Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Cine Clube Henfil Infantil de Maricá faz sucesso com a criançada

O Cine Clube Henfil Infantil de Maricá apresentou neste primeiro domingo do mês de abril o filme Chico Bento, um filme de Maurício de Souza, que demonstra o contraste da vida rural e urbana. A programação foi aprovada pela criançada, que pediu bis.

A coordenadora do projeto do cine clube infantil Janine Siqueira, informa que a Secretaria de Cultura está organizando uma programação especial para todos os domingos do mês de maio, quando Maricá estará completando 200 anos, voltada para o público infantil, que será apresentada as 18h.

O Cine Clube Henfil Infantil fica na Casa de Cultura de Maricá, Praça Orlando de Barros Pimentel, com entrada franca.

Maiores Informações 21.3731.1432.

Nas fotos você confere o sucesso do evento.

ImagemImagemImagem

ImagemImagemImagemImagemImagemImagem

Anúncios

Abril 7, 2014 Posted by | cinema / produção, jornalismo, Lazer, Maricá, social | , , , , | Deixe um comentário

Cultura de Maricá participa de evento no Pedro II

Texto: Valéria Vianna | Fotos: Clarildo Menezes

Artistas maricaenses se apresentam na abertura da Jornada Pedagógica do Pedro II, no Rio, com tributo a Geraldo Vandré

A banda Amigos da Cultura de Maricá, da Secretaria Municipal de Cultura, se apresenta, nessa quinta-feira (03/04), na abertura da Jornada Pedagógica do Colégio Pedro II, no Rio. A ocasião será marcada por uma série de debates e palestras sobre o Golpe Militar de 64, até o dia 5 de maio. Os músicos acompanham o cantor Ronaldo Valentim, no tributo a Geraldo Vandré.

O repertório da apresentação será composto por clássicos de Vandré. Destaque para as canções “Pra não dizer que não falei das flores”, “Che”, “Fica mal com Deus” e “Disparada”. A banda Amigos da Cultura é formada por Paulo Hernani, no zabumba; Sérgio Aranda, na percussão; Gustavo Gibi, no sax e flauta; Pedro Szigethy, violoncelo; e Dalbert, no violino.

O secretário municipal de Cultura, Sérgio Mesquita, não esconde o entusiasmo em estar num evento que reflete sobre um período em que as liberdades democráticas foram anuladas,  mas, sobretudo, por se tratar de um encontro que acontece em ambiente estudantil, falando diretamente com os estudantes.  “Sentimo-nos muito honrados com o convite do professor de História, Leonardo Brito, que foi, inclusive, aluno daqui do Joana Benedicta Rangel. Sabendo do nosso projeto multimídia sobre o golpe de 64, que realizamos no ano passado, e do que estávamos fazendo este ano, nos chamou para apresentar o Tributo a Geraldo Vandré após o debate com o Comandante Clemente, o Carlos Eugênio, militante da ALN e ex-aluno do Pedro II”, ressaltou.

Abril 3, 2014 Posted by | cultura, Educação, jornalismo, Lazer, musica, política, projeto cultural, Sala Cult, shows e eventos | , , , | Deixe um comentário

Na Casa de Cultura de Maricá: Cineclube Henfil exibe o filme "O que é isso, companheiro?"

Texto: Rafael Zarôr | Fotos: Divulgação

Filme conta história dos estudantes que lutaram contra a repressão da ditadura. Sessão gratuita começa as 19h

Longa-metragem do diretor Bruno Barreto aborda a luta armada contra a ditadura militar e será apresentada nesta quarta-feira (19/03) na Casa de Cultura, no Centro

O Cineclube Henfil de Maricá desta quarta-feira (19/03) apresenta mais um filme sobre a ditadura militar – período de 1964 a 1985 em que o país viveu sob os anos de chumbo. O longa-metragem "O que é isso, companheiro?" (1997 – Brasil), do diretor Bruno Barreto, será exibido na Casa de Cultura, a partir das 19h. A sessão é gratuita, mas os interessados precisam chegar 30 minutos antes para garantir uma senha de acesso.

