Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Atividades culturais animam Centro de Maricá

Texto: Jorge André (edição: Gisele Paiva) | Fotos: Fernando Silva

DSCN3651 Na próxima sexta-feira (03/07), o Mercado das Artes vai realizar mais uma atividade sobre a cultura cigana com o casal Ruiter Durdevic e Anne Kellen, a partir das 20h. Além da dança, serão apresentados ao público instrumentos musicais que acompanham as tradições desse povo nômade de origem indiana.

Desenvolvido pela Prefeitura de Maricá, através da Secretaria de Cultura, Ciência e Tecnologia, o espaço é ponto de referência quando o assunto é artesanato e artes plásticas.  O Mercado das Artes fica na Praça Orlando de Barros Pimentel e funciona de quinta-feira a domingo, das 17h às 22h.

“Maricá Mostra Cultura”

DSCN2339 DSCN2294DSCN2295DSCN2297DSCN2330DSCN2334 No sábado (04/07), a partir das 9h, acontece mais uma edição do projeto “Maricá Mostra Cultura” na Praça Orlando de Barros Pimentel. A iniciativa é mais um espaço oferecido pela Prefeitura de Maricá para artesãos e artistas plásticos da cidade. O público que passar pela praça durante a feira poderá conferir produtos que variam do artesanato aos biscoitos artesanais.

A feira amplia a cada edição a oferta de produtos e, segunda a organizadora, Rosely Pellegrino, é uma demonstração de que o trabalho vem dando certo.  “Os expositores estão a cada edição mais felizes e a felicidade deles com o sucesso dessa iniciativa está contagiando outros artistas da cidade que vêm se juntando ao projeto”, comentou.

Quem quiser participar do “Maricá Mostra Cultura” deve, obrigatoriamente, ser morador de Maricá, artista plástico, artesão ou escritor interessado em divulgar e vender sua obra. Também é necessário possuir tenda branca e lâmpada de emergência. As inscrições podem ser feitas no próprio local ou através dos telefones 2634-1165 e 9 6463-9464.

Anúncios

Junho 30, 2015 Posted by | arte, cultura, jornalismo, Lazer, Maricá, projeto cultural | , | Deixe um comentário

Maricá discute direitos da criança e do adolescente

Texto: Leandra Costa (edição: Gisele Paiva) | Fotos: Fernando Silva

Maricá discute direitos da criança e do adolescente

A discussão sobre o presente e o futuro das crianças de Maricá norteou a IX Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, realizada nesta segunda-feira (29/06), no Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU). O encontro, uma idealização da Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal Adjunta de Assistência Social, em parceira com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), contou com a participação de representantes da sociedade civil, do governo municipal, do Conselho Tutelar e de estudantes da rede estadual de ensino.

A subsecretária municipal da Infância e Juventude, Sylvia Cantuaria, ratificou o comprometimento da administração municipal com assuntos voltados para a criança. “A cidade de Maricá se articula para traçar e elaborar diretrizes que melhorem a qualidade de vida da população, principalmente, das crianças e dos adolescentes, que devem ser considerados como cidadãos de fato e de direitos a serem assegurados, respeitados, fiscalizados e garantidos”, destacou.

Para a presidente do CMDCA, Mariá Bittencourt, a conferência permite traçar novos rumos para as políticas a serem adotadas na defesa da criança e do adolescente. “Hoje temos que refletir o que queremos de políticas públicas para disciplinar e garantir o atendimento aos direitos desse público”, disse. “Temos que fortalecer e incentivar a participação da sociedade civil, do governo e de representantes de diversos conselhos constituídos. É fundamental o engajamento dos setores envolvidos para a construção de um futuro melhor”, declarou.

A presidente do Conselho Tutelar, Glória Levi, falou sobre a importância do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), que, no dia 13 de julho, completará 25 anos de implantação. “A criança é a verdadeira esperança de um futuro melhor. Devemos lutar pela proteção dos direitos com base nos princípios do ECA para que a criança seja prioridade absoluta na adoção de políticas públicas”.

