Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Colônia de férias do Projeto Navegar em Maricá, tem inscrições para adultos

Texto: Sergio Renato (edição: FSB Comunicação) | Fotos: Divulgação

O Projeto Navegar, da Secretaria Adjunta de Esportes de Maricá, está ampliando as inscrições de sua colônia de férias para quem tem acima de 18 anos a partir desta quarta-feira (10/08). No mês passado, o projeto recebeu inscrições de jovens entre 10 e 16 anos para terem aulas de esportes náuticos com vela e canoagem. O sistema é o mesmo já divulgado anteriormente. Os interessados devem procurar a Secretaria de Esportes, no 2º andar do Paço Municipal (Rua Álvares de Castro, 346, Centro) ou o galpão náutico que fica na lagoa do Boqueirão, das 10h às 12h ou das 14h às 16h, onde deverão preencher uma ficha de cadastro e levar RG e CPF.

O objeto do projeto, que é gratuito, é dar oportunidade da prática de vivências em práticas náuticas (remo, vela e caiaque) durante o período de férias escolares e oferecer aos interessados a sua continuidade após este recesso em horários diferenciados. As aulas são acompanhadas por profissionais capacitados e dentro dos padrões de segurança exigidas, sendo obrigatório o uso de coletes oferecidos pelo programa e sob a observação de um guardião salva-vidas.

As aulas serão direcionadas ao publico infantil, adolescentes e adultos separados por horários. Para jovens de 10 a 17 anos, às terças e quintas das 9h às 11h, e para adultos das 11h às 12h.

Anúncios

Agosto 9, 2016 Posted by | esportes, jornalismo, Maricá | | Deixe um comentário

Prefeitura de Maricá oferece 60 vagas no Projeto Navegar

Aulas gratuitas de remo, canoagem e vela são oferecidas para jovens de 12 a 17 anos

DSC02264

DSC02265

DSC02266Projeto Navegar Maricá (fotos: Rosely Pellegrino)

Recentemente reativado pela prefeitura de Maricá, o Projeto Navegar (que oferece gratuitamente aulas de remo, canoagem e vela para jovens de 12 a 17 anos) está com inscrições abertas para 60 novas vagas.

As aulas são realizadas às terças e quintas-feiras, de manhã (de 9h as 12h) e à tarde (de 14h as 17h), na Lagoa do Boqueirão.

Projeto Navegar (fotos: Clarildo Menezes)

As vagas disponíveis são para início imediato, ou seja, são uma ótima opção lazer para o período de férias. Vale ressaltar, no entanto, que o projeto segue normalmente mesmo após o fim do período de recesso escolar.

Os interessados devem se dirigir à Secretaria Municipal de Esportes, das 9h às 17h, com autorização do responsável, atestado médico e uma foto 3X4. A Secretaria Municipal de Esportes está localizada na sede da prefeitura de Maricá, na Rua Álvares de Castro, 346, no Centro.

Projeto combate o sedentarismo e é um berço de futuros atletas profissionais

O Projeto Navegar já diverte jovens como as irmãs Dalila Favascho, de 14 anos, e Talita Favascho, de 10 anos. Entusiasmada, Dalila confessa que é estimulante aprender a lidar com os barcos. “Nunca pensei que eu pudesse ter essa oportunidade”, salientou a aluna, que tem o remo como esporte preferido.

Talita, que prefere a canoagem, ressaltou que sente o corpo muito mais leve com o passar das aulas. “Ainda estou começando a aprender, mas estou sentindo meu corpo mais leve do que antes. Quero seguir na canoagem”, declarou.

Outro aluno do Navegar, Wilson Gomes Filho, de 13 anos, disse que já conhecia o projeto há muito tempo e que sempre teve vontade de participar, mas não encontrava tempo. “Gostei tanto que agora, nas férias, venho de manhã e também à tarde. Quando as aulas na escola começarem, vou conseguir conciliar com os estudos. Não tenho a intenção de sair do projeto, que é um grande estímulo para o meu futuro”, ressaltou Wilson, admitindo que era sedentário antes de participar do Navegar.

Os pais dos participantes aprovam e apoiam a realização do projeto. Will Jourgen, pai de uma das alunas, destacou que, quando era jovem, praticava vela e adorou a oportunidade de ver sua filha dedicada a um esporte como esse. “Ela está muito entusiasmada com as aulas. Não poderia ser diferente. O projeto é maravilhoso”, frisou.

Em 2011, a Prefeitura de Maricá retomou as atividades do Projeto Navegar, lançado inicialmente em 2004. Investiu na reforma de 30 barcos e na compra de coletes salva-vidas.

