Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Programação de Aniversário de 428 anos de História, e 198 anos de Emancipação Político Administrativa de Maricá

No dia 26 de maio de 2012, o município de Maricá festeja seus 428 anos de História, e 198 anos de Emancipação Político Administrativa, muitos eventos marcam esta semana de aniversário, que culmina no dia de hoje, com a seguinte programação:

Sábado – Dia 26/05 – Dia do Aniversário de Maricá

06h – Alvorada Festiva com participação da banda de Tambores do C.E.M. Joana B. Rangel, no Trem Bão Circulando pelas principais ruas do Centro.
Missa e Ato Cívico
Local: Palco da Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel
8h – Missa Campal em Ação de Graças.
Ministrada pelo Vigário Episcopal do Vicariato da Região Oceânica, Pe. Casimiro com participação do Coral Alegria de Viver da Casa da 1ª a 3ª Idade e participação da cantora Maria de Carvalho com o Cântico do Hino de Maricá.
9h – Ato Cívico, com hasteamento das bandeiras com participação de alunos da rede Municipal de Ensino e Cântico do Hino Nacional Brasileiro, pela cantora Jô Borges.
De 09h30min ás 15h – Ação Integrada entre as Secretarias.
Secretaria de Educação
Exposição dos trabalhos e projetos desenvolvidos pelos alunos da rede Municipal de ensino;
Apresentações da Orquestra Juvenil da E.M. Ver. João da Silva Bezerra;
Projeto Mais Educação com a banda de Percussão da E.M. Professor Darcy Ribeiro;
Teatros de bonecos da E.M. Marcus Vinicius e do CIEP 259
Danças da E.M. Elomir Silva (CAIC), com o grupo CAIC Dance.
Apresentação da Banda de Tambores do Joana Benedicta Rangel.
Secretaria de Assistência Social e Participação Popular
Cadastramento para CadÚnico/Bolsa Família;
Orientações sobre Dependência Química, Pessoas Portadoras de Necessidades Especiais, RioCard Especial (Para Idosos E Tratamentos) e Bilhete Único Universitário.
Secretaria de Trabalho e Emprego
Informação sobre empregabilidade e emissão de Carteiras de Trabalho (1ª e 2ª Vias).
Secretaria de Direitos Humanos
Distribuição de materiais explicativos dos projetos em andamento e apresentações de Danças da Casa da 1ª a 3ª Idade.
Secretaria de Esportes
Apresentação dos Projetos em andamento;
Apresentação das oficinas de dança do PELC: Balé, Jazz e Hip Hop;
Oficinas de Judô, Jiu-Jítsu e Capoeira;
Recreação infantil em camas elásticas, touros mecânicos, tobogã, guerras de cotonetes e futebol de sabão.
Secretaria de Ambiente e Urbanismo
Exposição das Unidades de Conservação Ambiental do Município de Maricá.
Secretaria de Agricultura e Pesca
Doação de mudas nativas.

A Secretaria de Cultura estará apresentando das 9 as 19h na Casa de Cultura a exposição dos Passos de Anchieta, apóstolo do Brasil, à Nova Maricá, assim como estará com o museu aberto para visitação.

40ª Festa da Pesca de Maricá
Local: Final da Rua 01 – Praia de Itaipuaçu – Bairro: Itaipuaçu.
09h ás 12h – Inscrição para prova.
11h – Hasteamento das bandeiras – Abertura oficial da competição e sorteio dos boxes.
12h – Torneio de duplas de vôlei de praia.
14h – Início da competição (1ª etapa).
18h – Fim da 1ª etapa e Pesagem.
21h – Show com Banda Vetter.
14h – Final da Taça Cidade de Maricá de Futebol
Local: E.C. Maricá.

Vale lembrar que as 17 horas haverá uma caminhada em prol do porto em Jaconé, uma obra que irá gerar em torno de  13 mil empregos para o município. A caminhada, com saída marcada para as 17:30, sairá da Ponte da Mumbuca em direção a Praça Orlando de Barros Pimentel

No Legislativo

A CÂMARA MUNICIPAL DE MARICÀ, por intermédio da mesa Diretora, representada pelos Vereadores Luciano Rangel Junior (Presidente), Aldair Nunes Elias (Vice-Presidente), Fabiano Taques Horta (Primeiro Secretário) e Ronny Pereira de Azevedo (Segundo Secretário), têm a honra a população, para participarem da Solenidade em comemoração ao Centésimo Nonagésimo Oitavo Aniversário de Emancipação Político-Administrativa de nossa Cidade.

