Noticiário RJ on line

As melhores notícias com Rosely Pellegrino

Vigília e Santa Missa da JMJ com Papa Francisco, é transferido de Guaratiba para Copacabana

Fonte Jornal Meia Hora

Agora é oficial. A Prefeitura do Rio decidiu transferir a vigília e a Santa Missa do Campus Fidei, em Guaratiba, na Zona Oeste, para a Praia de Copacabana, na Zona Sul do Rio, no sábado e domingo.

Chuvas e a lama inviabilizam evento da JMJ no Campus Fidei, em Guaratiba 

Local que seria palco dos principais eventos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), a área de 1,7 milhão de m² sofre com as chuvas que têm castigado a cidade e está completamente enlameada.

Anúncios

Julho 25, 2013 Posted by | jornalismo, religioso | , , | Deixe um comentário

Aulas Gratuitas – Natação tem inscrição até 6ª em Maricá

Aqueles que têm interesse em ter aulas de natação, não podem perdem a oportunidade oferecida pela Secretaria de Esportes de Maricá.

Quem ainda não se inscreveu no projeto "Piscina", que oferece aulas gratuitas à comunidade, tem até sexta-feira (19) para se inscrever. Não há limites de vagas nem de idade dos participantes.

As aulas têm duração de uma hora e serão realizadas na piscina do Complexo Esportivo Leonel Brizola, no bairro Flamengo, às terças e quintas-feiras, em dois horários: 8h30 e 13h30.

A previsão é que a aula inaugural seja realizada no dia 23 de julho. Segundo o secretário de Esportes, também serão oferecidas aulas de hidroginástica, mas ainda sem data definida. "Nesse momento, também estamos fazendo uma pré-inscrição para essa modalidade.

Os interessados devem procurar a secretaria", informou. Os interessados devem procurar a Secretaria de Esportes e apresentar uma cópia da identidade (em caso de menores de idade, também é necessária a cópia do documento do responsável e atestado médico).

A Secretaria Municipal de Esportes funciona na Rua Abreu Rangel, 420 sala 104, no Centro. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3731-1756.

Julho 16, 2013 Posted by | esportes, jornalismo, Maricá, natação | Deixe um comentário

Queiroz Galvão firma contrato de US$ 3,5 bilhões para afretar FPSOs em Maricá e Saquarema

FPSOs vão operar no Campo de Lula, pré-sal da Bacia de Santos. Contrato foi fechado com consórcio operado pela Petrobras.

Do G1, no Rio

A Queiroz Galvão Óleo e Gás (QGOG) e parceiros firmaram contratos com o consórcio BM-S-11, operado pela Petrobras, para afretamento e operação de dois FPSOs: Cidade de Maricá e Cidade de Saquarema, informou a companhia nesta segunda-feira (15). Segundo a QGOG, o valor total dos contratos, que terão duração de 20 anos, é de cerca de US$ 3,5 bilhões.

Segundo a companhia, as unidades pertencerão e serão operadas pela joint venture formada entre as empresas QGOG, SBM Offshore, Mitsubishi Corporation e Nippon Yusen Kabushiki Kaisha (NYK Line).

Os FPSOs vão trabalhar no Campo de Lula, no pré-sal da Bacia de Santos, e são similares ao FPSO Cidade de Ilhabela, com capacidade diária de produção de óleo de 150 mil barris e de 6 milhões de metros cúbicos por dia de gás.

O Cidade de Maricá tem entrega prevista para o final de 2015, enquanto o Cidade de Saquarema deve ser entregue no início de 2016.

Campo de Atlanta

Em janeiro, a Queiroz Galvão Exploração e Produção anunciou para o segundo semestre de 2013 o início da perfuração de três poços no campo de Atlanta, na Bacia de Santos, um deles apenas para coleta de informações sobre o campo, com previsão de obter o primeiro óleo no segundo semestre de 2014.

Segundo o diretor de Produção da Queiroz Galvão, Danilo Oliveira, a expectativa de produção é de 12 mil barris de óleo por dia, seis em cada poço "na pior das hipóteses" , mas a companhia trabalha com uma produção de 24 mil barris por dia, de acordo com simulações e estudos feitos pelos antigos operadores, Shell e Chevron.

