Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

LBV Maricá inicia Mobilização solidária por um Natal mais feliz

Com o objetivo de oferecer um Natal sem fome, digno e mais feliz a milhares de famílias em situação de vulnerabilidade social, a Legião da Boa Vontade promove, tradicionalmente, a campanha Natal Permanente da LBV — Jesus, o Pão Nosso de cada dia!. A iniciativa pretende arrecadar mais de 900 toneladas de alimentos não perecíveis, queserão entregues, em cestas, a mais de 50 mil famílias atendidas pelos programas socioeducacionais da LBV e as apoiadas por organizações parceiras da Instituição.

Para atingir essa meta, a LBV conta com o apoio de colaboradores e voluntários, bem como de artistas, esportistas e personalidades da mídia que buscam despertar na população o espírito de Fraternidade Ecumênica e mobilizá-la à Solidariedade.

Cada cesta é composta de arroz, feijão, óleo, açúcar, leite em pó, macarrão, farinha de mandioca e de trigo, fubá, goiabada, gelatina, massa para bolo, extrato de tomate e sal. A entrega ocorrerá entre os dias 9 e 22 de dezembro, o que garantirá a essas pessoas um Natal melhor, bem como a entrada de um novo ano com maior esperança. Vale ressaltar que todas as ações da LBV visam proporcionar aos atendidos meios para que sejam capazes de conseguir o próprio sustento e de promover seu desenvolvimento e o da comunidade em que vivem.

As doações para a campanha podem ser feitas pelo site www.lbv.orgou dirigindo-se a uma das unidades da LBV no Brasil. Os endereços podem ser consultados no site da Instituição ou ligando para o tel.: (11) 3225-4500.

Em Maricá, RJ, o Centro Comunitário de Assistência Social, está localizado na: Av Vereador Francisco Sabino da Costa, 259 Centro – Tel 2634-2027

Em Niterói RJ, o Centro Comunitário de Assistência Social da Legião da Boa Vontade está localizado na Alameda São Boaventura, 474 – Fonseca. Informações pelo telefone: (21) 3628-8660.

Campanha do Natal Permanente da LBV

Movida pelo ideal de Fraternidade que a sustenta, sentimento inspirado dos ensinamentos das palavras e atos de Jesus, o Cristo Ecumênico, a Legião da Boa Vontade trabalha, desde seus primórdios, para melhorar a qualidade de vida dos menos favorecidos. Já na década de 1940, iniciou uma campanha diária e ininterrupta contra a fome e a pobreza, instituindo seu Natal Permanente. A partir daí, além do amparo imediato e da constante atuação nos campos da educação e da promoção social, que vêm mudando o destino de milhares de pessoas em todo o país, a LBV tem tradicionalmente mobilizado a população a fim de proporcionar um Natal melhor às famílias em situação de pobreza.

Anúncios

Setembro 24, 2013 Posted by | Ação Social, jornalismo, Maricá, projeto social | , | Deixe um comentário

LBV Maricá promove entrega de certificado de conclusão do curso de informática

 A Legião da Boa Vontade (LBV) de Maricá, promoveu no inicio deste mês, a entrega de certificados de conclusão do curso de informática aos participantes do Programa de Capacitação e Inclusão Produtiva, desenvolvido no Centro Comunitário de Assistência Social da Instituição, em Maricá, no Rio de Janeiro. A ação beneficia jovens e adultos, em situação de vulnerabilidade social, proporcionando a eles a inserção no mercado de trabalho.
As aulas, oferecidas gratuitamente aos alunos de informática, são ministradas por instrutores especializados e visam preparar o aluno para o concorrido mercado de trabalho. “Dessa forma a LBV contribui para o crescimento profissional e social dos participantes. É gratificante a oportunidade de ver o quanto as turmas evoluem perante um computador, um mundo, até então, desconhecido para muitos. Considerando que muitos estão buscando cargos onde irão aproveitar os conhecimentos adquiridos com o curso”, considerou o instrutor do curso, Bruno Ramos.
Durante o curso os participantes conhecem as ferramentas de microinformática, adquirindo habilidades em trabalhos informatizados, digitação e programas como Windows, Word, Excel, Internet, planilhas. Além disso, recebem noções de cidadania.

