura do Rio, Sérgio Sá Leitão, Lindberg destacou que, assim como em áreas como saúde, educação e segurança, há uma inversão de valores também no setor de cultura.

“Hoje, percebemos que apenas a Zona Sul e a Barra da Tijuca recebem investimentos, por exemplo, no transporte e na segurança. Ano passado, durante as Caravanas da Cidadania, percebi também que há equipamentos culturais apenas nessas regiões. Os municípios têm uma realidade completamente diferente. Vou investir mais na cultura e propor ações que mudarão este cenário. É preciso inverter a situação e governar para quem mais precisa”, disse.

Em sua proposta de governo, segundo o candidato, 13 pontos norteiam o programa de cultura. Dentre eles, a criação de novo conselho estadual de cultura, a elaboração do plano estadual, o aumento progressivo do orçamento, a ampliação do projeto Cultura Viva e do Vale Cultura, a reforma dos atuais equipamentos culturais do Estado e a valorização dos grupos coletivos de cultura do interior. “Além disso, vou fazer o casamento da cultura com a educação. Os Cieps do Século 21, que criarei se eleito, serão integrados aos equipamentos culturais. Essa experiência é possível e já foi comprovada com o Programa Bairro Escola, criado quando fui prefeito de Nova Iguaçu.”

São ações assim, segundo Lindberg, que vão ajudar a mudar a atual realidade da juventude do Rio. “Hoje, 30% dos jovens, com idade entre 18 e 24 anos, não trabalham nem estudam.”

Proposta ousada

Ao ouvir o candidato da Frente Popular, o secretário Municipal de Cultura do Rio, Sérgio Sá Leitão, elogiou e disse ser uma proposta ousada. Aproveitou o encontro e perguntou a Lindberg qual a importância da cultura na vida dele.

“Meu pai, que também foi líder estudantil, me apresentou a cultura. Gosto muito do trabalho de Pablo Neruda e do poeta Augusto dos Anjos”, respondeu Lindberg, que declamou dois poemas do autor paraibano e foi bastante aplaudido. “No Nordeste, é muito comum os jovens declamarem. Não vejo isso no Rio de Janeiro”, completou.

Diante disso, o secretário brincou e estabeleceu que todos os candidatos que vierem a participar do debate façam o mesmo.

Candidatos

Os outros candidatos ao governo do Rio de Janeiro também participarão do debate. Para o coordenador executivo do Circo Crescer e Viver, Junior Perim, é importante ouvir as propostas de todos, pois o Rio precisa de mais investimentos em cultura.

O Circo Crescer e Viver começou em São Gonçalo há 13 anos com 150 jovens. Hoje, conta com cerca de 400 pessoas, que desenvolvem diversas atividades ligadas ao circo. “Temos, por exemplo, a lona itinerante que leva espetáculos a vários locais do Estado”, destacou Junior.

Crédito da foto: Peter Ilicciev

Agosto 13, 2014 Posted by | cultura, Eleições 2014, jornalismo, política | | Deixe um comentário

PT divulga balanço dos governos Lula e Dilma – Jornada Nacional de Formação

Apresentação

Este é o primeiro texto de um conjunto que integrará a análise dos governos do presidente Lula e da presidenta Dilma. Futuramente, estes conteúdos farão parte do novo caderno 2 do módulo 2 da Jornada Nacional de Formação.

TEXTO 1 – DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

O Brasil hoje

Nos últimos anos, o Brasil tem vivido a concretização de um projeto de desenvolvimento, com promoção da justiça social, fortalecimento da democracia e presença soberana no mundo.

Um desenvolvimento inclusivo e sustentável, que articula as dimensões social, econômica, cultural, ambiental e ética, a partir do fortalecimento do Estado e da democracia, que se apoia no equilíbrio macroeconômico e no crescimento, e tem promovido a distribuição de renda, visando à superação da histórica desigualdade social, ainda expressiva no Brasil.

