Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Saúde de Maricá fará multivacinação este mês

Texto: Amanda Neto (edição: FSB Comunicação) | Fotos: Fernando Silva

A Prefeitura de Maricá, através da Secretaria Municipal Adjunta de Saúde, realizará a Campanha Nacional de Multivacinação dos dias 19/09 a 30/09, das 8h às 17h. Sábado (24/09), será o dia ‘D’ de Mobilização Nacional e a população também poderá se vacinar neste dia. Neste período serão disponibilizadas todas as vacinas do calendário vacinal da criança e do adolescente. A campanha tem a finalidade de avaliar e, se necessário, vacinar as crianças menores de 5 anos e de 9 a menores de 15 anos.

Núbia Brum é coordenadora do Programa Municipal de Imunização e explica como será o funcionamento da campanha. “A multivacinação visa atualizar as cadernetas de crianças de todas as idades e de adolescentes. Para isso, estarão disponíveis as vacinas Pentavalente, Rotavírus, Pólio intramuscular, Meningocócica c, Pneumo 10, Hepatite A, Antitetânica, Tríplice Viral, Varicela, Pólio oral, Hepatite B e HPV quadrivalente, em todas as unidades (com exceção do PSF Santa Paula), de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h”, adianta. "Vale destacar que a vacina BCG estará disponível somente no Posto Central, às segundas, quartas e quintas-feiras, das 8h às 10h30”, acrescenta a coordenadora.

Ainda segundo Núbia, as vacinas serão administradas de acordo com a indicação do Ministério da Saúde e para isso, serão observadas idade e doses. Afirma também que neste ano não haverá a Campanha Nacional contra a Poliomielite. “Não haverá a popular campanha da gotinha. Então, a vacina Pólio oral será oferecida às crianças com idade de 15 meses e 4 anos, que necessitem de reforço 1 ou reforço 2 contra a pólio”, continua, explicando ainda que a vacina DTP administrada em crianças de 15 meses e 4 anos está em falta em todo o território nacional. “Para as crianças que precisam desta vacina o Ministério da Saúde recomenda o uso da Pentavalente em substituição à DTP”, esclarece. Durante o período da Campanha Nacional de Multivacinação também haverá a vacinação contra a HPV para meninas de 9 a 13 anos.

A campanha de multivacinação é uma oportunidade para toda a família se imunizar. Para participar é necessário apresentar a caderneta de vacinação. “Pedimos aos pais e responsáveis que levem crianças e adolescentes em qualquer Unidade de Saúde para a avaliação da caderneta. Caso seja verificada falta de alguma vacina, esta será administrada no momento. Como é uma campanha de atualização de caderneta não há metas a cumprir, entretanto, é importante que as cadernetas de vacinação sejam avaliadas para assegurar a proteção de nossas crianças e adolescentes contra várias doenças”, disse a coordenadora.

A vacinação acontecerá nas unidades PSF Recanto, Jardim Atlântico, Santa Rita, Inoã I, Inoã II, Chácara de Inoã, São José I, São José II, Ponta Grossa, Retiro, Mumbuca, Bairro da Amizade, Ubatiba, Espraiado, Bambuí, Barra e Guaratiba. Postos de Saúde Central, Ponta Negra, São José II, Inoã, Santa Rita e Itaipuaçu, de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h. Apenas o PSF Santa Paula não disponibilizará vacinas. Vale destacar, que no dia ‘D’ de vacinação, que acontecerá no sábado, 24/09, a equipe do PSF Santa Paula estará realizando a vacinação na Escola Municipal Vereador Osdevaldo Marins, das 8h às 16h.

Anúncios

Setembro 5, 2016 Posted by | campanha de vacinação, jornalismo, Maricá | | Deixe um comentário

Maricá – Campanha de Vacinação contra gripe vai até o dia 22 de Maio

Fonte Partido dos Trabalhadores – Maricá/RJ

A vacina estará disponível nas Unidades de Saúde de Família Bairro da Amizade, Bambuí, Barra, Espraiado, Guaratiba, Mumbuca, Ubatiba, Jardim Atlântico, Retiro,Ponta Grossa, São José I, São José II, Inoã I, Chácara de Inoã, Inoã II, Recanto, nos Postos de Saúde Central, São José, Inoã, Santa Rita, Ponta Negra e Itaipuaçu, das 8h às 16 horas.