entrega dos certificados LBV Maricá (2)
Com o certificado na mão, a aluna Rayelle Cristina ressaltou: “Eu agradeço a LBV por ter me dado esta oportunidade e as pessoas que me ajudaram. Me sinto mais preparado para buscar uma vaga no mercado de trabalho. Obrigada LBV!.
“Tenho muito o que agradecer a LBV por essa oportunidade. Com certeza vou levar toda essa experiência e sabedoria para a minha vida toda. Obrigado LBV”, comentou Nícolas Oliveira da Silva.
Em Maricá, RJ, o Centro Comunitário de Assistência Social, da Legião da Boa Vontade, está localizado na Avenida Francisco Sabino da Costa 259 — Centro. Para outras informações, ligue: (21) 2634-2027.

Setembro 24, 2013 Posted by | Ação Social, jornalismo, projeto social | | Deixe um comentário

Recadastramento do Bilhete Único Universitário de Maricá começa dia 12

A secretaria de Assistência Social de Maricá inicia na segunda-feira (12/08) o recadastramento do programa municipal “Bilhete Único Universitário” para estudantes de cursos técnicos e de faculdades privadas. A atualização dos dados poderá ser feita até o dia 30 de agosto. O programa, criado pela prefeitura, facilita o deslocamento dos alunos para instituições de fora da cidade por meio da distribuição de cartões Riocard, que são recarregados mensalmente com créditos de até R$ 217,80 para cada estudante. Atualmente, o programa beneficia pouco mais de mil alunos.

O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, na sede da secretaria (Rua Domício da Gama, 386, Centro). São exigidos os seguintes documentos: cópias do comprovante de residência atual (conta de água, luz ou telefone fixo no nome do aluno ou do responsável), grade curricular atualizada com os dias da semana no papel timbrado da instituição e a declaração de frequência do primeiro semestre de 2013 (também em papel timbrado da instituição). Mais informações pelo telefone 2637-2617.

Com o programa "Bilhete Único Universitário" de Maricá, duas passagens no intervalo de até duas horas e trinta minutos custam apenas R$ 4,95 – desde que uma delas seja em transporte municipal.

Agosto 9, 2013 Posted by | Ação Social, jornalismo, Maricá, transporte | , | Deixe um comentário

Prefeitura de Maricá realiza ação da cidadania neste sábado em Cordeirinho

Neste sábado, dia 22/06, a Prefeitura de Maricá e o Governo do Estado realizam a segunda ação da cidadania, na Escola Municipal Lucio Thomé Guerra Feteira, em Cordeirinho, com o objetivo de erradicar o subregistro. Organizado pelas secretarias estadual e municipal de Assistência Social, o evento irá oferecer diversos serviços gratuitos à população, das 9h às 16h. A ação conta com as parceiras do Cartório Civil do 2º Distrito, Detran, OAB, Caixa Econômica Federal, Defensoria Pública, Fundação Leão XIII e Conselho Tutelar, entre outras. A primeira mobilização foi realizada em abril, em Itaipuaçu, com 750 atendimentos prestados.

Durante a nova edição do evento, moradores de Cordeirinho e de bairros próximos terão a oportunidade de obter documentos básicos, como registro civil (certidão de nascimento), carteira de identidade, CPF e carteira de trabalho, além de se inscrever nos programas sociais do CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais), que incluim, por exemplo, o Bolsa Família, Vale Social, Rio Card especial e sênior.

Outra oportunidade imperdível são as vagas de emprego por intermédio do Sine (Serviço Nacional de Emprego). As equipes dos CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) e do CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência Social) estarão, respectivamente, fazendo inscrições para oficinas e cursos realizados nos centros do município e prestando esclarecimentos quanto a denúncias de direitos violados. Os interessados também podem se inscrever nos cursos de qualificação profissional do Pronatec, oferecido para pessoas de 16 a 59 anos, em parceria com Senai e Senac.

A secretaria de Saúde estará presente com serviços gratuitos como aferição de pressão arterial e medição de glicose, teste de hepatite e orientações sobre o programa hiperdia (hipertensão e diabete). Dois dentistas irão realizar a aplicação de flúor e prestar orientações sobre dicas de escovação. Outro serviço importante que estará à disposição dos participantes é a atualização das vacinas em crianças, desde que os responsáveis apresentem na hora a carteira de vacinação. Também serão oferecidas orientações para dependentes químicos e atendimento à mulher.