Palestras

A coordenadora do CREAS do município de Niterói, a assistente social Graciene Rocha, palestrou sobre o caráter socioeducativo do programa de erradicação do trabalho infantil (Peti). “Temos que quebrar paradigmas. Alguns pais acreditam na velha cultura de que a criança trabalhando aprende um ofício. Lugar de criança é na escola”, afirmou. Graciene também apresentou a cartilha de redesenho do Peti, com base em estatísticas do Censo do IBGE de 2010, que aponta para 1.598 crianças e adolescentes, entre 10 e 15 anos, envolvidos com alguma forma de trabalho, sendo 60% meninos e 59% residindo na área urbana. “Esses números devem nos alertar para o aliciamento de menores para o tráfico de drogas. Impedir isso é uma tarefa que exige muito mais do que a simples ação policial. É necessária a criação de políticas públicas que garantam um grande investimento em educação de qualidade e ofertas de profissionalização”, ressaltou.

A segunda palestra foi ministrada pela coordenadora do Centro da Criança e do Adolescente do município de Niterói, Júlia Maia, que apresentou o funcionamento do espaço de referência, implantado em 2014, no Centro de Niterói, destinado para crianças e adolescentes usuários de drogas e moradores de rua. “Quando iniciamos as atividades tivemos que propor algo novo, que falasse a língua deles e, principalmente, que permitisse dar voz a eles”, disse. “Temos que entender a sociedade na qual esses jovens estão inseridos. Eles são considerados pela sociedade invisíveis e indesejáveis. Mas, precisam ser defendidos e ter proteção como cidadãos de direitos e, por isso, considero de extrema importância um evento que pense no futuro e zelo de nossas crianças”, completou. Ainda, segundo a coordenadora, desde a implantação do centro, mais de 70% dos jovens retornaram para suas casas ou foram encaminhados para instituições de acolhimento.

Propostas aprovadas e delegados eleitos

Após as explanações, o público participou de grupos para discutir e elaborar propostas que serão apresentadas na Conferência Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (CEDCA-RJ), em data a ser definida. Além disso, foram eleitos quatro delegados que representarão o município (dois membros do governo e dois da sociedade civil) na etapa regional: os conselheiros do CMDCA, Sérge Bento e Parcos Araújo, além da conselheira tutelar Glória Levy e um estudante da rede estadual de ensino de Maricá.

As propostas aprovadas foram:

  1. Promover o protagonismo nas escolas como, por exemplo, funcionar final de semana, introduzir esportes junto às famílias; realizar palestras mais interativas com músicas e debates; ter mais atividades culturais em museus e teatro.
  2. Promover oportunidades de escuta como, por exemplo, incentivar criação de grêmios escolares, jornais/rádios estudantis; divulgação permanente dos serviços dos CRAS e do CREAS nas escolas; propor intercâmbio entre escolas com exposições de trabalho.
  3. Ampliar acesso aos meios de comunicação com a criação de blogs juvenis, aplicativos, atividades, entre outros.
  4. Capacitação permanente dos conselheiros do CMDCA.
  5. A efetivação do interconselho (Conselhos da Assistência Social) para a proposição de políticas públicas intersetoriais, com devido espaço físico.
  6. Casa dos Conselhos (todos os conselhos do município): responsável pela criação da agenda das reuniões dos conselhos e posterior divulgação para equipamentos e usuários.
  7. Fortalecimento dos fóruns existentes no município visando a maior articulação envolvendo todas as entidades que trabalham com crianças e adolescente.
  8. Sensibilizar e mobilizar a sociedade em geral na defesa do ECA, através de datas específicas referentes a criança e adolescente.

Para a presidente do CMDCA, a conferência permite traçar novos rumos para as políticas públicas

Graciene Rocha palestrou sobre o caráter socioeducativo do programa de erradicação do trabalho infantil

Júlia Maia falou sobre o funcionamento do Centro da Criança e do Adolescente, implantado em 2014, em Niterói

Junho 30, 2015 Posted by | direitos humanos, jornalismo, Maricá | Deixe um comentário

“Maricá+Verde” realiza plantio de mudas em Inoã

Texto: Tiago Campello (edição: Gisele Paiva) | Fotos: Divulgação

Alunos do CIEP 391, em Inoã, acompanharam o plantio de 29 mudas nativas da Mata Atlântica na região

O programa “Maricá+Verde” realizou mais uma ação decorrente de uma série de atividades em prol da sustentabilidade no município. Recuperando as áreas de Preservação Ambiental Permanente, a Secretaria Municipal Adjunta de Meio Ambiente esteve nessa segunda-feira (29/06) no CIEP 391, em Inoã, para realizar o plantio de mudas nativas da Mata Atlântica.