Para participar é necessário apresentar documento de identificação e cartão de vacinação. Para os funcionários da saúde será necessário apresentar comprovante de que trabalha na área. As gestantes devem levar o cartão da gestante e puérperas apresentar cartão da gestante ou certidão de nascimento da criança. Pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e condições clínicas especiais deverão apresentar laudo médico que ficará retido na unidade de vacinação.

As crianças de 6 meses a 8 anos de idade (de 5 a 8 anos com doença crônica) que serão vacinadas pela primeira vez terão que fazer uma segunda dose em 30 dias. Para as crianças que foram vacinadas no ano passado, idosos e os demais grupos prioritários, será administrada uma dose da vacina.

É importante ressaltar que a vacina é contraindicada para pessoas com história de reação anafilática prévia em doses anteriores, bem como a qualquer componente da vacina ou alergia grave relacionada a ovo de galinha e seus derivados.

Dia “D”

No dia 9 de maio acontecerá o dia “D” de vacinação. Neste dia de mobilização nacional, o atendimento será das 8h às 17h em todas as unidades de saúde e ainda nos Rotary de Maricá e Itaipuaçu e na Associação de Moradores de Jaconé.

Segundo a Coordenadora de Imunização de Maricá, Núbia Brum, espera-se vacinar pelo menos 30 mil pessoas. “Pedimos que as pessoas procurem a unidade de saúde mais próxima de suas residências do dia 4 até o dia 22 de maio para receber a vacina. Durante todo o período da campanha de vacinação contra a gripe também serão oferecidas as outras vacinas do calendário nacional de vacinação. É preciso que todos apresentem o cartão de vacinas na unidade para avaliação e administração das doses necessárias”, declarou Núbia.

A coordenadora relata que durante a campanha e no dia “D” de vacinação também será feito o acompanhamento do Bolsa Família. Para isso, é necessário levar o cartão do programa social.

“Mais uma vez realizaremos a campanha contra a influenza. É importante que as pessoas não deixem de tomar a vacina. Aproveitaremos também para atualizar as vacinas que estiverem atrasadas. Lembrando que a BCG e a febre amarela ainda não tiveram o estoque regularizado no Estado”, afirmou a secretária municipal adjunta de Saúde, Fernanda Spitz.

FONTE: PMM

Maio 5, 2015 Posted by | campanha de vacinação, jornalismo, Maricá, saúde | | Deixe um comentário

Vacina contra HPV estará disponível em Maricá a partir desta segunda-feira

Seguindo o calendário do Ministério da Saúde, a Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria Municipal Adjunta de Saúde, iniciará amanhã, 02/03 (segunda-feira) a primeira etapa de vacinação contra o vírus Papiloma Humano (HPV), destinadas às meninas de 9 a 11 anos de idade e mulheres de 09 a 26 anos de idade portadoras do vírus da imunodeficiência humana (HIV). No município, a vacina estará disponível nos  postos de Ponta Negra, Central, Santa Rita, PSF Chácara de Inoã, Recanto, Jardim Atlântico, São José I, Ponta Grossa, Mumbuca e Bairro da Amizade, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

Além do público-alvo, meninas de 11 a 13 anos que não tomaram as doses da vacina no ano passado, quando foram disponibilizadas a primeira e segunda doses, poderão se vacinar contra a doença nos postos citados, para prevenção e atualização da caderneta de vacinas. Para a imunização, as pré-adolescentes e adolescentes deverão apresentar a carteira de vacinação, enquanto as mulheres portadoras do HIV/AIDS precisarão levar ainda documento de identidade e a indicação clínica do médico. Segundo a coordenadora do programa de Imunização da cidade, Núbia Brum, a vacina contra o HPV foi introduzida no Calendário Nacional de Vacinação como uma estratégia de saúde pública e tem como objetivo reforçar as atuais ações de prevenção do câncer de colo do útero.