A equipe do Programa Minha Casa, Minha Vida participará do evento para cadastrar interessados na seleção dos moradores que serão beneficiados com as unidades habitacionais em construção na cidade. Em Itaipuaçu, estão sendo construídas 1.472 unidades e em Inoã, 1.460, parte delas destinada a famílias com renda familiar entre 0 e R$ 1,6 mil.

A OAB-Marica também estará presente para prestar esclarecimentos jurídicos à população. Já a Fundação Leão XIII é responsável pela emissão gratuita de documentos.

A secretária municipal de Assistência Social, Laura Maria Vieira da Costa, explica a importância da ação para ampliar o acesso da população à documentação básica. “Na cidade, temos diversos casos de subregistro hereditário, aquele em que toda a família não possui nenhuma documentação. Por isso, estamos realizando ações em conjunto com o governo do estado e com diversas secretarias e órgãos municipais para irmos ao encontro dessas pessoas garantindo a elas o direito à cidadania plena”, explicou a secretária.

Ação em Itaipuaçu

A ação é a segunda realizada no município com a parceira do Governo do Estado. A primeira foi realizada em Itaipuaçu, na Escola Municipal João Monteiro, no dia 27 de abril. Foram realizados 750 atendimentos, sendo sete de registros de nascimento tardio. Além desses, o cartório prestou 30 atendimentos; o Detran 204; a Defensoria Pública 290; a Secretaria Municipal de Assistência Social 35; a Subsecretaria de Dependência Química fez 100 acolhimentos e encaminhamentos; o Conselho Tutelar fez 31 orientações e 21 encaminhamentos; a Fundação Leão XIII emitiu 28 isenções para a retirada de segunda via de documentos; a CEF emitiu 19 CPFs e a Secretaria de Saúde realizou 133 atendimentos.

Junho 22, 2013 Posted by | Ação Social, assistencia social, jornalismo, Maricá, projeto social | | Deixe um comentário

Dia Mundial de Combate à Violência contra o Idoso é festejado em Maricá

Texto: Fernando Uchôa | Fotos: Fernando Silva

Dezenas de pessoas reuniram-se hoje (13/05), na Praça Orlando de Barros Pimentel, no Centro de Maricá, para comemorar o Dia Mundial de Combate à Violência conta o Idoso.

O evento, realizado pela Prefeitura, foi coordenado pela Secretaria Municipal de Ações para Idosos, com a parceria das secretarias municipais de Turismo, Saúde e Segurança Pública e Cidadania. Uma tenda montada pela Secretaria de Turismo serviu de base para as ações na praça. Folhetos com as atividades da Casa da 1ªà 3ª Idade (referência no Estado do Rio de Janeiro), o Guia da Pessoa Idosa e o Estatuto do Idoso foram distribuídos ao público.

Apresentações do Grupo Alegria de Viver, regido por Simone Figallo (com participação especial de Gustavo Torres no cavaquinho), de Dança Cigana (Profª Cecília), Tai-Chi-Chuan (Prof. Mayco) e Dança Criativa (Profª Vanessa Ramos), envolveram idosos e convidados. A equipe da Secretaria de Saúde trabalhou com aferição de pressão arterial e orientação para prevenção de doenças. Duas viaturas da Guarda Municipal deram apoio ao evento.

Isabel Araújo, de 86 anos, integrante do Grupo Alegria de Viver (da Casa da 1ª à 3ª Idade) informou que seu mudou faz poucos meses do Leblon, na cidade do Rio, para Maricá. “No início eu estranhei a movimentação menor das ruas, mas depois que conheci a Casa da 1ª à 3ª Idade me adaptei muito rápido. O idoso antigamente ficava em casa fazendo tricô, ou entrava em depressão. Agora, não. E o que mais tem no Brasil é idoso”, declarou.

Saúde em dia

Jamil Azevedo, 73 anos, é aposentado, mora no Flamengo e prestigiou o evento para aferir a pressão sanguínea. As notícias foram boas: “Está tudo em ordem comigo”, comemorou, para em seguida comentar que os idosos ainda sofrem muito preconceito e desrespeito no Brasil.