Balizas que, nos governos do presidente Lula e da presidenta Dilma, orientaram a concepção e implementação de políticas fundamentais para o desenvolvimento do País e que contribuíram para a redução das desigualdades regionais, como a produção de energia; infraestrutura; políticas agrária e agrícola, com ênfase na produção de alimentos; políticas de proteção ambiental e de produção sustentável; políticas industrial, naval e aeroespacial; políticas de segurança pública; o conjunto das políticas de proteção e desenvolvimento social; ampliação do direito à educação e novos padrões de produção de conhecimento e cultura.

São políticas públicas articuladas, de longo prazo, com solidez e continuidade, conformando parte do patrimônio político do Brasil.

Elaboradas a partir de princípios e conceitos que se pretendem tornar permanentes, como políticas de Estado, que possam constituir patamares de referência ao diálogo entre governantes e sociedade, estas políticas têm sido construídas nas discussões criativas e críticas com participação social, nas mais de 100 conferências realizadas nas esferas nacional, estadual e municipal e nos conselhos temáticos. Espaços institucionais, nos quais as mais diversas representações de interesses e opiniões são acolhidas e fomentam o debate e a pactuação de indicativos para os processos de tomada de decisões e o diálogo com o Congresso Nacional, com os governos estaduais e municipais.

O Brasil tem sido capaz de assegurar a estabilidade macroeconômica, a recuperação do crescimento e o controle inflacionário, com ampliação das taxas de investimento, tanto no setor público quanto privado. Houve investimentos em política industrial e agrícola; investimentos em infraestrutura econômica e social; investimentos em atividades intensivas em recursos naturais e a formação de um mercado interno de massas. A formalização nas relações de trabalho cresceu, o desemprego caiu e se encontra, hoje, em suas menores taxas históricas. A política de valorização do salário mínimo fez com que os salários tivessem expressivos aumentos, particularmente os dos trabalhadores e trabalhadoras de baixa renda. Os investimentos sociais têm assegurado e/ou ampliado direitos e contribuído para a superação das desigualdades sociais, culturais, étnicas e entre homens e mulheres.

Os governos do presidente Lula e da presidenta Dilma conduziram uma política de desenvolvimento social voltada à inclusão, à garantia de emprego e renda, ao acesso às políticas públicas e à universalização dos direitos, que possibilitou que  milhares de brasileiros e brasileiras saíssem da miséria. As brasileiras e os brasileiros beneficiários dos programas sociais têm tido oportunidades de trabalho e renda, acesso a cursos profissionalizantes e de elevação de escolaridade. A distribuição de renda tem sido efetiva e significativa.

Outra importante conquista para o Brasil é o planejamento integrado das políticas públicas do governo federal e o empenho no processo de planejamento destas políticas entre a União e os governos estaduais e municipais. Exemplo disso tem sido o processo de planejamento do desenvolvimento brasileiro pelo poder público, que introduziu a participação social e a perspectiva de integração na elaboração do Plano Plurianual – PPA.

O Plano Plurianual em escala federal tem sido produzido como um Plano Nacional, que visa se constituir em instrumento de planejamento estratégico do Estado brasileiro, estabelecendo metas que dialogam, por meio de avaliações, com as metas estabelecidas anteriormente.

O Plano Plurianual constitui-se em referência para os investimentos públicos e privados do País e para a elaboração dos PPAs Estaduais e Municipais, de acordo com as determinações constitucionais.

O governo federal elaborou, para esse fim, uma ousada ação de capacitação dos gestores e gestoras públicos em vários municípios do País, tendo como base o desenvolvimento das políticas no território, com suas características específicas, a articulação entre as políticas e a ampla participação da sociedade. Trata-se de articular o PPA Federal com os PPAs Municipais, de sorte a desenvolver uma cultura de planejamento estratégico e torná-la, de fato, uma questão nacional.