O evento será realizado na quadra Lúcio Tomé Guerra Feteira, do Colégio Cenecista Maricá, localizado à Rua Barão de Inoã, – Centro-Maricá/RJ, no dia 26 de maio do ano em curso, às 19 horas.

23h – Show com Seu Jorge
Local: Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel – Centro
Abertura: Banda Tom Mix e Dalva Alves.

No domingo 27 de maio, encerrando os festejos da cidade:

40ª Festa da Pesca de Maricá
Local: Final da Rua 01 – Praia de Itaipuaçu – Bairro: Itaipuaçu.
07h – Início da 2ª etapa de Pesca.
09h – Finais do torneio de vôlei de praia.
11h – Término da competição de Pesca e Pesagem.
12h – Concurso Rainha da Pesca.
14h – Premiação dos atletas pescadores.
15h – Show com Marinho Duka e Banda.

A Secretaria de Cultura estará apresentando das 13h as 17h na Casa de Cultura a exposição dos Passos de Anchieta, apóstolo do Brasil, à Nova Maricá, assim como estará com o museu aberto para visitação.

15h – Projeto Samba de Buteco
Local: Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel
20h – Shows com artistas da Cidade – Projeto Sob o Céu, sob o sol de Maricá – Especial em homenagem ao músico Carlinhos Soares.
Local: Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel – Centro

Anúncios

Maio 26, 2012 Posted by | arte, civismo, cultura, esportes, jornalismo, Lazer, manifestação popular, Maricá, musica, Pesca, religioso, shows e eventos, social, turismo | , , | Deixe um comentário

40ª Festa da Pesca em Itaipuaçu homenageia aniversário de Maricá

Texto: Fernando Uchôa | Fotos: Clarildo Menezes

Os detalhes da festa da Pesca foram discutidos na reunião

Representantes da Prefeitura e dirigentes da Federação de Pesca e Lançamento do Estado do Rio de Janeiro reuniram-se nesta terça-feira (17/05), para acertar a programação da 40ª Festa da Pesca de Itaipuaçu. Na ocasião ficou decidido que o evento, tradicional na região, acontecerá nos dias 26 e 27 de maio como parte dos festejos dos 198 anos de emancipação político-administrativa de Maricá. Entre as atrações, a festa terá o concurso de Rainha da Pesca, partidas de vôlei de praia em duplas e show com uma banda local – a atração escolhida ainda será definida. Além disso, serão dois dias de competição de pesca de linha.

As inscrições para a disputa na linha serão feitas no próprio dia 26 de maio, das 9h às 12h, no local do evento. Terão custo de R$ 60,00, por equipe de três pescadores. Nove clubes do Estado do Rio e do Espírito Santo já confirmaram presença mas, segundo o presidente da Federação, Valério Soares Pedra, até o dia do evento o número deve aumentar.

As provas acontecerão das 14h às 18h de sábado (26/05) e das 7h às 11h de domingo (27/05). Os competidores serão divididos em categorias (sênior, master, masculino, feminino, e juvenil), em trinta baias alinhadas por três quilômetros de orla. A pesagem será feita no Bar Canal, como nos anos anteriores. Os resultados dos dois dias de prova serão divulgados por etapa e o final será divulgado após o concurso da Rainha da Pesca.

Receberão troféus do primeiro ao terceiro colocado das trincas por categoria, e até o 10º lugar na classificação geral. O palco será montado na praia, em frente à Rua 1, que será interditada no entorno. Uma ambulância da SAMU, uma guarnição da PM, guarda-vidas do G-MAR (Corpo de Bombeiros), além de agentes da Secretaria de Transporte estarão de prontidão nos dias do evento. O esquema foi discutido com o secretário municipal de Esporte de Maricá, Leonardo Mozer e com o subsecretário de Turismo, Elson Ribeiro.