Julho 16, 2013 Posted by | jornalismo, Maricá, Petroleo e Gás, pré-sal | | Deixe um comentário

Maricá aplaude Tributo a Chico Buarque na Casa de Cultura

Texto: Fernando Uchôa (edição: Marcelo Moreira) | Fotos: Clarildo Menezes e Rosely Pellegrino

DSCN4109DSCN4088DSCN4114

DSCN4151 A plateia pediu bis, na noite de estréia do Sala Cult

Foi uma noite de boa música, alegria e elegância. O evento “Tributo a Chico Buarque”, que estreou na Sala Cult na noite da última sexta-feira (05/07), reuniu moradores e convidados na Casa de Cultura de Maricá.

Os músicos Ronaldo Valentim (violão elétrico e voz), Dalbert Lopes (violino), Pedro Zglitiz (violoncelo) e Paulo Ernani (cajón e textos), entre outros, apresentaram canções de Chico Buarque que homenageiam o universo feminino. Cenário e figurinos faziam referência ao compositor no espetáculo dirigido pelo teatrólogo Álvaro Ferreira, que pôde ser assistido também em telões colocados na Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel, em frente ao prédio da Casa de Cultura.

‘Pratas da casa’

O auditório vibrou desde a abertura do show, com a canção “Mulheres de Atenas”. “Samba de Orly” também agitou a plateia.

DSCN4094A cantora Mirene Alves fez uma participação especial acompanhada em coro pela plateia.

.DSCN4097DSCN4125

O secretário municipal de Cultura, Sérgio Mesquita, agradeceu a presença dos convidados e de toda a equipe da secretaria de Cultura envolvida na concepção e na realização do show. “São pessoas talentosas que vestem a camisa. Todos deram o melhor de si para proporcionar ao público mais este grande evento”, ressaltou.

DSCN4138A primeira dama Rosangela Zeidan prestigiou a noite e também parabenizou os promotores do evento, destacando que a escolha do homenageado não poderia ter sido melhor’. “Um trabalho como esse só poderia contar com uma equipe liderada pelo secretário Sérgio Mesquita. Desde que ele assumiu a pasta, a Cultura maricaense se mantém em alta”, declarou.

A professora aposentada Zeni Fonseca, moradora de Niterói, estava na plateia e disse que foi convidada por uma amiga para assistir ao show. “Foi maravilhoso, como os melhores eventos que a gente vê nas capitais. Pretendo vir mais vezes”, declarou.

O especial “Tributo a Chico Buarque” apresentará na próxima sexta-feira (12/07), trechos da produção literária e teatral do autor, sob a ótica da política. As senhas são distribuídas no local, até meia hora antes do evento. A Casa da Cultura de Maricá fica na Praça Orlando de Barros Pimentel, s/nº, Centro. Mais informações pelo telefone 3731-1432.

DSCN4161DSCN4167

Assista aqui a videorreportagem de Jorge André, na cobertura da estreia do Sala Cult https://www.facebook.com/#!/photo.php?v=547523475308221&set=vb.100001517214125&type=2&theater

 

Julho 9, 2013 Posted by | cultura, jornalismo, Lazer, Maricá, musica, projeto cultural, shows e eventos, social | , , | Deixe um comentário

Esporte em Maricá – Vagas para aulas gratuitas de natação

Texto: Leandra Costa

A secretaria municipal de Esporte acaba de abrir inscrições para o projeto "Piscina" – que oferece aulas gratuitas de natação para os moradores de Maricá. Não há limites de vagas nem de idade dos participantes.

Os interessados devem procurar a secretaria de Esporte até o dia 12/07 e apresentar uma cópia da identidade (em caso de menores de idade, também é necessária a cópia do documento do responsável e atestado médico). A secretaria municipal de Esportes está localizada na Rua Abreu Rangel, nº 420 sala 104, no bairro Centro. O telefone de contato é 3731-1756.

Com duração de 60 minutos, as aulas serão realizadas na piscina do Complexo Esportivo Leonel de Moura Brizola, no bairro Flamengo, às terças e quintas-feiras, em dois horários: 8h30 e 13h30.

