Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Escola Técnica Federal começa a funcionar em Maricá

Texto: Leandra Costa (edição: Raquel Andrade) | Fotos: Fernando Silva

Escola Técnica Federal começa a funcionar em Maricá

Provisoriamente, unidade irá funcionar no bairro Pedreiras e as aulas começam em fevereiro

A Prefeitura de Maricá entregou na tarde desta quarta-feira (17/12) as chaves da unidade onde funcionará provisoriamente o Instituto Federal Fluminense (IFF), no bairro Pedreiras, num imóvel desapropriado pelo governo municipal para o início das atividades da escola técnica até o fim das obras do campus que está sendo construído em Ubatiba, previsto para ser inaugurado no segundo semestre de 2016. A cerimônia contou com a presença do reitor do Instituto Federal Fluminense (IFF), Luiz Augusto Caldas Pereira, do diretor geral do IFF, Cesar Dias, da secretária municipal de Educação, Adriana Luiza da Costa, e da procuradora geral, Maria Inez Pucello.

O reitor do IFF, Luiz Augusto Caldas Pereira, destacou a importância do movimento de expansão das unidades técnicas firmado graças a um parceria entre o governo federal e as prefeituras. “Estamos nos esforçando para honrar nosso compromisso de ter a escola em funcionamento aqui em Maricá. Iniciamos nossas atividades administrativas e, hoje, estamos recebendo os professores que irão atuar aqui e também na unidade de Itaboraí”, declarou. De forma inicial, o reitor acrescentou que, a partir de fevereiro, serão iniciadas as aulas do Curso Técnico de Edificações, antes realizado no CEM Joana Benedicta Rangel e, que a partir do próximo ano, será federalizado.  Além desse, serão oferecidos outros cursos voltados para área de construção civil e infraestrutura com foco nas vagas de emprego que serão geradas pelo Comperj, o pré-sal e o Pólo Naval de Jaconé.

O reitor explicou o papel das escolas técnicas no país. “Nosso objetivo é ir de encontro com a realidade do local onde a unidade está sendo instalada, seguindo a lógica do desenvolvimento econômico, mas visando a inclusão social. O nosso papel é promover para todos o acesso universal à educação profissional”, destacou. O reitor lembrou da experiência de implantação em 2007, do campus Guarus, em Campos dos Goytacazes. “A região era muito carente e sua comunidade estava sem perspectiva de futuro. Hoje, percebe-se que a escola técnica é a grande responsável pela transformação na vida daqueles moradores. E é isso que percebemos em cada lugar que nos instalamos e tenho a convicção de que em Maricá não será diferente”. Segundo o reitor, hoje existem 214 unidades federais desse tipo em todo o país. "A meta, até o fim deste ano, é que sejam lançadas mais 208”, completou.

A secretária municipal de Educação, Adriana Luiza da Costa, falou sobre a importância do início das atividades do IFF no município. “Esse é um momento histórico para nossa cidade e para nossos jovens. Desapropriamos um imóvel, onde funcionava uma escola particular, para que o IFF já inicie suas atividades de forma provisória. Realizaremos algumas intervenções e adaptações nesse prédio para garantir um ambiente mais prazeroso para a equipe profissional e para os alunos”, explicou. O imóvel ocupa parte de uma área de 4.370 m² (a área construída é de 885 m²), com capacidade para 11 salas.

Campus Maricá

Às margens da RJ-114, em Ubatiba, está sendo construída a escola técnica federal de Maricá. Em uma área de 42 mil m², será instalado um complexo de sete prédios de dois pavimentos, sendo um para laboratórios e 20 salas de aula. Quando estiver em funcionamento, o campus Maricá do IFF atenderá 1.400 alunos em dois turnos. O investimento da Prefeitura é de, aproximadamente, R$ 10 milhões.