O Brasil antes

Antes dos governos do presidente Lula e da presidenta Dilma, a situação no Brasil não era essa. Os governos de Collor e FHC dirigiram o País a partir das referências do programa neoliberal, cujas características são expressas em:

  • ajuste fiscal, beneficiando o mercado financeiro e provocando a concentração de renda, o aumento do desemprego e da pobreza;
  • subordinação aos interesses norte-americanos na política externa, consubstanciada, por exemplo, na discussão sobre a ALCA (Área de Livre Comércio das Américas);
  • “Estado Mínimo”, com a redução de direitos (diminuição do acesso e da qualidade dos serviços públicos) e de investimentos em políticas sociais e em infraestrutura do País e privatização das empresas estatais;
  • criminalização e desmoralização dos movimentos sociais;
  • redução das responsabilidades do Estado, transferindo suas funções para outras instituições;
  • interdição do debate sobre o desenvolvimento.

O PT se posicionou publicamente contra essas medidas e apresentou outro projeto ao Brasil. Apoiando-se nas suas históricas bandeiras de lutas e nas conquistas inscritas na Constituição de 1988, defendeu as instituições públicas, o patrimônio do País, a prevalência da justiça social sobre a lógica do mercado e o fortalecimento dos movimentos sociais.

Atualmente, com a ampliação das oportunidades à sociedade, os brasileiros e brasileiras, especialmente os jovens, voltaram a sonhar com um futuro de acesso ao conhecimento, ao trabalho, aos direitos sociais.

Hoje, a maioria da sociedade sabe que tem o direito de querer mais. Direito que somente poderá ser realizado mediante a permanência e consolidação do projeto de desenvolvimento implementado pelos governos do presidente Lula e da presidenta Dilma.

Afinal de contas, como diz a presidenta Dilma, o fim da miséria é apenas o começo.

Agosto 12, 2014 Posted by | jornalismo, política, PT | , , | Deixe um comentário

Cineclube Henfil de Maricá exibe filme sobre a vida de Jesus Cristo

Texto: Rafael Zarôr | Fotos: Divulgação

Diretor seguiu fielmente o evangelho de São Mateus sobre a vida de Jesus, do nascimento à ressurreição

"O Evangelho Segundo São Mateus" foi eleita pelo Vaticano a obra mais fiel da história do Filho de Deus. Sessão acontece quarta-feira, às 19h, na Casa Digital, no Centro

O Cineclube Henfil de Maricá apresenta nesta quarta-feira (13/08) o melhor filme sobre a vida de Jesus Cristo, segundo o Vaticano. A partir das 19h, o projeto da Secretaria Municipal de Cultura exibe "O Evangelho Segundo São Mateus" (1964 – Itália), na Casa Digital, no Centro. A sessão é gratuita e senhas de acesso serão distribuídas às 18h30.

Dirigido pelo italiano Pier Paolo Pasolini, a obra cinematográfica foi eleita pelo jornal do Vaticano "L’Osservatore Romano", em julho desde ano, como o melhor filme sobre a história de Jesus Cristo. O filme, que estreou há 50 anos, no Festival de Veneza, foi censurado naquela época por seu estilo "pouco sagrado", com um Jesus demasiado humano. No longa-metragem, vencedor do prêmio especial do júri do Festival de Veneza de 1964, Jesus aparece como um líder politizado e combativo. Em 1967, a obra recebeu três indicações para o Oscar nas categorias Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino e Melhor Trilha Sonora.

Com 2 horas e 17 minutos de duração, o diretor não usou roteiro nas filmagens e seguiu fielmente o evangelho de Mateus sobre todas as etapas da vida de Cristo, do nascimento à ressurreição. As parábolas, os primeiros discípulos, a revolta, a determinação, os milagres, a intolerância, a solidão e a impaciência com a falsidade dos homens. Assim o Filho de Deus conseguiu uma legião de seguidores e também muitos inimigos. Pasolini usa cenários mínimos e enquadramentos simples para recriar um retrato convincente da época.