O secretário municipal de Esportes, Leonardo Souza da Silva, destacou a importância do projeto. “Queremos oferecer atividades esportivas e gratuitas para melhorar a qualidade de vida da população”, frisou Leonardo. Segundo ele, a secretaria de Esportes também irá oferecer aulas de hidroginástica, mas ainda não foi definida a data de início das aulas. “Nesse momento, também estamos fazendo uma pré-inscrição para essa modalidade. Os interessados devem procurar a secretaria”, avisou o secretário.

Julho 9, 2013 Posted by | esportes, jornalismo, Maricá, natação | | Deixe um comentário

Segunda mostra de cinema francês é inaugurada na Casa de Cultura de Maricá

Texto: Rafael Zarôr | Fotos: Clarildo Menezes

Como símbolo desta parceria – Músicos da secretaria de Cultura tocaram uma melodia inédia, que mesclou o hino brasileiro e o francês, na abertura do evento

Ação estreita parceria entre a Prefeitura e a embaixada da França

A Prefeitura de Maricá estuda ampliar ainda mais a parceria cultural com a França. O anúncio foi feito na noite de quarta-feira pelo secretário municipal de Cultura, Sérgio Mesquita, durante a abertura da mostra “Os encantos franceses através da película do cinema”. A comédia “As férias do senhor Hulot”, exibida ontem, marcou o início da segunda série de filmes franceses que serão projetados gratuitamente no Cineclube Henfil, na Casa de Cultura de Maricá. As obras foram disponibilizadas pela cinemateca da embaixada da França.

Um dos responsáveis pela cinemateca, Gustavo Andreotta, ficou impressionado com a estrutura da Casa de Cultura e pretende trazer ao município outras atividades artísticas disponíveis na embaixada francesa. “Quando falaram sobre o Cineclube Henfil imaginei uma sala de cinema. Mas vejo que a prefeitura possui muitos espaços dentro da Casa de Cultura onde podemos oferecer outras atividades, como dança, teatro e música”, afirmou Andreotta, acrescentando que a cinemateca existe há 50 anos e é a maior fora da França, com um acervo de 1.200 filmes e documentários.

O secretário Sérgio Mesquita adiantou que a exibição de filmes franceses será estendida para outros espaços da prefeitura. “Vamos montar a programação e a cinemateca vai ceder os filmes e documentários para exibirmos no futuro Cineteatro do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), projeto em parceria com o governo federal em construção na Mumbuca, e do Centro Popular de Cultura Henfil, projeto da prefeitura que está sendo erguido no Centro”, ressaltou Mesquita.

Sérgio Mesquita antecipou também que vai apresentar ao prefeito Washington Quaquá um projeto para incluir a língua francesa nas escolas da rede municipal. “A vinda hoje (ontem) do Gustavo Andreotta abriu um leque de opções e podemos fazer mais parcerias com a França. Eles podem nos auxiliar na preparação de material didático para as escolas, por exemplo", exemplificou o secretário.

Exibição de filmes franceses

O público poderá assistir gratuitamente a grandes sucessos do cinema francês durante todo o mês de julho. Serão exibidos, todas as quartas-feiras, às 19h, respectivamente, os filmes “Pele de Asno” (10/07); “Mulheres Diabólicas” (17/07); “O Pequeno Tenente” (24/07) e “35 Doses de Run” (31/07).

O Cineclube Henfil fica na Casa de Cultura, localizada na Praça Orlando de Barros Pimentel, no Centro.

Gustavo Andreotta (esquerda) com o secretário Sergio Mesquita (C) na abertura da mostra

Andreotta ficou impressionado com a estrutura da Casa de Cultura de Maricá

Andreotta (E) e Mesquita querem ampliar a parceria entre prefeitura

Julho 9, 2013 Posted by | cinema / produção, cultura, jornalismo, Maricá, projeto cultural, social | Deixe um comentário

Brasil pede explicações aos Estados Unidos sobre espionagem eletrônica

O governo do Brasil pediu explicações aos Estados Unidos (EUA) sobre a espionagem das comunicações de cidadãos brasileiros pela Agência Nacional de Segurança daquele país (NSA, na sigla em inglês). De acordo com o ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, os esclarecimentos foram solicitados por meio da Embaixada do Brasil em Washington e, ainda, ao embaixador dos EUA no Brasil.