Elineuza Duarte, 54 anos, moradora do Parque Nanci, frequenta a Casa da 1ª à 3ª Idade desde a fundação do projeto. Faz Dança de Salão, Hidroginástica, Ginástica Localizada e tapeçaria. “Depois que entrei para a Casa, minha depressão acabou. Joguei os remédios fora e hoje eu sou outra pessoa, muito mais disposta e de bem com a vida”, declarou.

Francisco Castro Almeida, 56 anos, chegou de muletas à Casa da 1ª à 3ª Idade. Diabético crônico, hipertenso, com artrite e artrose, começou a frequentar atividades como a dança. Melhorou a ponto de dançar sem as muletas. “Nem imaginava que iria melhorar tão rápido. É um milagre”, enfatiza.

A secretária municipal de Ações para Idosos, Lezirée Rejane, lembrou que em 2013 o Estatuto do Idoso completa 10 anos e que projetos como a Casa da 1ª à 3ª Idade são fundamentais para assegurar os direitos conquistados e combater o preconceito. “Quando chegam na Casa, os idosos recuperam sua autoestima, a autoconfiança e a alegria de viver. Percebem que ainda podem ser úteis a si mesmos e à sociedade e multiplicam essa conscientização à família, aos amigos, à comunidade”, defendeu.

A Casa da 1ª à 3ª Idade oferece atividades esportivas, de lazer, culturais e sociais (artesanato com geração de renda), de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, em suas sedes (Centro e Itaipuaçu), e onze núcleos em bairros da cidade. Todas as atividades são gratuitas. Informações na Casa da 1ª à 3ª Idade (Centro), na Rua Clímaco Pereira, 259, Centro, ou pelo telefone 3731-0589.

 

Junho 14, 2013 Posted by | Ação Social, direitos humanos, jornalismo, Maricá, projeto social | | Deixe um comentário

LBV oferece curso de informática para jovens e adultos em Maricá

No mês de Maio à Legião da Boa Vontade (LBV), em Maricá, iniciou o curso de informática. As aulas fazem parte do Programa de Capacitação e Inclusão Produtiva, desenvolvido no Centro Comunitário de Assistência Social da Instituição. A ação beneficia jovens e adultos, em situação de vulnerabilidade social, proporcionando aos participantes a inserção no concorrido mercado de trabalho.

Durante o curso, os participantes conhecem as principais ferramentas da informática, forma correta de digitação e programas como Windows, Word, Excel, Internet. Além disso, eles aprendem a elaborar currículo e recebem noções de cidadania e adquirem habilidades em trabalhos informatizados.

A aluna Fátima Portela, ressaltou:

“Estou satisfeita pelo curso de Informática que a LBV me proporciona. Agradeço a oportunidade de entrar no mundo digital”.

Em Maricá, o Centro Comunitário de Assistência Social está localizado na Av. Francisco Sabino da Costa, 259 –Centro. Informações pelo telefone: (21) 2634-2027.

Junho 6, 2013 Posted by | Ação Social, cursos, jornalismo, Maricá, projeto social | | Deixe um comentário

Setembro é o mês das debutantes em Maricá – inscrições abertas

Texto: Rafael Zarôr | Fotos: Clarildo Menezes

Secretaria de Assistência Social vai selecionar 40 alunas de 15 anos de idade das escolas públicas de Maricá

O Baile de Debutantes, realizado pela secretaria municipal de Assistência Social, vai beneficiar este ano 40 alunas das escolas municipais e estaduais de Maricá. As inscrições serão realizadas de 03 a 19 de junho nas escolas públicas da cidade e a festa acontece no dia 20 de setembro em local ainda a ser definido.

As candidatas precisam estar matriculadas na rede pública e com frequência escolar comprovada, completar 15 anos de idade no período entre a inscrição e a data do baile, além de renda familiar de até dois salários mínimos e inscrição no CADUNICO (NIS).

O processo de seleção acontece no dia 25 de junho. As alunas terão que escrever uma redação – o tema ainda será proposto – em sala de aula, durante o período escolar, na presença do professor, sem nome ou outro elemento que identifique a candidata, constando apenas o número de sua inscrição. A previsão da secretaria é anunciar a lista de classificação no dia 05 de agosto.