Núbia ainda destaca que a vacina em conjunto com as atuais ações para o rastreamento do câncer do colo do útero possibilitará prevenir a doença nas próximas décadas, que representa hoje a quarta principal causa de morte por neoplasias entre mulheres no Brasil. “A vacinação é uma ferramenta de prevenção primária e não substitui o rastreamento do câncer, pois  não confere proteção contra todos os subtipos oncogênicos de HPV. Da mesma forma, a vacina não confere proteção contra outras doenças sexualmente transmissíveis e, por isso, é importante o uso do preservativo em todas as relações sexuais”, ressalta a coordenadora.

A meta estimada para Maricá é imunizar 2928 pessoas ao longo do ano deste ano.  Como a vacina consiste em três doses, após a administração da primeira em março, a segunda será disponibilizada a partir de 01/09 e a terceira em 2020 (cinco anos após primeira dose). “Só estarão 100% imunizadas após a terceira dose da vacina. Lembrando que ela não é indicada para gestantes. Se a menina engravidar após o início do esquema vacinal, as doses subsequentes deverão ser adiadas até o período pós-parto. Também é contraindicada para pessoas com hipersensibilidade ao princípio ativo ou a qualquer um dos excipientes da vacina; com história de hipersensibilidade imediata grave a levedura(raro); que desenvolveram sintomas indicativos de hipersensibilidade grave após receber uma dose da vacina HPV”, orienta a coordenadora do programa de Imunização da cidade, Núbia Brum.

Março 1, 2015 Posted by | campanha de vacinação, jornalismo, Maricá, saúde | | Deixe um comentário

Campanha de vacinação contra raiva acontece neste sábado nos 3º e 4º distritos de Maricá

Fonte: PMM

VACINAÇÃO CONTRA RAIVA A Prefeitura de Maricá realizará, no sábado (13/12), a segunda etapa da Campanha de Vacinação Antirrábica de Cães e Gatos, que ocorrerá nos bairros dos 3º e 4º distritos. A vacina estará disponível em 16 postos fixos (confira lista abaixo), das 10h às 17h. Para melhor atender os munícipes, a Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Ambiental em Saúde, dividiu por datas a imunização nos distritos. No último dia 06, a ação ocorreu no Centro e Ponta Negra.

A dose é gratuita e será aplicada em cães e gatos maiores de três meses, com exceção de animais doentes e cadelas ou gatas prenhas. Além disso, a superintendente de Vigilância em Saúde, Carolina Monteiro, lembra de algumas medidas impostas pelo Ministério da Saúde. “Não haverá distribuição de vacinas, pois essa medida é proibida. O proprietário tem a responsabilidade de levar e conter o animal a ser vacinado, se possível, com focinheira”, adverte.

Ainda de acordo com a superintendente, algumas localidades precisaram, por conta da logística de atendimento, ter a data de vacinação replanejada. No dia 15/12 (segunda-feira), a imunização ocorrerá em um posto volante em Jaconé, das 10h às 13h, e Vale da Figueira, das 14h às 17h. No dia 16/12 (terça-feira), a equipe estará atendendo, das 10h às 13h, também em um posto volante, a população de Cachoeiras, das 10h às 13h, e em Pindobas, das 14h às 17h. Já no dia 17/12 (quarta-feira), a ação ocorrerá no Silvado, das 10h às 13h, e em Manoel Ribeiro, das 14h às 17h.

Os interessados em participar da campanha como voluntário deverão ter mais de 18 anos e comparecer à coordenação de Vigilância Ambiental em Saúde, localizada na sede da Secretaria Municipal de Saúde (Av. Roberto Silveira, 46 Centro, sala 204 – Shopping Costa Azul), para inscrição e orientação. Nos dias da campanha, os voluntários auxiliarão na vacinação dos animais (para aqueles com experiência prática), preenchimento de seringas e organização das filas. Neste ano, a Secretaria Municipal de Saúde estima vacinar cerca de 27 mil cães e gatos. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 2634-2607.