O instrutor do projeto, Ricardo Viana, explica que os alunos aprendem técnicas de navegação, dicas de segurança na água, noções de correnteza, de vento e sinalização. “Por meio do Navegar temos a oportunidade de democratizar o esporte náutico na cidade e oferecer atividades saudáveis para os nossos jovens, além de estimular a formação de atletas profissionais”.

Prefeitura Municipal de Maricá

Janeiro 17, 2012 Posted by | esportes, jornalismo, Maricá, nautica, projeto social | | Deixe um comentário

Prefeitura de Maricá oferece vagas para o Projeto Navegar

Inscrições gratuitas para projeto de remo, canoagem e vela

(Fotos: Arquivo de Rosely Pellegrino)

DSC02264Projeto Navegar em Maricá

DSC02265Projeto Navegar, alunos durante a aulaDSC02266 Projeto Navegar estimula as crianças para os esportes náuticos

Com o objetivo de democratizar a prática de modalidades náuticas e estimular a formação de futuros atletas olímpicos, a Prefeitura de Maricá oferece gratuitamente aulas de remo, canoagem e vela para jovens de 12 a 17 anos.

O projeto Navegar acaba de abrir 80 novas vagas e os interessados devem procurar a Secretaria Municipal de Esportes, das 9h às 17h, na sede da prefeitura de Maricá. Para concorrer às vagas, é preciso entregar autorização do responsável, atestado médico e uma foto 3X4.

As aulas têm início previsto para o dia 03 de janeiro. Mais informações pelo telefone 2637-2052 ramal: 244.

Texto: Leandra Costa e Marcelo Moreira

Dezembro 16, 2011 Posted by | jornalismo, Maricá, nautica, projeto social | | Deixe um comentário

Prefeitura de Maricá reativa Projeto Navegar

Projeto foi reativado através do programa Segundo Tempo

Washington Quaquá visita alunos e afirma que espaço terá cursos profissionalizantes no setor

Após um longo período de inatividade, as secretaria de Esportes e Educação de Maricá está reativando o Projeto Navegar, na lagoa do Boqueirão, através do Programa Segundo Tempo. Nesta sexta-feira (17/6), cerca de 80 alunos de escolas da rede pública e das comunidades do Boqueirão, Zacarias e Barra participaram do primeiro dia de utilização dos barcos das categorias K1 (remo duplo), Canoe (dois remos) e Veleiro Optimist (para iniciantes até 14 anos).

O prefeito Washington Quaquá visitou o local e afirmou que, após a reativação, o objetivo agora é fazer o projeto crescer. “Todos os barcos foram reformados e estamos mantendo contatos para trazer um módulo profissionalizante para cá, onde haverá cursos de manutenção de barcos e motores. Além disso, temos um projeto também para ampliar o galpão e urbanizar toda esta área, que é muito procurada para lazer”, salientou.

Além do prefeito, os secretários Paulo Delgado (Obras) e Celso Cabral (Ambiente e Urbanismo) também prestigiaram o reinício das atividades do Projeto Navegar. Para o secretário de Esportes, Aldair Machado, o Caiu, o objetivo é a formação de atletas visando o período olímpico que se aproxima.

“O projeto estava parado por causa de detalhes que tinham um custo irrisório. Troxemos coletes novos para os alunos e que custaram muito pouco. Ver essa alegria das crianças aprendendo e se divertindo realmente não tem preço” ressaltou Caiu.

Entre os alunos, o clima era mesmo de alegria e interesse pelos barcos. Todos queriam dar uma voltinha pela lagoa no belo dia de sol.
“Cheguei a começar o projeto antes mas ele parou. Fiquei feliz de ter começado de novo”, disse Luciano Costa Oliveira, de 13 anos, aluno da 6ª série do Colégio Estadual Elisiário Matta. Havia também estudantes das escolas municipal Barra de Zacarias e Maurício Antunes de Carvalho.

Outra perspectiva para o local é a utilização, pela Confederação Brasileira de Remo, do galpão do Projeto Navegar para guardar os barco utilizados pela equipe nacional de competição. Segundo a Secretaria de Esportes, uma comissão da entidade estará em maricá na próxima terça-feira (21/6) para avaliar a possibilidade.

Texto: Sérgio Renato
Foto: Fernando Silva

Uma das classes disponíveis é a do veleiro Optimist, para iniciantes

Prefeito Washington Quaquá visitou local onde fica o projeto

Secretário Aldair Machado conversa com o prefeito e o secretário Celso Cabral

Junho 17, 2011 Posted by | esportes, jornalismo | | Deixe um comentário