Alunos do 9º, 8º e 2º ano do Ensino Médio participaram do plantio de 29 mudas, como Ipê Amarelo (Tabebuia chrysotricha), Jacarandá (Jacaranda mimosaefolia) e Pitanga (Eugenia uniflora) em uma área que futuramente será transformada em um Espaço Verde, onde os alunos participarão de diversas atividades educacionais e de lazer.

A ação ambiental tem como objetivo estimular a conscientização dos alunos sobre a importância de arborizar áreas urbanas e gerar qualidade de vida para a cidade. De acordo com o secretário municipal adjunto de Meio Ambiente, Guilherme Mota, a aproximação dos alunos com a natureza é fundamental para a formação do indivíduo. “O contato com a natureza e a experiência de contribuir diretamente para a preservação através do plantio de árvores cria um vínculo de amor e respeito que influenciará na formação de cidadãos ainda mais preocupados com o futuro do município de Maricá”, disse.

Durante a ação, foram plantadas mudas de Ipê Amarelo, Jacarandá e Pitanga

Junho 30, 2015 Posted by | jornalismo, Maricá, meio ambiente | | Deixe um comentário

Maricá compartilha modelo de Tarifa Zero no Congresso Brasileiro de Transportes e Trânsito

Texto: Marcelo Ambrosio | Fotos: Divulgação

A discussão sobre a universalização do modelo de Tarifa Zero em cidades maiores do que Maricá será o tema principal do próximo encontro

O presidente da Empresa Pública de Transportes (EPT), Luiz Carlos dos Santos, participou esta semana, em Santos (SP), do 20º Congresso Brasileiro de Trânsito e Transportes.  O evento, que deixou claro mais uma vez que a Tarifa Zero de Maricá faz parte da agenda nacional de mobilidade, contou com a presença de centenas de especialistas de todo o país, além de empresas que atuam no setor. Durante três dias, os participantes discutiram, entre outros temas, o papel dos planos de mobilidade nos planos diretores, transporte público, uso de bicicletas e padrões de qualidade dos sistemas BRT.  Ainda no âmbito do congresso, o presidente da EPT participou também do Fórum Nacional de Secretários de Transporte, onde pode compartilhar com representantes de vários estados e municípios o modelo da EPT, implantado de forma pioneira no país pela Prefeitura de Maricá.

Entre os temas na agenda do fórum, um dos mais debatidos envolveu a sugestão de medidas que possam desonerar a folha de pagamento das empresas concessionárias como forma de trazer impacto positivo às tarifas pagas pela população. Nesse contexto, Luiz Carlos dos Santos intercedeu e fez uma apresentação do Tarifa Zero e da EPT como a melhor solução de transporte com inclusão social com custo zero para o usuário. “Sugeri justamente que os municípios deviam aderir ao nosso modelo por se tratar de uma iniciativa que já provou sua viabilidade, além de ser gratuita, universal e não ter caráter segregacionista”, conta o presidente da EPT, acrescentando que a sugestão recebeu elogios da grande maioria. As ressalvas – aplicação impraticável em grandes cidades e dependência de receita de royalties – foram facilmente rebatidas por Luiz Carlos. “Mostrei que a economia com o pagamento de vales-transportes dos funcionários municipais representa uma grande parcela do custo da empresa, o que torna o modelo muito pouco dependente desse tipo de aporte”, afirma. “Essa economia, aliás, se estende às empresas da cidade, que também podem reduzir esse custo nas suas próprias folhas. O impacto é grande pelo custo que as passagens representam para todos”, completou.

O tema interessou tanto que o fórum decidiu incluir como tema principal do próximo encontro a discussão sobre a universalização do modelo de Tarifa Zero em cidades maiores do que Maricá, a primeira do país com mais de 100 mil habitantes a implantar a medida.