O longa recebeu duas indicações para premiações internacionais: Oscar de Melhor Filme Estrangeiro (1998) e Urso de Ouro do Festival Internacional de Berlim, Alemanha (1997). Já o diretor Bruno Barreto ganhou o prêmio American Film Institute (Instituto Americano do Cinema), na categoria Melhor Longa Metragem, em 1997. O elenco é repleto de estrelas consagradas do cinema nacional, como Fernanda Montenegro, Milton Gonçalves, Othon Bastos, Luiz Fernando Guimarães, Pedro Cardoso, Selton Mello, Fernanda Torres, Caio Junqueira, Matheus Nachtergaele, Marco Ricca, Cláudia Abreu, Eduardo Moscovis, além da participação especial do ator americano Alan Arkin.

Com 110 minutos de duração, a trama conta a história do jornalista Fernando (Pedro Cardoso) e do amigo César (Selton Mello), que abraçam a luta armada contra a ditadura militar após a promulgação do AI-5, em 1968, que acabava com a liberdade de imprensa e os direitos civis. Eles se alistam em um grupo guerrilheiro de esquerda e, em uma das ações do grupo, César é ferido e capturado pelos militares. Fernando então planeja o sequestro do embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Charles Burke Elbrick (Alan Arkin), para negociar a liberdade de César e de outros prisioneiros políticos que eram torturados nos porões da ditadura.

O filme "O que é isso, companheiro?" foi inspirado no livro homônimo do político e escritor Fernando Gabeira. Uma curiosidade é que os nomes de alguns personagens ligados à guerrilha foram mantidos em sigilo e trocados por nomes fictícios.

Durante 21 anos, a ditadura restringiu o direito do voto, a participação popular e reprimiu com violência todos os movimentos de oposição. O regime teve fim somente em 1985, quando o governo pressionado pelo movimento "Diretas Já", que mobilizou a população em defesa do voto direto, escolheu indiretamente o deputado Tancredo Neves para presidência, por meio do Colégio Eleitoral formado por deputados federais e senadores. A partir daí, os sucessores à Presidência da República foram eleitos por votos diretos.

Sessão especial sobre Darcy Ribeiro

Neste mês, o Cineclube Henfil exibe mais um filme que aborda a ditadura militar. No dia 26, será apresentada a obra "O velho – a história de Luiz Carlos Prestes". Mas antes, no dia 25, a Secretaria de Cultura presenteia o público com uma sessão especial ao exibir o documentário "Darcy Ribeiro, o guerreiro sonhador". Com narração da atriz Cássia Kiss, a obra traz depoimentos de Oscar Niemeyer, Ziraldo, Leonel Brizola, entre outros, sobre a vida do educador. A Casa de Cultura fica na Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel, no Centro.

MAIORES INFORMAÇÕES: 21. 3731.1432.

Março 19, 2014 Posted by | cinema / produção, jornalismo, Lazer, Maricá, projeto cultural | , , , | Deixe um comentário

Jane Di Castro apresenta Pocket Show na Casa de Cultura de Maricá, em Homenagem ao Dia da Visibilidade Trans

Homenagem ao Dia da Visibilidade Trans em Maricá

Show da Diva Jane Castro Sua vida, sua coragem e sua arte estão sendo transformados em filme, mas antes ela vai a Maricá nos contar sua história, entremeada com músicas de Sinatra a Rolling Stones. Não percam! Quinta-feira, 30 de janeiro Casa de Cultura de Maricá Realização Subsecretaria de Sexualidade e Diversidade LGBT de Maricá, com apoio da Secretaria Municipal de Cultura.