Abril 19, 2012 Posted by | esportes, jornalismo, Lazer, Maricá, Pesca, shows e eventos, turismo | Deixe um comentário

Traineira encalha em Guaratiba e expõe presença irregular de pesqueiros no litoral de Maricá

Traineira irregular encalhada em Guaratiba - Maricá RJ

Técnicos da Secretaria do Ambiente, da Defesa Civil e integrantes do Batalhão Florestal encontraram uma traineira encalhada n amanhã desta terça-feira(20/03) na praia de Guaratiba, em Maricá. Segundo a secretaria, a embarcação Apache, de Macaé, havia descarregado no mercado São Pedro, em Niterói, e retornava vazia ao porto de origem quando, segundo os tripulantes, uma pane no motor acabou fazendo com que fosse lançada pelas ondas sobre a praia. Na avaliação dos técnicos, no entanto, o incidente foi provocadopelo fato de o barco, de pouco mais de 20 metros, ter ficado fundeado durante a noite muito perto da praia. É proibido navegar a menos de 20 metros da arrebentação, mas muitos desrespeitam a norma.

1 Técnicos da Secretaria do Ambiente, da Defesa Civil e integrantes do Batalhão Florestal encontraram uma traineira encalhada terça-feira 20 de março de 2012 na praia de Guaratiba,Maricá RJ2 Técnicos da Secretaria do Ambiente, da Defesa Civil e integrantes do Batalhão Florestal encontraram uma traineira encalhada terça-feira 20 de março de 2012 na praia de Guaratiba,Maricá RJ3 Técnicos da Secretaria do Ambiente, da Defesa Civi le integrantes do Batalhão Florestal encontraram uma traineira encalhada terça-feira 20 de março de 2012 na praia de Guaratiba,Maricá RJ

A secretaria do Ambiente vem acompanhando com grande preocupação a presença de traineiras de outros municípios pescando no litoral de Maricá. A repressão do Inea contra práticas predatórias na Baía de Guanabara e proximidades fez com que vários desses barcos se deslocassem para atuar na região. Durante o período do defeso, encerrado no dia 15 de fevereiro, Guaratiba e outras praias acabaram poluídas com restos da pesca lançados pelas tripulações após a lavagem de barcos e depósitos. Avaliações de técnicos indicam que a atividade está causando impacto direto, por exemplo, na população de sardinhas.

Um sobrevôo foi realizado com o intuito de localizar e identificar outras traineiras além da que encalhou. As imagens obtidas foram enviadas à Capitania dos Portos, ao Inea – Comissão integrada de combate a crimes ambientais (Cicca) – e ao Batalhão Florestal, com o pedido urgente de fiscalização e punição para os transgressores. Ao mesmo tempo a secretaria de Ambiente avalia os eventuais danos provocados pelo encalhe. A traineira Apache foi mais tarde puxada por outra embarcação, maior, e voltou a navegar.

Fotos: Secretaria Municipal de Ambiente

Março 20, 2012 Posted by | Defesa Civil, jornalismo, Maricá, meio ambiente, Pesca | | Deixe um comentário

Maricá sediou mais uma etapa do Campeonato Estadual de Arremesso

Competição é realizada com varas de pescar; competidores arremessam pedras de chumbo de 120 gramas

Maricá foi palco de mais uma etapa do Campeonato Estadual de Arremesso (lançamento de peso), que a Confederação Brasileira de Pesca e Desportos Subaquáticos (CBPDS) realizou no último domingo (04/03), nas areias da Lagoa de Guaratiba.

A competição foi disputada entre dois clubes do Rio de Janeiro (clubes Barracuda e Tubarões) e uma equipe maricaense, o Clube Veneno. Participaram atletas como Martha Xavier, bicampeã mundial de pesca de linha; Mayara Ayala, campeã nacional juvenil, e o presidente da CBPDS, Eduardo Paim Bracony, participante de seis campeonatos mundiais de pesca de linha e diversos campeonatos de caça submarina, com recordes homologados e mantidos até hoje pela Confederação.

A competição foi individual e os vencedores foram Matheus Gonzales (categoria Juvenil); Max Heitor (catergoria Masculina), do Clube Veneno de Maricá; Vlamir Neto (na categoria Master), também do Clube Veneno; Eduardo Paim Bracony (na Sênior), do Barracudas, e Marta Xavier (categoria Feminina), do Clube Barracudas. Todos foram premiados com medalhas de ouro.

Como é a competição

A área da competição é demarcada com teodolito (equipamento de topografia), e numerada com plaquetas espaçadas regularmente em um triângulo que alcança 300 metros de comprimento nas laterais e cerca de cem metros na base. A competição é realizada dentro desse triângulo, com vara, molinete ou carretilha, linha e chumbada de 120 gramas, que o competidor arremessa de um quadrado (base). Vence o atleta que lança mais longe, dentro do triângulo, o maior número de “tiros” no menor tempo. Em geral, o lançamento vencedor pode passar dos 200 metros de distância.