Luiz Carlos dos Santos defendeu a Tarifa Zero como a melhor solução de transporte com inclusão social e custo zero para o usuário

Junho 30, 2015 Posted by | jornalismo, Maricá, transporte | , , , | Deixe um comentário

Sexta-feira é dia de pedalar por ruas do Centro de Maricá

Texto: Rafael Zarôr | Fotos: Clarildo Menezes

Circuito inclui ruas do Centro e Araçatiba. Passeio inicia às 19h30, na Praça Conselheiro Macedo Soares

O “Pedala Maricá”, projeto de incentivo ao ciclismo da Secretaria Municipal Adjunta de Turismo, promove novo passeio por ruas do Centro nesta sexta-feira (03/07). A atividade é gratuita e não precisa de inscrição – só comparecer na Praça Conselheiro Macedo Soares, às 19h30, com sua bicicleta. Qualquer pessoa pode participar, mas os menores de 14 anos precisam estar acompanhados de um responsável.

Agentes de trânsito da Secretaria Municipal Adjunta de Segurança Pública farão o percurso junto aos ciclistas, que se inicia pela Rua Abreu Rangel e Avenida Vereador Francisco Sabino da Costa. O passeio continua pelas vias Monte Negro e Antônio Pinto, e retorna pela Avenida Vereador Francisco Sabino da Costa e Rua Abreu Rangel.

O itinerário também inclui as ruas Domicio da Gama, Pereira Neves e avenidas Nossa Senhora do Amparo e Ivan Mundin, além da Rua Kleber Figueira e Praça Tiradentes, em Araçatiba. Em seguida, os participantes pedalam pelas ruas Álvares de Castro, Fernando Henrique Assumpção, Coronel Aloisio Costa e Silva, Prefeito Hilário da Costa, Barão de Inoã, Senador Macedo Soares e Abreu Rangel, com dispersão na Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel.

O projeto se iniciou em janeiro de 2013 com o objetivo de conscientizar a população sobre o uso da bicicleta como meio de transporte eficiente e ambientalmente correto, além dos benefícios à saúde, sendo indicado por médicos para desenvolvimento de resistência de força muscular das pernas e ótimo exercício para queima de gordura corporal. A Prefeitura já promoveu edições do “Pedala Maricá” em ruas do Centro, Cordeirinho, Espraiado, Itapeba, Flamengo, Itaipuaçu e Barra de Maricá. Mais informações pelo telefone 3731-5094.

Junho 30, 2015 Posted by | esportes, jornalismo, Lazer, Maricá, turismo | | Deixe um comentário

Cineclube Henfil inicia programação de filmes franceses com “Dentro da Casa”

Texto: Jorge André (edição: Gisele Paiva) | Fotos: Divulgação

Mês de julho será dedicado à exibição de filmes franceses e o primeiro deles aborda um jogo de sedução entre pupilo e mestre

O Cineclube Henfil, projeto desenvolvido pela Prefeitura de Maricá, através da Secretaria Municipal Adjunta de Cultura, Ciência e Tecnologia, apresenta neste mês de julho películas do cinema francês. Na próxima quarta-feira, dia 1º, será exibido o longa “Dentro da Casa”, produzido em 2012 e dirigido por François Ozon.

O longa conta a história de um professor chamado Germain que, cansado da rotina de trabalho, ele atormenta a esposa Jeanne com suas reclamações, mas ela também tem seus problemas profissionais para resolver e nem sempre dá a atenção desejada ao marido. Esta situação se prolonga até que Germain descobre na redação de um dos alunos dele, o adolescente Claude, um estilo diferente de escrever, que dá início a um intrigante jogo de sedução entre pupilo e mestre, que acaba envolvendo a própria esposa e a família de um colega de classe.

O filme não é recomendado para menores de 14 anos. O Cineclube Henfil é exibido na Casa Digital, na Praça Orlando de Barros Pimentel, no centro da cidade. A sessão começa às 19h com entrada franca.