O reitor do IFF destacou a importância do movimento de expansão das unidades técnicas firmado graças a um parceria entre o governo federal e as prefei

Apresentação da equipe de professores que irão atuar no campus de Maricá e itabora

Dezembro 18, 2014 Posted by | Educação, jornalismo, Maricá, projeto educacional | | Deixe um comentário

Maricá 200 anos – Lançada da Pedra Fundamental do IFF em Maricá

Escola Técnica Federal de Maricá: cerimônia marca início da construção de complexo do IFF

Texto: Marcelo Ambrosio | Fotos: Fernando Silva

Prefeito Washington Quaquá definiu a solenidade como "marca do maior presente que Maricá poderia receber ao completar 200 anos"

Uma solenidade em Ubatiba, na manhã de sexta-feira (23/06), marcou o início da construção da escola técnica federal de Maricá.  A cerimônia contou com a participação do prefeito Washington Quaquá, do vice-prefeito Marcos Ribeiro, do reitor do Instituto Federal Fluminense (IFF), Luiz Augusto Caldas Pereira, do presidente da Câmara Municipal, Fabiano Horta, e de outras autoridades do governo e do legislativo municipal. Com o término da terraplanagem, a área de 42 mil m², que fica às margens da RJ-114, começará a receber os canteiros para a construção  do complexo com sete prédios de dois pavimentos, sendo um para laboratórios, e 20 salas de aula. Quando estiver em funcionamento – a duração prevista das obras é de dois anos – o campus Maricá do IFF atenderá 1.400 alunos em dois turnos. O investimento da Prefeitura é de R$ 10 milhões aproximadamente.

"Esta solenidade marca aquele que é o maior presente que Maricá poderia receber ao completar 200 anos", avaliou o prefeito Washington Quaquá, ou "o sonho de todo o educador da cidade", como definiu, emocionada, a secretária municipal de Educação, Adriana Luiza da Costa. "É uma escola com um papel de libertação para as nossas crianças. Nós não tínhamos um futuro e agora o filho do trabalhador pode sonhar com um mundo no qual também se beneficie dos resultados do seu trabalho", continuou o prefeito, lembrando aos alunos do Centro Educacional de Maricá Joana Benedicta Rangel, presentes à cerimônia, das dificuldades do acesso à educação profissional em sua época de estudante. A escola oferece, em parceria com o Senai, o único curso técnico público da cidade até o momento. O prefeito adiantou que a implantação da unidade pode ocorrer mesmo antes do fim da obra, dada a urgência na  preparação dos jovens para as oportunidades geradas pelo Comperj, o pré-sal e o Pólo Naval de Jaconé. "Vamos alugar módulos para botar essa escola para funcionar logo", acrescentou.

O reitor do IFF, Luiz Augusto Caldas Pereira, destacou a ousadia do governo municipal, que propôs construir a escola e doá-la para o instituto, encurtando, com isso, todos os prazos comuns em obras que demandam financiamento federal. "É um momento especial para Maricá e para o IFF, uma instituição empenhada a renovar todos os dias seu compromisso com as pessoas", afirmou. "A construção dessa escola mostra que é possível agir na lógica do desenvolvimento econômico sem negar a inclusão social", acrescentou. Segundo o reitor, hoje existem 214 unidades federais desse tipo em todo o país. "A meta, até o fim deste ano, é que sejam lançadas mais 208, e o objetivo é chegarmos a uma rede com 800 escolas de formação técnica", completou. Ainda de acordo com o reitor, o processo seletivo para a contratação de docentes e de pessoal administrativo para a unidade de Maricá já foi aberto e está em andamento. A definição dos cursos a serem oferecidos virá apenas após a realização de audiências públicas nas quais a população poderá apontar as prioridades. "Metalurgia e edificações são os campos mais prováveis", finalizou.

Além do campus do IFF, a Prefeitura está tentando viabilizar, no mesmo local, a instalação de um campus tecnológico da Universidade Federal Fluminense voltado para pesquisas na indústria do pré-sal e para as atividades petroquímicas. "Há uma área aqui ao lado que poderá receber esse complexo", emendou o prefeito Washington Quaquá, comparando a unidade à Coppe-UFRJ. "É preciso ousadia para chegar a esse resultado e é difícil achar quem tenha mais do que o prefeito. Quem quer fazer faz, inventa, corre atrás", parabenizou o vice-prefeito Marcos Ribeiro, acompanhado em suas palavras pela secretária municipal do Trabalho, Fátima Pacheco. "Aqui aprendemos a ousar todos os dias", acrescentou ela, informando que a pasta está firmando parcerias com o sistema S (Sesi, Senai e Sesc) para qualificação profissional.

Após a conclusão da obra, a Prefeitura fará a doação das instalações para o Instituto Federal Fluminense, conforme lei aprovada pela Câmara nesse sentido. Caberá ao instituto instalar os equipamentos e contratar professores, funcionários e técnicos para sua operação. "A educação passa por um processo de resgate da dignidade em Maricá e esse projeto é um apontamento claro de referência e esperança de futuro para a garotada", completou o presidente da Câmara Municipal, Fabiano Horta. O IFF Maricá recebeu o nome de campus Washington da Costa em homenagem ao professor do CETEF-RJ e ex-presidente do sindicato dos metalúrgicos do rio, recém-falecido.