A programação deste mês, intitulada "Atos de Fé", ainda inclui "A Vida de Brian" (20/08) e o documentário "Ladainhas" (27/08), que contará com uma palestra do diretor Délcio Teobaldo, após a apresentação do curta-metragem. Na estreia de agosto, o Cineclube Henfil exibiu o clássico nacional "O Pagador de Promessas", único filme brasileiro vencedor da Palma de Ouro, em 1962, do Festival de Cinema de Cannes, na França. A Casa Digital fica na Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel, no Centro.

Agosto 12, 2014 Posted by | cinema / produção, cultura, jornalismo, Lazer, Maricá, projeto cultural | | Deixe um comentário

Parte de via no Centro de Maricá é interditada para duplicação de ponte

Texto: Rafael Zarôr

Av. Vereador Francisco Sabino da Costa será alargada no trecho da ponte sobre o rio Ludgero nos dois sentidos

Calçada (sentido Centro) será retirada nesta terça-feira para colocação de novas lajes. Opção para condutores é utilizar o acesso da Mumbuca

A Prefeitura inicia nesta terça-feira (12/08), a partir das 9h, mais uma etapa de duplicação da ponte sobre o rio Ludgero, que cruza a Avenida Vereador Francisco Sabino da Costa (no trecho próximo ao Colégio Santa Mônica), no Centro de Maricá. Equipes da Secretaria Municipal de Obras irão retirar a antiga calçada (sentido Centro) para instalação de vigas e tabuleiros (lajes). As pistas serão estreitadas para a continuidade do fluxo de veículos durante as intervenções e os pedestres deverão utilizar a calçada do sentido oposto.

Enquanto o serviço é realizado, a orientação da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes é que os motoristas utilizem o acesso da Mumbuca (ao lado da Churrascaria Maminha de Ouro) para chegar ao Centro. Para facilitar a visualização, a secretaria instalará nesta terça-feira placas indicativas do acesso alternativo à região central. Já aqueles que seguem em direção a Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106), a opção é a Avenida Beira Rio, no Parque da Cidade. Os condutores podem ir até a rodovia ou acessar o bairro pelas ruas das Gralhas ou Ayrton Senna. Agentes de trânsito e guardas municipais também orientarão os motoristas.

Segundo a Secretaria de Obras, as vigas e tabuleiros serão instalados à noite para evitar maiores transtornos à população. A pista da avenida será alargada no trecho da ponte em ambos os lados, que passarão a ter 4,55 metros a mais cada um. Serão colocadas estruturas pré-moldadas que vão dar sustentação às novas faixas de rolamento, fixadas sobre as chamadas ‘estacas-raiz’ de aproximadamente 15 metros de profundidade. A obra é realizada com recursos próprios e o custo é de R$ 509 mil.​

Agosto 12, 2014 Posted by | jornalismo, Obras em Maricá, transito, vias públicas | Deixe um comentário

Oficina Domo Geodésico em Maricá

clip_image004clip_image006

No próximo dia 16, sábado, o promoverá a construção de um domo geodésico na Lagoa de Araçatiba.

clip_image002

Criados pelo arquiteto e visionário norte-americano Buckminster Fuller, os domos geodésicos são estruturas cupulares que se destacam por apresentar enorme resistência e notável leveza. Podem ser construídos com barras de qualquer material desde que respeitem os cálculos correspondentes.

Nesta obra serão utilizados canos de pvc, sendo parte reaproveitada de obras locais.
A construção será realizada em formato de oficina ministrado no próprio Instituto e terá início às 9:00 da manhã. Durante o dia serão abordados os temas teóricos relacionados à estrutura, assim como a construção de um mini domo demonstrativo.

O domo será de uso público, gratuito e permanecerá por tempo indeterminado no local.
O valor do investimento é de 70 reais e as incrições podem ser feitas pelo email permarquitetos@gmail.com ou pelo telefone (21) 9 7268 3493.
O Instituto Casaraça está localizado em frente a Lagoa de Araçatiba na Rua 33, Quadra 56, Lote 07 no bairro de Araçatiba.

flyer color

Agosto 10, 2014 Posted by | Maricá | , | Deixe um comentário