O ministro disse que o Itamaraty recebeu com grave preocupação a notícia de que contatos eletrônicos e telefônicos de seus cidadãos estariam sendo monitorados. Patriota deu as declarações em Paraty, no Rio de Janeiro, onde está sendo realizada a 11ª Festa Literária Internacional (Flip).

Segundo Antônio Patriota, o governo brasileiro lançará iniciativas na Organização das Nações Unidas (ONU) pelo estabelecimento de normas claras de comportamento para os países quanto à privacidade das comunicações dos cidadãos e a preservação da soberania dos demais Estados. O Itamaraty pretende ainda pedir à União Internacional de Telecomunicações (UIT), em Genebra, na Suíça, o aperfeiçoamento de regras multilaterais sobre segurança das telecomunicações.

O escândalo sobre o monitoramento das comunicações privadas de cidadãos e empresas de dentro e de fora do país pelo governo dos EUA veio à tona após o ex-técnico em segurança digital da CIA (agência de inteligência norte-americana), Edward Snowden, revelar a prática. Os dados eram vigiados por meio do Prism, programa de vigilância eletrônica altamente secreto mantido pela NSA. Uma reportagem do jornal O Globo desse domingo revelou que as comunicações do Brasil estavam entre os focos prioritários de monitoramento.

Depois das revelações, Snowden teve o passaporte cancelado pelo governo norte-americano. Ele pediu asilo político a 21 países. Até o momento, Bolívia, Venezuela e Nicarágua se ofereceram para receber o ex-agente.

Na última semana, países europeus proibiram a entrada do avião do presidente boliviano, Evo Morales, em seu espaço aéreo, por suspeitaram que Edward Snowden estava a bordo. Países latino-americanos, entre eles o Brasil, manifestaram-se a favor do chefe de Estado. O incidente será discutido terça-feira (9) na Organização dos Estados Americanos (OEA).

Leia mais

Câmara e Senado se
mobilizam para discutir de…

Deputados vão apurar
denúncia de espionagem d…

Suplicy defende asilo para
Edward Snowden no Brasil

Julho 9, 2013 Posted by | jornalismo, Telefonia e Internet | | Deixe um comentário

Financiamento de campanhas e voto secreto podem fazer parte do plebiscito

Extraído de: Câmara dos Deputados

A proposta do Executivo para o Congresso sobre o plebiscito da reforma política prevê a consulta pública sobre cinco temas: financiamento de campanhas, sistema eleitoral, suplência de senadores, coligações partidárias e voto secreto. O texto foi entregue nesta manhã pelo vice-presidente da República, Michel Temer, e o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, aos presidentes da Câmara, Henrique Eduardo Alves, e do Senado, Renan Calheiros. Leia aqui o texto do Executivo

Alves considerou o texto respeitoso com o Congresso, já que deputados e senadores, segundo ele, terão liberdade para definir os temas que farão parte da consulta. As medidas sugeridas deverão agora ser debatidas pelos parlamentares, que vão elaborar um projeto de decreto legislativo. O texto será analisado pelos deputados e, em seguida, pelos senadores.

Segundo Renan Calheiros, o Senado deverá ter sessões inclusive às segundas e às sextas-feiras, nas próximas duas semanas, para agilizar a agenda de votações. "Se não for suficiente, trabalharemos também no período que seria destinado ao recesso", afirmou Calheiros, que disse esperar que as mudanças valham já para as eleições de 2014. O presidente da Câmara também considerou possível a realização do plebiscito ainda neste ano.

Proposta do Executivo

O texto do Executivo sugere que os eleitores sejam consultados sobre o modelo de financiamento de campanhas. Entre as possibilidades citadas estão o uso exclusivo de recursos públicos nas campanhas, a utilização somente de verbas privadas e um modelo misto, com a combinação dessas duas fontes.

Outro tema é a forma de votação nos candidatos. No debate está o sistema proporcional, como acontece hoje, e o voto distrital puro ou misto. O voto distrital prevê um sistema de escolha majoritário para parlamentares. Os estados seriam divididos em pequenas regiões, que escolheriam seus representantes com base no número de votos de cada um. No sistema misto, uma parcela dos candidatos é eleita pelo sistema proporcional.

