Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Projeto do porto de Jaconé caminha para execução

Texto: Marcelo Ambrosio

O porto de Jaconé caminha para se tornar uma realidade e mudar o perfil de Maricá. Esta semana, mais um passo concreto foi anunciado com a publicação, no Diário Oficial da União, de um Aviso de Convocação.  O documento número 14/2014, emitido pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), informa que a agência, "em vista dos requerimentos protocolados, torna público que receberá, até 11 de agosto de 2014, pedidos de autorização para construção e exploração de instalação portuária na região geográfica do município de Maricá, Estado do Rio de Janeiro".  O aviso é uma etapa necessária para a implantação do projeto e é publicado no Diário Oficial cumprindo a exigência legal de transparência no processo de licenciamento e construção do empreendimento. O futuro Terminal Ponta Negra (TPN) é um investimento de R$ 5,5 bilhões da DTA Engenharia. Segundo a empresa, durante o período de construção, previsto para durar cinco anos, a obra deverá gerar em torno de 13 mil empregos diretos e indiretos. 

Anúncios

Julho 17, 2014 Posted by | jornalismo, Maricá, setor naval | | Deixe um comentário

Porto de Jaconé é prioridade de investimento do Fundo da Marinha Mercante

Texto: Sérgio Renato (edição: Marcelo Moreira) | Fotos: Imagem de divulgação

As obras que vão erguer o Porto de Jaconé, em Maricá, receberam prioridade de investimento do Fundo da Marinha Mercante, do Ministério dos Transportes. A decisão foi tomada na última reunião do Conselho Diretor do Fundo, realizada no mês passado, e divulgada na edição de novembro da revista Portos e Navios – uma das mais importantes publicações do setor naval do país.

Imagem de divulgação da DTA

Segundo a revista, na reunião foram aprovados financiamentos para 56 projetos de embarcações e estaleiros em empreendimentos de 19 empresas, que totalizam R$ 7,345 bilhões em investimentos. A chancela de prioridade concedida pelo Conselho do Fundo da Marinha Mercante é importante para a viabilidade das obras do Porto de Jaconé, já que, entre as funções do órgão, estão a liberação de recursos e o acompanhamento de sua aplicação pelos agentes públicos financeiros, como o BNDES, nas obras do setor hidroviário brasileiro. A DTA Engenharia, responsável pelo projeto do Porto de Jaconé, prevê um investimento da ordem de R$ 1 bilhão.

Ainda segundo a publicação Portos e Navios, entre as iniciativas que receberam prioridade os maiores recursos serão aplicados em estaleiros – um montante de R$ 3,693 bilhões, dos quais R$ 1,681 bilhão foi concedido à OSX Construção Naval como parte da implantação do estaleiro OSX, localizado no município de São João da Barra, no Rio de Janeiro. Também no estado do Rio, serão construídos ou modernizados outros cinco estaleiros.

População marcha em apoio ao Porto

No último dia 26 de maio, quando Maricá completou 198 anos, uma grande passeata levou uma multidão às ruas do centro da cidade em apoio à construção do polo naval. A implantação do complexo portuário dos Terminais Ponta Negra (TPN) vai mudar o papel de Maricá no cenário nacional, com a integração da cidade às atividades do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj). O empreendimento, também conhecido como Porto do Pré-Sal, conta com o apoio da prefeitura, que está tomando as medidas necessárias para a viabilização do projeto e acompanhando as exigências para a segurança ambiental da iniciativa.

Ciente da importância do porto para a região (a estimativa é que sejam gerados nove mil empregos diretos e indiretos durante a construção, passando a 12 mil após a conclusão das obras, em 2015), a prefeitura também planeja ações para reforçar a qualificação de mão de obra local para trabalhar no setor. Por sua posição geográfica, a cidade de Maricá é estratégica para o Comperj e, com a instalação do TPN, passará a contar também com uma atividade econômica independente, capaz de transformar o município tanto quanto o complexo petroquímico fará com a vizinha Itaboraí.

O apoio da prefeitura e o endosso da população de Maricá ao porto começaram com a aprovação, pela Câmara Municipal em dezembro último, de uma alteração no zoneamento urbano do município, inserindo uma área industrial no plano destinado á região da praia de Jaconé. A partir dessa mudança, a DTA Engenharia– responsável pelo empreendimento – pode começar a trabalhar efetivamente no desenvolvimento do complexo, a ser instalado em uma área de 5,6 milhões de metros quadrados onde funcionaria um clube de golfe e sem restrições ambientais.

Para o prefeito Washington Quaquá (PT), o empreendimento também vai viabilizar outra vocação de Maricá, a atividade turística. Além da compensação ambiental já incluída no próprio TPN – a destinação de uma área de 3,6 milhões de metros quadrados para a criação de uma reserva de preservação – a cidade receberá a bela região de Ponta Negra transformada em área turística, incluindo a construção de uma marina, de hotéis e de um resort.

Leia abaixo a matéria da revista Portos e Navios:

http://portosenavios.com.br/site/2012/revista-622-novembro-de-2012/416-industria-naval/19644-r-734-bi-em-projetos-

Novembro 7, 2012 Posted by | Maricá, pré-sal, setor naval, transporte | | Deixe um comentário

Quaquá e o povo unidos pelo porto

FOTOS: divulgação/ Paulo Polônio

DSC_8332DSC_8400Recente caminhada em defesa da instalação do porto em Jaconé

DSC_8322 O prefeito Quaquá e a primeira-dama Zeidan acompanhados de Lurian Silva (filha do ex-presidente Lula) durante a caminhada pelo porto de Jaconé

O prefeito Washington Quaquá procurou investidores para construir o Porto em Jaconé e teve a preocupação de contratar uma empresa para fazer estudo d eimpacto ambiental.  ”É mentira que Jaconé seja berçário de baleias. Elas procuram áreas abrigadas no litoral de todo o Brasil. Do ponto de vista ambiental, é mais lógico construir um porto em mar aberto do que numa baía,como é o caso de Angra. No projeto do Porto, a empresa criou uma tecnologia quereduz o impacto de um eventual vazamento de óleo. Sempre terá gente contrária, mas o projeto é bom. Vai gerar empregos e continuaremos com oturismo”, explica o prefeito.