Janeiro 29, 2014 Posted by | direitos humanos, Lazer, Maricá, shows e eventos | , , , , | Deixe um comentário

Sala Cult apresenta Tributo a Janis Joplin com Izabel Salles e a banda Madame Lyn, na Casa de Cultura de Maricá, nesta sexta 31

cartaz Tributo a Janis Joplin 31 de janeiro

DSCN0746

DSCN0742 DSCN0733Izabel Salles e a banda Madame Lyn arrancaram aplausos da platéia.

Curtir o som de Janis Joplin é tão legal que o Sala Cult reservou esta segunda edição para homenagear a cantora!

Nesta sexta 31 de janeiro, não perca as músicas que viraram clássicos como “Me and Bobby McGee”, “Mercedes Benz”, entre outras. Os sucessos serão interpretados por Izabel Salles e a banda Madame Lyn, além do coro da plateia!

Durante o horário de verão, o evento acontece às 20h, na Casa de Cultura (Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel, Centro).

A entrada é gratuita. Compartilhe e convide seus amigos! Distribuição de senhas as 19:30.

Janeiro 28, 2014 Posted by | cultura, jornalismo, Lazer, Maricá, musica, Sala Cult, shows e eventos | , , , , , | Deixe um comentário

Cultura dá início ao projeto “Humanização dos Prédios Públicos” em Maricá

Texto: Leandra Costa (edição: Marcelo Ambrosio) | Fotos: Fernando Silva

Cultura inicia projeto "Humanização dos Prédios Públicos"

Transformando ambiente de trabalho em espaços de arte, a secretaria municipal de Cultura de Maricá deu início, nesta segunda-feira (16/12), ao projeto “Humanização dos Prédios Públicos” com a exposição de 18 quadros da artista plástica Alice Serpa nos corredores do Paço Municipal. A intenção é oferecer aos artistas locais mais um espaço para divulgação de seus trabalhos, ao mesmo tempo, tornar mais agradável o local de trabalho.

De acordo com o secretário municipal de Cultura, Sérgio Mesquita, a ideia do projeto é propiciar um ambiente mais acolhedor para funcionários e visitantes. “Nossa proposta é quebrar a frieza dos locais públicos de trabalho. E nada melhor que fazermos isso por meio de arte”, destaca Sérgio. Segundo o secretário, o projeto não se restringe apenas à exposição de artistas locais. “É mais amplo, queremos oferecer também esquetes teatrais, shows musicais e apresentação dos palhaços Chapinha e Teleco nos mais diversos espaços”, acrescentou. 

Exposição
Para lançamento do projeto, a secretaria de Cultura convidou a artista Alice Serpa, que nunca havia apresentado seus trabalhos na cidade. Com foco na temática floral, dentre os quadros expostos destacam-se: “O Sonho de uma Bailarina”; “Flores” e o premiado “Lírios Dourados” (medalha de ouro no Salão de Artes Plásticas e Literatura Elisabeth Kinga, medalha de prata no Salão de Artes Plásticas da Base Aérea dos Afonso e Menção Honrosa no Salão de Artes Plásticas Feirense). 

Com 66 anos de idade, Alice desde a adolescência se dedica à produção artística, e, ao longo de sua carreira, já produziu mais de 60 obras. Já expôs na Casa da Espanha, no Ministério da Defesa e no Country Club Tijuca, além de ter sido agraciada com diversas honrarias como as comendas Láurea do III Milênio, em 2002, e do 1º Salão de Artes Plásticas Brasil Hungria.

Moradora há seis anos do distrito de Itaipuaçu, a artista afirma que as belezas de Maricá servem de inspiração para a produção de suas telas. “A natureza daqui é muito rica e nos permite ainda mais soltarmos nossa imaginação. Sou uma artista eclética, voltada para os temas florais, marinas, femininos, mas quando bate a inspiração, aventuro-me em outros”, destacou Alice, que utiliza várias técnicas como pintura acrílica, a óleo, espatulada, mista, textura e colagens, dentre outras.