A vacina

A vacina é a única maneira de prevenir a raiva, doença fatal que pode ser transmitida aos seres humanos por animais suscetíveis ao vírus. A contaminação ocorre quando o homem é mordido ou simplesmente entra em contato com a saliva de cães e gatos doentes. Pessoas mordidas, arranhadas ou feridas por cães e gatos devem lavar bem o local atingido com água e sabão e procurar atendimento médico. O animal deve ser observado por dez dias, em local isolado, e qualquer mudança no seu comportamento precisa ser informada às autoridades de saúde.

Postos e datas de Vacinação

13/12 (sábado), das 10h às 17h

Posto 33 – Escola Municipalizada Inoã (em frente ao Tubarão Show)

Posto 34 – Escola Municipal Aniceto Elias (centro de Inoã)

Posto 35 – Escola Municipal Casa da Criança (ao lado da Escola Estadual Caio Figueiredo – Inoã)

Posto 36 – Escola Municipal Ministro Luiz Sparano (Spar)

Posto 37 – Escola Municipal Osdewaldo M. da Matta (Santa Paula)

Posto 38 – Subsecretaria de Conservação Urbana (ao lado do Batalhão de Polícia Ambiental da Serra da Tiririca – antes do Barroco)

Posto 39 – Escola Municipal Rita Cartaxo (Itaocaia)

Posto 40 – Rádio Sideral (ao lado do antigo CEI – Barroco)

Posto 41 – Galeria comercial próximo à Casa de Materiais de Construção J3 (entre Barroco e Recanto)

Posto 42 – Associação de Moradores do Recanto (AMARI)

Posto 43 – Associação de Moradores do Jardim Flaboyant (AMABOFLAM)

Posto 44 – Associação de Moradores de Jardim Atlântico (AMAJA)

Posto 45 – Escola Municipal Marquês de Maricá (Itaipuaçu)

Posto 46 – Escola Municipal Professor Osvaldo Rodrigues (Cajueiros)

Posto volante 47 – Antiga Escola Municipal Petronilha Maria (Cassorrotiba)  

Posto volante 48 – Associação de Moradores Chácara de Inoã

15/12 (segunda-feira)

Posto Volante 27 – Escola Municipal Dilza Sá Rego (Jaconé), das 10h às 13h;

Posto Volante 28 – Agropecuária Ração Figueira (Vale da Figueira), das 14h às 17h.

16/12 (terça-feira)                                                                                   

Posto Volante 29 – Escola Municipal Alcebíades Afonso Viana (Cachoeiras), das 10h às 13h;

Posto Volante 30 – Escola Municipal Pindobas (Pindobas), das 14h às 17h.

17/12 (quarta-feira)

Posto Volante 31 – Escola Municipal Brasilina Coutinho (Silvado), das 10h às 13h;

Posto Volante 32 – Escola Municipal João P. Machado (Manoel Ribeiro), das 14h às 17h.​

Dezembro 11, 2014 Posted by | campanha de vacinação, jornalismo, Maricá | | Deixe um comentário

Campanha de vacinação contra o sarampo e poliomielite segue até amanhã

Texto: Amanda Neto (edição: Raquel Andrade)

O Ministério da Saúde prorrogou a campanha de vacinação contra o sarampo e poliomielite, com isso, até amanhã dia 12/12, em Maricá, as vacinas seguem disponíveis em todos os postos de saúde (confira abaixo).  A imunização ocorre de segunda a sexta-feira, das 08h às 16h.

Até o momento, quase 80% da população infantil de Maricá foi imunizada contra as doenças. De acordo com dados da Secretaria Municipal de Saúde, já foram vacinadas 4.808 crianças contra o sarampo, equivalente a 76% do público-alvo, e 5.521 pessoas contra a pólio (77%). A coordenadora do programa de Imunização de Maricá, Núbia Brum, faz algumas recomendações sobre as vacinas e lembra aos responsáveis que é fundamental a apresentação do cartão de vacinação. “Crianças com alergia ao leite ou ao ovo de galinha serão vacinadas após a campanha. Para isso, os pais ou responsáveis precisam deixar os dados da criança na unidade de saúde. Iremos solicitar ao estado estas vacinas especiais”, ressalta Núbia.