Junho 30, 2015 Posted by | cinema / produção, Lazer, Maricá | Deixe um comentário

Grêmios estudantis de Maricá tomam posse no CEU

Texto: Fernando Uchôa (edição: Gisele Paiva) | Fotos: Fernando Silva

Vice Prefeito e Sec Adjunto de Educação, Marcos Ribeiro, discursa na posse das diretorias dos Grêmios Estudantis de escolas de Maricá, tendo ao seu lado a nossa Deputada Estadual Zeidan.

Auditório do CEU esteve repleto de estudantes de 14 escolas de Maricá, cujos grêmios tomaram posse em solenidade com autoridades

 

Diretores de 14 grêmios estudantis tomaram posse nesta segunda-feira (29/06), no Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), na Mumbuca, em Maricá. Foram entregues certificados, de forma simbólica, aos presidentes de cinco grêmios. De acordo com a coordenadora do projeto, Mônica Salles, este foi o início do processo, que incluirá também os “greminhos”, que representarão escolas do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental.

O presidente do grêmio estudantil da E. E. Elisiário da Matta, Leonardo Santos Duarte, reforçou o engajamento proporcionado pelo grêmio estudantil. “É uma oportunidade para que os jovens representem os interesses de sua classe. É assim que crescemos social e politicamente”, declarou. A diretora da E. M. Professor Darcy Ribeiro, Vanda Maria, comentou que o processo de eleição contou com a participação efetiva de alunos, funcionários e professores. “É um trabalho de organização árduo, mas prazeroso. Quando estudante, não tinha a visão de mundo que os jovens têm hoje pelo acesso aos recursos tecnológicos, o que facilita a informação, que deve vir acompanhada da consciência social e política. Nosso dever é incentivar esta formação”, disse.

Os alunos Raio de Luar Quintanilha e João Mendonça, respectivamente presidente e vice-presidente do grêmio estudantil da E.M. Alfredo Nicolau da Silva Junior, no Marques, contaram com o apoio da diretora Renata Coube e da orientadora educacional Alexandra Figueira. “Já era representante de turma e me candidatei porque tinha interesse em estender isso para a escola. Já participamos da I Conferência Municipal de Educação, quando defendemos maior investimento na Educação Infantil, e achei a experiência interessante. Queremos continuar defendendo nossas propostas”, declarou Raio de Luar, com o apoio de seu vice.

Autoridades reforçam importância do grêmio

O presidente da União Brasileira do Estudante Secundarista (UBES), Danilo Vieira, convocou os novos gremistas a perseverarem na luta por seus ideais e pelo coletivo. “Muito do que se conseguiu no país, como o fim da ditadura militar, a transição e a redemocratização, contou verdadeiramente com a participação estudantil. Hoje, somos 53 milhões de estudantes secundaristas no país. Continuamos na luta social por melhor qualidade de ensino, transporte, moradia e outras lutas, como a não redução da maioridade penal. O que o Brasil precisa é de mais escolas e não de mais prisões”, afirmou.

O vice-prefeito e secretário municipal adjunto de Educação, Marcos Ribeiro, enfatizou as palavras do presidente da UBES. “Muitos estudantes morreram na ditadura militar para que houvesse liberdade. À época, tinha menos de 14 anos. Fui representante de turma, mas não de grêmio. Então, aproveitem esta oportunidade para aprender, na prática, o exercício da política. Mais tarde, esta experiência pode ser de grande valia na vida de vocês”, destacou.

A primeira-dama municipal e deputada estadual Rosangela Zeidan concluiu dizendo que o prefeito Washington Quaquá foi líder estudantil, presidente do grêmio do CEM Joana Benedicta Rangel e que esta experiência foi muito importante em sua vida, alavancando outros projetos que o fizeram um militante político em defesa de seus ideais, procurando promover a justiça social e a universalidade de direitos. “Outros líderes como o ex-presidente Lula adquiriram experiência como sindicalistas, debatendo com patrões e governo as reivindicações da categoria. Precisamos defender uma sociedade mais humana e mais justa e isto começa desde já com a luta de vocês”, finalizou.