As obras da artista Alice Serpa ficarão expostas até o dia 30 de janeiro e estão à venda. Os interessados poderão entrar em contato com a artista no telefone (21) 2639-6993. Após essa data, serão apresentadas as de outros artistas, selecionados pela secretaria. Além da prefeitura, o projeto também vai visitar a Câmara de Vereadores, escolas municipais, postos de saúde e também a enfermaria infantil do Hospital Conde Modesto Leal. 

Estão expostas 18 telas da artista plástica Alice Serpa

O premiado quadro “Lírios Dourados" exposto no Paço Municipal.

Moradora de Itaipuaçu, a artista fica feliz em poder sensibilizar as pessoas com sua arte

Diversas medalhas conquistadas pelas artista

Dezembro 17, 2013 Posted by | arte, cultura, jornalismo, Maricá, projeto cultural, social | , | Deixe um comentário

Sala Cult apresenta Isso é Bossa Nova nesta sexta 04.10, na Casa de Cultura de Maricá

O projeto Sala Cult, da Secretaria Municipal de Cultura de Maricá, apresenta nesta sexta-feira, 3 de outubro, as 19h, Casa de Cultura de Maricá, a sutileza da Bossa Nova, nas vozes de Dalva Alves, Ronaldo Valentin, tendo como convidada Rosa Brasil. A Banda Amigos da Cultura, que acompanha os cantores, contará com a participação especial de Leandro Junior no violão e Kaká na percussão.

DSCN7883 Sala Cult, foto de arquivo de Rosely Pellegrino

A direção musical é de Dalva Alves. Compondo o cenário para o Projeto Sala Cult a decoração da semana é inspirada na Bossa Nova, tema das apresentações que acontecerão na Sala Cult nas datas 04/10 e 11/10.
Desenhos do artista Sergio Aranda
Cenógrafa Janine Siqueira
Produção Sheila Pinto e Walter Ramos

A ceia da Bossa NovaBaden Powell

João GilbertoNara Leão

Tom JobinVinícius de Moraes

Sala Cult inicia as 19h, na Casa de Cultura de Maricá, que fica na Praça Orlando de Barros Pimentel, Centro.

O espetáculo tem entrada franca, com ditribuição de senhas as 18h30m

Maiores informações: (21) 37311432

Outubro 4, 2013 Posted by | arte, cultura, jornalismo, Lazer, Maricá, musica, projeto cultural, shows e eventos, social | , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Sala Cult de Maricá homenageia cantores negros da MPB nesta sexta

Texto: Rafael Zarôr | Fotos: Fernando Silva e Clarildo Menezes

Casa de Cultura de Maricá recebe nesta semana o evento nacional "Primavera dos Museus" – Foto: Fernando Silva

Projeto da secretaria municipal de Cultura apresenta uma edição especial dentro do evento nacional “Primavera dos Museus” que aborda a valorização da cultura afro-brasileira

O projeto Sala Cult, da secretaria municipal de Cultura de Maricá, apresenta uma edição especial nesta sexta-feira (27/09). Músicos da cidade irão homenagear os cantores negros consagrados da MPB, como Milton Nascimento, Cartola, Monarco, Djavan, Seu Jorge, entre outros. O show gratuito “Sou negro, sou Brasil” começa às 19h e integra a programação da “Primavera dos Museus”, evento organizado pelo Instituto Brasileiro dos Museus, que nesta semana apresenta atividades de valorização da cultura afro-brasileira na Casa de Cultura, no Centro.

Projeto Sala Cult fará um show em homenagem aos cantores negros da MPB – Foto: Clarildo Menezes

O show será comandado pela cantora Dalva Alves com apoio da banda Amigos da Cultura e participações especiais de Lina Bastos, Blecaute Júnior, Telma Tavares e Sérgio Dantas. Serão apresentados grandes sucessos da MPB, dentre eles “As rosas não falam” (Cartola), “Vai vadiar” (Monarco), “Fato consumado” (Djavan), “Olhos coloridos” (Sandra de Sá) e “Pretinha” (Seu Jorge). Trinta minutos antes da apresentação haverá distribuição de senhas. O Sala Cult é um dos projetos culturais de maior sucesso na cidade nos últimos tempos e incentiva o trabalho de artistas locais em homenagens a grandes nomes do país e do mundo.