A campanha é destinada às crianças a partir dos seis meses de idade até quatro anos, 11 meses e 29 dias (vacina contra a poliomielite) e a partir de um ano de idade até quatro anos, 11 meses e 29 dias (vacina contra o sarampo). “Contra a poliomielite, a vacina é via oral, sendo aplicada duas gotas na boca. Esta é contraindicada para quem teve reação anterior a vacina, imunodeprimidos e quem tem alergia a estreptomicina ou eritromicina. A vacina contra o sarampo também é contraindicada em pacientes que tenham tido reação anterior, que estejam com febre ou possuam imunodeficiência congênita ou adquirida”, alerta Núbia.

Para participar, é necessário levar o cartão de vacinação das crianças. As vacinas estão disponíveis nas Unidades de Saúde de Família Bairro da Amizade, Bambuí, Barra, Espraiado, Guaratiba, Mumbuca, Ubatiba, Retiro, Ponta Grossa, São José I, Inoã I e Chácara de Inoã, Inoã II, Recanto, Jardim Atlântico, Santa Paula e os Postos de Saúde Central, São José, Santa Rita, Itaipuaçu e Ponta negra.

Dezembro 11, 2014 Posted by | campanha de vacinação, jornalismo, saúde | | Deixe um comentário

Prorrogação: Campanha de segue até dia 12/12

Texto: Amanda Neto (edição: Raquel Andrade)

O Ministério da Saúde prorrogou a campanha de vacinação contra o sarampo e poliomielite, inicialmente prevista para encerrar no dia 28/11 (sexta-feira). Com isso, até o dia 12/12, em Maricá, as vacinas seguem disponíveis em todos os postos de saúde (confira abaixo).  A imunização ocorre de segunda a sexta-feira, das 08h às 16h.

Até o momento, quase 80% da população infantil de Maricá foi imunizada contra as doenças. De acordo com dados da Secretaria Municipal de Saúde, já foram vacinadas 4.808 crianças contra o sarampo, equivalente a 76% do público-alvo, e 5.521 pessoas contra a pólio (77%). A coordenadora do programa de Imunização de Maricá, Núbia Brum, faz algumas recomendações sobre as vacinas e lembra aos responsáveis que é fundamental a apresentação do cartão de vacinação. “Crianças com alergia ao leite ou ao ovo de galinha serão vacinadas após a campanha. Para isso, os pais ou responsáveis precisam deixar os dados da criança na unidade de saúde. Iremos solicitar ao estado estas vacinas especiais”, ressalta Núbia.

A campanha é destinada às crianças a partir dos seis meses de idade até quatro anos, 11 meses e 29 dias (vacina contra a poliomielite) e a partir de um ano de idade até quatro anos, 11 meses e 29 dias (vacina contra o sarampo). “Contra a poliomielite, a vacina é via oral, sendo aplicada duas gotas na boca. Esta é contraindicada para quem teve reação anterior a vacina, imunodeprimidos e quem tem alergia a estreptomicina ou eritromicina. A vacina contra o sarampo também é contraindicada em pacientes que tenham tido reação anterior, que estejam com febre ou possuam imunodeficiência congênita ou adquirida”, alerta Núbia.

Para participar, é necessário levar o cartão de vacinação das crianças. As vacinas estão disponíveis nas Unidades de Saúde de Família Bairro da Amizade, Bambuí, Barra, Espraiado, Guaratiba, Mumbuca, Ubatiba, Retiro, Ponta Grossa, São José I, Inoã I e Chácara de Inoã, Inoã II, Recanto, Jardim Atlântico, Santa Paula e os Postos de Saúde Central, São José, Santa Rita, Itaipuaçu e Ponta negra.

Dezembro 2, 2014 Posted by | campanha de vacinação, jornalismo, saúde | | Deixe um comentário

Últimos dias da campanha de vacinação contra a poliomielite e o sarampo

Texto: Raquel Andrade

Será encerrada nesta sexta-feira (28/11) a Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e Sarampo.

Em Maricá, as vacinas estão disponíveis em todos os postos de saúde (confira lista abaixo) do município, com horário de atendimento das 09h às 16h. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, mais da metade da população infantil já foi imunizada.

A campanha é destinada às crianças a partir dos seis meses de idade até quatro anos, 11 meses e 29 dias (vacina contra a poliomielite) e a partir de um ano de idade até quatro anos, 11 meses e 29 dias (vacina contra o sarampo). Ainda estão sendo imunizadas com o tipo adulto-dTpa (pertussis acelular) as grávidas com mais de 27 semanas. “Esta vacina foi introduzida esse mês no Calendário Nacional de Vacinação da gestante como reforço ou complementação do esquema da vacina dupla adulta (difteria e tétano)”, destaca a coordenadora do programa de Imunização de Maricá, Núbia Brum. Os profissionais de saúde que atuam em maternidades também podem receber a vacina, que é contraindicada em quem teve reação a dose anterior da dT e dTpa.

Para participar, é necessário levar o cartão de vacinação das crianças. As grávidas precisam levar o cartão da gestante e a solicitação do médico ou enfermeiro indicando a Idade Gestacional das mesmas. “Mesmo aquelas que tenham tomado as três doses dT, precisarão tomar uma dose de dTpa”, completa Núbia. As vacinas estão disponíveis nas Unidades de Saúde de Família Bairro da Amizade, Bambuí, Barra, Espraiado, Guaratiba, Mumbuca, Ubatiba, Retiro, Ponta Grossa, São José I, Inoã I e Chácara de Inoã, Inoã II, Recanto, Jardim Atlântico, Santa Paula e os Postos de Saúde Central, São José, Santa Rita, Itaipuaçu e Ponta negra.

Segundo “Dia D”

A Prefeitura de Maricá realizará o segundo “Dia D”, ação de mobilização contra a poliomielite e sarampo, neste sábado (29/11), das 8h às 17h, em todas as unidades de saúde da cidade, incluindo um posto volante montado no Rotary Maricá. Ainda no plantão de atendimento, as equipes farão a atualização do cartão de vacina e acompanhamento do programa Bolsa Família, do governo federal, para as famílias que ainda não comprovaram os requisitos de cuidados básicos, como verificação de peso e altura de crianças de 0 a 7 anos, gestantes e mulheres de 14 a 44 anos. Para a realização do ato, os beneficiados deverão apresentar cartão do Bolsa Família, caderneta da vacinação das crianças e cartão do pré-natal das gestantes

Novembro 28, 2014 Posted by | campanha de vacinação, jornalismo, Maricá, saúde | Deixe um comentário

Maricá vacina contra poliomielite e sarampo a partir deste sábado 08.11

Texto: Amanda Neto

A Secretaria Municipal de Saúde realizará, de 08 a 28/11, as campanhas de vacinação contra a poliomielite e sarampo.

As vacinas estarão disponíveis nas Unidades de Saúde de Família do Bairro da Amizade, Bambuí, Barra, Espraiado, Guaratiba, Mumbuca, Ubatiba, Retiro, Ponta Grossa, São José I, Inoã I e Chácara de Inoã, Inoã II, Recanto, Jardim Atlântico, Santa Paula e nos Postos de Saúde Central, São José, Santa Rita, Itaipuaçu e Ponta Negra. A vacinação será realizada das 8h às 16 horas nos locais citados. Nos dias 8 e 22/11 (sábado), haverá ainda mobilização para pesagem do programa Bolsa Famíliae o funcionamento das unidades se estenderá até às 17h. Ainda nestas datas, haverá três postos volantes: Rotary Maricá, Rotary Itaipuaçu e Associação de Moradores de Jaconé, com vacinação até às 16 horas.