Cerimônia ainda contou com a participação do vice-prefeito Marcos Ribeiro, do reitor do Instituto Federal Fluminense (IFF), Luiz Augusto Caldas Pereir

Vice-prefeito Marcos Ribeiro parabenizou a iniciativa

A secretária municipal do Trabalho, Fátima Pacheco, informou que a pasta está firmando parcerias com o sistema S

Alunos da Escola Municipal Joana Benedicta Rangel estiveram presentes à cerimônia

Presidente da Câmara dos Vereadores, Fabiano Horta, integrou mesa da solenidade

O diretor do campus de Itaboraí do IFF, Cesar Luiz Dias, também participou da cerimônia

João da Costa, filho do professor Washington da Costa, compareceu ao evento

O reitor do IFF, Luiz Augusto Caldas Pereira, destacou a ousadia do governo municipal, que propôs construir a escola e doá-la para o instituto

Evento aconteceu na manhã dessa sexta-feira (23/05), em Ubatiba

Com o término da terraplanagem, a área de 42 mil m² começará a receber os canteiros para a construção do complexo

Maio 26, 2014 Posted by | Educação, jornalismo, Maricá, projeto educacional | , | Deixe um comentário

Prefeito define com MEC a chegada da Escola Técnica Federal de Maricá

O prefeito Washington Quaquá reuniu-se nesta terça-feira (26/06) com autoridades do Ministério da Educação, em Brasília, para discutir a implantação do campus da Escola Técnica Federal em Maricá. A unidade, vinculada à Universidade Federal Fluminense, será vital para ampliar o processo de qualificação de mão-de-obra no município em um momento em que grandes projetos na área de infraestrutura, como o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro e o Pólo Naval de Jaconé, começam a ser desenvolvidos.

Acompanhado do reitor do Instituto Federal Fluminense, Luiz Renato Caldas Pereira, o prefeito apresentou ao secretário Nacional do Ensino Tecnológico do MEC, Marco Aurélio, a proposta de arcar com a construção da unidade com recursos do tesouro municipal e obteve um retorno favorável. Quando estiver concluído, o complexo será doado pelo município ao Ministério da Educação.

“Na semana que vem uma equipe do IFF chegará a Maricá para estudar a implantação do projeto e discutir o modelo arquitetônico desse campus”, anunciou o prefeito. A obra é orçada em R$ 10 milhões e inclui, além dos prédios, os laboratórios e os equipamentos. "O secretário informou que Maricá está na lista das 8 novas unidades a serem implantadas no país", acrescentou.

Os técnicos vão avaliar os locais apresentados pela prefeitura até o momento, um terreno em Ubatiba, junto à estrada que leva a Itaboraí, e outro no bairro do Caxito e pesquisar outras possibilidades. Vão também estudar a implantação provisória e parcial do campus no CAIC Elomir Silva, em São José do Imbassaí.

“A intenção é começar a oferecer cursos em São José no segundo semestre. As obras serão iniciadas até o fim do ano”, acrescentou o prefeito.

 

 

Rafael Zarôr

Junho 27, 2012 Posted by | Educação, jornalismo, Maricá | | Deixe um comentário

Maricá terá Escola Técnica Federal

A notícia foi divulgada ontem, pelo prefeito de Maricá Washington Quaquá, no site do Facebook

“Acabamos de receber, Eu e Zeidan, além da Fabiano Filho e Marcio Jardim (meu secretario e meu subsecretario), do secretario nacional de Educação Tecnologica do Ministerio da Educação, Elieser Pacheco, este documento oficializando um pedido nosso que venho batalhando há 3 anos: esta ai garantida a Escola Tecnica Federal de Maricá. Estou superfeliz! Um presentão pra Maricá, hoje, no dia que o PT comemora 32 anos de existencia!!!!!

428268_228301207263789_100002517336470_486252_1973301108_n “Documento oficializando um pedido nosso que venho batalhando há 3 anos: esta ai garantida a Escola Tecnica Federal de Maricá” (prefeito de Maricá Washington Quaquá 10.02.2012)

A notícia esta sendo comemorada por todos.

Fevereiro 11, 2012 Posted by | educacão, jornalismo | , , | Deixe um comentário