Secretário Sérgio Mesquita convida a população para participar do evento "Primavera dos Museus" – Foto: Fernando Silva

O evento nacional “Primavera dos Museus” foi aberto na última segunda-feira (23) em Maricá. Alunos da banda da Escola Municipal Professor Darcy Ribeiro, de Inoã, inovaram no hino nacional. Com teclado e instrumentos de percussão, eles tocaram a música no ritmo do samba, axé e funk. Logo em seguida, estava programada a apresentação da Companhia Vida de Teatro e Dança em uma área descoberta em frente à Casa de Cultura. Mas o show não foi realizado devido às chuvas.

Apresentação da banda de percussão da EM Profº Darcy Ribeiro – Foto: Fernando Silva

A abertura também contou com a palestra do psicopedagogo Marcos Nascimento Coelho, que abordou o tema sobre a mitologia Yorubás. O professou falou sobre as quatro deusas negras da mitologia e o que elas podem ensinar ao homem do século XXI. “A Nanã fala sobre perda de poder, Iemanjá é a deusa do amor, Oxum indica como trabalhar a sensualidade e Iansã é a deusa da sexualidade”, explicou o professor.

Marcos Coelho fez palestra sobre deusas da cultura negra – Foto: Clarildo Menezes

A programação da “Primavera dos Museus” continua nesta quarta-feira (25) com a exibição do documentário “Cais do Valongo, sangra da terra” no Cineclube Henfil às 19h. Em seguida, o diretor do filme Wavá de Carvalho apresenta uma palestra sobre o Cais do Valongo, que fica na Zona Portuária do Rio de Janeiro e foi o maior ponto de entrada de escravos africanos entre os séculos XVIII e XIX. Amanhã (26), o grupo “Filhos da Lua” faz uma apresentação de capoeira às 17h. Logo depois, será realizada uma mesa redonda sobre a “Memória e cultura africana e afro brasileira em Maricá” com a historiadora Maria Penha de Andrade e Silva, a pedagoga Renata Toledo e o Pai Liminha de Maricá – babalorixá Jonas de Jagum.

A Casa de Cultura fica na Praça Orlando de Barros Pimentel, no Centro. Mais informações pelo telefone 3731-1432.

Apresentação da Cia Vida de Teatro e Dança foi cancelada por causa da chuva – Foto: Fernando Silva

Setembro 25, 2013 Posted by | arte, cultura, jornalismo, Lazer, Maricá, musica, projeto cultural, shows e eventos, social | , , , | Deixe um comentário

Entrevista com Sérgio Mesquita – Secretário Municipal de Cultura de Maricá

Inúmeras atividades estão sendo desenvolvidas e realizadas pela Secretaria Municipal de Cultura de Maricá, que envolvem projetos idealizados, parcerias e apoio a eventos já formatados.

 sergio mesquita Para falar sobre o trabalho que está sendo desenvolvido, entrevistamos o secretário responsável pela pasta, Sérgio Mesquita. 

Entrevista com Secretário Municipal de Cultura de Maricá Sérgio Mesquita

NRJ – Como o Secretário vê eventos como este da Chegança?

SM – Antes de falar do espetáculo que foi, vou falar que não considero a Chegança como um “é – vento” que passa e vai embora. Um momento em que todos curtem e no dia seguinte só lembram que foi muito bom. A Chegança foi excelente por dois motivos: o 1º é a beleza da produção (mesmo com pequenas falhas nos microfones); e o 2º motivo foi o resgate de uma história, de um momento do país, que muitos ali esqueceram ou pior, nem sabiam que existiu em carne e osso o “almirante negro”, cantado na música de João Bosco (“navegante negro” por conta da censura da ditadura que não admitiria nunca um almirante negro). O espetáculo é importante por resgatar um momento de nossa história.