Os grêmios que tomaram posse representam as escolas E.M. Antonio Lopes da Fontoura, E.M. Amanda Peña de A. Soares, E.M. Alfredo Nicolau da S. Junior, CAIC Elomir Silva (cujo grêmio adotou o nome de “Guerreiros do Amanhã”), E.M. Carlos Magno Legentil de Mattos, E.M. Professor Darcy Ribeiro, CEM Joana Benedicta Rangel (com o nome “Impulso”), E.M. João Monteiro, E.M. João da Silva Bezerra, E.M. Lúcio Thomé Guerra Feteira, E.M. Marquês de Maricá, E.M. Marcus Vinícius Caetano Santana, E.M. Vereador Osdevaldo M. da Matta e E.M. Inoã.

Presidente da UBES, Danilo Vieira convocou os novos gremistas a perseverarem na luta por seus ideais e pelo coletivo

Foram entregues certificados, de forma simbólica, aos presidentes de cinco grêmios

Junho 30, 2015 Posted by | jornalismo, Maricá | | Deixe um comentário

Novo ônibus reforça o transporte escolar gratuito em Maricá

Texto: Sérgio Renato | Fotos: Fernando Silva

Novo micro-ônibus possui elevador de acessibilidade, limitador de velocidade para até 70 km/h e capacidade para 22 alunos

A frota do transporte escolar gratuito em Maricá passa a contar com mais um veículo a partir de julho. O vice-prefeito e secretário municipal adjunto de Educação, Marcos Ribeiro, apresentou nesta segunda-feira (29/6) o novo micro-ônibus que possui um elevador de acessibilidade, limitador de velocidade para até 70 km/h e capacidade para 22 alunos da rede municipal de ensino, aumentando para 17 a quantidade desses coletivos em circulação.

Segundo o secretário e vice-prefeito, o pedido de um novo veículo do programa federal Caminho da Escola havia sido feito ao Ministério da Educação em 2013. Atualmente, os ônibus transportam 2.780 alunos da rede em toda a cidade. Os primeiros coletivos do programa foram entregues ao município em 2010, na primeira gestão de Marcos Ribeiro à frente da pasta.

“Quando nós assumimos na ocasião, eram usados ônibus emprestados e Kombis arrendadas de particulares. Conseguimos desde aquela época tornar o transporte escolar muito mais digno para os alunos da rede municipal, e esse novo ônibus é mais um avanço nesse sentido”, ressaltou ele.

Além da chegada do novo coletivo, 16 novos motoristas que vão atuar na frota estão recebendo qualificação junto ao sistema Sest/Senat. Atualmente, o programa tem 28 condutores em atividade em Maricá. Os cursos para os profissionais são oferecidos com frequência desde a implementação do serviço, há cinco anos.

Segundo o secretário e vice-prefeito, Marcos Ribeiro, o pedido de um novo veículo havia sido feito ao Ministério da Educação em 2013

Junho 30, 2015 Posted by | Educação, jornalismo, Maricá, transporte | Deixe um comentário

Eleição no Creci-RJ

No próximo dia 8 de Julho, o Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci-RJ) realiza eleição para a gestão 2016-2018. O pleito acontece de 9h às 17h e o voto é obrigatório para os profissionais da intermediação imobiliária.

Os postos de votação e demais informações referentes à eleição podem ser encontrados no site do Conselho:

 www.creci-rj.gov.br.

Junho 30, 2015 Posted by | eleições, jornalismo | | Deixe um comentário

Skinão abre pizzaria sob o comando do gourmet Buda

Conhecido pelo churrasquinho na brasa e saborosos acompanhamentos, o Skinão abriu esta semana mais uma opção aos clientes e amigos, pizzas e massas entram no cardápio dos saborosos pratos preparados pelo mestre da arte culinária da boa comida e bebida  gourmet Buda.

Quem conhece recomenda.

Vale a pena conferir, o Skinão fica na Praça Nilo Pecanha (largo em frente a Igreja Matriz Nossa Senhora do Amparo), ao lado do CNA.

Centro – Maricá RJ

Funcionamento de terça-feira a domingo, a partir das 19h.

DSCN3821DSCN3826DSCN3827DSCN3828DSCN3829DSCN3830DSCN3834DSCN3835

Junho 28, 2015 Posted by | culinária, jornalismo, Lazer, Maricá | , , , | Deixe um comentário