O desemprego é o maior problema da cidade e com a instalação do Porto, milhares de empregos gerados vão dar ao município outra dimensão econômica. “Hoje observamos diversos empresários de todo canto do Brasil e do mundo trazendo investimentos para cá. Isso graças a uma coisa que eu consegui, que até me chamavam de maluco, o Porto de Jaconé. Fui atrás de gregos, holandeses e gente do mundo inteiro para investir aqui. Com isso, descobrimos a qualidade do mar de Jaconé que tem 30 metros de profundidade, enquanto o Porto do Rio possui 14 metros. Assim temos a facilidade de receber navios cargueiros de até quatrocentas mil toneladas. É evidente que esse Porto vai mudar a cara da região. Será o maior porto das Américas, empatando apenas com o do Canadá. Com a implantação do Porto em Jaconé iremos gerar mais de quatorze mil empregos, diretos e indiretos, no município. E tem candidato de oposição ao meu governo, que entrou na justiça contra o projeto, que agora diz que está trazendo o porto para a cidade”, enfatiza Quaquá.

A implantação do Porto de Jaconé, também conhecido como Porto do Pré-Sal, vai mudar o papel de Maricá no cenário nacional, com a integração da cidade às atividades do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), além de viabilizar a atividade turística.

Em visita recente a cidade, o governador Sérgio Cabral demonstrou apoio à iniciativa de Quaquá em trazer o Porto para Maricá.  ”Maricá está no rumo do desenvolvimento, do crescimento e o prefeito Quaquá está ajudando a revolucionar o município. O Porto é uma realidade e vai trazer grandes oportunidades para a região”, afirmou Cabral.

Agosto 17, 2012 Posted by | jornalismo, Maricá, Petroleo e Gás, pré-sal | , , | Deixe um comentário

Expo Maricá 2012 recebe elogios dos visitantes

A 8ª edição da Expo Maricá, que está sendo realizada  no campo do Esporte Clube Maricá, reafirma o potencial de desenvolvimento da cidade para atrair grandes investimentos num momento em que o município recebe importantes investimentos, como o Porto de Jaconé, e sente os reflexos das obras de instalação do Comperj, que atrai grandes empreendimentos imobiliários e projetos na área turística.

DSC09736Projeto do Porto de Jaconé

DSCF1704Projeto da Fazenda São Bento da Lagoa – IDB 2012

Como o Novo projeto da Fazenda São Bento da Lagoa em Maricá será referência de sustentabilidade no Estado do Rio. Um Empreendimento da IDB Brasil que prevê a criação da 2ª maior Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) do Estado e regularização fundiária de comunidade de pescadores de Zacarias. Um projeto que trará investimentos em infraestrutura, qualificação e geração de renda para a região, considerada estratégica no cenário de desenvolvimento econômico do Estado.

Na Expo Maricá 2012, estão sendo apresentados estes e outros projetos de grande porte que estão sendo realizados no Município, é uma excelente oportunidade de conhecer em um só local o que a Prefeitura de Maricá em parceria com a iniciativa privada está trazendo e realizando.

Grandes investimentos estão vindo para cidade o que demonstra a confiabilidade em nosso potencial de crescimento. É uma nova realidade que permite melhorar a auto estima do morador de Maricá.

DSC09820DSC09824

“Esse momento é de extrema relevância para discutir o futuro que queremos e o destino dessa cidade que não será mais a aldeia de pescadores”, comentou Fabiano Filho, secretário Municipal de Projetos Especiais de Maricá , acrescentando que o Município de Maricá teve aumento de 117% de investimentos na área da construção civil em três anos.

DSCF1657DSCF1660DSCF1747DSCF1751DSCF1693DSCF1694DSC09845DSC09739

Além de visitar os estandes, o publico que já visitou a feira assistiu a apresentações musicais de vários artistas do Município, inclusive com peças de Teatro Dançante, realizadas pelos alunos do Ponto de Cultura, Cia Vida de Teatro e Dança, com coreografia do professor Paulo Ernani (Bailarino do Teatro Municipal e faixa laranja na turma de Kung Fu da Cia Vida).

DSCF1647DSC09817DSCF1749DSCF1760DSCF1673DSC09835

Com apoio da prefeitura, o evento, encerra neste domingo (08/07), contando com a realização do Bingo de Nossa Senhora do Amparo, e encerramento com Samba de Buteco com Claudinho Guimarães.

A feira abre as 14 horas e conta com praça de alimentação, mais de 70 estandes para visitação, palco e banheiros quimicos.

Nas fotos da Jornalista Rosely Pellegrino, Editora deste Blog, você acompanha momentos de mais dois dias da Expo Maricá 2012.

Uma feira realizada pela Delfim Moreira Comunicações Integradas, que apresenta uma estrutura e organização elogiada por todos os visitantes

Julho 8, 2012 Posted by | arte, construção civil, cultura, Dança, Exposições, Feiras e Eventos, Habitação, jornalismo, Lazer, Maricá, móveis e decoração, moradia, musica, Reciclagem, setor naval, shows e eventos, social, Teatro | , , , , | Deixe um comentário