DSCN7285 Chegança do Almirante Negro, patrocinado pelo 5 Circuíto das Artes, foi apresentado ao público, no sábado dia 14 de setembro, na Praça Orlando de Barros Pimentel, com apoio da Prefeitura de Maricá, através das Secretarias de Cultura e Diversidade e de Direitos Humanos e Cidadania, por meio da subsecretaria de Diversidade Racial.

DSCN7325DSCN7333

A Grande Companhia Brasileira de Mystérios e Novidades apresentou no sábado 12.09 a história de João Cândido – o Almirante Negro – que revoltou-se contra os maus tratos na marinha brasileira, em especial contra o castigo da chibata, onde os "infratores" eram chicoteados como acontecia com os escravos.

NRJ – Parece que o público gostou muito, foi visível. Mas entenderam a mensagem do resgate da história?

SM – Quem não percebeu no momento, com certeza vai lembrar-se do João Cândido quando ouvir a música ou o assunto surgir em uma roda. Por isso estes tipos de espetáculos são importantes, deixam rastros.

NRJ – E como se comporta sua Secretaria em relação a isto? Qual sua política?

SM – Primeiro é uma política de governo, não é do Sérgio Mesquita. Em segundo, uma de minhas funções à frente da Secretaria, a pedido do prefeito Washington Quaquá, passa pelo resgate da história de Maricá e do Brasil. Por isso, às vésperas de se completar 50 anos de um período de terror, que foi a Ditadura Militar, fizemos o belo evento sobre o Golpe de 64. Resgatamos a história do Brasil e de algumas famílias de Maricá que sofreram com a Ditadura. Muitos munícipes nem sabiam até aquele momento, que houve prisões e tortura em Maricá.

NRJ – Cine Clube Henfil, Sala Cult, Festa Literária, Feira da Providência e Primavera dos Museus, o que esperar da Cultura.

SM – O Cine Clube Henfil hoje está classificado entre os cinco Cines Clubes mais ativos do estado. Recebemos a notícia da Associação Nacional Cineclubista, que inclusive, por conta disso, pagará as despesas de translado de um representante nosso para a Conferência Nacional a ser realizada ainda este ano na Bahia. Ficamos muito satisfeitos e orgulhosos claro!

A Sala Cult foi pensada para abrir espaço para o artista de Maricá. Uma pequena sala de espetáculo, com 37 lugares e uma Praça inteira assistindo. Aqui buscamos a elevação da autoestima do artista ligado à música, canto e teatro. O projeto deu certo e mesmo em seu nascedouro, já foi aventurar-se na Lapa no Rio de Janeiro com o tributo ao Chico. Manhoso ainda não sabe, mas estamos tentando leva-lo para o Lapa Café também.

A Primavera dos Museus é um evento nacional. O tema é a questão da Cultura Africana. Preparamos uma série de palestras, filmes e show, que ocorrerão durante a semana de 23 a 27 de setembro. Em sua abertura teremos a participação de alunos da rede municipal cantando e executando o Hino Nacional e show de dança que a Cia Vida de Teatro e Dança nos brindará. A ideia é transformar a casa de Cultura na “casa grande” e sua frente em um terreiro.

A Festa Literária de Maricá foi uma agradabilíssima surpresa. A FLIM terá seu início no dia 16 de outubro e seu encerramento será no dia 31. A Cultura e demais secretarias estarão juntas com a Secretaria de Educação (promotora da festa), trabalhando no entretenimento do público, principalmente o infantil. Será uma grande festa com palestras, debates e espetáculos teatrais, musicais e muito livro…claro. O Cine Clube teve sua programação também pensada na Festa (FLIM). No mês de outubro teremos Vinícius, Drumond, Graciliano Ramos, Neruda e Violeta Parra em sua tela. Mas o que mais me agrada na FLIM é o “vaucher” que a Prefeitura, combinada com a Educação, distribuirá para os alunos e professores da rede municipal, para compra de livros na Festa. Estamos vivendo um momento único em Maricá. Quem ainda não acordou, não está percebendo a revolução que está acontecendo no município.

