Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Carnaval 2015: mais de 500 mil pessoas em Maricá

Texto: Rafael Zarôr, Raquel Andrade e Marcelo Ambrosio | Fotos: Fernando Silva

Mais de 500 mil pessoas, segundo a Secretaria Municipal Adjunta de Turismo, curtiram os seis dias de folia na cidade

Quem percorreu Maricá durante o Carnaval percebeu que as expectativas de público anunciadas pela Prefeitura foram superadas. Nos shows gratuitos promovidos pelo município em 10 palcos, nas praias e nos desfiles de 80 blocos, milhares de turistas, hóspedes nas 27 pousadas (todas com 100% da capacidade ocupada) e foliões puderam curtir a folia com segurança e conforto.  Ao todo, de acordo com estimativas da Secretaria Municipal Adjunta de Turismo e Lazer, mais de 500 mil pessoas estiveram na cidade nos seis dias de festa – de 13 a 18 de fevereiro.

Nem mesmo o forte temporal de domingo (15/02) e a longa interrupção no fornecimento de energia elétrica em toda a região ofuscaram o bom resultado, medido também no retorno do comércio. Alguns estabelecimentos procurados pela Prefeitura por atenderem nos fins de semana e feriados confirmaram o aumento de vendas, como o Mercado Jolumar (Centro), onde frutas, legumes e itens para churrasco foram os produtos mais procurados. “Vendemos 800 kg de carne e 200 sacos de carvão no Carnaval. Em média, vendemos 1,5 toneladas de carnes por mês”, contou a proprietária Lucia Maria Policarpo. Em Cordeirinho, o Mercado Sol Mar bateu 80% da previsão de vendas para o primeiro mês de funcionamento. “Foram 450 caixas com latas de cerveja de 473 ml e 200 sacos de carvão”, informou o proprietário, André Freitas, que investiu em um gerador e evitou os prejuízos decorrentes da falta de luz. Efeito do calor, na Padaria Pão Quente, na Barra de Maricá, em vez de pães, os foliões também queriam bebidas. “Vendemos 120 pacotes de cerveja de 200 que recebemos”, afirmou a proprietária Maria Lúcia Lemos de Souza. 

Esquema reforçado garantiu tranquilidade e conforto

Por toda a cidade, o contingente de diversas secretarias atuou garantindo segurança, conforto e tranquilidade aos visitantes. A operação com os dois reboques da Secretaria Municipal Adjunta de Segurança, iniciada no mês passado, atuou pela primeira vez em um período de grande movimentação de veículos no município. Ao todo, foram apreendidos e levados para o depósito de São José do Imbassaí 63 motos e 27 carros. As infrações mais comuns foram o estacionamento em local proibido e o uso de som automotivo em alto volume – ultrapassando o limite legal de 80 decibéis. 

O serviço com os ônibus gratuitos da Prefeitura é outro indicador da procura por Maricá como destino turístico no Carnaval. Ao todo, os “vermelhinhos” transportaram quase 58 mil pessoas operando em horário menor, das 7h às 16h30. Nas praias, as equipes da Defesa Civil Municipal também tiveram trabalho, registrando 175 resgates, sem nenhum óbito. Já de acordo com a Secretaria Municipal Adjunta de Saúde, o Hospital Conde Modesto Leal contabilizou 2.001 atendimentos, enquanto a UPA de Inoã teve 1.799 registros. No posto de saúde de Santa Rita, 226 pacientes foram atendidos no período carnavalesco e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192), por sua vez, atendeu 32 chamados. Além disso, a secretaria montou seis postos médicos em palcos do Centro, São José do Imbassaí, Barra de Maricá, Ponta Negra, Cordeirinho e Itaipuaçu, com equipes especializadas (médicos, técnicos de enfermagem e enfermeiros) e ambulâncias.​

Houve espaço, ainda, para ações de conscientização, como a realizada pela Secretaria Municipal Adjunta do Ambiente, que distribuiu 1500 sacolas biodegradáveis para o recolhimento de lixo no Espraiado, Barra de Maricá e Recanto de Itaipuaçu, além de canecas para as crianças. Na outra ponta da questão, a coleta de lixo também foi eficiente, com as equipes da empresa terceirizada contratada pela Prefeitura tendo recolhido 1,3 toneladas de lixo nos seis dias de festa.

No mercado Jolumar, carnes, sacos de carvão, bebidas e produtos de hortifruti foram os mais vendidos

Quase todo estoque de cerveja foi vendido na Padaria Pão Quente, na Barra

Caixas de cervejas foram os produtos mais vendidos no mercado de Cordeirinho

Anúncios

Fevereiro 24, 2015 - Posted by | Carnaval, Carnaval de Maricá 2015, jornalismo, Lazer, Maricá, turismo

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: