Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Está chegando mais uma edição da Feira Estadual da Reforma Agrária Cícero Guedes

Feira Estadual da Reforma Agrária 5 a 7 de dezembro 2016      
A feira acontecerá entre os dias 5,6 e 7 de dezembro no Largo da Carioca. O histórico largo vai receber mais uma edição da nossa feira, que é de todos os cariocas, pois a Feira da Reforma Agrária Cícero Guedes foi declarada Patrimônio de interesse cultural pelo município do Rio de Janeiro, LEI 59.999/2015!!!.
Este ano, a feira apresentará varias surpresas para público, uma delas será a lona da culinária da terra "sabores e saberes", alimentos sadios e saudáveis da reforma agraria popular também uma rica programação cultural!!!
Em breve mais informações, pedimos para todos colaborar na divulgação do evento.

Anúncios

Novembro 28, 2016 Posted by | Agricultura, culinária, cultura, Feiras e Eventos, jornalismo, Lazer | , | Deixe um comentário

Sábado tem feijoada na Aldeia Indígena de Maricá

Neste sábado, dia 19, das 14h as 17h, na Aldeia da Mata Verde Bonita tem Feijoada preparada na lenha, ao som do melhor MPB  e Samba de Raiz

Feijoada na Aldeia da Mata Verde BonitaDSCN0888

DSCN0915DSCN0799

DSCN0924DSCN0926

15027426_1522153734468533_3878807237591368872_n Tem samba de raiz e feijoada na Aldeia indígena Mata Verde Bonita ,com Dalva Alves, Leandro Junnhyor e Evaldo Risadinha… contamos com a sua presença

Venha conhecer a cultura indígena, e curtir a beleza da natureza ao som de uma boa música.

No local: Exposição e venda de artesanato indígena.
Estrada dos Macacos . São José.

Como chegar? Siga sentido vindo para Maricá, entre a direita no Km 19, Estrada dos Macacos, passar a ponte… seguir um pouco, na bifurcação… entrar a direita, seguir uns 200 mts +\-, olhando para direita, a entrada da Aldeia é do lado direito
De 14h as 17h.  Custo R$20,00(vinte reais) por pessoa.


Novembro 18, 2016 Posted by | culinária, cultura, jornalismo, Lazer, Maricá, musica, shows e eventos, social, turismo | , | Deixe um comentário

Di Bonilho+ marca a volta do estilista e artista plástico na TV+Maricá

Foto Di Bonilho Programa Di Bonilho+, a revista eletrônica feita para você,  estreia nesta quinta-feira, as 22h, WebTV http://www.tvmaismarica.com.br/inicial

Cenário do Programa Di Bonilho+

Di Bonilho é mais para você

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O estilista e artista plástico Di Bonilho traz em sua bagagem muito glamour e experiência que promete bombar as noites de quinta-feira pela TV+Maricá, em seus anos de TV já passou pelo sofá da Hebe no SBT (na histórica campanha contra o HIV) produzindo um vestido de noiva de preservativos abalando o Brasil com sua criatividade e irreverência.

Na BAND comandou o programa com muita bom gosto e com a sua irreverência e humor debochado, marca registrada do apresentador, na InterTV (TV Globo região dos Lagos) repetiu o sucesso através do Programa "Sedas e Alfinetadas", agora marca sua volta a TV com o Programa Di Bonilho+, trazendo de volta o formato de sua revista eletrônica de artes, moda, cultura, dicas, atualidades, turismo, gastronomia, entrevistas com convidados e muito mais, com produção de Rosely Pellegrino (editora deste blog de notícias).

Todas as quintas-feiras a partir das 22:00 na TV+Maricá  http://www.tvmaismarica.com.br/inicial

Clicks de algumas entrevistas…

O Programa está Imperdível, vale a pena conferir!!!

Di Bonilho  Entrevista com Tom Lima e Cacique Tupã da Aldeia da Mata Verde Bonita Di Bonilho  Entrevista com Lezirée Rejane

Di Bonilho  Entrevista com o jornalista Paulo Celestino

Julho 26, 2016 Posted by | arte, beleza, Circulando em Maricá com Fabiano Medina, culinária, cultura, Entretenimento, jornalismo, Lazer, literatura, Maricá, Moda, musica, Programa Di Bonilho+, Revista Eletrônica de Maricá, social, turismo, TV+Maricá, TVmaisMaricá | , , , , , , , | Deixe um comentário

Prefeito de Maricá abre oficialmente Festival Internacional da Utopia

Fonte: Texto: Willian Chaves (edição: FSB Comunicação) | Fotos: Fernando Silva e Rosely Pellegrino

Na abertura do Festival Internacional da Utopia, evento realizado pela Prefeitura de Maricá na Barra de Maricá e em outros locais da cidade, o prefeito Washington Siqueira (Quaqua) deu as boas vindas às caravanas de todo país e da América Latina ao lado de Aleida Guevarra, médica cubana e filha de Ernesto Che Guevara, João Pedro Stédile, do MST, e da Deputada Estadual Rosângela Zeidan.

Serão cinco dias com a participação de pensadores internacionais, artistas, escritores, sindicalistas, movimentos sociais, populares e da juventude discutindo ações progressistas com uma programação distribuída em várias tendas pela cidade contemplando debates, feiras de literatura, feira da agricultura familiar, música e arte. Cerca de 1.500 pessoas acompanharam a abertura oficial do Festival, na tenda dos Pensadores.

DSCN8902DSCN8927

"Nós vivemos num tempo onde temos lutado por aquilo que é possível. Quando convocamos o Festival da Utopia foi para pensarmos e para provar para as pessoas que devemos lutar pelo impossível. E a nossa Utopia é ter uma escola de qualidade em tempo integral, distribuição de renda e riquezas, meios de comunicação democráticos e a participação popular efetiva. Essa é a Utopia da nova sociedade, essa é a nossa Utopia", disse Quaqua.

DSCN8939DSCN8955Aleida Guevara traçou uma análise etimológica da palavra utopia e defendeu posicionamentos importantes na inserção social das pessoas. “É necessário que tenhamos uma Utopia Socialista de discussão com as pessoas com uma distribuição igualitária de bens para que os cidadãos desempenhem, em harmonia, os trabalhos. O povo nos reconhece com dignidade e transparência quando agimos em sintonia e com a participação dele. Assim, ganhamos o respeito. Utopia é como a fome zero no Brasil. Ela não acontece ser não fizermos uma reforma agrária. A terra é do povo. Temos de fazer da nossa terra uma propriedade coletiva”, afirma Guevara que também lembrou emocionada a participação de um médico cubano na condução da tocha olímpica na cidade de Lagoa Grande (PE). Aleida Guevara também é medica pediatra.

DSCN8942DSCN8948

DSCN8926DSCN8931O líder do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, João Pedro Stédile, defendeu mais ações efetivas para combater as desigualdades. “Temos que pensar alternativas para combater o capitalismo explorador. Não basta gritarmos “Viva o Socialismo”! Temos que ter propostas concretas para que o povo lute conosco para mudar as desigualdades”, assegura. 

As programações acontecem por toda cidade. Na Barra, concentram-se as tendas da diversidade, tenda dos trabalhadores e a tenda dos pensadores, além do palco principal para apresentações musicais. No centro, na Praça Orlando de Barros Pimentel, estão a feira de reforma agrária, a feira literária e o encontro internacional de teatro. A programação completa pode ser conferida pelo www.festivaldautopia.com.

 

Saiba mais:

Fonte Brasil de Fato: Rute Pina

Aleida Guevara: "Do que vale uma esquerda que não é reconhecida pelo povo?"

Durante a conferência de abertura do Festival da Utopia, a ativista também comentou a aproximação entre os EUA e Cuba

A ativista Aleida Guevara (ao centro) em mesa de abertura do Festival da Utopia, em Maricá (RJ) - Créditos: Norma Odara/Brasil de Fato A ativista Aleida Guevara (ao centro) em mesa de abertura do Festival da Utopia, em Maricá (RJ) / Norma Odara/Brasil de Fato

A fragilidade e fragmentação da esquerda na América Latina foi criticada pela ativista cubana Aleida Guevara durante seu discurso na conferência de abertura do 1º Festival Internacional da Utopia, que está acontecendo em Maricá (RJ) a partir desta quarta (22).

Para ela, a esquerda deve basear suas ações nas demandas concretas do cotidiano das pessoas e deve aprender com as populações mais carentes e com os povos tradicionais. “Temos que ser mais firmes, coerentes e responsáveis. (…) Temos que ganhar o respeito de quem nos escuta. Do que vale uma esquerda se ela não é reconhecida pelo povo?”, questionou.

A pediatra, que é filha do guerrilheiro Che Guevara, disse acreditar que o grande erro das esquerdas da região é se dividir “em pedacinhos”. “Há uns 20 partidos que se dizem de esquerda, mas que não se unem pelos objetivos comuns. Se não juntarmos nossas forças, não venceremos nunca”, afirmou.

Aleida ainda criticou a postura das forças progressistas que ocuparam o Estado. “Tomamos o poder e não mudamos as leis criadas pela burguesia. Assim, não conseguiremos fazer nenhuma transformação profunda”, criticou.

Na mesa também estava o dirigente nacional do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), João Pedro Stedile, e o prefeito do município de Maricá, Washington Quaquá (PT).

Relações entre Cuba e EUA

A ativista criticou ainda o governo estadunidense e a recente reaproximação dos EUA com Cuba, que ela classificou como uma “utopia do inimigo”.

“Eles têm, há séculos, a utopia de se unir à ilha. É seu sonho irrealizável. E agora estão mudando os métodos. Eles perceberam que cometeram erros com o povo cubano, trataram a revolução cubana com um bloqueio criminal. E agora falam de abrir novas negociações”, afirmou.

Aleida acredita que uma possível normalização da relação entre os dois países só será possível com a extinção da lei que facilita a permanência dos cidadãos cubanos ilegais, “os únicos no planeta que tem esse privilégio”, com o fim do bloqueio econômico e com o fechamento da base naval estadunidense em Guantánamo.

“Eles terão que seguir sonhando com essa utopia, porque não é possível de maneira alguma acabar com a revolução cubana”, sentenciou a ativista.

Aleida definiu a palavra utopia como "o desejo de dar sentido à vida e a busca por um mundo melhor, mais solidário e mais justo”.

Modelos de Estado

Durante sua fala, Stedile afirmou que o maior desafio para os setores progressistas é o questionamento do modelo de Estado que se deseja a partir de um debate que pense diferentes temas de maneira "correlata".

Para ele, o capitalismo enlatou questões, e a esquerda abandonou questões como a cultura e meio ambiente.

“Temos que apresentar uma formulação sobre o meio ambiente, por exemplo. Fomos salvos por um papa, que produziu a melhor conteúdo programático sobre essa questão”, brincou. "Uma sociedade utópica que é diferente de sonho. É uma sociedade baseada na justiça, na solidariedade e na igualdade", disse o dirigente.

Para o prefeito de Maricá, Washington Quaquá, os setores progressistas têm lutado pelo possível, dada a injustiça e concentração de riqueza, mas são parte de uma esquerda “fez e questionou muito pouco”.

“Aquilo que queremos desenhar da nossa sociedade é possível se a gente se largar os horizontes utópicos. (…) Eles dizem que a história acabou, mas o socialismo nunca vai acabar enquanto pessoas morrerem nas ruas por causa de frio. Enquanto uma pessoa morrer por injustiça, o socialismo estará vivo”, disse.

Junho 23, 2016 Posted by | civismo, culinária, cultura, direitos humanos, Festival da Utopia, jornalismo, justiça, literatura, manifestação popular, Maricá, meio ambiente, moradia, musica, palestra gratis, projeto social, shows e eventos, social, turismo | | Deixe um comentário

Maricá Mostra Cultura movimentou Centro de Maricá

Texto: Jorge André | Fotos: Clarildo Menezes

Próximas edições Maricá Mostra Cultura galeria a céu aberto, dias 7 e 21 de Novembro

Artesanato, bijuterias, artes plásticas e doces caseiros são expostos no primeiro e terceiro sábado do mês, no Maricá Mostra Cultura

Artesanato, bijuterias, artes plásticas e doces caseiros, tudo em um mesmo lugar. A feira Maricá Mostra Cultura aconteceu neste sábado (10/10) na Praça Orlando de Barros Pimentel, no Centro. Desenvolvido pela Secretaria Municipal Adjunta de Cultura, Ciência e Tecnologia, o projeto reúne quinzenalmente artesãos do município e transforma o local em um grande centro cultural a céu aberto. Entre os expositores estava Maria da Gloria Manzone, (Goia), 60 anos, cujo trabalho, à base de material reciclado, segundo ela, já foi exposto na Espanha. Ela acredita que a feira é um excelente caminho para transformar a cidade em um grande centro artístico. “Adoro expor aqui. Quase não saio de casa e quando tem esse evento é uma oportunidade de conhecer pessoas, trocar experiências e colocar a cidade no circuito das artes no Estado”, afirmou. Entre materiais que usa estão ladrilhos, madeira, alumínio e casca de ovo.

A estudante Marcelle Vianna, 15 anos, moradora de Cabo Frio, comprou toalhas e velas artesanais. Ela vem com frequência a Maricá. “Minha madrasta mora aqui e venho sempre com meu pai. Acho muito legal, os produtos são lindos e os preços bem em conta”, afirmou.  A mesma opinião tem Rosilaine Gomes, 49 anos, moradora de Guaratiba. “As peças são diferentes e o preço cabe no bolso. Esta feira deveria acontecer mais vezes”, sugeriu.

O evento começou às 9h e foi até às 22h. Para a coordenadora, Rosely Peregrino, a Maricá Mostra Cultura está, a cada edição, caindo no gosto tanto dos artesãos quanto da população. “As vendas estão me surpreendendo. Os artistas tem mostrado grande interesse em expor aqui, e a população tem participado e comprado cada vez mais. Isso é um sinal de que o projeto está dando certo”, comemorou.

Quem quiser participar do Maricá Mostra Cultura deve, obrigatoriamente, ser morador de Maricá, artista plástico, artesão ou escritor interessado em divulgar e vender sua obra. Para expor na feira, é necessário possuir tenda branca e lâmpada de emergência. As inscrições podem ser feitas no próprio local ou através dos telefones 2634-1165 e 96463-9464 (falar com Rosely Pellegrino). Em no caso de ser artista de fora, tem que solicitar autorização para expor como visitante.

Feira é um centro cultural a céu aberto com peças de artesãos locais

Espaço funciona na Praça Orlando de Barros Pimentel, no Centro

Muitos dos produtos são feitos com material reciclado

Outubro 14, 2015 Posted by | arte, culinária, Feiras e Eventos, jornalismo, Lazer, Maricá, Maricá Mostra Cultura, projeto cultural | , , | Deixe um comentário

Programação de eventos para o fim de semana de sexta-feira (02/10) a domingo (04/10) em Maricá

“Sob o Céu, Sob o Sol de Maricá” começa na sexta

Serão 13 shows gratuitos, com diversos estilos musicais, de sexta-feira (02.10), sábado (03.10) Maricá Mostra Cultura galeria a céu aberto, e domingo (04.10) no “Espraiado de Portas Abertas” – evento de turismo, cultura e gastronomia rural organizado pela secretaria –, em praças do Centro e na Festa de São Francisco de Assis, no bairro Pindobas.

A festa de ritmos inicia no berço do projeto, a Praça Conselheiro Macedo Soares (também conhecida como Praça do Turismo), no Centro. A partir das 17h desta sexta-feira (02), acontece uma roda de samba com Gianne Mello, Raphael do Cavaco, Baby do Cavaco, Gustavo Canedo e Blabinho TK. Logo depois, o grupo “Amigos da Cultura”, iniciativa da Secretaria Municipal Adjunta de Cultura, Ciência e Tecnologia, apresenta uma homenagem com os grandes sucessos do “Rei” Roberto Carlos. Com uma mistura de ritmos (samba, axé, MPB, rock, pop e música sertaneja), Jô Borges e Aldo Corrêa, acompanhados de uma banda, se apresentam a partir das 21h.

“Maricá Mostra Cultura galeria a céu aberto” agita o sábado

DSCN5109 No sábado, 03.10, a partir das 9h, um bom programa para toda família acontece na Praça Orlando de Barros Pimentel, Maricá Mostra Cultura galeria a céu aberto, um evento que reúne artistas e artesãos do município, um ponto de encontro cultural com venda e exposição de artigos que vão desde objetos de arte e decoração, ao chocolate artesanal, sem falar do acarajé, dos bordados personalizados, das lindas bonecas de pano, da roupinha para o seu pet, e das bijouterias. As 20h, o sertanejo universitário da dupla Givan e Junio abre os shows e cantor Raul Palmeira, com sucessos do pop internacional e da MPB, encerra a apresentação na praça.

DSCN1690DSCN5021DSCN5066DSCN5068DSCN5074DSCN5077DSCN5079DSCN5081

Uma parceria das Secretarias Adjuntas de Cultura e de Turismo de Maricá.

 

Aipim é o tema do “Espraiado de Portas Abertas” no domingo 04.10

Texto: Rafael Zarôr | Fotos: Fernando Silva e Clarildo Menezes

Evento de turismo, cultura e gastronomia local acontece neste domingo com comidas típicas, shows gratuitos e passeio ecológico

Circuito Ecológico, com a travessia Espraiado/Tomascar, e os shows do “Sob o Céu, Sob o Sol de Maricá” estão incluídos na programação

Os moradores do tradicional bairro rural de Maricá recebem os visitantes neste domingo (04/10) para mais uma edição do “Espraiado de Portas Abertas”. Realizado a cada dois meses pela Secretaria Municipal Adjunta de Turismo, o evento de turismo, cultura e gastronomia rural terá o aipim como ingrediente principal da festa, que contará com outros elementos comuns da culinária local, como peixe e banana.

Dezenas de fazendas, ranchos e estabelecimentos comerciais ao longo dos sete quilômetros da Estrada do Espraiado, asfaltada pela atual administração municipal, oferecerão aos visitantes o melhor das tradições locais – artesanato com fibra de bananeira, tapeçarias, pratos típicos, produtos da região (mel, geleias artesanais e bijuterias), passeios ecológicos, visitação à Igreja de São João e capelas de Santo Antônio e São Jorge, além dos shows musicais do projeto “Sob o Céu, Sob o Sol de Maricá”.

Travessia Espraiado/Tomascar

Para quem gosta do contato com a natureza, o Circuito Ecológico é uma boa opção aos visitantes. A partir das 7h, os participantes, acompanhados da guia turística e coordenadora do projeto, Márcia Freitas, farão a travessia Espraiado/Tomascar com saída do Sítio do Riacho. Considerada pesada, com oito horas de duração (ida e volta), a trilha possui trechos de subidas íngremes pelo Vale de São Francisco, no Espraiado, até o Vilarejo de Tomascar, em Rio Bonito – onde existe uma fazenda desativada com moinho de farinha de roda d’água construída pelos escravos. A atividade inclui paradas em riachos e cachoeiras e não é recomendada para cardíacos. O passeio é gratuito e as inscrições são feitas até sexta-feira (02/10) na Secretaria Adjunta de Turismo (Praça Conselheiro Macedo Soares, Centro), das 8h às 17h.

Uma opção para quem não for de carro é pegar um ônibus direto para o bairro, às 6h20, na Rodoviária do Povo de Maricá, no Centro. A orientação da secretaria é que os participantes usem roupas leves e trajes de banho, calçado apropriado e chapéu, além de levar água (2 litros, no mínimo), lanche, protetor solar e repelente. Mais informações pelo telefone 3731-5094.

Shows gratuitos

A programação musical fica por conta dos artistas locais do projeto “Sob o Céu, Sob o Sol de Maricá”. Serão sete shows gratuitos, a partir das 12h, com repertório variado no ritmo do samba, pop, rock, MPB, axé, forró e música sertaneja. As apresentações são gratuitas e acontecem nos bares, restaurantes e sítios participantes do evento.

Confira a programação:

12h – Bar do Cauby – Leandro Junnhyor

12h – Cantinho da Dilma – Sidney Santos e Gianne Mello

12h – Atelier da Ilma – Edy Baiano

13h – Largo de Santo Antônio – Jô Borges e Aldo Corrêa

12h – Sítio do Riacho – Baby do Cavaco e Adriano Pavarotti

12h – Bar do Benedito – Raul Palmeira

12h – Saloma´s – Bruno Berner

Produtos de artesãos do bairro estarão expostos no evento

Famosas tapeçarias do Espraiado também serão vendidas

Travessia Espraiado/Tomascar está incluído na programação

Trilha é considerada pesada com oito horas de duração e subidas íngremes

Passeio inclui paradas em riachos e cachoeiras


Festa de São Francisco de Assis em Pindobas – Maricá RJ

No domingo, a partir das 12h, Givan e Junio animam o almoço dançante da Festa de São Francisco de Assis, no bairro Pindobas. Também no domingo, os artistas do projeto serão as atrações musicais do “Espraiado de Portas Abertas”. Os shows começam às 12h e acontecem nos bares, restaurantes e sítios participantes do evento.

Confira a programação  :

Sexta-feira (02/10) – Praça Conselheiro Macedo Soares – Centro

17h – Samba com Gianne Mello, Raphael do Cavaco, Baby do Cavaco, Gustavo Canedo e Glabinho TK

19h30 – Homenagem ao Rei Roberto Carlos com grupo Amigos da Cultura

21h – Jô Borges, Aldo Corrêa e banda


Sábado (03/10) – Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel – Centro

20h – Givan e Junio

22h – Raul Palmeira


Domingo (04/10) – Almoço Dançante – Festa de São Francisco de Assis – Pindobas

12h – Givan e Junio


Domingo (04/10) – Espraiado de Portas Abertas

12h – Bar do Cauby – Leandro Junnhyor

12h – Cantinho da Dilma – Sidney Santos e Gianne Mello

12h – Atelier da Ilma – Edy Baiano

13h – Largo de Santo Antônio – Jô Borges e Aldo Corrêa

12h – Sítio do Riacho – Baby do Cavaco e Adriano Pavarotti

12h – Bar do Benedito – Raul Palmeira

12h – Saloma´s – Bruno Berner

Outubro 1, 2015 Posted by | arte, culinária, cultura, Exposições, Feiras e Eventos, jornalismo, Lazer, Maricá, Maricá Mostra Cultura, musica, projeto cultural, shows e eventos, social, turismo | , , , , | Deixe um comentário

Maricá Mostra Cultura e Mercado das Artes movimentam o sábado

DSCN5077Neste sábado (05/09), a partir das 9h, acontece mais uma edição do projeto “Maricá Mostra Cultura”, na Praça Orlando de Barros Pimentel, apresentando as 18h a Dança Folclórica do Leão, do Instituto Cultural Emei Shan

DSCN5219 Dança Folclórica do Leão, do Instituto Cultural Emei Shan

Realizado pela Prefeitura Municipal através da secretaria Adjunta de Cultura, o projeto transforma a praça em uma grande galeria de artes a céu aberto, onde artesãos e artistas plásticos do município apresentam sua arte.

DSCN5079DSCN5074Os produtos variam de esculturas, quadros e obras de arte ao artesanato em bordados, rendas, bonecas de pano, acarajé, chocolate, biscoitos aos pães artesanais. A feira amplia a cada edição a oferta de produtos e, segunda a organizadora, Rosely Pellegrino, é uma demonstração ,  de que o trabalho vem dando certo.  “Os expositores estão a cada edição mais felizes e a felicidade deles com o sucesso dessa iniciativa está contagiando outros artistas da cidade que vêm se juntando ao projeto”, comentou.

A partir das 17h, o Mercado das Artes, se integra no cenário da galeria de artes, com seus 26 box que além de arte e artesanato oferece corredor gastronômico, com várias opções de pratos.

DSCN1185 As 20h O casal de ciganos Ruiter Durdevic e Anne Khellen levam o publico a uma viagem pelo mundo da cultura cigana. Uma apresentação que vale a pena ser conferida.

Vale lembrar que a galeria a céu aberto acontece até as 22h.

Quem quiser participar do “Maricá Mostra Cultura” tem que ser artista plástico, artesão, musico ou escritor interessado em divulgar e vender sua obra, tem que ter uma tenda branca 2×2 ou 3×3, e lâmpadas de emergência para iluminar os artigos a noite. As inscrições podem ser feitas no próprio local ou através dos telefones (21) 2634-1165 e (21) 96463-9464.

Setembro 4, 2015 Posted by | arte, culinária, cultura, jornalismo, Lazer, Maricá, Maricá Mostra Cultura, Mercado das Artes de Maricá, musica, shows e eventos, social | , | Deixe um comentário

Skinão abre pizzaria sob o comando do gourmet Buda

Conhecido pelo churrasquinho na brasa e saborosos acompanhamentos, o Skinão abriu esta semana mais uma opção aos clientes e amigos, pizzas e massas entram no cardápio dos saborosos pratos preparados pelo mestre da arte culinária da boa comida e bebida  gourmet Buda.

Quem conhece recomenda.

Vale a pena conferir, o Skinão fica na Praça Nilo Pecanha (largo em frente a Igreja Matriz Nossa Senhora do Amparo), ao lado do CNA.

Centro – Maricá RJ

Funcionamento de terça-feira a domingo, a partir das 19h.

DSCN3821DSCN3826DSCN3827DSCN3828DSCN3829DSCN3830DSCN3834DSCN3835

Junho 28, 2015 Posted by | culinária, jornalismo, Lazer, Maricá | , , , | Deixe um comentário

“Maricá Mostra Cultura” começa nesta sexta-feira, dia 5

Fonte PMM

DSCN0546 Atividade cultural vai reunir cerca de 100 expositores entre artistas plásticos e artesãos (foto Rosely Pellegrino)

A Feira Cultural “Maricá Mostra Cultura” irá acontecer  na Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel, no Centro, nesta sexta-feira e sábado e retorna no dia 12 de junho, Dia dos Namorados, sempre das 9h as 22h.

O projeto é realizado pela Prefeitura de Maricá, através da Secretaria Municipal Adjunta de Cultura, Ciência e Tecnologia, e vai reunir cerca de 100 expositores entre artistas plásticos e artesãos.

O “Maricá Mostra Cultura”, acontece desde 2013, é gratuito e oferece, além das centenas de obras dos artistas da cidade, um corredor gastronômico com pães artesanais, rocambole, tapioca, acarajé e outras iguarias.

Um programa para toda família.

Junho 4, 2015 Posted by | arte, culinária, cultura, Exposições, Feiras e Eventos, jornalismo, Lazer, Maricá, Maricá Mostra Cultura, projeto cultural, social, turismo | , , , | Deixe um comentário

Mercado das Artes de Maricá um programa para toda família

Localizado na Praça Orlando de Barros Pimentel, em frente a Casa de Cultura, o Mercado das Artes é um ponto de encontro dos artistas e artesãos de Maricá que oferece uma grande variedade de presentes e lembranças para qualquer ocasião.

DSCN0546

Aqui você encontra pinturas em óleo e acrílica, esculturas em bronze, barro e concreto celular, artesanato em madeira, palha, papel, metal e conchas. Além de bijuterias, biscuits, bonecas de pano, roupas de bonecas, artigos para decoração infantil, brinquedos criativos, sandálias, roupas pintadas a mão, artigos para o lar em tricô, crochê e bordados personalizados.

Tatuagem de henna colorida e tererê.

DSCN0541 DSCN0557

DSCN0583DSCN0549

DSCN0560

DSCN0553DSCN0554

DSCN0558DSCN0555

DSCN0548DSCN0547

DSCN0556DSCN0559

DSCN0561DSCN0566

DSCN0487DSCN0575

DSCN0572DSCN0567

DSCN0578DSCN0579

DSCN0580DSCN0582

Isto sem falar das orquídeas e da praça de alimentação com delícias para todos os gostos em doces, salgados, chocolate artesanal, licores, pães, bolos, tortas doces e salgadas,  geleias, mel, biscoitos e temperos cultivados no município.

DSCN0569DSCN0570

DSCN0562DSCN0565

DSCN0563DSCN0413

Um programa que vai agradar toda família.

Funcionando de quinta-feira a domingo e também nos feriados das 17h as 22h.

Abril 19, 2015 Posted by | arte, culinária, cultura, cursos, Exposições, Feiras e Eventos, jornalismo, Lazer, Maricá, móveis e decoração, projeto cultural, social, turismo | , | Deixe um comentário