NRJ – E a Feira da Providência?

SM – Trabalho pesado (risos). Estamos filmando alguns artistas ligados ao artesanato, à produção da farinha e sola, cerâmica e esculturas. A ideia é fazer um vídeo demonstrando como cada peça lá exposta foi confeccionada. Vamos mostrar o trabalho que dá produzir cada peça. Em paralelo, estamos aguardando o mapa do palco para espetáculos, para inserirmos nossa música, dança e teatro. Este trabalho será realizado em conjunto com a Secretaria de Turismo.

NRJ – Algum comentário para encerrarmos?

SM – A garganta tá seca (risos). Até a próxima. Ih! Ia cometendo uma enorme gafe. Em outubro, teremos também a exposição do pintor Di Bonilho, radicado em Maricá. Será sua segunda exposição e o tema de seus quadros será “As Marias de Maricá”. Já tive a oportunidade de ver duas de suas criações. Com certeza quem visitar a exposição ficará encantado… boca mais seca (risos).

Setembro 18, 2013 Posted by | arte, jornalismo, Lazer, Maricá, musica, Teatro | , | Deixe um comentário

“Tributo ao Chico” faz sucesso no Lapa Café

Texto: Rosely Pellegrino, fotos: Clarildo Menezes

Evento que inaugurou com sucesso, o Projeto Sala Cult, idealizado e realizado pela Secretaria Municipal de Cultura de Maricá, com apoio da Prefeitura Municipal, “Tributo ao Chico”, ultrapassou nesta quinta-feira, 12 de setembro, as fronteiras do município, e foi apresentado no Espaço Lapa Café, tradicional casa noturna do famoso bairro boêmio do Rio de Janeiro, onde foi recebido com a casa lotada.

DSC_7633DSC_7637DSC_7651

O show de Ronaldo Valentin (voz e violão), acompanhado pela Banda Amigos da Cultura, que conta com músicos: Pedro Szigethy (violoncelo), Dalbert Lopes (violino, pandeiro e violão), Iraguaci Santos (tamborim), Sergio Aranda (percussão) e Paulo Ernani (cajon), foi dirigido por Alvaro Ferreira e Walter Ramos, e apresentou uma condensação das quatro sextas-feiras do mês de junho, em que o Tributo ao Chico foi realizado na Casa de Cultura de Maricá, reunindo os temas, Miscigenação, A Mulher, Escritor e Romântico, e Na Política.

 DSC_7777DSCN7219

O espetáculo reuniu as canções que consagraram Chico Buarque, como “Cálice”, “Construção” e “Homenagem ao malandro”. Com 1h30min de duração, a homenagem contou ainda com a participação da cantora Dalva Alves, interpretando “O meu guri” e “Trocando em miúdos”. Além das participações especiais de: Janine Siqueira (voz), Perceu Silva, Kelly Kristiny Lima, Lunah Verdan e Cristian Brum (interpretação).

DSCN7237DSCN7255DSC_7724DSC_7725DSC_7728DSC_7804DSC_7813DSC_7891

Os artistas de Maricá receberam aplausos e inúmeros elogios pelo espetáculo, assim como convites, para apresentarem o tributo musical ao grande mestre Chico Buarque, em outras casas de shows da Lapa

DSC_7968DSC_7955

O secretário municipal de Cultura de Maricá, Sérgio Mesquita, enfatizou a importância de estar divulgando a Cultura do Município, agradeceu a presença de todos e parabenizou a equipe pela sucesso do evento.

DSC_7981DSC_7994DSC_8015

Setembro 16, 2013 Posted by | cultura, jornalismo, Lazer, musica, shows e eventos, social | , , , , , , , | 1 Comentário