Festa da Pesca

De acordo com o presidente da CBPDS, a XV Festa da Pesca 2012, acontecerá este ano no dia 20 de maio, e trará duas novidades: pesca
embarcada na lagoa, que se dará simultaneamente à competição (este ano, só na categoria individual), na Praia de Itaipuaçu. “Maricá será a primeira cidade do país a sediar um campeonato deste tipo. Acreditamos que haverá muitos competidores, visto ter o município um
grande número de pescadores nesta modalidade”, adiantou Bracony.

Texto: Fernando Uchôa (edição: Marcelo Moreira)
Foto: Fernando Silva

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação: 07/03/2012

Março 8, 2012 Posted by | jornalismo, Maricá, Pesca | | Deixe um comentário

Maricá solicita ‘defeso’ para pescadores do município

A Secretaria Municipal de Pesca, Aquicultura, Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Maricá, encaminhou ofício ao Superintendente Federal de Pesca e Aquicultura, Luciano de Oliveira Vidal, solicitando a liberação do ‘defeso’ para os pescadores artesanais do município.

O pedido da Secretaria é feito em caráter extraordinário e com a supervisão da Colônia de Pescadores Z-7, das diversas associações de pescadores e dos órgãos ambientais envolvidos, Inea e IBAMA. O documento acompanha o pedido de suspensão das atividades da pesca no sistema lagunar por quatro meses, para que a fauna possa se restabelecer.

A solicitação é justificada pelo prejuízo econômico sofrido em decorrência da mortandade ocorrida na segunda quinzena de fevereiro deste ano, quando cerca de 100 toneladas de peixes mortos – de todas as espécies – foram retiradas das várias lagoas do município. O prejuízo calculado equivale a três meses de pesca.

O Instituto Estadual de Ambiente (Inea), publicou laudo preliminar sobre a situação, descrevendo inúmeras causas possíveis, entre elas a alta temperatura da água (no início da mortandade, em torno de 28°C pela manhã), a baixa oxigenação decorrente da longa estiagem, a pequena profundidade da lâmina d´água, o aumento do volume de esgotos lançado por ligações clandestinas durante a alta temporada – a proliferação de algas gerada por esse despejo consome o oxigênio da água – e o turbilhonamento do fundo provocado por motores de jet-ski. O laudo definitivo ainda não foi divulgado pelo Inea.

Enquanto o laudo não vem, os pescadores estão sem condições de sobrevivência. De acordo com o secretário municipal de Pesca e Agricultura, Cláudio Jorge Soares, “o defeso é necessário para que a comunidade pesqueira maricaense possa manter suas famílias, e a suspensão da pesca, para que as espécies possam sobreviver”, conclui. A medida atende a um desejo do prefeito Washington Quaquá como parte das ações de compensação anunciadas logo que a mortandade foi detectada e que incluem verbas do PAC e de outros programas para a ampliação da rede de saneamento básico na região, bem como projeto do canal com eclusa sob a nova ponte da Barra de Maricá capaz de promover a renovação da água do sistema de forma controlada e periódica.

Texto: Fernando Uchôa e Marcelo Ambrosio

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação: 07/03/2012

Março 8, 2012 Posted by | jornalismo, Maricá, meio ambiente, Pesca | Deixe um comentário

Continuam as buscar por Rodrigo Klein no litoral de Maricá

Rodrigo continua desaparecido no mar de Maricá

Bombeiros dos quartéis de Maricá e Itaipu voltaram às buscas no começo do dia, de ontem (quinta feira 12) e seguiram até o anoitecer. No final da tarde de ontem o heliciptero da Salvamar seguia na busca, que encerrou o anoitecer e recomeçou esta manhã, porém, o guarda municipal de Maricá, Rodrigo de Souza Klein, ainda não foi encontrado. Embarcação virou com ele e seu amigo Luciano depois de prender a hélice na rede de pesca. A vítima não é vista desde a manhã de terça-feira quando nadou para chegar até a praia e buscar socorro.

rodrigo klein Rodrigo de Souza Klein, (foto retirada do Orkut), que está desaparecido no litoral de Maricá. Ele faz parte do corpo da guarda municipal, tem 30 anos. Rodrigo pesca desde pequeno, e é um apaixonado pelo mar e pela pesca marítima

As buscas tiveram início por volta das 7horas da manhã de quinta-feira, mas ele ainda não foi encontrado.

Vítima pode ter sofrido hipotermia- Familiares ainda têm esperanças que Rodrigo seja encontrado com vida. Bombeiros trabalham com a hipótese que a vítima possa ter sofrido de hipotermia, também conhecida como êxtase circulatório, que provoca no corpo humano espécie de choque ao ter contato com água fria, provocando a paralisação dos movimentos.

Rodrigo Klein é muito querido e estimado no município de Maricá. Várias embarcações e helicoptero da Salvamar participam da busca.

DSC05925 Praia da Barra de Maricá, entardecer desta quinta feira 12.01.2011 (ontem) – O mar estava calmo, mas a temperatura da água está muito baixa, e o vento estava frio. (Foto Rosely Pellegrino)

Janeiro 13, 2012 Posted by | jornalismo, Pesca, Pessoas desaparecidas | | Deixe um comentário

Novo ordenamento pesqueiro de Maricá é aprovado na Câmara Municipal

 Novo código de pesca de Maricá foi baseado no ecossistema local

Uma audiência pública na Câmara dos Vereadores de Maricá marcou nesta terça-feira (22/11) a aprovação do novo código de ordenamento pesqueiro do município, que cria um regulamento específico para a prática da atividade no sistema lagunar da cidade. Segundo o secretário municipal de Agricultura e Pesca, Cláudio Jorge Soares, o documento, na prática, vai facilitar até mesmo a concessão do auxílio defeso, benefício pago aos pescadores durante o período do ano no qual a pesca é proibida para permitir a reprodução das espécies e a recomposição dos cardumes.

“Pela nova regra, teremos períodos de defeso diferenciados para cada espécie e vamos determinar também o tipo de malha específico para cada uma. Antes, a regra nacional tratava tudo muito genericamente, a partir da pesca feita no mar. Ocorre que aqui em Maricá nós temos um ecossistema mais amplo, com espécies de água doce e salgada no sistema lagunar”, ressaltou Cláudio. Com isso, por exemplo, quem pescar camarão terá de usar um tipo de rede determinado, diferente da utilizada para outras espécies. O secretário ressaltou que a fiscalização será feita pela Polícia Militar, através do Batalhão de Polícia Florestal e Meio Ambiente (BPFMA).

Diante de uma platéia composta por representantes de colônias de pescadores, o documento foi apresentado pelo secretário municipal. Ao lado dele estavam o superintendente adjunto do Ministério da Pesca e Aquicultura, Alan Ducasble, e a chefe substituta de fiscalização da sede fluminense do Ibama, Lízia Vanacour. Participaram também representantes do Instituto Estadual do Ambiente (INEA) e da Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio de Janeiro (Fiperj). Segundo Claúdio Jorge, o ordenamento deverá ser aprovado também pelo organismos do ministério em Brasília e, em seguida, publicado no Diário Oficial da União.

Novembro 22, 2011 Posted by | jornalismo, meio ambiente, Pesca | | Deixe um comentário

Maricá terá parque aquícola e normas para pesca

Prefeito entre o secretário de Agricultura e Pesca (E) e representante do Ministério da Pesca

Maricá será, em breve, a quarta cidade do Estado do Rio a possuir uma norma para estabelecer diretrizes na pesca do município com a criação de um parque aquícola. É o que pretende o prefeito Washington Quaquá, que se reuniu, nesta quinta-feira (13.10), com representantes do Ministério da Pesca, Luciano Vidal, do Ibama, Lísia Vanacôr, da Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio (Fiperj), Rodrigo Fróes, e da Associação de Pescadores do município, Arivaldo Almeida, juntamente com o secretário Municipal de Agricultura e Pesca, Cláudio Jorge Soares.
“Temos esse compromisso com os pescadores. O defeso é muito importante para garantir que o pescador viva de fato da pesca”, frisa Quaquá.
Vidal faz coro com o prefeito e se declara feliz com a iniciativa de Maricá. “A prefeitura está interagindo com os órgãos e o ministro Luiz Sérgio nos solicitou responder a essas demandas o mais rápido possível”, diz.
Vanacôr, por sua vez, ressalta a importância do apoio aos pescadores e se colocou às ordens para ajudar no que for preciso em relação ao parque aquícola. “Em meu trabalho no Ibama, conheço muitos municípios e de fato não vejo essa vontade de normatizar a atividade”, elogia, enfatizando ainda a biodiversidade do município: “tem até falésia”.
Atualmente, apenas a Baía de Angra e as lagoas de Araruama e de Saquarema possuem normatização para a pesca.

Texto: Valéria Vianna
Foto: Luiz César Muniz

Outubro 17, 2011 Posted by | jornalismo, Pesca | Deixe um comentário

II Reunião da Pesca Aquicultura acontece dia 11

A Casa de Cultura abriga, nesta quinta-feira (11.08), a partir das 10h, a II Reunião da Câmara Técnica da Pesca Aquicultura com o objetivo de construir o ordenamento pesqueiro do sistema lagunar do município. O evento, coordenado pelo Ministério da pasta junto com o Ibama, conta com o apoio da Prefeitura de Maricá através da Secretaria Municipal de Pesca, Aquicultura, Agricultura, Pecuária e Abastecimento. O endereço do encontro é Praça Conselheiro Macedo Soares, s/n, Centro – Maricá.

Agosto 10, 2011 Posted by | Associações, jornalismo, Pesca | Deixe um comentário

Ressaca abre o Canal da Barra de Maricá

Fotos: Maricá Info e Revista Atual

Ressaca deixa Maricá em estado de alerta

A Defesa Civil de Maricá encontra-se em  estado de alerta desde sábado (28/05), quando uma frente fria trouxe para o estado um  ciclone extratropical,  que provocou grandes estragos.  No município, a ressaca formou ondas de 4 metros. Equipes da Defesa Civil estão monitorando toda a orla. Os locais mais atingidos são Barra de Maricá, Guaratiba, Cordeirinho, Ponta Negra e Itaipuaçu, onde a força da ressaca levou água do mar para a Rua Um.  Algumas  casas tiveram os muros destruídos e donos de quiosques perderam mesas e cadeiras. Por medida de segurança, um trecho da RJ 102, que liga Barra de Maricá a Cordeirinho, foi interrompido. A força das ondas também invadiu a Lagoa.
O subsecretário de Defesa Civil, Emerson Jefferson Serafim, encaminha, nessa segunda-feira, ao Governo do Estado uma notificação preliminar dos danos.
Na manhã desse domingo, uma traineira de Niterói naufragou na Ilha de Maricá. Os quatro pescadores  foram  resgatados pelo helicóptero do Corpo de Bombeiros.
A previsão dos metereologistas é que, somente na terça-feira, a ressaca dê uma trégua.

Fotos: Maricá Info e Revista Atual

A ressaca reabriu ontem (domingo 29 de maio), o Canal da Barra de Maricá, na altura da rua 13

Em abril do ano passado o Canal, por decisão do prefeito Washington Quaquá, foi aberto por máquinas para escoar as águas da chuva que inundaram a cidade.

Naquela ocasião a “Barra ficou aberta” (termo usado pelos pescadores e moradores), por 15 dias.

Os moradores de Guaratiba, Corderinho, Bambui e Ponta Negra, estão sem acesso a cidade via Barra de Maricá

Com a Barra aberta, os veículos ficam impossibilitados de atravessar e o percurso para os moradores do outro lado do canal, fica mais longo para chegar ao Centro.

Os transtornos causados pela ressaca são muitos, mas por outro lado, a lagoa já estava cheia e a abertura natural do Canal da Barra de Maricá, evita mais uma enchente. Somado a isto, a entrada do mar na lagoa, significa vida e renovação para o sistema lagunar do município.

O mesmo mar que abre, fecha a barra. De acordo com informação de pescadores a barra quando aberta naturalmente permanece em média 5 dias. Mas, só a natureza sabe esta resposta.

Vejam como a Lagoa em Araçatiba, já estava cheia,

fotos: Rosely Pellegrino

DSC09912

DSC09913

DSC09916

DSC09922

DSC09919

DSC09917(Bola de cimento, marco do nível da lagoa em Araçatiba, já estava submerso na tarde de sexta feira 28 de maio).

Maio 30, 2011 Posted by | jornalismo, meio ambiente, Pesca, Planeta Terra, Uncategorized | | Deixe um comentário