Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Maricá recebe caminhão-frigorífico-feira

O prefeito de Maricá, Washington Quaquá, recebeu esta manhã, 7 de dezembro, às 10h, no Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA), em Brasília (DF), das mãos do ministro da Pesca e Aquicultura, Altamir Gregolin, um caminhão-frigorífico-feira, com capacidade para 4,5 toneladas de pescado, que atenderá as comunidades do município.
No dia 16 de dezembro, a entrega acontecerá na Marina da Glória. Mais 54 municípios, distribuídos pelos diversos estados brasileiros, receberão este tipo de veículo. Em Maricá, o caminhão trabalhará em conjunto com as associações de pesca, atuando em comunidades carentes, com venda de pescado a preço mais acessível.  O veículo tem compressor e balcão de vendas, e trabalhará com programação itinerante.
Segundo o subsecretário municipal de Pesca e Aquicultura, Luiz Educardo Damasco, o Luizão, “o fato de ser um caminhão-frigorífico, com uma boa capacidade de armazenamento e condição de transporte, soma-se ao balcão que nos permite a venda itinerante em comunidades mais distantes. Até o momento, a venda de pescado a outros municípios tem sido maior do que o próprio consumo interno. Acreditamos que, com a vinda do novo caminhão, esse quadro irá mudar”, completou.
Texto: Fernando Uchôa

Nota desta editora:

151030_160621023980712_100000984454590_285536_6728668_n O prefeito Washington Quaquá ao ver o caminhão comentou:  “ Agora os pescadores de Marica poderão literalmente vender seus peixes nos bairros diretamente, sem atravessador!”

162944_160622203980594_100000984454590_285540_6028145_n

Anúncios

Dezembro 7, 2010 Posted by | jornalismo, Pesca | Deixe um comentário

Adiada Expo Maricá de Natal – Delfim Moreira Comunicação Integrada em carta aberta ao Parceiro Comercial da Expo Natal e ao publico em geral

Prezado Parceiro Comercial
Mesmo com os problemas pelos quais a classe empresarial passa e, principalmente por eles, temos conseguido realizar a Expo Maricá nos últimos seis anos.
Agora com o lançamento da Expo natal, criamos a oportunidade de, numa época em que necessitamos ampliar e alavancar nossas vendas, ter uma vitrine para atingir metas, com um público que está pronto para consumir.
A Expo natal tem o objetivo principal de reunir empreendedores do nosso município.
Diferente de outras edições, nesta não abrimos espaço para empresas ou empresários que não estivessem baseados em Maricá, mantendo assim a posição de ser o formato Expo Natal plenamente voltado para o nosso setor produtivo. No entanto, uma boa parte dos comerciantes abordados se retraiu por não ter condições de colocar outro ponto de venda fora de sua loja neste período. Outros pelo valor de R$ 900,00 por stand ser caro para esta época, quando compras foram feitas. No caso do valor, tentamos buscar patrocínio para então reduzir o custo.
Tentamos implantar o feirão de automóveis e uma praça de alimentação aberta a todos os que quisessem participar a um custo apenas de serviços. Com isso conseguiríamos repassar a redução para os parceiros comerciais. Até divulgamos que poderíamos chegar a R$ 750,00 por stand de 6m².
No entanto, a dificuldade de conseguir patrocínio é muita, principalmente porque se o patrocínio vem por empresas de fora da cidade eles exigem que stands com os produtos deles estejam na feira e em maior quantidade. E, mesmo assim, a maioria dos parceiros disse preferir uma data após o mês de dezembro pois existiriam inclusive saldo de mercadorias que poderiam ser colocadas com preços especiais.
Continuamos recebendo propostas de empresas do Rio de Janeiro, Niterói, Araruama, etc que conhecem o promissor mercado de Maricá. Não! A Expo Natal deve ser sempre realizada com o comércio local.
Outros problemas que nos foram passados: – A Chuva pois a previsão é de chuva, o fato da onda de violência em todo o Rio de janeiro que faz com que nestes últimos finais de semana o visitante não tenha vindo para a cidade de Maricá ou tenha vindo em menor escala.
De nossa parte, temos custos com Out Doors, Carro de Som, Faixas, Jornais, Rádio, Equipe de Produção, Aluguel do Clube, Gerador, Montagem de Stands, Legalização do evento, etc…, etc…, etc…, que não podem ser parados de uma hora para outra.
Ou seja, É custo certo e gasto já feito  antecipadamente.
Concluímos que o lançamento de nosso projeto não alcançou plenamente os objetivos e metas traçados. Também, desistir não faz parte de nossa filosofia de trabalho. Pensamos então que poderemos utilizar a época de verão, como alguns parceiros colocaram pois a cidade estará lotada de veranistas, e ao invés de Expo Natal colocaríamos a Expo Verão Maricá com o mesmo formato desta.

Transferir o projeto nesta primeira vez mas não acabar com ele pois para 2011 vamos voltar com a Expo Natal . Assim como em agosto teremos a Expo Maricá 2011.

Já negociamos a data com o Clube para os dias 11, 12 e 13 de fevereiro.

O Comerciante que já investiu pelo seu stand está com a reserva confirmada e os que ainda não o fizeram podem reservar, agora, sem passar pelos problemas que teriam em dezembro.


Como a EXPO MARICÁ é um projeto pioneiro que pretende estimular a criação de uma rede de empreendedores da cidade, precisamos medir e avaliar cada ação desenvolvida.
De nossa parte, também sentimos na pele todos os problemas que atingem a classe empresarial.
Não nos eximimos de estar participando de tudo da forma mais ponderada e lado a lado com nossos parceiros.
Ampliar a relação institucional é muito importante mas, reforçar o sentido de união de nossa classe é muito mais.
Como representante do Projeto, eu e todos os da Delfim Moreira estamos à disposição para dirimir quaisquer dúvidas e, esperamos contar com a compreensão de nossos parceiros no sentido de que é muito melhor adiar e fazer bem do que estar realizando um evento que na época de natal se propõe a aumentar vendas no município sem a participação efetiva dos comerciantes locais ou tendo que abrir espaço para empresários de fora.
Atenciosamente,

Dezembro 7, 2010 Posted by | Feiras e Eventos, jornalismo | Deixe um comentário