Mais informações na sede da secretaria de Assistência Social (Rua Domício da Gama, 386, Centro) ou pelos telefones 2637-3648 e 3731-2287.

Maio 30, 2013 Posted by | Ação Social, jornalismo, Maricá, projeto social | Deixe um comentário

Prefeitura de Maricá realiza Casamento Comunitário 2013 e renova o brilho da primeira edição

Texto: Fernando Uchôa (edição: Marcelo Moreira) | Fotos: Clarildo Menezes

Trinta casais celebraram o casamento na cerimônia organizada pela secretaria municipal de Assistência Social de Maricá, no Casamento Comunitário 2013

O ginásio do Colégio Cenecista de Maricá foi palco de uma noite de sonho para 30 casais e dezenas de convidados na última sexta-feira (24/05). Um salão impecável, com mesas decoradas, tapete vermelho e um altar com rosas, foi o cenário para a segunda edição do Casamento Comunitário, coordenado pela secretaria municipal de Assistência Social.

O evento contou a participação da primeira-dama Rosângela Zeidan e da secretária municipal de Assistência Social, Laura Maria Vieira, e celebrou a união de noivos com histórias emocionantes, como Odair, 75 anos, e Celina Campos, 74, juntos há 34. Com oito filhos, além dos netos, bisnetos e tetranetos, eles tinham motivos de sobra pra comemorar. Assim como o casal Raul Flausino, 52 anos, e Maria Isabel, 46, que foram casados por 10 anos, se divorciaram e resolveram reatar depois de nove anos. “O amor foi mais forte. O que Deus une, o homem não separa”, declarou Maria Isabel, radiante com a festa – segundo ela o acontecimento mais feliz de sua vida.

Há cerca de um ano, o fotógrafo Elsson Isidoro, 54 anos, oficializou a união civil com a Técnica em Enfermagem Lucimar Mendonça, de 32 anos. O casal sempre quis celebrar também numa cerimônia religiosa, mas não tinha dinheiro. “O casamento comunitário favorece quem não tem condições financeiras para casar. Toda noiva quer vestido branco e uma festa. É normal. Hoje é um dia marcante para todos nós”, declarou Elsson.

Depois da entrada ao som da marcha nupcial, os casais ouviram as boas vindas do Ministro da Eucaristia e receberam a bênção apostólica do pastor Daniel Miguel da Silva, da Igreja Metodista do Marquês. “A maior de todas as virtudes é o amor. Vocês estão sendo testemunhas dele. Esta cerimônia é mais uma comprovação da boa vontade e preocupação com a inclusão social que o governo municipal demonstra. Sejam fiéis uns aos outros e sejam muito felizes", declarou.

Semente plantada

A secretária de Assistência Social, Laura Vieira, leu uma mensagem para os noivos e agradeceu pelo trabalho de sua equipe. “A cada ano, o Casamento Comunitário está mais bonito. Vocês se superaram. Parabéns”, disse.

O presidente da Câmara Municipal de Maricá, vereador Fabiano Horta, desejou felicidade aos casais. "Que Deus possa manter a unidade do casal, para que a semente plantada possa dar frutos”, disse.

A primeira dama Rosangela Zeidan desejou felicidades aos noivos e parabenizou a equipe da secretaria de Assistência Social, responsável pelo evento. “Parabenizo a todos, a começar pela secretária Laura Vieira, e toda sua equipe, sempre empenhados em realizar o melhor para o município. O que estamos vendo aqui é uma festa maravilhosa", disse, para em seguida ressaltar o caráter inclusivo do projeto. "O governo Washinton Quaquá acredita na universalização dos direitos e se preocupa em oferecer, através do Casamento Comunitário, uma cerimônia bonita e digna, que ficará guardada para sempre na memória dos participantes", finalizou.

A tradicional valsa dos noivos foi um momentos mais emocionantes da noite.

O casal Raul e Maria Isabel posa ao lado da primeira-dama e da secretária de Assistência Social.

Juntos há 34 anos, Odair (75) e Celina (74)comemoraram a participação no Casamento Comunitário.

Maio 28, 2013 Posted by | Ação Social, jornalismo, Maricá, religioso, social | | Deixe um comentário

LBV deu início à edição de 2013 da Campanha Eu ajudo a mudar!