 

Em Maricá, estima-se vacinar 7.103 crianças, a partir dos seis meses de idade até quatro anos, 11 meses e 29 dias, contra a poliomielite. A vacina é via oral, sendo aplicada duas gotas na boca. É contraindicada para quem teve reação anterior a vacina, imunodeprimidos e quem tem alergia a estreptomicina ou eritromicina. A coordenadora do programa de Imunização de Maricá, Núbia Brum, diz que, há 35 anos, o Brasil realiza a campanha contra a poliomielite e é o 25º ano sem a doença no país. Ainda de acordo com ela, o Brasil está livre do poliovírus desde 1990 e todas as ações devem ser mantidas até que aconteça a certificação mundial da erradicação deste agente infeccioso, visto que a poliomielite é uma doença viral que pode afetar os nervos, levar à paralisia parcial ou total. A vacina é a única forma de proteção contra a doença.

Para a campanha contra o sarampo, o público-alvo são crianças a partir de um ano de idade até quatro anos, 11 meses e 29 dias. Em Maricá, estima-se vacinar 6.302 crianças. É também contraindicada em pacientes que tenham tido reação anterior a esta vacina, que estejam com febre ou possuam imunodeficiência congênita ou adquirida. Núbia Brum explica que o sarampo é uma doença infectocontagiosa, causada por um vírus chamado Morbillivirus. Ela comenta que a enfermidade é uma das principais responsáveis pela mortalidade infantil em países do Terceiro Mundo. A meta mínima a ser alcançada corresponde a 95% de cobertura vacinal em cada campanha.

Núbia destaca ainda que outra vacina fará parte do Calendário Nacional de Vacinação, do Ministério da Saúde, a partir deste mês, chamada dTpa, absorvida de difteria, tétano e coqueluche (pertussis acelular). “Será introduzida no Calendário Nacional de Vacinação da gestante como reforço ou complementação do esquema da vacina dupla adulta (difteria e tétano). O objetivo é diminuir a incidência e mortalidade por coqueluche nos recém-nascidos, pois eles apresentam maior risco de desenvolverem complicações, podendo levar a óbito”, explicou a coordenadora, que informa quem poderá tomar a vacina. “A tipo adulto-dTpa será disponibilizada para gestantes a partir da 27ª semana de gestação e poderá ser administrada até 20 dias antes da data provável do parto. É importante que a gestante seja vacinada com a dTpa o mais precoce possível. Os profissionais de saúde que atuam em maternidades e em unidades de internação neonatal (UTI/UCI neonatal) também devem ser vacinados e  pode ser administrada simultaneamente a outras vacinas. É contraindicada em quem teve reação a dose anterior da dT e dTpa”, alertou.

Para participar das campanhas é necessário levar o cartão de vacinação das crianças. As gestantes precisam levar o cartão da gestante e a solicitação do médico ou enfermeiro, indicando a Idade Gestacional das mesmas. “Mesmo aquelas que tenham tomado as três doses dT precisarão tomar uma dose de dTpa”, alerta Núbia. A coordenadora ainda ressalta que durante o ano são disponibilizadas em todas as unidades de saúde do município as vacinas pentavalente, rotavírus, hepatite B, dT (7 anos para cima),  dtp (de 1 a 6 anos), dTpa a partir de novembro (para gestantes), meningococo C, pneumococo 10, pólio oral, pólio intramuscular, hepatite A, tetraviral e anti-rábica. Além dessas vacinas o Posto Central realiza BCG de segunda a quinta-feira, das 8h às 11h, e vacina contra febre amarela às terças-feiras, das 13h às 16h.

Novembro 6, 2014 Posted by | campanha de vacinação, jornalismo, Maricá, saúde | | Deixe um comentário

Segunda dose da vacina contra HPV disponível em 19 unidades de saúde de Maricá

Texto: Amanda Neto

A segunda fase da campanha de vacinação contra o vírus papilomavírus humano (HPV) começou em Maricá. Nesta etapa, recebem a segunda dose da vacina as meninas de 11 a 13 anos que tomaram a primeira dose na fase inicial da campanha, entre março e abril deste ano. A vacina é usada na prevenção do câncer de colo do útero e está disponível em 19 postos de vacinação (confira abaixo).