A proposta do Executivo também prevê o debate sobre o voto em lista fechada em que os eleitores deixam de votar diretamente no candidato para votar em um partido político. Já o voto em lista flexível é uma combinação do voto em lista aberta e fechada. Outra proposta seria o voto em dois turnos.

Outro tema que pode fazer parte do plebiscito é a suplência dos senadores. Hoje cada candidato é eleito com dois suplentes. As coligações partidárias, que são uma espécie de acordo entre partidos políticos diferentes para as eleições, também podem ser proibidas. O voto secreto dos parlamentares é outro tema em discussão. Hoje, o voto secreto é previsto nos casos de cassação de mandato parlamentar e deliberação sobre o veto presidencial, por exemplo.

Proposta paralela

Apesar da entrega da proposta do Executivo, o presidente da Câmara afirmou que um grupo de parlamentares deverá trabalhar em uma proposta paralela de reforma política. "Vamos fazer isso por precaução, caso a proposta de plebiscito do Executivo não vingue", disse. Segundo Alves, o grupo terá até 90 dias para ouvir representantes da sociedade e elaborar o texto.

Agência Câmara de Notícias

Autor: Reportagem -Carolina Pompeu, Edição -Natalia Doederlein

Leia mais

Líderes partidários podem
decidir sobre plebiscito na…

Presidente envia para o
Congresso as sugestões s…

Cúpula do PMDB se reúne
para redigir perguntas alter…

» ver todas 36 relacionadas

Julho 3, 2013 Posted by | jornalismo, Legislativo, política | | Deixe um comentário

Mensagem presidencial sobre plebiscito da reforma política chega ao Congresso nesta terça-feira

Extraído de: Agência Senado – 01 de Julho de 2013

Leia mais

Plebiscito sobre reforma
política divide opiniões entr…

Henrique Alves cogita
substituir plebiscito por ref…

Campos afirma que PSB é
contra a realização do plebi…

» ver todas 30 relacionadas

A presidente Dilma Rousseff enviará ao Congresso Nacional nesta terça-feira (2) mensagem propondo a realização de um plebiscito sobre a reforma política, informou a Agência Brasil ,. Dois pontos seriam centrais na consulta popular: financiamento de campanhas e sistema eleitoral.

Nesta segunda-feira (1º), Dilma realizou reunião com 37 ministros de estado e os líderes do governo na Câmara, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), no Senado, Eduardo Braga (PMDB-AM), e no Congresso, José Pimentel (PT-CE). Antes, a presidente havia recebido o líder do PSOL no Senado, senador Randolfe Rodrigues (AP).

Na audiência no Palácio do Planalto , o senador disse à presidente que apoia a realização de um plebiscito sobre a reforma política se a consulta apresentar questões sobre a revogação popular de mandatos (recall), voto em lista, fim do financiamento privado de campanhas eleitorais e extinção do foro privilegiado para políticos.

Randolfe disse ainda que defendeu a destinação de 10% do produto interno bruto (PIB) para a educação e a tarifa zero para o transporte público. O senador sugeriu à presidente que as empresas municipais de transporte público usem linhas de crédito do BNDES para viabilizar a tarifa zero. Segundo afirmou Randolfe, a presidente mostrou-se receptiva a ideia.

A presidente interrompeu a reunião ministerial desta tarde para falar à imprensa. Ela declarou que a formulação das perguntas do plebiscito ficará por conta do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e do Congresso – a este último caberá a convocação oficial do plebiscito.

– Não vamos dar sugestões de perguntas. Isso fica entre o Senado, a Câmara dos Deputados e o Tribunal Superior Eleitoral. Está claro, na Constituição, que quem convoca plebiscito é o Congresso Nacional. Por isso, insisti na palavra sugestão no que se refere à relação entre o Executivo e o Legislativo -explicou Dilma, segundo a Agência Brasil.

A presidente afirmou ainda que o Executivo enviará aos congressistas apenas linhas gerais sobre a consulta e que o Congresso poderá alterar a proposta de reforma política enviada pelo Planalto. Dilma acrescentou que seria oportuno que as eventuais mudanças resultantes do plebiscito valessem já para as eleições de 2014, mas reconheceu que a realização da consulta envolve várias questões práticas no âmbito do TSE, da Câmara e do Senado.