Anúncio Criança 2 - 7x14cm

Com um trabalho voltado à educação e à assistência social, a Legião da Boa Vontade (LBV) vem transformando para melhor a vida de milhares de crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos em todo o território nacional. Para manter esse trabalho e aprimorá-lo cada vez mais, a Instituição sempre tem contado com a ajuda de todos os que desejam viver em um país mais justo e solidário.

Por esse motivo, a LBV deu início à edição de 2013 da Campanha Eu ajudo a mudar!, que visa mobilizar a sociedade a ajudar na manutenção dos programas e campanhas socioeducacionais e, consequentemente, contribuir para que o Brasil vença seus grandes desafios.

No ano passado, a Legião da Boa Vontade prestou mais de 10 milhões de atendimentos e benefícios à população de baixa renda. O intuito da mobilização é ampliar e aprimorar as ações desenvolvidas, a fim de que mais famílias possam ter resgatadas sua cidadania e felicidade.

Com a ajuda de todos, mudamos o Brasil. Saiba mais em www.lbv.org. Informações: (21) 3297-7100. Siga a LBV pelo Twitter (@LBVBrasil)e pelo Facebook (LBVBrasil).

Maio 22, 2013 Posted by | Ação Social, assistencia social, campanha social, jornalismo, projeto social | | Deixe um comentário

Prefeitura de Maricá vai atender moradores de rua com equipe especial a partir de fevereiro

Texto: Fernando Uchôa | Fotos: Fernando Silva

Na reunião, a equipe multidisciplinar foi montada

Uma equipe multidisciplinar, formada por psicólogos, assistentes sociais, agentes da Defesa Civil e da Guarda Municipal, começa a atuar a partir do dia 4 de fevereiro na abordagem à população de rua em Maricá. A decisão foi tomada em reunião realizada nesta quinta-feira (24/01), na sede da secretaria municipal de Assistência Social, convocada diante do aumento de moradores de rua na cidade, verificado nos últimos meses.

As operações de abordagem serão diárias e o planejamento das tarefas delegadas para cada setor envolvido será finalizado ainda esta semana. A proposta inicial foi apresentada pelo subsecretário de Defesa Civil, Coronel Jorge Braga e aprovada por unanimidade pelos participantes do encontro.

Segundo a secretária Laura Vieira, já existe um cadastro de pessoas em situação de rua em Maricá. “A maioria vive sob pontes como a da Mumbuca e em alguns pontos no comércio do Centro, além de casos isolados em outros bairros da cidade, como o Caxito”, explicou. Segundo a responsável pelo Acolhimento Social da SMAS, Matilde Sliachticas, poucos pertencem a famílias desabrigadas. “A maioria tem casa e prefere estar nas ruas”, disse.

A especialista acrescentou que já foram registradas queixas de furto e agressão a idosos e mulheres praticadas pelos moradores de rua, inclusive com tentativa de estupro. “A bebida e a droga são comuns nesses grupos e levam a situações de briga, cenas de nudez e outros casos de constrangimento ou violência. Alguns têm problemas mentais e deixaram de tomar medicação, o que explica a agressividade”, disse.

Segundo a coordenadora do CREAS, Laise Guedes, é necessária uma intervenção para abordagem e avaliação de cada caso, para que sejam tomadas as providências cabíveis, mas sem focar apenas na repressão. “A força policial irá atuar apenas como prevenção e garantia da integridade física dos profissionais da equipe”, ressaltou.

Tratamento e reinserção social

O subsecretário de Prevenção e Enfrentamento à Dependência Química, Allan Christie, informou na reunião que a triagem nos atendimentos na rua ficará a cargo de sua pasta e do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), do Programa de Saúde Mental. “Se o diagnóstico for de distúrbio mental, direcionaremos para o setor do Hospital Conde Modesto Leal. Caso haja dependência química, três clínicas especializadas e dois centros de tratamento conveniados farão esse trabalho. E nos casos de saúde mental, temos três hospitais parceiros”, ressaltou o subsecretário. "De qualquer forma, o objetivo principal é a recuperação, reintegração e a reinserção social dessas pessoas”, concluiu a secretária Laura Vieira.

A população de rua está crescendo no município

Janeiro 24, 2013 Posted by | Ação Social, assistencia social, jornalismo, Maricá, projeto social | Deixe um comentário