Cada adolescente precisa tomar três doses para completar a proteção, sendo a segunda seis meses depois da primeira e a terceira, cinco anos após a primeira. A coordenadora do Programa de Imunização de Maricá, Núbia Brum, reforça que quem tomou a primeira precisa comparecer a uma unidade de saúde para receber a segunda dose. “É necessário que todos os esforços sejam empreendidos para que altas coberturas vacinais sejam alcançadas, uma vez que a segunda dose da vacina é fundamental para garantir a proteção da menina até o recebimento da terceira dose. Pedimos aos pais que, em caso de dúvida, procurem uma unidade de saúde e peçam esclarecimentos sobre a vacina, que é da rotina do Sistema Único de Saúde (SUS)”, orienta Núbia, que esclarece que a vacinação é uma ferramenta de prevenção primária e não substitui o rastreamento do câncer, visto que  a vacina não confere proteção contra todos os subtipos oncogênicos de HPV e contra outras doenças sexualmente transmissíveis.

A vacina contra o HPV é contraindicada e, portanto, não deve ser administrada nas meninas com hipersensibilidade ao princípio ativo ou a qualquer um dos excipientes da vacina; com história de hipersensibilidade imediata grave a levedura (raro); ou que desenvolveram sintomas indicativos de hipersensibilidade grave após receber uma dose da vacina. Também não é indicada em gestantes. “Se a menina engravidar após o início do esquema vacinal, as doses subsequentes deverão ser adiadas até o período pós-parto”, alerta a coordenadora.

De acordo com a subsecretária de Atenção Básica, Claudia Souza, quem ainda não se vacinou pode participar.  “A menina de 11 a 13 anos que ainda não tomou a primeira dose pode comparecer a uma unidade de saúde com o cartão de vacinação e iniciar o processo. Como faz parte do Calendário Nacional de Vacinação, pode ser iniciado a qualquer momento”, reforça.

Em Maricá, a vacina está disponível, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, nas unidades de saúde de Família do Bairro da Amizade, Bambuí, Barra de Maricá, Espraiado, Guaratiba, Mumbuca, Ubatiba, Retiro, Ponta Grossa, São José I, Inoã I, Chácara de Inoã, Inoã II, Recanto, Jardim Atlântico, além dos postos de saúde Central, São José, Santa Rita e Ponta Negra. Nos dias 03, 09, 10 e 24/09 haverá mobilização nas escolas municipais CEM Joana Benedicta Rangel, Vereador Osdevaldo Marins da Matta, João Monteiro e Lúcio Thomé Guerra Feteira, respectivamente.

Setembro 3, 2014 Posted by | campanha de vacinação, jornalismo, Maricá, saúde | Deixe um comentário

Campanha contra a gripe encerra nessa sexta-feira

Texto: Raquel Andrade

Aqueles que ainda não se vacinaram contra o vírus Influeza podem comparecer aos postos de saúde até hoje (23/05), em Maricá. A vacina está disponível nas Unidades de Saúde da Família (confira os postos abaixo), das 8h às 16h. Para se vacinar, é obrigatório apresentar documento de identificação e caderneta de vacinação.

Esse ano, a campanha conta com algumas novidades, como a vacinação em crianças de seis meses a quatro anos de idade. Os chamados "grupos prioritários" – pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores da saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (mulheres com até 45 dias após o parto), presos e funcionários do sistema prisional – também podem ser vacinados.

Postos de Vacinação

A vacina contra a gripe está disponível nas Unidades de Saúde da Família (USF) do Bairro da Amizade, Bambuí, Barra, Espraiado, Guaratiba, Mumbuca, Ubatiba, Retiro, Ponta Grossa, São José I, São José II, Inoã I e Chácara de Inoã, Inoã II, Recanto, nos postos de saúde Central, São José, Inoã, Santa Rita, e Itaipuaçu.

Maio 23, 2014 Posted by | campanha de vacinação, jornalismo, saúde | Deixe um comentário