Os senadores Alvaro Dias (PSDB-PR) e Francisco Dornelles (PP-RJ) também comentaram o tema em entrevista à imprensa nas proximidades do Plenário do Senado nesta segunda (1º).

Para Dornelles, o plebiscito teria de apresentar em torno de 30 questões sobre reforma política à população para ser considerado completo.

– Se restringir a quatro ou cinco quesitos, você está retirando da sociedade o poder de se manifestar sobre a amplitude da reforma -afirmou Dornelles.

Alvaro Dias afirmou que o plebiscito "é inconveniente", pois, em sua opinião, não há tempo hábil nem condições técnicas para a realização da consulta.

– Como responder a questões complexas com o simples ‘sim ou não’ de um plebiscito em tão curto espaço de tempo, sem a oportunidade do debate nacional que se exige para tanto? -questionou Alvaro Dias.

Na opinião de Alvaro Dias, seria mais apropriado o Congresso aprovar uma reforma política este ano e submetê-la a referendo popular nas eleições de 2014.

(Com informações da Agência Brasil)

Julho 3, 2013 Posted by | jornalismo, política | | Deixe um comentário

PF deflagra operação para desarticular desvio de dinheiro público

Da Agência Brasil

Brasília – A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (2) a Operação Violência Invisível, com o objetivo de desarticular organização criminosa que desvia recursos públicos. Segundo a PF, o nome da operação está relacionado à violência contra o cidadão nos casos de corrupção pública que, silenciosamente, provoca sérios danos à nação.

De acordo com a PF, a organização agia em mais de uma centena de cidades dos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, São Paulo, Pará, Sergipe, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Pernambuco, Paraíba, Maranhão e Bahia, por meio de fraudes em processos licitatórios destinados à aquisição de precatórios judiciais.

A PF informou que cerca de 100 policiais estão dando cumprimento simultâneo a 53 mandados judiciais: 20 de busca e apreensão, 21 de sequestro de valores, bens móveis e imóveis, três de condução coercitiva e nove de prisão temporária.

A ação da PF conta com a participação do Ministério Público de Minas Gerais e da Receita Federal do Brasil. Segundo a PF, a atuação da organização criminosa, pela complexidade, será julgada tanto pela Justiça Federal, quanto pela Justiça Estadual.

De acordo com a PF, a quadrilha, formada por empresas, pessoas físicas, servidores públicos e ex-prefeitos, fraudava processos licitatórios, direcionando as contratações a uma das empresas integrantes da organização criminosa. Essa empresa vencia as licitações com o compromisso de fazer a compensação entre precatórios judiciais e as dívidas das prefeituras, sob o argumento de uma economia de até 30% sobre os valores devidos ao INSS [Instituto Nacional do Seguro Social], prática proibida expressamente pela lei, diz a PF.

Segundo a PF, os municípios mineiros que, até o momento, sofreram com a ação do grupo criminoso foram: Águas Vermelhas, Capelinha, Caratinga, Ipatinga, Itambacuri, Janaúba, Montes Claros, Pirapora, Rio Pardo de Minas, Várzea da Palma, Varzelândia. Também houve atuação do grupo, segundo a PF, no Consórcio intermunicipal de Saúde da Rede de Urgência do Norte de Minas (Cisrun). De acordo com a PF, somente em Minas Gerais foram desviados mais de R$ 70 milhões de reais.

A PF informou também que a lista com os nomes de outros municípios que surgiram durante as investigações, bem como as provas colhidas serão compartilhadas com a Receita Federal, Controladoria-Geral da União, Tribunal de Contas da União, Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, Tribunais de Contas dos estados lesados, Receitas Estaduais, Polícias Civis e Ministério Público Federal, a fim de subsidiar os eventuais procedimentos administrativos, inquéritos e investigações desses órgãos, com a finalidade de se promover a recuperação do dinheiro público desviado.

Os presos responderão por crimes contra a administração pública, formação de quadrilha, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro, fraude às licitações, corrupção ativa e passiva, dentre outros.

Edição: José Romildo

Julho 3, 2013 Posted by | jornalismo, Policia Federal | Deixe um comentário